Desembaralhando Textos - Notícia
Os textos abaixo foram escritos com os parágrafos fora de ordem. Reordene-os, de maneira que os textos adquiram unidade e sentido. Observe os conectores que iniciam cada parágrafo, eles o auxiliarão na atividade.
Nome completo *
Your answer
CAPA 1 - As capas de jornal colocadas são apenas para demonstrar a possibilidade de imagens
Capa 1
CAPA 2 - As capas de jornal colocadas são apenas para demonstrar a possibilidade de imagens
Capa 2
CAPA 3 - As capas de jornal colocadas são apenas para demonstrar a possibilidade de imagens
Capa 3
TEXTO 1: Brasileira que disse ter sofrido ataque neonazista é condenada na Suíça
(A) O caso Paula Oliveira criou uma tensão diplomática entre o Brasil e a Suíça em fevereiro, quando a advogada de 26 anos, que vivia legalmente na Suíça, disse à polícia de Zurique que havia sido vítima de um ataque xenófobo.

(B) A advogada brasileira Paula Oliveira, que afirmou ter sido vítima de um ataque neonazista na Suíça, em fevereiro deste ano, foi considerada culpada por enganar a Justiça do país europeu. Ela foi condenada a pagar por despesas judiciais que somam 2,5 mil francos suíços (R$ 4,2 mil) e pelos custos das investigações, cujo total não foi divulgado. As informações são da BBC Brasil.

(C) Apenas os custos da perícia psiquiátrica a que ela foi submetida durante as investigações foram estimados pela imprensa suíça em 20 mil francos suíços (aproximadamente R$ 33,7 mil). A brasileira também foi condenada a pagar uma multa condicional de 10,8 mil francos suíços (cerca de R$ 18,2 mil). A promotoria havia exigido uma multa de 12,6 mil francos suíços (cerca de R$ 21,3 mil).

(D) Com o fim do julgamento, a advogada vai receber seu passaporte de volta e poderá voltar ao Brasil. Mas, durante o julgamento, ela manifestou que deseja continuar na Suíça.

(E) O advogado de Paula, Roger Müller, em seu discurso de defesa, afirmou que a brasileira não sabe exatamente o que aconteceu naquele dia. Ele disse também que ela viveu o caso em sua cabeça e que, por isso, não teria tentado enganar as autoridades conscientemente. Müller argumentou que os problemas psicológicos de Paula levaram a que ela acreditasse ter realmente sido vítima de um ataque.

(F) A brasileira, primeiramente, afirmou que estava grávida e que havia perdido gêmeos quando os agressores marcaram, à faca, as iniciais de um partido suíço de extrema direita no corpo dela. O caso, entretanto, mudou de direção quando Paula confessou a automutilação, embora tenha mudado novamente a versão dos fatos durante o julgamento de hoje (16).

Fonte: http://jbonline.terra.com.br/pextra/2009/12/16/e16127557.asp

Marque a alternativa que coloca o texto acima na ordem correta. (TEXTO 1)
10 points
TEXTO 2: Trabalho infantil no Brasil registra queda de 50% em 15 anos, diz OIT
(A) Mas os dados da última Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio) revelam uma desaceleração na trajetória de redução do trabalho infantil nos últimos anos. De acordo com o estudo, essa desaceleração se deve à manutenção no nível de ocupação de crianças entre 5 e 13 anos de idade (em torno de 4,5%), desde 2004, mas que o mesmo não ocorre com as demais faixas etárias (14 e 15 e 16 e 17 anos).

(B) As possibilidades de obter rendimentos superiores ao longo da vida laboral são maiores para aqueles que começam depois dos 20 anos. Um dos fatores que, segundo o estudo, podem explicar essa relação é a probabilidade de que as pessoas tenham níveis superiores de escolaridade e qualificação.

(C) Pessoas que começaram a trabalhar antes dos 14 anos têm uma probabilidade muito baixa de obter rendimentos superiores aos R$ 1 mil mensais ao longo da vida, enquanto a maioria das que entraram no mercado antes dos 9 anos tem baixa probabilidade de receber rendimentos superiores a R$ 500 mensais.

