OFICINA TEATRO D. ROBERTO (inscrição)
OFICINA DE CONSTRUÇÃO E MANIPULAÇÃO DE MARIONETAS
Formador: João Costa
Qui, 27/09/2018 - 19:00 até 23:00
Palácio da Galeria (Tavira)
Email address *
Nome *
Your answer
Profissão
Your answer
Idade *
Your answer
Telemóvel / Telefone
Your answer
Motivação /Expectativas
Your answer
INFORMAÇÃO ADICIONAL
OFICINA TEATRO D. ROBERTO / CONSTRUÇÃO E MANIPULAÇÃO

A oficina pretende sensibilizar os formandos para o universo do teatro de marionetas, através da construção de uma marioneta de luva. Esta técnica vai ao encontro da tradição portuguesa do teatro de marionetas – o Teatro D. Roberto, no âmbito da sua história e contexto artístico.

Destinatários: Educadoras, professores, atores, artistas plásticos e público em geral.

OBJETIVOS

- Fomentar a criação de personagens do Teatro D. Roberto
- Abordar as diferentes técnicas de manipulação, com especial enfoque na técnica de marionetas de luva (teatro D. Roberto).
- Realização de um pequeno ensaio através da manipulação das marionetas em grupo.

Na oficina os formandos irão conceber uma marioneta de luva no âmbito do teatro D. Roberto, adquirir noções básicas de manipulação e realizar pequenos ensaios (individuais ou em grupo) para a prática dos conhecimentos adquiridos ao nível da manipulação. Durante a oficina serão utilizados diferentes materiais e técnicas: madeira, tecidos, costura, manipulação, pintura e desenho, etc.
Vamos criar personagens, imaginar cenários e improvisar histórias. Fazer pequenos ensaios individuais e em grupo e discutir a importância da manipulação.

INFORMAÇÕES

· A oficina realizar-se-á 27 de Setembro 2018, das 19h00 às 23h00, no Serviço Educativo do Palácio da Galeria.
· O Workshop é dirigido a educadoras, professores, actores, artistas plásticos e público em geral (maiores de 8 anos).
· No final da oficina serão atribuídos certificados de participação aos inscritos

Para qualquer esclarecimento contacte-nos por telefone: 281 320 500 (ext. 2162) ou para o e-mail: edu.museus@cm-tavira.pt

--------------------------------------------
FORMADOR: JOÃO COSTA

Natural de Oeiras-Portugal (1980) é Licenciado em Design e Mestrado em Artes Visuais pela UA o seu percurso tem alternado entre a formação/ensino das artes visuais e a produção artística. Em 2004 assume o cargo de Diretor criativo da SCS MaCnan em Angola onde forma outros criativos na empresa.
Em 2005 coordenou o movimento SOS Carcavelos, tendo sido director de imagem e coordenador do movimento. O seu contacto com as marionetas inicia-se em 2006 com a realização de um workshop de “Titeres de Cachiporra” desenvolvido por Toni Rumbau no Museu da Marioneta. Desde então produziu e desenvolveu pequenos projectos de marionetas com crianças nas escolas. Em 2009 constituiu a sua própria companhia de marionetas, com o objetivo de preservar, criar e inovar o teatro popular de marionetas em Portugal, nomeadamente o teatro D. Roberto. Desde então que participa assiduamente em festivais e encontros nacionais e começou desde 2013 a alargar as suas participações a nível internacional.
Em 2012 percorre a toda a América Central com o objetivo de realizar teatro de rua: realizou inúmeros e variados espetáculos por toda a América Central: desde uma apresentação no Festival Títerias 2011 na Cidade do México, passando pela Guatemala onde residiu e trocou experiências com a companhia de marionetas La Charada Teatro em Antiqua; nas Honduras realizou voluntariado, oferecendo os seus espetáculos de marionetas em escolas de bairros carenciados de Manágua.
Actualmente Reproduz dois espetáculos do reportório tradicional: “O Barbeiro” e “A Tourada” e estreou em 2015 a obra “O Caçador”, um original seu, que desenvolveu com a mestria de Toni Rumbau em Barcelona. Na sua peça da Tourada, João Costa é o único marionetista que consegue sozinho ter em cena 5 personagens ao mesmo tempo. A criação de uma marioneta única e original da companhia representando três forcados em fila permitiram transformar e inovar a tradicional Tourada, sem se perderem as suas características fundamentais. Na sua peça original "O Caçador", a companhia aborda um tema bastante popular e tradicional em Portugal, a caça, introduzindo ao mesmo tempo um sátira política, mantendo todas as características humorísticas dos Robertos. Em 2013 co-produziu juntamente com Vasco Viana e David Santos o Vídeo Clip "Faz-te um Homem Rapaz" para os TV RURAL, um exemplo da inovação neste tipo de teatro.
Atualmente é diretor artístico do festival ESTAR- Encontros de Teatro e animações de Rua e festival MÓ - Marionetas em Oeiras. Paralelamente desenvolve projetos de teatro de marionetas, na produção de peças originais para o teatro D. Roberto e outros, colabora também no desenvolvimento de projetos para a Associação Cultural Mãozorra.

A copy of your responses will be emailed to the address you provided.
Submit
Never submit passwords through Google Forms.
reCAPTCHA
This content is neither created nor endorsed by Google. Report Abuse - Terms of Service - Additional Terms