indicadores.xlsx
Comments
 Share
The version of the browser you are using is no longer supported. Please upgrade to a supported browser.Dismiss

 
Comment only
 
 
Still loading...
ABCDEFGHI
1
Conheça a Constituição Federal.
2
3
Art. 3º Constituem objetivos fundamentais da República Federativa do Brasil:
4
5
6
7
I - construir uma sociedade livre, justa e solidária;
8
9
10
11
IndicadorValor 2013Valor esperado em 2030Porque deve estar entre os 10 indicadoresPorque não deve estar entre os 10 indicadoresFórmula de cálculo indicadoresComentários GeraisGrau de Dificuldade
12
Índice de Democraciamedida vaga; ver com politólogos índice de competitividade partidária e que taishttp://pt.wikipedia.org/wiki/%C3%8Dndice_de_Democracia
13
Homicídios/1000 hab26,5 (2013, fonte UNODC)17,8 (média entre a taxa atual e a dos três países com rpc relativamente alta que possuem maiores taxas de homicídio, Uruguai e Rússia)embora imperfeito, é um indicador sintético tanto de presença da justiça (e portanto do Estado) e do grau de solidariedade socialMédio
14
Índice de Percepção de Corrupção43 (escore)50 (meta prevê que dobre a velocidade de crescimento desse indicador, de forma a colocar o Brasil próximo do média do sul da Europa (Grécia, Itália, Portugal e Espanha), de 52 (sendo 43 na Itália e 63 em Portugal)índice possui um certo grau de sujtividade, mas é reconhecidamente bem feito e permite comparativos e visulaizar evoluçãoMédio
15
Posição Brasil Ranking Global Firepower 229Existem outros, mas é essencial algum indicador de capacidade de autonomia nacional e não é possível a um país de grande extensão territorial e econômica um mínimo de liberdade na esfera internacional sem capacidade militar compatível com seu status demográfico e econômico. Apesar dos avanços recentes, o Brasil vem perdendo importância relativa na esfera internacional rapidamente, com importância totalmente incompatível com suas aspirações de ser um líder regional com voz mundialalto
16
Índice regressividade carga tributária principal indicador da persistência, apesar dos inúmeros avanços das políticas sociais após 1988, da injustiça na ação estatal
17
Sonegação de impostos/PIB pode ser usado alterantivamente ao anterior
18
Proporção filmes brasileiros/filmes estrangeiros cinema 12,2% (Ancine, 2014)24% (intermediário entre o máximo conquistado no período recente, de 19% e m 2010 e 2013, e os 30% dos anos 70)O cinema é o principal veículo de formação de interesses e de novas idéias, sobretudo para os jovens com maior poder aquisitivo. O Brasil já esteve entre os países com alta valorização do cinema nacional e a perdeu, enquanto China e Índia continuam a buscar proeminência interna e mesmo externa nessa área.alto
19
Posição no ranking internacional de edições e reedições de livros107Indicador disponpivel e que serve de comparação internacional para nível cultural da populaçãobaixo
20
Livros/habitante (4)
21
Índice corrupção transparência internacional (posição ranking) dispensaria os indicadores da transparência internacional, talvez a
CGU use algum índice melhor para corrupção
22
Concentração mercado de comunicação (HDI ou CR4)
23
Imparcialidade de mídiaEm todas as grandes viradas da história do Brasil Republica a imprensa estava ajudando um lado ou outro. Ela deve seguir seu principal papel de informar com o minimo de interferência na informaçao e muita pluralidade.muito dificil aferir, melhir usar algum índice de concorrência efetiva ou de rivalidade, e mesmo assim seria duro
24
Posição no ranking internacional de edições e reedições de livros107Indicador disponpivel e que serve de comparação internacional para nível cultural da populaçãobaixo
25
26
27
28
29
30
31
32
33
II - garantir o desenvolvimento nacional;
34
35
36
IndicadorValor 2013Valor esperado em 2030Porque deve estar entre os 10 indicadoresPorque não deve estar entre os 10 indicadoresFórmula de cálculo indicadoresComentários GeraisGrau de Dificuldade
