Butô & Contracultura Japonesa
Butô & Contracultura Japonesa
Minicurso com Daniel Aleixo
Realização: Núcleo Experimental de Butô

De 26 a 30 de julho de 2021 (Segunda a Sexta)
Das 19h30 às 21h30
Zoom
R$180,00

Inscrições até 20/07/2021 pelo link: https://forms.gle/2ZdxXyTdRRoaNCTd6

*Informações sobre o pagamento serão enviados posteriormente via e-mail.

----- Sobre a Oficina -----

A convite do Núcleo Experimental de Butô, o ator e pesquisador Daniel Aleixo (UNICAMP) apresentará o contexto histórico que precedeu o Butô no Japão, assim como o contexto sociopolítico a qual essa dança estava inserida nos anos 1960.

Este curso advém do intercâmbio realizado por Daniel em Tóquio onde cursou disciplinas de perspectiva da performance, literatura moderna e história do Japão, assim como da oportunidade de interagir com outros dançarinos de butô da cena contemporânea e de participar do curso "Explorando as vanguardas japonesas através da dança butô" pela Universidade de Keio.

O objetivo é desenvolver uma reflexão crítica acerca da cena artística de um Japão moderno, predominantemente urbano, berço de diversos movimentos de contracultura. Deste modo é possível distanciar-se de um Japão fictício inventado pelo Ocidente e aproximar-se das reais intenções dos artistas da época, em especial daqueles que rodearam Tatsumi Hijikata – fundador da Dança Butô – potencializando sua pesquisa e criação.

Temas de cada encontro:
Reforma da era Meiji e as fricções políticas a partir da Era Showa
Contracultura japonesa
O butô de Tatsumi Hijikata
As facetas de Tatsumi Hijikata como artista e o butô como linguagem autônoma
Notações para o butô e suas expansões

*Com certificado.
<<Para quem não puder comparecer em algum dos dias de curso, cada dia de aula será gravado e disponibilizado durante o período de 48 horas.>>

----- Cronograma -----

SEGUNDA – Reforma da Era Meiji e as fricções políticas a partir da Era Showa
Detalhe: No primeiro encontro, será dada uma contextualização da política imperialista expansionista do Japão desde a sua revolução industrial até o fim da segunda guerra, assim como o incremento da ideia de corpo nacional e o papel da Europa e dos EUA no cenário ideológico, seus atritos e assimilações.

TERÇA - Contracultura japonesa
Detalhe: No segundo encontro, será apresentado um panorama da literatura, das artes plásticas, dos movimentos performáticos, do teatro e das mídias no Japão seguindo a linha de influências tanto nacionais quanto estrangeiras. Uma apresentação dos grupos de artistas focados na investigação do corpo-carne e no tema da individualidade e da decadência, da crueza do mundo e da transgressão poética. Um intercâmbio cultural das vanguardas.

QUARTA – O butô de Tatsumi Hijikata
Detalhe: No terceiro encontro, será apresentada a cronologia de Tatsumi Hijikata a partir dos antecedentes da criação do butô e o seu trajeto de pesquisa sobre os corpos e a dança até o final dos anos 1980. Apesar de proposta uma margem paralela para abordar Kazuo Ohno, o tema será centrado nas ondulações da poética de Hijikata com o passar dos anos, de onde começou e para onde terminou. Sugestão prática para o último encontro – refletir (se possível escrever) o que eu entendia por butô antes e o que eu entendo por butô agora.

QUINTA – As facetas de Tatsumi Hijikata como artista e o butô como linguagem autônoma
Detalhe: No quarto encontro, será analisado como o butô se comporta em contato com linguagens cênicas que ultrapassam a performance tal como é conhecida, em outras palavras, a presença de Tatsumi Hijikata no cinema, no teatro e na literatura. O objetivo aqui é provocar: o butô é linguagem ou apetrecho? O butô ultrapassa a linguagem?