(D) O número de crianças e adolescentes inseridas no mercado de trabalho caiu cerca de 50% em 15 anos. De acordo com a pesquisa "Perfil do Trabalho Decente no Brasil", publicada nesta quarta-feira pela OIT (Organização Internacional do Trabalho), em 1992, havia 8,42 milhões de trabalhadores com idade entre 5 e 17 anos. Um década e meia depois, em 2007, o número caiu para 4,85 milhões.

(E) As consequências, de acordo com o relatório, não se resumem a acidentes mas também a doenças osteomusculares, já que os instrumentos não foram dimensionados para crianças. Entre menores acidentados, o principal tipo de problema foi corte (50%), seguido pela fraturas ou torções (14%) e por dor muscular, cansaço, fadiga, insônia ou agitação (9,7%).

(F) O relatório destacou o reconhecimento internacional da experiência brasileira de prevenção e eliminação do trabalho infantil. Segundo a pesquisa, os resultados alcançados são expressivos. Entre crianças de 10 e 14 anos, os índices caíram de 20,5% para 8,5% entre 1992 e 2007.

(G) Os dados mostram ainda que o trabalho infantil no Brasil recruta mais meninos do que meninas 66% contra 34%. As crianças estão mais expostas aos riscos no trabalho do que os adultos, uma vez que ainda estão em processo de formação e as condições em que as atividades laborais ocorrem são frequentemente insalubres.

(H) A OIT classifica o trabalho infantil como um grande obstáculo ao trabalho decente e ao desenvolvimento humano, não apenas pelos efeitos imediatos mas também pelos reflexos n o futuro. Um estudo elaborado pela própria entidade em 2005 indica que a incidência do trabalho infantil resulta em menor renda na idade adulta.

Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/folha/dinheiro/ult91u667344.shtml

Coloque os parágrafos do texto acima na ordem correta. (TEXTO 2)
10 points
TEXTO 3: Pumi, sloughi e terrier americano: veja as três novas raças de cachorro
(A) Embora as raças possam ser populares em alguns países, a presença na competição traz o reconhecimento da raça, especialmente daquelas consideradas “puras”.

(B) A segunda raça aceita, o Sloughi, é uma raça rara dos países no norte da África, como Marrocos, Tunísia, Líbia e Algéria. Trata-se de uma raça antiga, rica em história e cultura, e se sente em casa tanto em tendas nômades quanto em uma caçada. Tem um pelo curto e sempre parece robusto, elegante e rápido. O cachorro desta raça se apresenta em todos os tons de areia, de creme a vermelho. É considerada uma raça de companhia e, embora seja bem devoto ao seu tutor, pode parecer indiferente a estranhos.

(C) Primeiramente, Pumi, antiga raça de pastoreio húngara, tornou-se a raça única que é hoje depois de séculos de uma seleção cuidadosa de criadores de pasto. O cão tem características de tamanho médio e o pelo encaracolado. É muito espirituoso, inteligente, tem disposição para trabalhar e aprende rápido. Os pumik, plural de pumi, são bons companheiros para atividades em família.

(D) Por último, a raça Terrier Americano sem pelo, que é derivada do Rat Terrier e foi desenvolvida nos Estados Unidos no início dos anos de 1970. Esses cachorros alertas e curiosos são, normalmente, sem pelo, mas podem ter um pelo curto. Como a maioria dos terriers, essa raça foi criada para a caça de ratos e outros roedores. Atualmente, é um cachorro inteligente e amigável, que gosta de ficar dentro de casa. É ativo, tamanho de pequeno a médio, obediente e ágil.

(E) Uma das maiores competições caninas dos Estados Unidos anunciou nesta semana a inclusão de três novas raças de cachorros na disputa anual. O Westminster Kennel Club Dog Show, que acontecerá nos dias 11, 13 e 14 de fevereiro, reconheceu a presença do Pumi, Sloughi e Terrier Americano sem pelo.

O texto acima é uma notícia e está com os parágrafos fora de ordem. Escolha a alternativa que ordena os parágrafos de maneira correta, tornando o texto uma única unidade. (TEXTO 3)
10 points
TEXTO 4: O Segredo do Casamento
(A) Ninguém ensina isso nas escolas, pelo contrário. Não sou um especialista do ramo, como todos sabem, mas, dito isso, minha resposta é mais ou menos a que segue.

