LINHA DE FUGA :: FORMULÁRIO DE CANDIDATURA :: LABORATÓRIO INTERNACIONAL DE CRIAÇÃO ARTÍSTICA 2020

NOVA DATA LIMITE: 8 DE MARÇO

LINHA DE FUGA é um laboratório e festival internacional de artes performativas que decorrerá entre 29 de maio e 21 de junho de 2020, em Coimbra.
Para lá da dimensão de Festival aberto ao público, LINHA DE FUGA realiza um laboratório que pretende promover o encontro entre artistas nacionais e estrangeiros para intercâmbio de práticas artísticas.

Alain Michard (FR), Alex Cassal & Má Criação (BR/PT), Jonathan Uliel Saldanha (PT), Paloma Calle & Massimiliano Casu (ESP/ITA), Panaíbra Gabriel (MZ), Tânia Carvalho (PT) e Vera Mantero (PT) são os artistas da segunda edição que paralelamente à programação do festival vão dirigir seminários e workshops do Laboratório.

O Laboratório reunirá 18 profissionais das artes (teatro, dança, vídeo, música, escrita,…) - selecionados por esta convocatória internacional - que tenham interesse em confrontar os seus projectos e as suas práticas com as dos artistas convidados e dos seus pares.

Cada participante é desafiado a partilhar um trabalho em processo, uma investigação ou uma proposta de ação comunitária (que poderá encontrar-se em distintos momentos de desenvolvimento) que será o seu objeto de estudo nos seminários práticos.

O objetivo é promover o confronto de práticas artísticas, num processo de trabalho colectivo e participado, que se desenvolverá num campo de experimentação, aprendizagem e partilha de conhecimentos. Pensado como uma "Zona Autónoma Temporária", segundo o conceito de Hakim Bey, LINHA DE FUGA terá momentos de trabalho coletivo (onde os participantes podem apresentar, discutir e desenvolver os seus projetos artísticos em relação com outros criadores e outras práticas) e períodos de trabalho individual, onde se poderá optar por diferentes metodologias (colaboração com outros participantes, acompanhamento individual com os artistas convidados ou desenvolvimento da sua pesquisa).
Na próxima edição queremos repensar o conceito de democracia, tendo em conta as tendências políticas atuais no mundo. Propômos pensar a importância do anonimato, a desistência do ego, do centralismo, do protagonismo, propômos pensar a importância do espaço público para a construção do pró-comum: o espaço da democracia. O que fazemos, enquanto cidadãos para diminuir as desigualdades de uma democracia? Pode a arte fazer algo? Estas são as perguntas que desafiamos a que sejam respondidas durante todo o laboratório.


Nesta convocatória existem dois lugares para documentadores que irão acompanhar o Laboratório desde uma perspectiva subjetiva e crítica.

No caso de candidaturas coletivas, os interessados devem efetuar candidaturas separadas e mencionar na secção 4 os nomes dos outros elementos que fazem parte do projeto.

Data limite de candidatura: 1 de março de 2020

NOVA DATA LIMITE: 8 DE MARÇO


Para mais informações sobre o projeto: www.linhadefuga.pt
Email address *
Next
Never submit passwords through Google Forms.
This content is neither created nor endorsed by Google. Report Abuse - Terms of Service - Privacy Policy