Inscrição na Oficina: DESCARTE CORRETO DE MEDICAMENTOS - UMA QUESTÃO DE CONSCIENTIZAÇÃO
Quarta-feira das 15:00 às 17:00

No Brasil, estima-se que cerca de 20% dos medicamentos comercializados sejam lançados inadequadamente na rede de esgoto sanitário ou no lixo domiciliar (SERAFIM et al., 2007). Quando dispostos no meio ambiente, os fármacos biologicamente ativos interagem com os seres vivos presentes, podendo interferir em processos fisiológicos e no comportamento das espécies. Podemos citar a feminização de peixes machos presentes em rios contaminados com descarte de efluentes de Estações de Tratamento de Esgoto (FEITOSA e AQUINO, 2016). Outro exemplo ocorre com os antimicrobianos que, quando dispostos diretamente na natureza, são responsáveis pelo desenvolvimento de bactérias multirresistentes (FALQUETO e KLIGERMAN 2013). Em função do exposto acima, é de extrema importância que o descarte desses produtos seja realizado de forma adequada. Nesse contexto, ações de conscientização, bem como a realização de programas de coleta, são de extrema importância. Nessa oficina, pretende-se inicialmente avaliar o conhecimento prévio de cada participante a respeito do assunto através da realização de um jogo com caráter educativo. A partir das informações apresentadas, o grupo receberá informações a respeito do descarte correto desses resíduos além de material informativo. Por fim, os participantes receberão amostras de medicamentos vencidos e farão o descarte de forma adequada em postos coletores apropriados que serão levados pela equipe organizadora. No caso de público infantil serão oferecidas cartilhas direcionadas para a faixa etária. Vale ressaltar que essa oficina está sendo proposta por um grupo do IFRJ campus Realengo que desde 2016 vem atuando dentro desse contexto. Desde o início até o momento já foram realizadas diversas participações em eventos intra e extramuros e um total de 14kg de medicamentos vencidos e/ou não utilizados já foram coletados em nossas ações e descartados adequadamente. Segundo o Conselho Federal de Farmácia cada quilo de medicamento descartado no meio ambiente, pode contaminar por volta de 450 mil litros de água. Por fim, a realização desta oficina contribui não somente para o fortalecimento do vínculo entre a comunidade acadêmica e local, mas também para a manutenção do meio ambiente uma vez que as atividades ultrapassam a barreira do saber transformando o ensinamento em prática por meio dos programas de coleta.
Email address *
Nome completo *
Your answer
Telefone de contato
Your answer
Nível de escolaridade *
Your answer
Você faz parte da ... *
A copy of your responses will be emailed to the address you provided.
Submit
Never submit passwords through Google Forms.
reCAPTCHA
This form was created inside of IFRJ - Instituto Federal do Rio de Janeiro. Report Abuse