37
Renda per capita corrigida por PPP como proporção da média dos países do G7 mais Espanha, Austrália, Áustria, Holanda, Coréia, Nova Zelândia e países escandinavos (média não ponderada)36% (2014, fonte FMI)54% (valor resulta da projeção do mesmo desempenho 2000 a 2015 - este ano, dados proejtoados pelo FMI - multiplicado pelo efetio esperado do aumento da produção total de petróleo de 2,3 mi diários - valores de 2013 - para 5 milhões, que é o número antigo da petrobrás menos 30% de ajuste pós-novo plano de exploração acrescido de 10% correspondente a outras companhias)A renda per capita é o principal indicador de desenvolvimento. Embora ela certamente não seja o único, sem alta renda per capita é impossível atender as demandas por bem estar e civilidade em um país aberto. Os países do G7 sintentizam melhor que qualquer grupo os padrões de bem estar material considerados aceitáveis pela grnade parte da humanidademédio
38
Participação no VTI mundial1,7% (2014, Unido)2,6% (projeção levando em conta o PIB per capita = 43% do G7- que seria o npivel tendencial SEM O EFEITO PETRÓLEO - e o nível de participação de 2005 - admitindo que a taxa cambial desse ano é uma taxa de equilíbrio a ser mantido na próxima década)A indústria de transformação é o principal vetor de agregação de valor, pois é o setor que permite congregar maior autonomia econômica frente aos demais e independência tecnológica do simples uso dos recursos naturais ; ademais é o que concetra, por larga margem a inovação e o P&D. O Brasil, em particular, parece ser altamente sensível em seu crescimento a longo prazo, ao desempenho desse setor: sempre que a indústria cresce abaixo do PIB por mais de um ou dois anos, a produtvidade e o crescimento do restante da economia sofrem de forma deletériaalto
39
Posição no ranking mundial de gasto em p&d em us $ corrigido por ppp:10o (R&D Magazine, 2014)7o (resultado de um aumento relativo do PIB em 50% e de um aumento de 3 pontos percentuais na razão P&D/PIB - mesmo acréscimo verificado de 2000 a 2015 - posteriormente subtraída de uma posição, já que a Índia provalvemente crescerá bem mais rápido que o Brasil até 2030)O investimento em P&D é o principal indicador do esforço tecnológico agregado do país; países que desejam ascender na divisão internacional do trabalho têm de migrar ou para setores de mais alta intensidade ou para posições superiores nas cadeias produtivas baseadas em recursos naturais. Isoladamente, o P&D é o investimento chave para alcançar tais metasalto
40
Número de empresas entre as 1500 que mais investem em p&d mundialmente (talvez dado deva ser corrigido por PPP)812 (ganho estimado igual ao verificado entre 2000 e 2013)Esse índice é uma boa proxy da posição relativa (em geral empresas com alto P&D possuem ou se candidatam a uma posição dominante) nas cadeias globais de valor. A posição brasileira atual é completamente incompatível com uma posição hierárquica superior na divisão inernacional do trabalhoalto
41
Nota média exame pisa como proporção da média OCDE (média todos exames)81,7% (posição em 2012)91,3% (projeção a partir da variação desse indicador entre 2000 e 2012 (em número de pontos por ano além da evolução verificada na média dos países da OCDE) para o período 2012-2030)O PISA é o mais aceito exame de desempenho educacional dos estudantes, e o Brasil dele participa desde seu início. Como o desenvolvimento é sempre uma questão relativa, é inportante dispor de um indicadro comparável com os demais paísesEstes indices internacionais são alvo de pressões politicas de interesses particulares. Devem ser consultados, mas devemos criar nossas prioridades educativas. Nossa produção na Educação está bem, não precisamos importar inteligência.alto
42
