Perfil das cidades em análise

SAS Brasil no Rally dos Sertões 2018

DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS E INFORMAÇÕES BÁSICAS

DATAS E ROTEIRO PRELIMINAR - SAS BRASIL NO RALLY DOS SERTÕES 2018

INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES, CIDADE A CIDADE

ABADIÂNIA (GO)

POSSE (GO)

SÃO RAIMUNDO NONATO (PI)

IBARETAMA (CE)

CONTATOS

ABADIÂNIA (GO)

POSSE (GO)

SÃO RAIMUNDO NONATO (PI)

IBARETAMA (CE)

IMPRENSA LOCAL

Ver todas as cidades atendidas pelo SAS Brasil (2013-2018)


DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS E INFORMAÇÕES BÁSICAS

ABADIÂNIA (GO)

POSSE
(GO)

S. RAIMUNDO NONATO (PI)

IBARETAMA
(CE)

Dist. aprox. SP (km)

990

1.284

2.385

2.855

Dist. capital UF (km)

Goiás:
93

Goiás:
513

Teresina:
530

Fortaleza:
142

Dist. cid. anterior (km)

--

518

1.119

785

População (est. 2017 IBGE)

15.757

35.574

34.109

13.218

IDH e faixa (2010)

0,689
(médio)

0,659
(médio)

0,661
(médio)

0,577
(baixo)

Mortal. Infantil (2016, x 1k nascidos vivos)

29,13

12,23

21,92

9,62

Int. diarreia (2016; x 1k hab.)

0,10

1,40

13,20

1,10

Estabelec. SUS (IBGE, 2009)

11

8

24

8

Microrregião

Entorno de Brasília

Vão do Paraná

São Raimundo Nonato

Sertão de Quixeramobim

Mesorregião

Leste Goiano

Leste Goiano

Sudoeste Piauiense

Sertões Cearenses


DATAS E ROTEIRO PRELIMINAR -

SAS BRASIL NO RALLY DOS SERTÕES 2018

ABADIÂNIA (GO)

POSSE
(GO)

S. RAIMUNDO NONATO (PI)

IBARETAMA
(CE)

Data de chegada

16 de agosto

quinta-feira

19 de agosto

domingo

21 de agosto

terça-feira

DESCARTADA

Data da ação

17 de agosto

sexta-feira

20 de agosto

segunda-feira

COINCIDE RS

22 - 23 agosto

quarta-feira/ quinta-feira

COINCIDE RS

Data de partida

18 de agosto

domingo

21 de agosto

terça-feira

24 de agosto

quinta-feira

Saída para

Goiânia (GO)

autódromo 18/8

São Raimundo Nonato

Fortaleza

Duração viagem

1 hora e meia

17 horas

12 horas

Total de noites

2

2

3

Total de refeições

5

5

8

5

Cafés manhã (x 40)

2

2

3

2

Almoços (x 40)

1

1

2

1

Jantares (x 40)

2

2

3

2


INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES, CIDADE A CIDADE

Incluem curiosidades políticas, histórias e fatos demográficos detalhados

ABADIÂNIA (GO)

Goiás já é um Estado tradicional do SAS Brasil durante as expedições do Rally dos Sertões, mas estamos sempre em busca de novas cidades goianienses, alinhados aos nossos valores de levar o acesso à saúde a lugares carentes. Abadiânia surgiu no radar do SAS Brasil por convite de João de Deus, conhecido médium da Casa de Dom Inácio de Loyola, localizada na cidade. Ainda é uma dúvida a visita à cidade uma vez que depende da mobilização do médium para que aconteça. Se for o caso, a visita acontecerá ainda antes do início oficial do Rally dos Sertões. Abadiânia (GO) no G1.

O atual (2017-2020) prefeito abadianense é Jose Aparecido Alves Diniz (PSD), nascido em 1964 em Corumbá de Goiás (GO). Em 2014, foi preso por propaganda eleitoral irregular. Da mesma cidade do prefeito são os responsáveis pelo povoamento da região, atraídos pela fertilidade das terras para exploração agrícola e pastoril, às margens do Rio Capivari e Córrego Caruru. O povoado foi fundado em 1874, recebendo o nome de “Posse” em 1895 quando a primeira moradora do local, dona Emerenciana, obteve doação do terreno. Em 1943, passou à condição de distrito do município de Corumbá de Goiás. Em 1963, o distrito de Posse d'Abadia foi criado e anexado ao município de Abadiânia. Hoje o município é constituído de dois distritos: Abadiânia e Posse d'Abadia. O nome faz referência à padroeira Nossa Senhora da Abadia. Presença online da Prefeitura: site, Facebook, Instagram.

