¬†Humor preconceituoso ūüĎļūüĎŅūüĎĻūüĎĹūü§™¬†Engodo dos preconceitos,¬†a arma da 5GW, a Guerra de Quinta Gera√ß√£o,

 Evite ser usado nessa luta dissimulada!

 Descubra o que querem que ninguém saiba!

¬†via MEGA paper¬†ūüÜďūüďö ¬†ūüÜė¬†ūüĎļūüĎŅūüĎĻūüĎĹūü§™ūüŹ¶ūüĆź¬†

ūüďö ¬†http://bit.ly/humorismo¬† ‚ēį‚ėÜ‚ēģ¬†Pesquisa, compila√ß√£o e edi√ß√£o:¬†Professor PADilla, desde 1992, docente na UFRGS onde ingressou por concurso p√ļblico, nomeado na vaga da aposentadoria do saudoso Athos Gusm√£o Carneiro. A partir de 1995, criou e desenvolveu o Direito Desportivo http://bit.ly/Ufrgs¬†e a Teoria Transdisciplinar; Master NLP e Mestre por Salamanca, Valladolid y Leon ūüá™ūüáł; o engajamento em causas humanit√°rias, a pesquisa e o trabalho em prol do desenvolvimento humano outorgaram-lhe os t√≠tulos de Comendador,¬†Doutor Honoris Causa e Embaixador da Paz. ‚ēį‚ėÜ‚ēģ

  O segredo do sucesso é ir de fracasso em fracasso sem perder o entusiasmo.

 O empowerment melhora qualquer tipo de atividade: http://www.padilla.adv.br/alegre 

  Contudo, é preciso distinguir o bom humor da manipulação através das piadas contendo preconceitos sempre conta determinado segmento:

  JoZé Mauro de Vasconcelos era especialista em humor sadio até quando usava tipos, como ao contar sobre o italiano assistindo ao futebol pela 1ª vez: vídeo estava em https://vimeo.com/198904772 infelizmente, nosso canal do youtuybe foi deletados pelos globalistas...

 Ou na escalação da equipe de futebol com nomes estranhos: https://youtu.be/4mpAx52bK_E 

  A vida é uma competição experimentando características onde só sobrevivem as mais adaptadas.

¬† A evolu√ß√£o humana remonta milh√Ķes de anos quando o primeiro primata tornou-se superior decidindo andar ereto.

¬†O humor foi selecionado como uma das mais destacadas caracter√≠sticas humanas sendo fundamental para a sa√ļde e a motiva√ß√£o ante as dificuldades.

   Qual é a diferença entre humor sadio, alavancando as potencialidades (empowerment), e a troça manipuladora?

  O humor preconceituoso é uma das ferramentas da HEM, a hipnose em massa através da qual temos sido mantidos em uma escravidão dissimulada, sabia? http://bit.ly/humorismo

Aprendendo a diferenciar o humor bom do preconceituoso, usado para manipular: https://docs.google.com/document/d/1m_Fdg64jimEqMIInTbn61Z6qtMYvZYjx6OkYgzIw76c/pub   

Como desmancharam o Rio Grande do Sul: https://padilla-luiz.blogspot.com/2020/07/como-desmancharam-o-rio-grande-do-sul.html 

¬† Grande parte da realidade √© totalmente desconhecida do p√ļblico devido √† espiral do sil√™ncio da ¬†HEM, a hipnose em massa, uma esp√©cie de escraviza√ß√£o dissimulada. Nela, ao inv√©s de correntes-grilh√Ķes, somos aprisionados por falsas cren√ßas e invers√£o de valores onda uma percep√ß√£o faltasiosa onde a realidade do que cremos √© distinta do real e induz h√°bitos e comportamentos realimentadores do processo de desinforma√ß√£o e de degrada√ß√£o da sa√ļde facilitando a idiotiza√ß√£o: http://padilla-luiz.blogspot.com/2016/03/alimentacao-longevidade-cerebro.htm¬†

¬† Esse holograma ou matrix √© promovido pelos controladores globalistas¬†atrav√©s da rede de desinforma√ß√£o constitu√≠da pela m√≠dia e falsos-l√≠deres pilotados para, dissimuladamente, realizar as estrat√©gias idiotizadores. √Č a 5GW, a Guerra de ¬†5¬ļ Gera√ß√£o.

   Para entender a HEM, hipnose em massa, examine este artigo: http://bit.ly/hipnose-massa  

¬† ¬† ¬†Para saber mais sobre a 5GW, Guerra de ¬†5¬ļ Gera√ß√£o, clique aqui:¬†http://bit.ly/5-guerra¬†

     Uma das ferramentas da 5GW e HEM é a criação de preconceitos e manipulação das crenças usando o humor.

 A predisposição humana para rir de uma desgraça foi selecionada pela natureza?

¬†Faz sentido! ¬†Ap√≥s milh√Ķes de anos de evolu√ß√£o, passamos a viver aglomerados somente nos √ļltimos dez mil anos.

passou a ser usada, nos grupos, pelos manipuladores para induzir crenças e alterar valores.

