Escala de Relações Abusivas em Casais Gay e Lésbica

(Osório, Soeiro, Sani & Domingues, 2016)
(Adaptado de Violence and Abuse in Same-Sex Relationships de Noret & Richards, 2003)

Este estudo insere-se no âmbito da preparação da dissertação de Mestrado em Psicologia Jurídica pela Universidade Fernando Pessoa, desenvolvida pela mestranda Lúcia Osório, sob orientação da Professora Doutora Ana Isabel Sani e da Professora Doutora Cristina Soeiro.

Esta investigação tem como objetivo a criação e validação de uma escala “Escala de Relações Abusivas em Casais Gay e Lésbica”, de modo a explorar a questão da violência e abuso nos relacionamentos íntimos entre pessoas do mesmo sexo, mais especificamente em casais com relacionamentos gays e lésbicos. A presente escala pretende avaliar a prevalência da violência nas relações entre pessoas do mesmo sexo e analisar quais os fatores de risco associados a este fenómeno. Em termos específicos procurar-se-á determinar as características da população a estudar (i.e., vítimas/perpetradores de violência), assim como perceber a distribuição do fenómeno em termos de localização geográfica no país; quais os fatores de risco associados ao fenómeno; quais os tipos/formas de violência mais sofridos e perpetrados, assim como as estratégias utilizadas para fazer face à violência. Importa ainda, identificar as diferenças entre a população gay e lésbica.

Dado a investigação centrar-se na experiência/perpetração de abuso em relações, a presente escala é para ser respondida unicamente por pessoas com idade igual ou superior aos 18 anos de idade e que tenham mantido no passado ou que se encontrem de momento em relacionamentos homossexuais.

O seu preenchimento demora aproximadamente 20 minutos. A sua participação é muito importante.

Para tal, solicita-se que preencha a escala de acordo com as instruções, procurando ser o mais sincero possível nas suas respostas, sendo ainda de salientar que não existem respostas certas ou erradas.

A participação neste estudo é voluntária, pelo que poderá interrompê-la a qualquer momento. A não participação não lhe trará qualquer prejuízo. A informação recolhida destina-se unicamente a tratamento estatístico, sendo os dados tratados como uma amostra global. Todas as informações obtidas são estritamente CONFIDENCIAIS e ANÓNIMAS.
Caso aceite participar, deverá dar o seu termo de aceitação (onde se lê Termo de Aceitação).

Desde já muito obrigada pelo tempo dispensado e pela sua colaboração que será muito importante!
Se ainda tiver alguma dúvida, poderá entrar em contacto através do email criado exclusivamente para esta investigação: escaladerelacoesabusivas@gmail.com

    This is a required question