Posição no ranking mundial de citações de artigos científicos excluídas as autocitações15o.10a. (posição de 2013 melhorada na mesma proporção verificada entre 2000 e 2013)Na verdade já há uma crise de produção acadêmica por terem serem obrigados a serem “produtivos”. Muita coisa fica repetida, com rabo preso em relação aos temas escolhidos para obter financiamento ou apenas conseguir entrar em um grupo de pesquisa. Isso diminui a qualidade das pesquisas e torna nossos cientístas (sic) acriticos. (COMENTÁRIO GIESTEIRA: na verdade, pelo indicador proposto - citações excluídas as auto-citações - esse problema estará depurado TRÊS VEZES: primeiro, porque só publicações indexadas são consideradas (não vale publicar no jornal do grêmio); o índice é ademais de citações, ou seja, significa que além de ter sido publicado, o artigo foi considerado importante pelos pares do pesquisador; terceiro, as citações de outros textos do mesmo autor entram com zero pontos. A ciência funciona assim em seu estágio inicial: avaliação peer-to-peer. A regra ideal certamente poderia ser outra, mas é o que tem funcionado, e os índices baseados nessa metodologia são reconhecidos como importantes e muito melhores que os de universidades mais apreciadas na internet, por exemplo)Na verdade já há uma crise de produção acadêmica por terem serem obrigados a serem “produtivos”. Muita coisa fica repetida, com rabo preso em relação aos temas escolhidos para obter financiamento ou apenas conseguir entrar em um grupo de pesquisa. Isso diminui a qualidade das pesquisas e torna nossos cientístas (sic) acriticos.
http://www1.folha.uol.com.br/ciencia/2014/11/1541834-em-20-anos-pais-vai-de-24-a-13-em-ranking-de-pesquisa.shtml
medio
43
Participação nas exportações globais de manufaturados0,68% (valor aproximado de 2014, fonte: WTO)0,9% (média dos três maiores valores atingidos entre 1980 e 2014)
44
Raking de conectividade /Pessoas (MGI)115o
45
Posição no ranking mundial de número de mestres e doutores  que trabalham  em p&d  empresarial12 o.
46
Indicadores de SustentabilidadeP&D, desempenho no PISA e mesmo participação no VTI mundial são exatamente isso: indicadores de sustentabilidade; sem essas atividades, nenhum desenvolvimento é sustentávelhttp://www.unicamp.br/fea/ortega/temas530/anacarla.htm
47
Participação setores de média-alta e alta intensidade tecnológica no VTI23,2% (2013, Fonte IBGE, valor calculado como propoção do VTI da indústria geral excluído extração de petróleo e artividades correlatas. Entre as de alta e média alta foi mantida construção naval e fabricação de equipamento bélico pesado, e manutenção e reparação de equipamentos, além dos tradicionais segundo a classificação da OCDE)27% (aumento médio de 0,1 p.p. ao ano até 2030)alto
48
Posição no ranking mundial de número de patentes concedidas pelo uspto29 o. (posição em 2014)20 o. (aceleração para o triplo da velocidade verificada entre 2000 e 2014 (neste período, o Brasil ganhou 3 posições no ranking))medio
49
Posição no ranking mundial de número de trabalhadores em p&d empresarial12o. (MCTI, 2010)9 o. (projeção a partir do desempenho 2000 a 2010 em número total de pesquisadores com a proporção média d epesquisaodres em empresas média de 2000 a 2002)
50
Proporção de empresas nacionais entre as 500 maiores do mundo
51
Proporção delas em relação ao faturamento total dessas mesmas 500
52
Ranking de internacionalização de empresas da UNCTAD
53
54
55
56
III - erradicar a pobreza e a marginalização e reduzir as desigualdades sociais e regionais;
57
58
59
IndicadorValor 2013Valor esperado em 2030Porque deve estar entre os 10 indicadoresPorque não deve estar entre os 10 indicadoresFórmula de cálculo indicadoresComentários Gerais
60
