Monitoria de Física IV - Ondas, breve revisão de ondas I
Antes de iniciarmos o estudo das ondas eletromagnéticas é de vital importância ter clareza conceitual a cerca das propriedades das ondas. Em vista disso, a presente atividade tem por objetivo auxiliá-lo em uma viagem por um laboratório virtual de ondas.
Frisando que o relatório tem por objetivo servir como um guia, e apenas isso. Portanto, encorajo-o a sentir-se à vontade para não o seguir e fazer suas próprias observações e consequentes conclusões.
Propriedades gerais (e principais) das ondas
Cristas: são os pontos superiores da onda.

Vales: são os pontos inferiores da onda.

Amplitude: é a altura do ponto médio até a crista (ou vale). Ou seja, é igual ao máximo deslocamento da posição de equilíbrio.

Comprimento de Onda: é a distância entre dois pontos "iguais" da onda. Por exemplo, a distância entre dois vales, ou entre duas cristas.

Frequência: é o número de vibrações (ida e volta) medido em um intervalo de tempo. Ou ainda, o número de comprimentos de onda que passam em um determinado intervalo.

Período: é o tempo decorrido para que um ciclo de vibração seja completado.
Figura1 - O aplicativo sugerido para essa atividade é o “Ondas em corda” e pode ser acessado no link https://bit.ly/2MLqxjg. A tela inicial do mesmo é mostrada na figura abaixo.
Pulso propagado em um fio infinito
A figura 1 mostra a tela inicial do aplicativo, nela temos uma corda presa a duas extremidades - é possível alterar isso. O pulso pode ser enviado tanto manualmente, agitando a chave inglesa ao lado esquerdo quanto automaticamente, usando um oscilador. A sugestão é começar pela verificação sem que hajam as possíveis interferências de superposição causadas pelas reflexões do pulso na extremidade oposta da corda, assim como o amortecimento do meio. Então vamos configurar nas
caixas de opção superiores as opções “infinita” (seta preta) e “oscilador” (seta laranja), assim como a opção “amortecimento” (seta verde) para “nenhum”. Ainda na figura 1, as setas indicam aonde se encontram as opções mencionadas. Você terá uma situação como a mostrada na figura 2. Sinta-se livre para configurar os parâmetros de Amplitude, frequência e tensão da corda arbitrariamente.
Pergunta 1: Fazendo variar a tensão na corda e mantidos os outros parâmetros constantes o que se observa em relação ao comprimento da onda? Descreva de maneira qualitativa.
Pergunta 2: Se a velocidade de propagação de uma onda numa corda é dada pela relação 𝒗= λ𝒇 Variar a amplitude da onda na corda afeta seu comprimento de onda e ou sua frequência de oscilação? Varie agora o parâmetro de amortecimento e descreva o que acontece à amplitude da onda
Pergunta 3: De acordo com as observações feitas na simulação e com os conhecimentos a cerca da interferência de ondas descreva o que aconteceu em ambas as situações. Como se comportou a amplitude da onda, faça variar o período de oscilação, assim como a tensão na corda e as forças de amortecimento. O que se observa, como se relacionam essas grandezas? Como se dão essas interferências?
Para qualquer dúvida ou sugestão, procure os monitores no canal do Discord disponível no endereço https://discord.gg/nWW3wys . ou se preferir pode entrar em contato por aqui mesmo, escrevendo sua dúvida ou sugestão na caixa de texto abaixo. Só não se esqueça de deixar seu e-mail para contato.
Submit
Never submit passwords through Google Forms.
This content is neither created nor endorsed by Google. Report Abuse - Terms of Service - Privacy Policy