SEXTA – Notações para o butô e suas expansões
Detalhe: No quinto encontro, será abordada a metodologia e tentativa de sistematização do butô como dança através de rascunhos de Tatsumi Hijikata e de seus alunos e alunas. Por conseguinte, o processo de internacionalização do butô e os atuais performers com maior destaque.

<<Para quem não puder comparecer em algum dos dias de curso, cada dia de aula será gravado e disponibilizado
durante o período de 48 horas>>

----- Material de estudo -----

Curso “Explorando as vanguardas japonesas através do butô” – Future Learn em parceria da Keio University.

ANDREWS, William. Dissenting Japan: a history of Japanese radicalism and counterculture from 1945 to Fukushima. Londres: Hurst & Company, 2016.

PIRES, R. S. O nihonjinron e o mito do excepcionalismo japonês (1950-1980). Maringá, Editora da UEM: Anais do VIII Congresso Internacional de História, p. 1673-1681, 2017.

ZOUBEK, Wolfgang. Terayama Shuji: Japanese avant-garde theater from the 1970s reviewed four decades later. Disponível em: http://www.hmt.u-toyama.ac.jp/kenkyu/kiyo68/zoubek68.pdf. Acesso em: 10 Nov. 2021.

MATSUI, Midori. The place of marginal positionality: legacies of Japanese anti-modernity. Consuming Bodies: Sex and Contemporary Japanese Art. Londres: Reaktion Books, 2002.

TDR – The Drama Review, Cambridge, v. 44, n. 1, spring 2000 (Hijikata Tatsumi: the words of Butoh).

MORISHITA, Takashi. Hijikata Tatsumi's Notational Butoh: An Innovational Method for Butoh Creation. Tóquio: Keio University Art Center, 2015.

BAIRD, Bruce; CANDELARIO, Rosemary (org). The Routledge Companion of Butoh Performance. Londres: Routledge, 2019.


----- Ministrante: Daniel Aleixo -----

Graduando em Artes Cênicas pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), com a pesquisa de iniciação científica pela FAPESP "A leitura da morte no butô de Tatsumi Hijikata" sob orientação de Eduardo Okamoto, com a encenação "Vento Daruma" e no seminário "Para a prisão". Realizou intercâmbio na Universidade de Tóquio de Estudos Internacionais (TUFS) onde apresentou a pesquisa "Quais são os elementos que estabelecem a performatividade Takarazuka Revue?" em disciplina ministrada por Sayako Ono.

Pesquisador contribuinte do Núcleo Experimental de Butô, focado na investigação das vanguardas japonesas dos anos 1960 aos anos 1980 no que diz respeito ao teatro, dança e cinema. Dançarino de Kabuki e Bon-odori pela Fujima Ryu Brasil e convidado pela Fujima Ryu Murasaki Ha. Ator e dançarino de dança de salão pela Sol Escola de Dança de Mogi Guaçu.

Mais informações: http://lattes.cnpq.br/6161784583710748


-----Coordenação Pedagógica: Thiago Abel

Doutorando em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), na área de concentração "Signo e significação nos processos comunicacionais", linha de pesquisa "dimensões políticas na comunicação", com a tese "Butô como micropolítica do corpo: experiências (po)éticas e epistemológicas" sob orientação de Christine Greiner.

Mestre em Artes da Cena na área de concentração "Teatro, Dança e Performance", linha de pesquisa "arte e contexto", pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) com a dissertação “(Po)éticas do ctônico: primeiros movimentos do butô no Brasil”. Coordenador e performer do Núcleo Experimental de Butô.

Mais informações: http://lattes.cnpq.br/5222061443358399

https://www.nucleoexperimentaldebuto.com/
Nome completo *
E-mail *
WhatsAPP (com DDD) *
Cidade - Estado - País *
Como ficou sabendo da oficina? *
O que você entende por butô? (opcional)
Submit
Never submit passwords through Google Forms.
This content is neither created nor endorsed by Google. Report Abuse - Terms of Service - Privacy Policy