Disciplina:

Língua Portuguesa

Série/Ano:

2ª série EM

Vol/Bim:

CADERNOS DO PROFESSOR / ALUNO

Situação de Aprendizagem (Número/título)

Sequência Didática

Recursos audiovisuais e/ou de TIs sugeridos no caderno

Recursos audiovisuais e/ou de TIs sugeridos pelo PCOP

Interfaces interdisciplinares / Temas transversais

1

“DIÁLOGOS NO TEXTO POÉTICO”

Conteúdos e temas

 movimentos poéticos pós-românticos; considerações sobre o estatuto do poeta na

sociedade; intertextualidade, dialogismo e poesia.

Competências e habilidades

 identificar em manifestações culturais, individuais e/ou coletivas, elementos

estéticos, históricos e sociais; elaborar estratégias de interpretação poética, relacionando os elementos

linguísticos do texto aos contextos de produção e leitura; relacionar a produção poética à herança cultural

acumulada pela língua portuguesa nos processos de continuidade e ruptura.

Palavras-chave: texto poético, pós-romantismo, intertextualidade, dialogismo.

Resgatando: Discussão sobre a música apresentada “Fora da Ordem” (Caetano Veloso) – roteiro de questões no Caderno do Professor, p. 10. Elaboração de texto coletivo sobre o tema “O poeta e os problemas da sociedade.

Problematizando: Análise do conteúdo da música confrontada com o roteiro de estudo do poema “Versos Íntimos” (Augusto dos Anjos). Relação entre o poema e a biografia do poeta. Síntese das principais ideias.

Sistematizando: Recapitulação do Romantismo e das propostas poéticas de Álvares de Azevedo e Castro Alves. Estudo do Parnasianismo e Simbolismo: contexto histórico, características, autores e obras. Divisão em grupos para estudo de poemas sugeridos no Caderno do Professor, p. 15.  

Produzindo: Colagem. Composição artística feita de materiais diversos sobrepostos, criando um motivo ou imagem que instaure um diálogo com o poema estudado.  

---

---

--- 

2

REPORTAGEM: O MOMENTO PRESENTE

Conteúdos e temas

movimentos poéticos pós-românticos; considerações sobre o estatuto do poeta na

sociedade; intertextualidade, dialogismo e poesia.

Competências e habilidades

identificar em manifestações culturais, individuais e/ou coletivas, elementos

estéticos, históricos e sociais; elaborar estratégias de interpretação poética, relacionando os elementos

linguísticos do texto aos contextos de produção e leitura; relacionar a produção poética à herança cultural

acumulada pela língua portuguesa nos processos de continuidade e ruptura.

Palavras-chave: reportagem, sequencialização de parágrafos, elementos de conexão.

Resgatando: Estudo de jornal. Discussão acerca dos gêneros textuais que o compõem.

Problematizando: Em grupos, alunos trabalham com o texto “Organização dos jogos-08 sofre pressão e refaz manual sobre deficientes” (Mariana Lajolo, Folha de São Paulo). Levantamento das características próprias do gênero textual reportagem. Apresentação de listagem sugerida no Caderno do Professor, p. 20.

Sistematizando: Análise dos parágrafos (partes) que estruturam uma reportagem. Estudo dos elementos necessários para elaboração de reportagem. Recapitulação do estudo de conectivos – estruturas frasais.

Produzindo: Elaboração de reportagem.

---

---

---

3

O QUE SERÁ QUE SERÁ?

Conteúdos e temas

 correspondência pessoal; a sexualidade e a linguagem; poesia: ruptura e diálogo

com a tradição; análise estilística: preposição.

Competências e habilidades

 elaborar estratégias de produção e leitura de correspondência; relacionar

a construção da subjetividade à expressão literária; relacionar texto, valores referentes à sexualidade e

contemporaneidade.

Palavras-chave: correspondência pessoal, sexualidade, linguagem, poesia, preposição.

Resgatando: Discussão sobre a música apresentada “O que será? (À Flor da Terra)” (Chico Buarque) – interpretação à luz de palavras como “vida”, “amor” e “sexo”.

Problematizando: Levantamento das palavras da letra da música que pertencem ao campo semântico da sexualidade. Recapitulação de artigo, preposição – contração.

Sistematizando: Estudo de paráfrase. Desenvolvimento de paráfrase do soneto “Um mover de olhos, brando e piedoso” (Luís Vaz de Camões) em prosa. Aplicação, através do uso na construção do texto, dos conceitos de conectivos e contração. Análise da relação entre a música e o soneto apresentados. Estudo da crônica jornalística “O pretê-pedalinho” (Jô Hallack, Nina Lemos e Raq Affonso, Folhateen).

Produzindo: Produção de carta pessoal que manifeste relação intertextual com a letra da música de Chico Buarque ou o soneto de Camões, endereçada a cisne citada na crônica jornalística.

---

---

---

4

VOCÊ TEM MORAL PRA ME CONTAR ALGO?

Conteúdos e temas

a parábola, o apólogo, a fábula e a alegoria: o símbolo e a moral; carta do leitor.

Competências e habilidades

 elaborar estratégias de produção de textos alegóricos; relacionar texto,

valores morais e contemporaneidade.

Palavras-chave: parábola, apólogo, fábula, alegoria, carta do leitor.

Resgatando: Narração do texto “Melissa e o amor no alto da árvore” (José Luís Landeira e João Henrique Mateos) – Caderno do Professor, p. 33. Discussão acerca da moral da história e do que simbolizam a árvore, Melissa e o rapaz.

Problematizando: Recapitulação de texto alegórico, parábola, fábula e apólogo – retomada de conceitos, características. Definição e distinção entre ética e moral. Leitura, interpretação e discussão do trecho da obra “O Cortiço” (Aluísio Azevedo) – a idealização e realidade do amor e do sexo. Estabelecimento de comparativos com a parábola lida.

Sistematizando: Estudo do Realismo / Naturalismo no Brasil – contexto histórico, características, autores e obras.

Produzindo: Produção de texto alegórico com base nos estudos realizados e o trecho literário apresentado.

---

---

---

EM DESENVOLVIMENTO pelos Professores Coordenadores da Oficina Pedagógica: João Mário Santana e Luciene de Souza.

ATUALIZADO EM 04 / 05 / 2015.

CEDIDO PELOS AUTORES PARA USO EXCLUSIVAMENTE DIDÁTICO SOB RESPONSABILIDADE DOS GESTORES ESCOLARES NAS ESCOLAS ESTADUAIS JURISDICIONADAS À DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO SÃO VICENTE - PROIBIDA A REPRODUÇÃO FORA DA JURISDIÇÃO OU PARA FINS COMERCIAIS E/OU ACADÊMICOS.