Seminário Sons da Africa - 4-6 de setembro 2019 no Goethe-Institut Salvador

O programa de residência artística Vila Sul do Goethe-Institut Salvador, entre os meses julho – setembro 2019 conta com a presença do escritor e jornalista Max Annas, que viveu vários anos na África do Sul, além de ser pesquisador do cinema africano e de importantes épocas e estilos de músicas populares africanas do sec. XX.
Em processo colaborativo entre o Goethe-Institut Salvador-Bahia e os grupos de pesquisa "África-Brasil: Produção de conhecimentos, sociedade civil, desenvolvimento e cidadania global" - Prof. Bas ’Ilele Malomalo (UNILAB), e
"Koringoma – Artes musicais africanas e da diáspora africana" – Profa. Katharina Doring (UNEB), nasce este seminário a partir da preocupação com a história e presença do legado das músicas africanas no Brasil, que se evidencia nas músicas afro-brasileiras, constituindo um patrimônio imaterial brasileiro que faz parte da construção identitária da maior parte da população negra e mestiça brasileira. Por outro lado, percebe-se que as produções musicais e musicalidades – tradicionais, populares e contemporâneas – de países africanos que apresentam ao longo do século XX, uma impressionante produção fonográfica, continuam praticamente desconhecidas na Bahia, apesar da sua conexão ancestral e sua luta pelas identidades negro-africanas.
O seminário busca disseminar conhecimentos e saberes dessas musicalidades, ainda que seja mediante um recorte em alguns países e gêneros musicais. A partir das mesas informativas de aprofundamento geográfico-musical, finaliza-se com uma roda de conversa com músicos e pesquisadores da cena musical afro-baiana e africana em Salvador.
Email address *
Nome completo *
Your answer
CPF *
Your answer
Participação no seminário com certificado? *
Voce pertence a uma instituição de estudos musicais? (escola, universidade, ong, grupo musical ou cultural, etc.) e qual seria? *
Your answer
Qual é seu interesse neste seminário? *
Your answer
Submit
Never submit passwords through Google Forms.
reCAPTCHA
This content is neither created nor endorsed by Google. Report Abuse - Terms of Service