Avaliação de traços do Transtorno do Espectro Autista em adultos: relações com a funcionalidade
Caro, obrigado pelo interesse em nossa pesquisa!

Esse é um dos novos projetos de nossa equipe. Seu objetivo é avaliar como as dificuldades na comunicação social/ interpessoal e o comportamento inflexível se relacionam com a funcionalidade no dia a dia.

Essas duas características são centrais no diagnóstico dos Transtornos do Espectro Autista, incluindo os de alto funcionamento e a Síndrome de Asperger.

Além de estarem envolvidos nesses diagnósticos, ambos são traços que se distribuem normalmente na população. Isso quer dizer que todas as pessoas podem ter maior ou menor facilidade na comunicação social ou um comportamento mais ou menos inflexível no dia a dia, mesmo que esses não sejam tão intensos como nos Transtornos do Espectro Autista. Nosso objetivo é verificar como uma maior ou menor expressão desses traços afeta o dia a dia.

Caso queira participar, você responderá alguns questionários sobre esses fatores e sobre alguns outros aspectos psicológicos. Ao término de sua participação você receberá um breve relatório com o resultado de alguns testes e escalas. Essa pesquisa é parte de um projeto mais abrangente sobre funcionalidade nos Transtornos do Espectro Autista.

Sua participação é voluntária e sigilosa. Em média, nossos voluntários levam cerca de 15 minutos para concluir todas as respostas. Caso tenha alguma dúvida, entre em contato através do e-mail (projetotea.medicina.ufmg@gmail.com).

Deseja participar da pesquisa? *
Next
Never submit passwords through Google Forms.
This content is neither created nor endorsed by Google. Report Abuse - Terms of Service - Additional Terms