Na área da educação, Abadiânia tem 11 escolas de ensino fundamental (6 municipais, 2 estaduais, 3 privadas) e 2 de ensino médio (uma estadual e uma privada). Na rede pública, são 246 crianças matriculadas no ensino pré-escolar, 1.715 no ensino fundamental e 506 no ensino médio (dados INEP 2013, Ministério da Educação). O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica de Abadiânia é de 4,9 (93º/240 em GO; Goiânia: 4,6; São Paulo: 4,2). Abadiânia tem (2010) 3.745 crianças e adolescentes com até 15 anos (23,77% da população). A razão de dependência da população é de 44,72% (<15 e > 65 x 15 a 64.

Na área de saúde, não há especialistas de ginecologia, oftalmologia, dermatologia ou odontologia. Há 11 estabelecimentos públicos municipais de saúde, sem leitos para internação. O mapa da pobreza e desigualdade (2013) aponta incidência de pobreza de 38,85%, 153º/242 em GO (Goiânia: 13,99%, 241º/242 em GO; São Paulo: 28,09, 292º/645 em SP) e Índice de Gini 0,42, 61º/242 em GO (Goiânia: 0,42, 69º/242 em GO; São Paulo: 0,45, 33º/645 em SP). O IDH (2010) é 0,689, 135º/246 em GO (Goiânia: 0,799, 1º/246 em GO).

Entre 2000 e 2010, a população de Abadiânia cresceu a uma taxa média anual de 3,24%, enquanto no Brasil foi de 1,17%, no mesmo período. Nesta década, a taxa de urbanização do município passou de 62,92% para 68,40%. Em 2010 viviam, no município, 15.757 pessoas (51,34% masculina, 48,66% feminina). A população rural é de 31,60%.


POSSE (GO)

Embora Goiás já seja um tradicional Estado do SAS Brasil nas expedições do Rally dos Sertões, estamos sempre em busca de novas cidades goianienses, alinhados aos nossos valores de levar o acesso à saúde a lugares carentes. Posse é uma das cidades do trajeto do Rally dos Sertões 2018 (etapa 2, 20/8: Formosa/GO - Posse/GO; etapa 3, 21/8: Posse/GO - Luis Eduardo Magalhães/BA). Posse (GO) no G1.

O atual (2017-2020) prefeito possense é Wilton Barbosa (Partido Republicano da Ordem Social, PROS, embora eleito por coalizão liderada pelo PSDB), nascido em 1967 em Brasília (DF). O  primitivo Arraial de Posse, situado abaixo da confluência do Rio Prata com o Corrente, zona campestre de magníficas pastagens naturais, foi fundado, no início do século 19, por imigrantes nordestinos que, fugindo das secas, vinham à procura de boas terras para o cultivo de cereais. A autonomia de Posse foi concedida em 1872, com denominação de “Nossa Senhora Santana de Posse”, mais tarde alterada para o nome original, Posse.

O grande salto para o desenvolvimento de Posse foi dado com a inauguração da rodovia asfaltada BR-020, Brasília-Salvador, que passa pelo município, a partir dos fins da década de 1970. O topônimo é decorrente do “apoderamento” da área à margem do Córrego Passagem dos Gerais pelos primeiros habitantes. Presença online da Prefeitura: site.

Na área da educação, Posse tem 30 escolas de ensino fundamental (19 municipais, 8 estaduais, 3 privadas) e 6 de ensino médio (uma municipal, 4 estaduais e uma privada). Na rede pública, são 552 crianças matriculadas no ensino pré-escolar, 5.253 no ensino fundamental e 1.441 no ensino médio (dados INEP 2013, Ministério da Educação). O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica de Posse é de 4,9 (74º/240 em GO; Goiânia: 4,6; São Paulo: 4,2). Posse tem (2010) 8.956 crianças e adolescentes com até 15 anos (28,51% da população). A razão de dependência da população é de 50,37% (<15 e > 65 x 15 a 64).

