Disciplina: Matemática

Série/Ano: 5ª/6º

Vol/Bim:1/2ºBim

CADERNO DO PROFESSOR/ ALUNO

Situação de Aprendizagem (Número/título)

Sequência Didática

Recursos audiovisuais e/ou de TIs  sugeridos no caderno

Recursos audiovisuais e/ou de Tis sugeridos pelo PCNP

Interfaces interdisciplinares / Temas trasnsversais

SA5

O Soroban e os Números Decimais

(GII Realizar) e (GIII compreender)

Conteúdos / Eixos / Temas / Blocos: Números/Relações - Números decimais - Representação

Conteúdos e temas: números decimais; agrupamento; valor posicional.

Competências e habilidades:

•    Compreender a estrutura do sistema de numeração decimal e a representação dos submúltiplos da unidade; (GIII).

•    Ler e escrever números decimais; (GII).

•    Representar números decimais no ábaco. (GII).

Estratégias: construção e uso de um ábaco (soroban) para representar números na forma decimal.

Habilidade / Expectativa (Secret. Digital): Compreender o uso da notação decimal para representar quantidades não inteiras, bem como a ideia de valor posicional.

Descrição das atividades:

 Apresentação do Soroban - Leitura e Análise de texto sobre o Soroban. Para compreender o sistema de numeração decimal a SA1 parte de uma leitura e análise de texto para aprofundar o conhecimento dos números decimais utilizando o ábaco japonês: O Soroban. A atividade 1 consiste também na sua construção para posteriormente realizar a leitura quanto ao seu valor posicional no Soroban  descobrindo desta forma seu valor numérico. Na sequência da atividade é solicitado o inverso, ou seja, dada uma lista de números decimais transcrever os mesmos no ábaco japonês. A Lição de Casa reforça a atividade realizada em classe.

Na atividade seguinte, é solicitado que o aluno realize operações de adição e subtração utilizando o Soroban sistematizando estes conceitos devido a facilidade de visualização das casas decimais que o instrumento proporciona.

O que aprendi é um dos instrumentos que permite ao aluno sistematizar, por meio do desenvolvimento da escrita, os conceitos desenvolvidos na SA e autoconhecimento subsidiando, desta forma, a autoavaliação.

Cardoso, V.C. Materiais didáticos para as quatro operações. São Paulo: CAEM-IME-USP, 2005

Experiências Matemáticas 5ª série.

  • Ativ. 18: Entendendo os números com vírgula. p.157.
  • Dando significado a parte não inteira. p.160.
  • Construindo retângulos. p. 166.
  • Comparando e ordenando decimais.    p. 167.
  • São Paulo: SE/CENP, 1994.

SOROBAN

http://www.sorobanbrasil.com.br/

Assista ao vídeo para saber mais sobre o soroban e seus benefícios.

SA6

Equivalência e Operações com Decimais

(GI), (GII) e (GIII)

Conteúdos e temas: números decimais; frações decimais; múltiplos e submúltiplos da unidade; operações com decimais: adição e subtração.

Competências e habilidades:

  • Compreender a estrutura dos múltiplos e submúltiplos do sistema decimal; (GIII).

•        Reconhecer a correspondência entre frações decimais e a notação decimal; (GIII).

•        Saber decompor, comparar e ler números decimais; (GII).

•        Compreender as equivalências entre números decimais; (GIII).

•        Efetuar transformações: décimos em centésimos, unidades em milésimos, etc.; (GII).

•        Saber efetuar operações de adição e subtração com números decimais. (GII)

Estratégias: resolução de atividades e exercícios envolvendo transformações, equivalências e operações com números decimais; uso da linguagem mista e de figuras geométricas para

representar números decimais.

  • Frações e números decimais

Ativ. 1:  

Por meio dessa atividade o aluno irá estabelecer a correspondência entre fração decimal, linguagem mista e notação decimal com os submúltiplos da unidade.

  • Decomposição dos números decimais

Ativ.2:

Consiste que o aluno perceba que todo número decimal pode ser decomposto por meio de frações e frações equivalentes. Com a utilização do material dourado o aluno poderá perceber/visualizar a equivalência das frações nos decimais equivalentes.

Ativ.3: 

Por meio dos conceitos anteriores o aluno deverá preencher tabelas contendo a representação geométrica (material dourado) e transformando-as na linguagem mista e notação decimal reforçando a idéia de equivalência. A Lição de Casa permitirá uma retomada dos conceitos explorando algumas transformações entre números decimais com ênfase nos submúltiplos nos deslocamentos das casas decimais.

Ativ. 4: 

A atividade consiste na retomada do instrumento Soroban para realizar operações de multiplicação e divisão (submúltiplos). A Lição de Casa vem reforçar os conhecimentos adquiridos (conceitos) sem o instrumento concreto (soroban) de forma que haja uma sistematização.

Ativ. 5: 

Esta atividade vem consolidar os conceitos anteriores utilizando a reta geométrica para localização dos números decimais. Na Lição de Casa, de posse do conceito anterior (localização dos números decimais na reta geométrica) o aluno deverá comparar os números decimais utilizando os símbolos da desigualdade (>, < ), torná-los equivalentes fazendo uso da linguagem mista para posteriormente os alunos compará-los exigindo uma negociação de significados.

Ativ. 6:

Para realizar as operações com decimais, todos os conceitos apreendidos deverão ser disponibilizados para que os alunos consigam realizar as atividades nesta SA2 inclusive a Lição de Casa de forma a sistematizar os conhecimentos.

O que aprendi é um dos instrumentos que permite ao aluno sistematizar, por meio do desenvolvimento da escrita, os conceitos desenvolvidos na SA e autoconhecimento subsidiando, desta forma, a autoavaliação.