Proporção de pobres baseada em necessidades calóricas mínimas15,09% (ipeadata, 2013)6,55% (manutenção do ritmo de queda veirificado entre 1997 e 2013 nos 17 anos seguintes)Embora seja difícil estabelecer exatamente onde começa e onde termina a pobreza, dado um nível aceitável, é fundamental aproximá-lo de zero, o que representa a medida mais abrangente de acesso mínimo a oportunidades e à mobilidade socialmedio
61
Índice de Iniquidade Social0Explicações sobre o indicador
62
Percentual de pessoas abaixo da linha de pobreza15,9%5%Embora seja difícil estabelecer exatamente onde começa e onde termina a pobreza, dado um nível aceitável, é fundamental aproximá-lo de zero, o que representa a medida mais abrangente de acesso mínimo a oportunidades e à mobilidade socialmedio
63
Mortalidade infantil15,02/1000 nv4,97/1000 nvA mortalidade infnatil é excelente indicador das condições sanitárias familiares e públicas; ademais, em 2030 o Brasil estará prestes a esgotar seu melhor momento demográfico, o que aumenta a importância de reduzir a mortalidade infantilmedio
64
Formalização trabalho60,7% (Ipea, sobre Dados da PNAD IBGE)69,3% (aumento proporocional ao verificado no período 1994-2012) estendido até 2030A formalização do trabalho evidencia a integração social e o acesso à cidadnia em patamares mais efetivos, e acordes ao ideal de autonomia e livre arbítrio típicos da modernidadealto
65
Expectativa de vida como proporção da média da OCDE92,37% (BIRD, 2013)93,99% (projeção a partir do aumento simples no número de anos acrescidos entre 1996 e 2013 até 2030)a expectativa de vida sintetiza as condições médias de saúde da populaçãobaixo
66
Índice de gini0,52 (Ipea 2012 sobre dados da PNAD)0,45 (mesma queda verificada de 1994 a 2012 (mantida a quantidade de pontos por ano))O gini é o melhor indicador sintético da igualdade de renda
67
Índice de desconcentração logística: Malha rodoviária Norte /Malha rodoviária nacional * (área norte/ área total)8,58% (fonte: DNIT 2014)12% (média ponderada com peso multiplicado por 2,5 vezes (adimtindo que o planejamento do DNIT é para 5 a 7 anos à frente, em média) para a rede planejada - na qual o Norte corresponde a 30% do total)A integração da região norte ao resto do país é a melhor forma de promover uma desconcentração da renda em direção à essa região de forma sustentávelmedio
68
PIB Nordeste/PIB Total13,6% (IBGE, 2012 (obs: não encontrei dados após a atualização metodológica de abril/15))15% (extrapolação da taxa média de aumento da participação do NE a partir do verificado de 2002 a 2012, arredondada para cima (acho inverossímil uma aceleração muito mairs rápida da já verificada em termos de PIB, mas é importante observar que a renda per capita aumentaria significativamente à frnete da nacional, pela menor taxa de crescimento populacional esperada para a região))o aumento da participação do Nordeste na renda é o principal desafio na redução da deigualdade regional, haja vista os indicadores sociais muito abaixo da média nacional que caracterizam a regiãobaixo
69
PIB Norte/PIB Total (8)5,3% (id anterior)9% (idem anterior, mas com arredondamento mais generoso (projeção simples apontou 6,57%). Motivo: o Norte é uma região ainda nova, incluisve pouco prospectado em termos geológicos e que deve sediar obras importantes como a conclusão das grandes hidrelétricas já em construução ou planejadas; além disso, há potencial grande para projetos agrícolas no extrmeo norte, no pará e no sul do Amazonas, aporveitando os projetos de hidorvias, rodovias e possível ferrovia transoceânica)medio
70
Índice de Pobreza Multidimensional (IPM)O IDH 2010 introduziu o Índice de Pobreza Multidimensional (IPM), que identifica privações múltiplas em educação, saúde e padrão de vida nos mesmos domicílios. As dimensões de educação e saúde se baseiam em dois indicadores cada, enquanto a dimensão do padrão de vida se baseia em seis indicadores. Todos os indicadores necessários para elaborar o IPM para um domicílio são obtidos pela mesma pesquisa domiciliar.