 Os mutantes desumanos (2% da população) não se constrangem em usar o humor para criarem discriminação mesmo quando prejudica uma quantidade enorme de pessoas.

  Assim, na conscientização libertadora precisamos começar a aprender a distinguir o bom humor sadio o qual ajuda a viver mais e melhor do uso maledicente para camuflar as bandidagens e criar ambiente propício aos malvados.

   Será fácil entender a partir de exemplos de como manipulam com humor:

¬† ¬†O 1¬ļ exemplo: ¬†o ¬†humor escrachando¬†valores religiosos:

¬† √Č comum, no Natal, maior festa crist√£, piadas sobre Cristo. O objetivo do humor √© fomentar o desrespeito ao √≠cone da maior religi√£o do planeta!

¬† O 2¬ļ exemplo: ¬†o ¬†humor usando grupos humanos desde exacerbando o machismo¬†at√© escrachar as diversidades:

¬†2.1. A piada abaixo ilustra como os Controladores globalistas promovem a degrada√ß√£o da sa√ļde f√≠sica e ps√≠quica para facilitar a HEM idiotizante.

 Para o Macho Alegre, a piada parece sensacional e, rapidamente, a viraliza. Contudo, veja bem como a manipulação disfarça-se:


1¬ļ. A masturba√ß√£o eventual pode ser saud√°vel.¬†Contudo, torn√°-la um h√°bito, como subliminarmente sugere, √© patol√≥gico.

 A pornografia altera o cérebro criando dependência, como as drogas! Masturbação idem.  Assim, a ciência explica porque a "esquerda" incentiva a sexualidade inconsequente e imatura: querem criar isolamento e idiotização, características facilitadoras da manipulação. Aprofunde aqui: https://t.co/WIyjEAjgah   Vídeo completo em https://padrepauloricardo.org/cursos/o-mal-da-pornografia-e-da-masturbacao 
¬† A esquerda promove a idiotiza√ß√£o e, contudo, √© financiada pelos mesmos Controladores da falsa direita a qual finge combater sem, contudo, promover a√ß√Ķes eficazes. A falsa direita √© composta pelas lideran√ßas artificialmente alavancadas pelos Controladores para impedir o desenvolvimento de lideran√ßas aut√™nticas porque passam a serem seguidos por uma legi√£o de patriotetas¬†- isto √© - os patriotas que, sem saber, auxiliam os interesses alien√≠genas n√£o apoiando as lideran√ßas aut√™nticas as quais, al√©m de precisarem trabalhar para o sustento, t√£o logo revelam a sua voca√ß√£o ou predisposi√ß√£o para trabalhar por 1 MMM, um Mundo Muito Melhor, passam a serem alvo de uma sucess√£o de sabotagens dissimuladas.
Essa propaganda disfarçada em humor faz parte da sexualização insana da HEM, a hipnose em massa, saiba mais neste artigo:
 https://docs.google.com/document/d/13RnOYN1QAy2W2StSZHtL6LwBEWx7iKBLYHPr2LOzlws/pub 

¬†2¬ļ. A cerveja, como um dos alimentos eventuais, √© √≥tima. Como v√≠cio, altera o metabolismo criando depend√™ncia e facilitando a degrada√ß√£o sist√™mica e, se for cerveja industrializada, a√≠ √© morte certa! Elas cont√©m 30% de a√ß√ļcar para reduzir o custo de produ√ß√£o substituindo a 50 vezes mais cara cevada e disfar√ßando a √°gua horr√≠vel usada!
3¬ļ. A pizza e os refrigerantes s√£o os piores "alimentos"
¬†http://bit.ly/refrigernte¬†¬†Pizza cont√©m a√ß√ļcar na massa, no molho e nos insumos causando 142 doen√ßas! http://bit.ly/acucarada

¬†¬†E ainda tem muito gl√ļten o qual, para a maioria da popula√ß√£o, entre as pessoas de sangue tipo O, √© t√≥xico.
¬†4¬ļ. Agregue, na pizza e cervejas ruins, o
fl√ļor da √°gua encanada¬†usada nisso tudo o qual causa hipotireoidismo, redu√ß√£o da capacidade cognitiva e elimina√ß√£o da intui√ß√£o:¬†http://bit.ly/fluor-envenena¬†

¬† ¬†5¬ļ. A √°gua encanada tamb√©m cont√©m horm√īnio feminino fazendo muito mal aos homens. Ali√°s, √© a principal causa n√£o acidental da estat√≠stica de vida inferior dos machos: saiba mais¬†http://bit.ly/6ondas¬†
¬† Cuida da sua sa√ļde em 2017 para viver mais e melhor e construirmos 1 MMM, um Mundo Muito Melhor!