Avaliação:

Experiências Matemáticas 5ª série.

Ativ.22: Operações com Decimais. p.215.

São Paulo: SE/CENP, 1994.

domino de decimais

www.esev.ipv.pt/mat1ciclo/tarefas/Dominó%20decimal.doc

dominó dos numeros racionais

http://www.pb.utfpr.edu.br/labmatvirtual/Domin%F3dosN%FAmerosRacionais.htm

Apostila da OT de frações

Sugestao do Curriculo+:

SA7

 Medidas Não Padronizadas.

(GII) e (GIII)

Conteúdos e temas:: unidades de medida não convencionais.

Competências e habilidades:

  • Compreender os processos de medida como uma comparação entre grandezas de mesma natureza; (GIII).
  • Realizar medidas usando unidades não padronizadas. (GII)

Estratégias: proposição de atividade experimental envolvendo medições que tomem como unidade padrão partes do corpo humano ou objetos do cotidiano.

Habilidade / Expectativa (Secret. Digital):  

Descrição das atividades: 

Competências e habilidades: compreender os processos de medida como uma comparação entre grandezas de mesma natureza; realizar medidas usando unidades não padronizadas.

Estratégias:

Ativ. 1:  Atividade Experimental

A atividade propõe que seja comparado diferentes animais enfatizando idéia de comparação entre grandezas de mesma natureza.

Ativ. 2:  Unidades de medida não padronizadas.

O aluno deverá preencher uma tabela utilizando como recurso o Corpo Humano (objeto padrão) e Objetos do Cotidiano (objeto a ser medido) realizar as devidas comparações utilizando quando necessário os números mistos. Devido a imprecisões ocorridas nas medições e constatadas pelos alunos, estes deverão compreender a necessidade de fixar padrões de medidas universais como a criação do sistema métrico decimal.

O que aprendi é um dos instrumentos que permite ao aluno sistematizar, por meio do desenvolvimento da escrita, os conceitos desenvolvidos na SA e autoconhecimento subsidiando, desta forma, a autoavaliação.

Experiências Matemáticas 5ª série.

Ativ. 7: Segmentos: desenhando e estimando medidas. p. 69.

São Paulo: SE/CENP, 1994.

http://portal.mec.gov.br/arquivos/pdf/gestar/aaamatematica/mat_aaa3.pdf

SA8

Medidas e transformação

(GI), (GII) e (GIII)

Conteúdos e temas: sistema métrico decimal; unidades de comprimento, massa e capacidade.

Competências e habilidades: 

•   Compreender a necessidade de adoção de unidades padronizadas para estabelecer medidas precisas e universais; (GIII).

•    Conhecer os múltiplos e submúltiplos do metro, quilograma e litro; (GI).

•  Realizar estimativas sobre as dimensões de um objeto com base na escolha de uma unidade adequada; (GII).

•     Efetuar transformações de unidades. (GII)

Estratégias: resolução de atividades e exercícios envolvendo estimativas e transformações de unidades de medida.

Habilidade / Expectativa (Secret. Digital):  

Descrição das atividades: 

Ativ. 1: medidas e transformações

Inicia-se com a Leitura e Análise de texto com foco na criação do sistema métrico decimal, com ênfase no metro (medidas de comprimento) com a retomada dos procedimentos de transformações entre casas decimais utilizando a linguagem fracionária e decimal.

Ativ.2:  Esta atividade permite que o aluno realize as conversões entre cm e polegadas. Na Lição de Casa é solicitado que o aluno explore as situações-problema utilizando vários objetos, como material de apoio, do cotidiano e complementando com uma pesquisa sobre a diferença entre massa e peso, subsidiando a atividade posterior.

Ativ.3:  Unidades de massa:

Apoiando-se em conhecimentos anteriores como a pesquisa solicitada na Lição de Casa e utilizando o mesmo procedimento em relação à unidade do comprimento é introduzida a unidade de massa.  

Ativ. 4: Pesquisa Individual:

Nesta tarefa o aluno deverá pesquisar as seguintes unidades de massa: 1 arroba, 1 onça, 1 libra e 1 quilate assim como as diversas situações de utilização.

Ativ. 5:  Aplicação dos conceitos apreendidos.

Com foco na estimativa e nas unidades de medidas estudadas, utilizar a medida mais adequada em cada situação/grandeza.

Na Lição de Casa há uma consolidação dos conceitos estudados além da introdução de alguns submúltiplos mais usados, em unidade de capacidade e volume.

O que aprendi é um dos instrumentos que permite ao aluno sistematizar, por meio do desenvolvimento da escrita, os conceitos desenvolvidos na SA e autoconhecimento subsidiando, desta forma, a autoavaliação.

Experiências Matemáticas 5ª série.

Ativ.22: Operações com decimais”. p. 215.

São Paulo: SE/CENP, 1994.

Experiências Matemáticas 5ª série.

Ativ.30: “Medindo Massas”. p. 287.

Ativ. 33: “Volume/Capacidade”. P. 317.

São Paulo: SE/CENP, 1994.

EM DESENVOLVIMENTO pelos Professores Coordenadores da Oficina Pedagógica: Luciane Ramos Americo Gomes e Mutsu-ko Kobashigawa

ATUALIZADO EM 16/10/14

 

CEDIDO PELOS AUTORES PARA USO EXCLUSIVAMENTE DIDÁTICO SOB RESPONSABILIDADE DOS GESTORES ESCOLARES NAS ESCOLAS ESTADUAIS JURISDICIONADAS À DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO SÃO VICENTE - PROIBIDA A REPRODUÇÃO FORA DA JURISDIÇÃO OU PARA FINS COMERCIAIS E/OU ACADÊMICOS.