(B) Os jovens é que fazem as perguntas certas, ou seja, querem conhecer o segredo para manter um casamento por tanto tempo.

(C) Meus amigos separados não cansam de me perguntar como eu consegui ficar casado trinta anos com a mesma mulher. As mulheres, sempre mais maldosas que os homens, não perguntam a minha esposa como ela consegue ficar casada com o mesmo homem, mas como ela consegue ficar casada comigo.

(D) Hoje em dia o divórcio é inevitável, não dá para escapar. Ninguém aguenta conviver com a mesma pessoa por uma eternidade. Eu, na realidade, já estou em meu terceiro casamento - a única diferença é que me casei três vezes com a mesma mulher. Minha esposa, se não me engano, está em seu quinto, porque ela pensou em pegar as malas mais vezes do que eu.

(E) O segredo do casamento não é a harmonia eterna. Depois dos inevitáveis arranca-rabos, a solução é ponderar, se acalmar e partir de novo com a mesma mulher. O segredo no fundo, é renovar o casamento, e não procurar um casamento novo. Isso exige alguns cuidados e preocupações que são esquecidos no dia a dia do casal. De tempos em tempos, é preciso renovar a relação. De tempos em tempos, é preciso voltar a namorar, voltar a cortejar, voltar a se vender, seduzir e ser seduzido.

(F) Há quanto tempo vocês não saem para dançar? Há quanto tempo você não tenta conquistá-la ou conquistá-lo como se seu par fosse um pretendente em potencial? Há quanto tempo não fazem uma lua de mel, sem os filhos eternamente brigando para ter a sua irrestrita atenção?

(G) Não existe essa tal "estabilidade do casamento", nem ela deveria ser almejada. O mundo muda, e você também, seu marido, sua esposa, seu bairro e seus amigos. A melhor estratégia para salvar um casamento não é manter uma "relação estável", mas saber mudar junto. Todo cônjuge precisa evoluir, estudar, aprimorar-se, interessar-se por coisas que jamais teria pensando fazer no início do casamento. Você faz isso constantemente no trabalho, por que não fazer na própria família? É o que seus filhos fazem desde que vieram ao mundo.

(H) Portanto, descubra o novo homem ou a nova mulher que vive ao seu lado, em vez de sair por aí tentando descobrir um novo e interessante par. Tenho certeza de que seus filhos os respeitarão pela decisão de se manterem juntos e aprenderão a importante lição de como crescer e evoluir unidos apesar das desavenças. Brigas e arranca-rabos sempre ocorrerão: por isso, de vez em quando é necessário casar-se de novo, mas tente fazê-lo sempre com o mesmo par.

(I) Não é preciso um divórcio litigioso para ter tudo isso. Basta mudar de lugares e interesses e não se deixar acomodar. Isso obviamente custa caro e muitas uniões se esfacelam porque o casal se recusa a pagar esses pequenos custos necessários para renovar um casamento. Mas, se você se separar, sua nova esposa vai querer novos filhos, novos móveis, novas roupas, e você ainda terá a pensão dos filhos do casamento anterior.

(J) Vamos ser honestos: ninguém aguenta a mesma mulher ou marido por trinta anos com a mesma roupa, o mesmo batom, com os mesmos amigos, com as mesmas piadas. Muitas vezes não é sua esposa que está ficando chata e mofada, são os amigos dela (e talvez os seus), são seus próprios móveis com a mesma desbotada decoração. Se você se divorciasse, certamente trocaria tudo, que é justamente um dos prazeres da separação. Quem se separa se encanta com a nova vida, a nova casa, um novo bairro, um novo círculo de amigos.

Fonte: http://www.kanitz.com/veja/segredo.asp

Coloque os parágrafos do texto acima na ordem correta. (TEXTO 4)
10 points
Pesquise, nos principais jornais online, a notícia de destaque do dia, copiando no espaço abaixo a manchete, o nome do jornal e a data de, pelo menos, três jornais.
10 points
Your answer
Submit
Never submit passwords through Google Forms.
This content is neither created nor endorsed by Google. Report Abuse - Terms of Service - Additional Terms