Na área de saúde, não há especialistas de ginecologia, oftalmologia, dermatologia ou odontologia. Há 15 estabelecimentos públicos municipais de saúde, sem leitos para internação. O mapa da pobreza e desigualdade (2013) aponta incidência de pobreza de 50,97%, 42º/242 em GO (Goiânia: 13,99%, 241º/242 em GO; São Paulo: 28,09, 292º/645 em SP) e Índice de Gini 0,42, 51º/242 em GO (Goiânia: 0,42, 69º/242 em GO; São Paulo: 0,45, 33º/645 em SP). O IDH (2010) é 0,659, 206º/246 em GO (Goiânia: 0,799, 1º/246 em GO).

Entre 2000 e 2010, a população de Posse cresceu a uma taxa média anual de 1,78%, enquanto no Brasil foi de 1,17%, no mesmo período. Nesta década, a taxa de urbanização do município passou de 69,83% para 76,19%. Em 2010 viviam, no município, 31.419 pessoas (50,69 masculina, 49,31% feminina). A população rural é de 23,81%.


SÃO RAIMUNDO NONATO (PI)

Se essa cidade for confirmada, será a primeira vez que o SAS Brasil atende no Piauí. Nonato também coincide com o trajeto do Rally dos Sertões 2018 (etapa 5, 23/8: Barra/BA - São Raimundo Nonato/PI; etapa 6, 24/8: São Raimundo Nonato/PI - Juazeiro do Norte/CE), o que fará com que tenhamos 2 cidades comuns com a prova. A cidade é famosa mundialmente pela arqueologia, conhecida como “capital da arqueologia piauiense”. Em agosto, ocorrem festas em homenagem ao padroeiro do município, São Raimundo Nonato. Nonato no G1.

A atual (2017-2020) prefeita são-raimundense é Carmelita de Castro Silva (PP), nascida em 1968 na cidade. A origem da cidade envolve disputa entre jesuítas, índios tapuias, colonos e aventureiros. D. João Amorim Pereira, governador da Capitania do Piauí, ordenou a José Dias, conhecido como “comandante Zé Dias”, que conquistasse a região. Com a conquista, 8 anos mais tarde, Dias distribuiu as terras entre companheiros de expedição. Por decreto da Regência do Império, em 1832, Nonato foi elevado a distrito eclesiástico, com sede em um lugar denominado Confusões. Foi transferido em 1836 para Jenipapo, onde prosperava um núcleo dedicado à lavoura e à pecuária. Elevado à categoria de vila e município em 1850, adquiriu status de cidade em 1912. Presença online da Prefeitura: site, Facebook, Instagram. Vale destacar que são muito organizados na comunicação feita pelos canais.

Na área da educação, a cidade tem 35 escolas de ensino fundamental (25 municipais, 4 estaduais, 6 privadas) e 6 de ensino médio (3 estaduais, uma federal e 2 privadas). Na rede pública, são 514 crianças matriculadas no ensino pré-escolar, 4.047 no ensino fundamental e 1.477 no ensino médio (dados INEP 2013, Ministério da Educação). O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica é de 3,0 (173º/211 no PI; Teresina: 3,9; São Paulo: 4,2). Nonato tem (2010) 8.699 crianças e adolescentes com até 15 anos (26,91% da população). A razão de dependência da população é de 51,03% (<15 e > 65 x 15 a 64).

Na área de saúde, não há especialistas de ginecologia (há 1 de obstetrícia), oftalmologia, dermatologia ou odontologia. Há 25 estabelecimentos públicos municipais de saúde, 1 deles com leitos para internação. O mapa da pobreza e desigualdade (2013) aponta incidência de pobreza de 53,95%, 135º/221 no PI (Teresina: 47,39%, 216º/242 no PI; São Paulo: 28,09, 292º/645 em SP) e Índice de Gini 0,44, 9º/221 no PI (Teresina: 0,50, /221 no PI; São Paulo: 0,45, 33º/645 em SP). O IDH (2010) é 0,661, 7º/224 no PI (Teresina: 0,751, /224 no PI).

