A SUPERFÍCIE QUE HABITO
Com Bruno Novelli
O curso propõe uma experiência imersiva de trocas e debates, tendo como ponto central a pintura. O processo da pintura será abordado no âmbito da reflexão como impulso para a criação. Totalizando nove aulas, o processo criativo dos participantes será abordado em encontros coletivos divididos em 3 módulos. Módulo I, Contexto: processos, propriedades e conceitos; Módulo II, Adentrando na subjetividade; Módulo III, Autoconhecimento. Os encontros começam com uma apresentação sobre o tema que será abordado em cada aula e um posterior diálogo coletivo sobre a produção dos participantes.

Módulo I - Contexto: processos, propriedades e conceitos
O primeiro módulo de três encontros será como um sobrevoo na superfície de um contexto elaborado da pintura praticada recentemente. Com a intenção de analisar diferentes práticas e processos de uma seleção de produções atuais, alguns tópicos serão desdobrados.

Encontro 01: Pintura - Superfície. Apresentação do projeto do curso e dos participantes. Dialogaremos sobre diferentes formas de tratar a superfície através de exemplos de obras de artistas ativos na cena contemporânea. Vamos dialogar e refletir sobre como estamos tratando e que superfície estamos criando.

Encontro 02: Pintura - Coisa gráfica. Apresentação de exemplos de artistas que usam/usaram recursos gráficos e digitais nos seus processos de pintura. Vamos dialogar e refletir sobre os aspectos e influência das artes gráficas nas produções individuais.

Encontro 03: Pintura - malhas, patterns e repetição. Analisaremos obras que salientam o aspecto plano da superfície matérica da pintura e que recorrem a tematização em malhas, padronagens e estruturas em grid.


Módulo II - Adentrando na subjetividade
O segundo módulo do projeto, também constituído em três encontros, visa termos uma reflexão dos tópicos abordados durante a primeira etapa do curso e propõe uma análise dos desdobramentos dos processos individuais. Abordaremos aspectos subjetivos na pintura e no ato de pintar.

Encontro 04: Irrealismo. Novo figurativismo na pintura praticada dos anos 80 até hoje - influência das ferramentas digitais, pinturas em que o processo inclui reproduções gráficas ou reverenciam características das mesmas. Quando a máxima “Forma segue função” passa a ser “forma segue ficção”.

Encontro 05: Pintura visionária - do Simbolismo ao horror vacui Huni Kuin. Discutiremos sobre a arte visionária dos Huni Kuin (povo amazônico) e criaremos diagonalizações com a produção de outras culturas. Apresentação de uma seleção de artistas com abordagens visionárias.

Encontro 06: Pintura - estilo individual, realidade psicomotora. Apresentação de obras e artistas e seus estilos individuais, que estão intrinsecamente ligados aos estados mentais, intenções e a resposta aos aspectos motores e psíquicos dos mesmos.


Módulo III - Autoconhecimento
Partindo da superfície que habitamos nas nossas práticas em pintura, o terceiro módulo do curso é um convite para explorarmos camadas mais profundas. Com o intuito de formar um autoconhecimento sobre os interesses e influências de cada participante, buscaremos apontamentos e possíveis diagonalizações nos processos criativos.

Encontro 07: Começando a elaborar um mapa metagráfico. Mostra de diferentes formas de mapear um projeto/abordagem. O que, como e por que pintar?

Encontro 08: Apresentação e diálogo sobre os mapas metagráficos de cada participante. Formando um autoconhecimento. Delineando interesses e provocando diagonalizações. Diálogo sobre uma seleção de artistas e fenômenos externos que influenciaram/influenciam suas pinturas.

Encontro 09: Avaliação da etapa de autoconhecimento. Avaliação sobre os questionamentos “O que, como e por que pintar?”.


Dias: De 05/09 até 31/10
Horário: Das 19h30 às 22h
Investimento: R$1080 (ou 3x de R$400)
Local: Galeria Aura Arte Contemporânea (Rua Wisard, 397, São Paulo/SP)​

Bruno Novelli é fundador da Universidade Autoindicada por Entidades Livres, um conjunto espontâneo de encontros criados para potencializar pesquisas artísticas interdisciplinares. Graduou-se em Design Gráfico (ESPM - São Paulo) e é, também, co-fundador do Metagrafismo, um coletivo experimental que explora o potencial gráfico da metalinguística. O trabalho de Novelli foi exibido constantemente no Brasil, assim como já participou de exposições e projetos na Inglaterra, Dinamarca, Espanha, Japão e Estados Unidos. Mostras coletivas incluem exposições no Museu de Arte Contemporânea (Porto Alegre - Brasil), Museu da Imagem e do Som MIS (São Paulo - Brasil), Fundacion OSDE (Buenos Aires - Argentina) e Centro Nacional de Las Artes (Cidade do México). Com um profundo interesse pelos rituais da Amazônicos e pela prática da pintura, recentemente participou de uma residência artística na Amazônia com o coletivo de arte MAHKU. Novelli vive e trabalha em São Paulo.

Nome *
Your answer
E-mail *
Your answer
Telefone *
Your answer
Endereço *
Your answer
Número *
Your answer
Complemento
Your answer
Bairro *
Your answer
CEP *
Your answer
CPF *
Your answer
Minibiografia *
Your answer
Expectativa em relação ao curso *
Your answer
Next
Never submit passwords through Google Forms.
This form was created inside of Aura Arte Contemporânea. Report Abuse - Terms of Service - Additional Terms