ABAIXO-ASSINADO

Os cidadãos que assinam abaixo pedem aos seus representantes no Congresso Nacional que, em todos os projetos de lei:
1) Digam sim à Vida, NÃO aprovando o aborto e garantindo o Direito à Vida desde a sua concepção, sem exceções;
2) Garantam a dignidade das mulheres, NÃO permitindo a distribuição de cartilhas que as incentive a fazerem o aborto em casa, NEM a venda de remédios abortivos;
3) Defendam a Vida Humana, NÃO aprovando a redução das penas do aborto e do infanticídio;
4) Zelem pela vida dos indefesos, punindo a eutanásia tal como homicídio e mantendo a punição dos atos de incentivo ao suicídio conforme a lei vigente;
5) Protejam os jovens e as famílias, NÃO liberando o consumo de drogas, o seu porte, a sua guarda e a sua produção para consumo próprio, NEM aprovando a redução das penas desses crimes;
6) Zelem pelo respeito à dignidade da mulher, NÃO liberando a manutenção de casas de prostituição e NÃO deixando de penalizar quem tira proveito da prostituição alheia;
7) Protejam integridade da família, NÃO aprovando a união estável, NEM o casamento, entre duas pessoas do mesmo sexo;
8) Defendam o direito de igualdade, garantindo que aqueles que adotam o estilo de vida gay, seja por identidade de gênero ou por orientação sexual homossexual, sejam tratados como os demais cidadãos, sem a criação de normas penais especiais lhes dê proteção superior;
9) Garantam a liberdade e o direito de acesso a tratamento especializado, aos que, espontaneamente, procurarem profissionais habilitados e grupos de apoio e mutua ajuda, para deixar a atração pelo mesmo sexo e o estilo de vida gay;
10) Protejam as crianças, NÃO permitindo que lhes seja distribuído o “kit gay” ou material com conteúdo sexual similar, NEM permitam a adoção de crianças por pessoas com estilo de vida gay, que tenham atração pelo mesmo sexo ou que estejam unidas com outras do mesmo sexo;
11) Garantam a Vida das crianças indígenas, NÃO permitindo que os índios, por razões culturais, pratiquem violência contra elas;
12) Combatam a prostituição infantil e garantam a segurança das crianças, NÃO permitindo o crime de estupro de vulneráveis tenha sua idade reduzida de 14 para 12 anos;
13) Defendam a dignidade da vida humana, NÃO permitindo a revogação dos crimes da Lei de Biossegurança.
14) Garantam a liberdade de expressão na internet, NÃO aprovando o projeto de lei 2126/2011, chamado "Marco Civil da Internet”, que põe em risco o anúncio dos ensinamentos de Cristo na rede mundial de computadores.

    This is a required question
    This is a required question
    This is a required question
    This is a required question
    This is a required question