Butô e as (po)éticas de Tatsumi Hijikata e Kazuo Ohno
Oficina do Núcleo Experimental de Butô no Centro Cultural Veras.

Dias 10, 11 e 12 de fevereiro de 2023

Sexta |19h-22h
Sábado | 11h-14h | 15h-18h
Domingo  | 11h-14h | 15h-18h

R. Vera Linhares de Andrade
Córrego Grande, Florianópolis (SC)
88034-700

Valores:
Valor Social: R$450,00
Valor Justo: R$600,00
Valor Abundante: R$800,00
Em até 2x no cartão

Inscrições abertas até 26/01/2023

-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-

Sobre a Oficina:

Esta é uma oficina introdutória destinada a todos os públicos, com ou sem experiência nas artes da cena, acerca dos processos de criação artística e concepções de corpo investigadas pelo fundador da dança Butô, Tatsumi Hijikata, e seu principal colaborador, Kazuo Ohno; com foco em seu aspecto político-artístico na libertação das potências do corpo através de processos de diluição dos automatismos sociais, das ordenações civilizatórias, do controle biopolítico, em combate a todas as estruturas que estão a serviço de despotencializar e controlar a vida.

A partir de encontros práticos e teóricos, apresenta os procedimentos de criação investigados pelo Núcleo Experimental de Butô para que os participantes vivenciem experiências alicerçadas nas principais matrizes (po)éticas do butô acerca da vida, da morte, do corpo e da dança; por meio de exercícios de dança e performance, rodas de diálogos e referencial bibliográfico e audiovisual.

O Butô será estudado enquanto uma epistemologia de dança embasada em matrizes (po)éticas, isto é, uma manifestação cênica alicerçada em um pensamento fundamental, como uma ética ou uma arte de vida que revela aspectos profundos da existência e as potências do corpo.

Desse modo, a dança foi transformada e aprofundada até chegar ao nível de uma filosofia da carne.

-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-

Plano de Aula:


Sexta-feira:
- As (po)éticas e políticas do Ankoku Butô
- Vida e obra de Tatsumi Hijikata e Kazuo Ohno
- Orientalismo e Esoterismo: a despolitização da dança butô pelo mundo
- Novas epistemologias da dança​: matrizes poéticas

Sábado:
- A poética da morte e do zelo
- Procedimentos de escuta e sensibilização da carne
- Marionete dos Mortos
- A poética do útero e do alimento na dança butô
- Procedimentos de escuta e sensibilização da carne
- Banquete às Cegas

Domingo:
- O conceito de Corpo Morto na dança butô
- As diferenças entre as noções de corpo em Hijikata e Ohno
- Caibalion: procedimento de treinamento e criação do Núcleo Experimental de Butô
- A poética do inseto e da metamorfose
- A poética do sacrifício (Hangi Daitō Kan)
- A poética dos corpos debilitados (Suijakutai)

-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-

Sobre o Centro Cultural Veras:

Espaço múltiplo e transcultural, o Centro Cultural Veras é fundado e mantido por uma associação sem fins lucrativos, com utilidade pública, na cidade de Florianópolis. Com uma programação contínua, reúne ações artísticas, éticas e espirituais, estabelecendo diálogos entre arte contemporânea, agroecologia e práticas ancestrais inscritas na milenar cultura dos Vedas. A serviço de mundos biodiversos, o Veras configura-se como uma teia para a educação de comunidades plurais, uma praça geradora de encontros e debates sobre linguagens da arte e agendas sociais emergentes, assim como um santuário consagrado à difusão de Bhakti Yoga e dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU. 
Saiba mais sobre o Centro Cultural Veras em: centroculturalveras.org

-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-

Orientação: Thiago Abel

Doutorando em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade  Católica de São Paulo (PUC-SP), na área de concentração "Signo e  significação nos processos comunicacionais", linha de pesquisa "dimensões  políticas na comunicação", com a tese "Butô como micropolítica do corpo:  experiências (po)éticas e epistemológicas" sob orientação de Christine Greiner.

Mestre em Artes da Cena na área de concentração "Teatro, Dança e Performance", linha de pesquisa "arte e contexto", pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) com a dissertação “(Po)éticas do ctônico: primeiros movimentos do butô no Brasil”.

Coordenador e performer do Núcleo Experimental de Butô, licenciado em Teatro (Mozarteum), técnico  em Teatro (INDAC) e Dança  (ETEC), especializado em performance e live art (SP Escola de Teatro), a palavra poética em cena (SESC), educação e arte contemporânea (Bienal de Arte SP) e procedimentos de criação cênica (Laboratório de Processos de Criações Atorais – LAPCA-UNESP), foi membro do Encontro Internacional de Dança Infinita - Flutuações do Butô em Cusco (Peru), ator na Trupe da Boemia e dançarino do Coletivo Perdido de dança contemporânea. Já colaborou com a Taanteatro Companhia e com a Cia. Perversos Polimorfos.

Tem como principal referência estudos e trabalhos realizados com Christine Greiner (PUC), Maura Baiocchi (Taanteatro Cia.), Marco Xavier (Cia. Tamanduá), Ana Cristina Colla (Lume), Carlos Cruz (México), Edgar Ramirez (Colômbia), Tess de Quincey (Austrália), Min Tanaka (Japão) e Ko Murobushi (Japão).

Mais informações: http ://lattes.cnpq.br/5222061443358399

https://www.nucleoexperimentaldebuto.com/

-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-

Esta oficina já foi realizada em São Paulo (UNICAMP, PUC-SP, O.C. Oswald de Andrade, Centro de Referência da Dança da Cidade de São Paulo), Fortaleza (IFCE), Rio de Janeiro (MAM-RJ), Londrina (Usina Cultural), Belo Horizonte (Associação Casa do Estudante), e suas palestras foram apresentadas na Universidad Estadual Del Estado de Hidalgo (México), no II Encontro Internacional de Dança Infinita de Cusco (Peru) e na Ocupação Taanteatro no Teatro de Arena, espaço histórico de resistência da cidade de São Paulo.

O conteúdo desta ação advém da dissertação de mestrado e tese de doutorado (em andamento) de Thiago Abel e das explorações realizadas pelo Núcleo Experimental de Butô, laboratório cênico residente em São Paulo desde 2014 que investiga as (po)éticas deste projeto político-artístico, pesquisando seus desdobramentos no Brasil – após seis décadas de sua fundação em Tóquio – e experienciando práticas que possibilitem o acesso a essa manifestação artística repleta de inquietações ainda não exploradas e que permanecem relevantes à sociedade atual.
Sign in to Google to save your progress. Learn more
Nome Completo *
E-mail *
WhatsAPP (com DDD) *
Cidade - Estado - País *
Como ficou sabendo da oficina? *
Selecione o valor que deseja pagar *
Selecione a forma de pagamento  *
Submit
Clear form
Never submit passwords through Google Forms.
This content is neither created nor endorsed by Google. Report Abuse - Terms of Service - Privacy Policy