Disciplina: História

Série/Ano: 1ª série EM

Vol/Bim: Vol 1/2ºBm

CADERNO DO ALUNO

Situação de Aprendizagem (Número/título)

Sequência Didática

Recursos audiovisuais e/ou de TIs  sugeridos no caderno

Recursos audiovisuais e/ou de TIs sugeridos pelo PCOP

Interfaces interdisciplinares / Temas trasnsversais

Situação de Aprendizagem 7 – Os primeiros tempos da Democracia Grega e o Regime democrático ateniense na época clássica.

Objetivos : propor reflexões em torno de uma temática clássica nos estudos da história da Antiguidade grega: a democracia.

Competências e habilidades: reconhecimento do processo histórico que caracterizou a constituição das práticas e do pensamento democrático grego; análise de mapas – Grécia Antiga e mapa-múndi; análise de textos conceituais; formulação de conceitos.

Sondagem e sensibilização:Falar do surgimento das olimpíadas, do pensamento mítico, da crença em diferentes divindades, dos grandes combates bélicos, como a Guerra de Troia ou a Guerra do Peloponeso, pode constituir um interessante fator de sensibilização e motivação em relação à importância do tema. Jogos online também podem se utilizados para esta sensibilização.

Problematização: apresente à classe a seguinte questão: O que é democracia? Explore as intervenções dos alunos e proponha a elaboração de um glossário para sintetizar alguns conceitos, como democracia,Arconte, areópago, bulé, eclésia, estratego, eupátridas, hilotas, hoplitas, metecos, periecos e pólis. É importante que você apresente aos alunos uma caracterização dos períodos da história grega anteriores à Época Clássica (séculos V e IV a.C.). Você poderá abordar estes itens: localização geográfica,Período Pré-Homérico (anterior ao século XII a.C.),Período Homérico (século XII a.C. ao século VIII a.C.),Período Arcaico (século VIII a.C. ao século VI a.C.)

Utilize o mapa da Grécia Antiga disponível no caderno do aluno.

problematize  quem era e quem não era cidadão.

Avaliação: é importante que os alunos saibam identificar as principais diferenças entre Atenas e Esparta; os limites da democracia grega.

Propostas de Situação de Recuperação:  proponha aos alunos que elaborem um texto que estabeleça comparação entre os regimes democrático ateniense e aristocrático espartano.

Filme: Trezentos

Jogo online

Monstros mitológicos

http://www.sohistoria.com.br/jogos/popupJogo.php?jogo=monstros

Deuses Gregos

http://www.sohistoria.com.br/jogos/popupJogo.php?jogo=deuses_mitologicos

Sociologia, Filosofia, Arte e Língua Portuguesa.

Situação de Aprendizagem 8 – Os limites da democracia Grega: Mulheres, Escravos e Estrangeiros, os excluídos do regime democrático.

Objetivos:trabalhar com as formas de exclusão social da democracia ateniense.

Competências e habilidades: reconhecimento da exclusão social como limite da democracia ateniense.

Sondagem e sensibilização: Proponha uma debate para que os alunos comparem e reflitam sobre os excluídos de nossa sociedade atual e aqueles da Grécia Antiga. 

Problematização: Primeira parte - Mulheres -  Sugestão de leitura de texto: “Fragmentos de A sucessão de Pirro, de Isaios (360-350 a.C.) – “Estruturas familiares áticas” e análise de imagem de um gineceu em uma ânfora grega, após estas atividades solicite uma produção de texto, após a correção, leve para a classe ouvir a música Mulheres de Atenas de Chico Buarque. Segunda parte - Escravos ( hilotas) - Indague aos alunos, se há uma incompatibilidade entre os termos democracia e escravidão. Para encerrar a aula, você poderá colocar na lousa, para reflexão com os alunos, alguns aspectos definidores da escravidão ateniense ( vista como natural, não foi por origem étnica, foram a base da economia grega). Terceira parte - Estrangeiros( metecos) - sugestão de textos para leitura e análise e definição de um perfil dos metecos.

TUCÍDIDES. História da Guerra do Peloponeso,II, 31. Tradução Mario da Gama Kury. Brasília: Editora da Universidade de Brasília, 1982 e XENOFONTE, República dos atenienses, I, 10-12, apud CASSIN, Barbara et al. Gregos, bárbaros, estrangeiros.A cidade e seus outros. Tradução Ana Lúcia de Oliveira e Lúcia Cláudia Leão. Rio de Janeiro: Editora

34, 1993. p. 20.