Entre 2000 e 2010, a população de São Raimundo Nonato cresceu a uma taxa média anual de 1,97%, enquanto no Brasil foi de 1,17%, no mesmo período. Nesta década, a taxa de urbanização do município passou de 64,65% para 65,78%. Em 2010 viviam, no município, 32.327 pessoas (49,18% masculina, 50,82% feminina). A população rural é de 34,22%.


IBARETAMA (CE)

Já estivemos mais de uma vez no Ceará, mas não na região de Ibaretama, localizada no Sertão de Quixeramobim. A cidade não coincide com o trajeto do Rally dos Sertões 2018 (fica a 729 km de São Raimundo Nonato e a 354 km de Juazeiro do Norte/CE, a cidade seguinte no roteiro). O nome da cidade tem uma contradição. Vem do tupi-guarani e significa “terra frutífera” (de “ibá”, fruto, árvore frutífera, e “retam”: terra natal, pátria, região), mas não é o caso da região. A cidade já foi chamada de Serra Azul, São Luís e, desde 1938, recebeu o nome atual. Ibaretama no G1.

O atual (2017-2020) prefeito ibaretamense é Francisco Edson de Moraes (então Partido do Movimento Democrático Brasileiro, PMDB, atual MDB), nascido em 1947 na cidade cearense de Ibicuitinga. A região entre os rios Piranji, Choró e Sitiá era habitada por índios jenipapo, kanyndé, biques, choró, quesito e quixadá. A história da cidade teve início em 1905, com a doação de terras nas quais seria construída, em 1909, uma capela em homenagem a Nossa Senhora Auxiliadora. Em 1911, o lugarejo passou a ser distrito (Serra Azul e depois São Luís), até ser denominada Ibaretama. Até 1988, foi distrito do município de Quixadá. Presença online da Prefeitura: site, Facebook (não tem Instagram).

Na área da educação, a cidade tem 18 escolas de ensino fundamental (17 municipais e uma privada) e 1 de ensino médio (estadual). Na rede pública, são 317 crianças matriculadas no ensino pré-escolar, 2.168 no ensino fundamental e 587 no ensino médio (dados INEP 2013, Ministério da Educação). O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica é de 3,2 (181º/184 no CE; Fortaleza: 3,8; São Paulo: 4,2). A cidade tem (2010) 3.780 crianças e adolescentes com até 15 anos (29,25% da população). A razão de dependência da população é de 59,95% (<15 e > 65 x 15 a 64).

Na de saúde, não há especialistas de gineco (há 1 de obstetrícia), oftalmo, dermato ou odonto. Há 8 estabelecimentos públicos municipais de saúde, sem leitos para internação. O mapa da pobreza e desigualdade (2013) aponta incidência de pobreza de 64,05%, 59º/184 no CE (Fortaleza: 43,17%, 180º/184 no CE; São Paulo: 28,09, 292º/645 em SP) e Índice de Gini 0,39, 154º/184 no CE (Fortaleza: 0,51, 1º/184 no CE; São Paulo: 0,45, 33º/645 em SP). O IDH (2010) é 0,577, 166º/184 no CE (Fortaleza: 0,754, 1º/184 no CE).

Entre 2000 e 2010, a população de Ibaretama cresceu a uma taxa média anual de 0,28%, enquanto no Brasil foi de 1,17%, no mesmo período. Nesta década, a taxa de urbanização do município passou de 26,80% para 34,41%. Em 2010 viviam, no município, 12.922 pessoas (51,59% masculina, 48,41% feminina). A população rural é de 65,59%.


CONTATOS

Acesse a planilha completa de contatos nas cidades

IMPRENSA LOCAL

Em breve, assim que cidades forem confirmadas

ABADIÂNIA (GO)

POSSE (GO)

SÃO RAIMUNDO NONATO (PI)

IBARETAMA (CE)

Fontes das informações deste relatório: portal Cidades do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil, PNUD (Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento), canais oficiais (sites, redes sociais) das prefeituras dos municípios pesquisados, imprensa local

Autoria: Coordenação de Comunicação e Captação SAS Brasil |  gabriel@sasbrasil.org.br | junho 2018