Inscrição_(WORKSHOP) Financiando Fazeres com potência coletiva: como, quando e porquê?
O RS Criativo é um Programa da Secretaria de Estado da Cultura do RS de formação permanente para empreendedoras, empreendedores e empreendimentos atuantes na economia criativa. A ação objetiva a profissionalização das(os) profissionais do setor ao oportunizar o desenvolvimento de competências de gestão e inovação.

* Atividade: A APOIA.se acredita que o financiamento coletivo é revolucionário porque ele sacode algumas lógicas tradicionais de produção, trabalho e renda. Mas imagine só: trabalho, criatividade, liberdade, sustentabilidade e conexão. Tudo isso junto e misturado, parece possível? O financiamento coletivo nos mostra que é.

Hoje, tecnologia se alia às práticas coletivas, e Fazeres que geram valor compartilhado podem ser financiados de diferentes formas através da potência coletiva.

A APOIA.se oferece, hoje, 4 modalidades diferentes de financiamento - pois os Fazeres são diversos. Modalidade Contínua, Por Criação, Flex e Turbinada são opções para você inserir seu empreendimento criativo-social-educativo-inspiracional em uma lógica rentável e interdependente.

Neste workshop, a APOIA.se vai contar um pouco de sua história, apresentar cada uma das 4 modalidades de campanhas disponíveis, para que tipo de Fazer cada uma delas é mais indicada, e mostrar, na prática, como uma campanha pode ajudar você a se juntar a essa revolução criativa e financeira.

Ministrante:
* Ilana Colonetti Nicilovitz - Psicóloga com ênfase em Gestão em Saúde pela UFCSPA. Especialista em Saúde Mental Coletiva pela UFRGS. Empreendedora faz-tudo e ama unir ao seu lado de humanas esse business de impacto. Sócia da APOIA.se, desenvolvendo pessoas, produtos e revoluções.
* Hernán Efrón - Fundador e CEO da plataforma APOIA.se. Laureado em Administração de Empresas pela UFRGS, também cursou, sem concluir, os cursos Ciências Contábeis e Música Popular na mesma universidade.
Trabalhou em algumas multinacionais da área de tecnologia como Totvs, PricewaterhouseCoopers e Dell, decidiu deixar a carreira de executivo para dedicar-se ao estudo da música e à criação de negócios onde visse propósito. Empreendedor inquieto, já foi sócio de consultorias de design estratégico para inovação social e desenvolvimento de software como a Softa e a Engage, e começou a trabalhar com crowdfunding em 2010, quando se envolveu com a criação da plataforma Catarse.me, época em que já idealizava as possibilidades do financiamento coletivo e recorrente.

Carga Horária: 3h
Email address *
Next
Never submit passwords through Google Forms.
This content is neither created nor endorsed by Google. Report Abuse - Terms of Service - Privacy Policy