Avaliação: Correção da produção de texto sobre o papel das mulheres na sociedade grega; Questão que aborde a comparação entre os excluídos da época e os tipos de exclusão que acontecem atualmente em nossa sociedade. Análise do documento: ARISTÓFANES, Lisístrata, 506-20. Apud REDFIELD, James. O homem e a vida doméstica. In: VERNANT, J.-P. O homem grego. Tradução Maria Jorge Vila de

Figueiredo. Lisboa: Editorial Presença, 1994. p. 157.

Propostas de Situação de Recuperação: Oriente e solicite uma pesquisa sobre a educação masculina e feminina na Grécia.

Análise de trecho de comédias gregas.

Análise de documentos e imagens.

Análise da música: Mulheres de Atenas – Chico Buarque.

http://www.youtube.com/watch?v=MabbVn0Rlv4

Sociologia, Filosofia, Arte e Língua Portuguesa

Situação de Aprendizagem 9-

Democracia e Escravidão no mundo antigo e no mundo contemporâneo.

Objetivos:propiciar aos alunos uma compreensão comparativa de referenciais ligados à democracia e à escravidão antigas e contemporâneas, permitindo ao aluno a produção de reflexões críticas a respeito de ambos os contextos.

Competências e habilidades: propiciar aos alunos uma compreensão comparativa de referenciais ligados à democracia e à escravidão antigas e contemporâneas, permitindo ao aluno a produção de reflexões críticas a respeito de ambos os contextos.

Sondagem e sensibilização : Você pode iniciar o tema com os seguintes

questionamentos - Diferenças entre os escravos negros que vieram da África para o Brasil; critérios que garantiam o voto na Grécia Antiga; critérios que garantem o voto hoje no Brasil.

Problematização: Solicite aos alunos que escolham e elaborem uma análise comparativa de um dos temas: escravidão brasileira, participação feminina na sociedade brasileira contemporânea e inserção política dos estrangeiros no Brasil.

Avaliação: Solicite que utilizem as informações da atividade anterior para compararem os direitos das mulheres na Grécia Antiga e aqueles que as mulheres possuem hoje no campo da política. Sugestão de leitura do texto : FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Grécia e Roma: vida pública e vida privada. Cultura, pensamento e mitologia. Amor e sexualidade. 5. ed. São Paulo: Contexto, 2011. p. 40. (Repensando a História). <http://www.editoracontexto.com.br>

Propostas de Situação de Recuperação:elaborem um quadro comparativo entre o funcionamento político da democracia grega e as chamadas democracias modernas, recuperando conteúdos desenvolvidos nesta Situação de Aprendizagem e nas anteriores.

Debate: Análise comparativa entre os direitos das mulheres na Grécia com as atuais.

Fatos históricos que marcaram as conquistas das mulheres0

Sociologia, Filosofia, Arte e Língua Portuguesa

Situação de Aprendizagem10– O império de Alexandre e a fusão cultural entre Oriente e Ocidente.

Objetivos:tratar dos principais aspectos e resultados desse vasto processo de fusão histórico- cultural.

Competências e habilidades: reconhecimento das interações e trocas culturais entre povos sem hierarquizações preconcebidas – cultura superior/cultura inferior.

Sondagem e sensibilização:Você pode conversar com seus alunos sobre a importância dos processos históricos de interação e troca cultural e relacionar com  exemplos de colonização, como a que aconteceu na América Portuguesa e Espanhola.

Problematização: No mundo contemporâneo, quais meios podem ser entendidos como fatores de interação entre culturas diferentes?

Solicite que seus alunos observem um mapa sobre a extensão territorial do Império de Alexandre no Caderno do Aluno.Divida a classe em 3 grupos para que cada um deles desenvolva uma pesquisa sobre uma das três áreas em que foram grandes

as contribuições da cultura helenística Filosofia, Ciências e Artes.

Avaliação:

Propostas de Situação de Recuperação:

Solicite aos alunos que retomem suas anotações e redijam um texto sobre o tema “interações culturais”.

Pesquisa individual com o tema cultura helenística.

Filme : Alexandre.

Sociologia, Filosofia, Arte e Língua Portuguesa

Em desenvolvimento por Luciana Fachini a partir de 29/03/2012