Os indicadores são ponderados e os níveis de privação são computados para cada domicílio na pesquisa. Um corte de 33,3%, que equivale a um terço dos indicadores ponderados, é usado para distinguir entre os pobres e os não pobres. Se o nível de privação domiciliar for 33,3% ou maior, esse domicílio (e todos nele) é multidimensionalmente pobre. Os domicílios com um nível de privação maior que ou igual a 20%, mas menor que 33,3%, são vulneráveis ou estão em risco de se tornarem multidimensionalmente pobres.

O IPM é um indicador complementar de acompanhamento do desenvolvimento humano e tem como objetivo acompanhar a pobreza que vai além da pobreza de renda, medida pelo percentual da população que vive abaixo de PPP US$1,25 por dia. Ela mostra que a pobreza de renda relata apenas uma parte da história.
http://www.pnud.org.br/IDH/IDH.aspx?indiceAccordion=0&li=li_IDH
71
nivel do IDH (tradicional, sem distribuição de renda)alto desenvolvimento humano (PNUD, 2013)muito alto desenvolvimento humano (corresponde ao nível mais alto possível)melhor indicador sintético de desenvolvimento "revelado", como as notas e as posições no ranking variam, a meta deve ser apenas estar no grupo de elite
72
Nota ENEM alunos da rede pública/alunos da rede privada
73
Taxa universalização educação até 18 anos
74
75
76
77
78
79
80
81
82
IV - promover o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de discriminação.
83
84
85
86
IndicadorValor 2013Valor esperado em 2030Porque deve estar entre os 10 indicadoresPorque não deve estar entre os 10 indicadoresFórmula de cálculo indicadoresComentários Gerais
87
Proporção de negros no ensino superior é essencial que quebremos nos próximos anos a repordução das desigualdades históricas entre negroa e não negors no Brasil, e a educação superior é o principal canal para isso
88
Índice de Desigualdade de Gênero (IDG)[g]
89
Proporção de negros em cargos de direção nas empresas desde que não passe por cotas, é um bom indicador da ascensão social relativa de um grupo discriminado
90
Proporção de mulheres nos cargos de direção nas empresas desde que não passe por cotas, é um bom indicador da ascensão social relativa de um grupo discriminado
91
Proporção de mulheres em cargos DAS acima de DAS 4 (inclusive) 40%indicador pode sugerir inverter a lógica de nomeação para cargos por mérito puro, em detrimento da correta definiçaõ de cotas para oportunidades de acesso, via educação de qualidade
92
Proporção de negros em cargos DAS acima de DAS 4 (inclusive)indicador pode sugerir inverter a lógica de nomeação para cargos por mérito puro, em detrimento da correta definiçaõ de cotas para oportunidades de acesso, via educação de qualidade
93
Proporção de mulheres exercendo mandatos no parlamento nacional40%politicas devem focar a redução do machismo na eleição pelo eleitorado e não sugerir a definiçaõ de cotas por gênero na atividade legislativa
94
FIB
95
Percentagem de mulheres assalariadas no setor não-agrícola.
96
97
98
99
Diferença entre salários entre homens/mulheres
100
Diferença entre salários entre negros/brancosA não consideração da diferença entre a média dos níveis de qualificação técnica e de formação básica associada a salários entre as duas categorias resulta, obviamente, em números que induzem ao cenário de desigualdade e ignoram o tratamento da causa raiz do problema que é o acesso à capacitação profissional.
Loading...
 
 
 
Sheet1
livre
desenvolvimento
Erradicacao
bem de todos