  2.2. A teia de paradoxos do machismo e do feminismo:

¬†Nenhum animal √© t√£o dependente dos seus genitores durante tanto tempo quanto n√≥s. Durante milh√Ķes de anos, machos e f√™meas humanos conviveram e, juntos, criaram as novas gera√ß√Ķes. Contudo, contemporaneamente, essa conviv√™ncia vem sendo muito prejudicada por cren√ßas como o machismo e feminismo.¬†Assista a esse v√≠deo¬†https://www.facebook.com/empodereduasmulheres/videos/975987159141939/¬†demonstrando como a acultura de discrimina√ß√£o, em grande parte baseada no humor, implanta uma inconsciente predisposi√ß√£o a mau tratar o sexo oposto, jogando homens contra mulheres e vice e versa. Constantemente reinventados e habilidosamente espalhados por mentes malignas, os preconceitos induzem os homens e as mulheres a desprezarem o sexo oposto. A predisposi√ß√£o facilita o estra-vazamento das press√Ķes da socializa√ß√£o em atos irracionais quando, a curto prazo, o macho leva a pior ¬†devido √† uma legisla√ß√£o repleta de ‚Äúboas inten√ß√Ķes‚ÄĚ (similar ao caminho do inferno) centrada na Lei Maria da Penha que afasta o pai dos filhos e destr√≥i a fam√≠lia acabando com a base educacional das novas gera√ß√Ķes desencadeando elevad√≠ssimas chances de imaturidade emocional e superficialidade cognitiva, as quais, por sua vez, facilitar√£o a manipula√ß√£o, inserindo a apologia da extravag√Ęncia e coisas como a nefasta ideologia de g√™nero, criada para, atrav√©s da precoce sexualiza√ß√£o das crian√ßas, impedir o desenvolvimento sadio e ¬†retroalimentando o processo de degrada√ß√£o familiar.

¬†A teia de paradoxos do machismo e do feminismo √© parte importante da escravid√£o dissimulada em impostos car√≠ssimos, consumismo desenfreado, ‚Äúprevid√™ncia‚ÄĚ imprevidente e demais engodos do holograma psicopata.

  Saiba mais em

¬†Perigos do falso humanismo ūüĎļūüĎŅūüĎĻūüĎĹ&ūü§™¬†Engodo dos preconceitos e r√≥tulos, as armas da 5GW, Guerra de Quinta Gera√ß√£o.

Da ideologia de gênero ao feminismo, passando pelo machismo…

As emo√ß√Ķes descontroladas e a sexualidade exacerbada tem tr√™s objetivos:

1. Desmanchar a família;

2. Dividir-nos e nos jogando uns contra os outros;

3. Disfarçar a DEPOPULAÇÃO.

4. Esconder a real vítima.

Quem realmente está ameaçado é o homem.

Não acredite: TESTE, confira os dados e saiba mais aqui: http://bit.ly/feminaze 

 O machismo, o feminismo, e os demais engodos dos preconceitos e da emoção descontrolada e sexualidade exacerbada:                                

¬†e-book¬†ūüÜďūüďö http://bit.ly/feminaze¬† ¬† ¬†

Família a sua destruição é o objetivo dos mutantes: https://vimeo.com/229137395/ 

¬†O 3¬ļ exemplo: ¬†o ¬†humor contra culturas nacionalistas:

¬† ūüáßūüá∑ A cultura √© um patrim√īnio digno de prote√ß√£o. Pr√©dios costumam ser tombados. De t√£o importante, in√ļmeros os organismos criados para proteger algumas...
ūüôÉ
  Contudo, outras sofrem. Exemplo é o ocaso forçado da cultura rio-grandense.
Apesar dos muitos espa√ßos dispon√≠veis, o poder p√ļblico, controlado por sucessivos governos
globalistas, recusa sede para a Academia Rio Grandense de Letras.
ūüė≤
Entre as culturas regionais do Brasil, a Riograndense foi a √ļnica a sobreviver √†
globaliza√ß√£o¬†e at√© come√ßou a se espalhar pelo mundo. Sabias haver CTGs, Centros de Tradi√ß√£o Ga√ļcha, em locais long√≠nquos?

¬†ūüĎäūüŹĽ
D
urante d√©cadas neste continente, o nacionalismo da cultura ga√ļcha foi o maior entrave aos globalistas.
ūü§ú
¬†Nacionalistas educados na cultura ga√ļcha impediram os
globalistas de consolidar o domínio sobre o Brasil.
ūüíį
Ao se tornar a 4ª maior economia mundial, atraímos a atenção dos
Rotschield. Eles acabaram com o reinado de Dom Pedro II, cujo maior aliado na moderniza√ß√£o¬†foi um ga√ļcho de Arroio Grande, Irineu Evangelista de Souza.
‚öĒÔłŹ
¬†Em 1902, 1930, 1951 e 1964, a cultura ga√ļcha defenderam o nacionalismo derrotando o
globalismo.
 As causas do atraso do RS, os verdadeiros heróis do nacionalismo, e as suas
façanhas, nesta live: http://bit.ly/desmancheRS

ūüĎģūüŹľ‚Äć‚ôāÔłŹ
Ao fim do governo militar, outro ga√ļcho nacionalista, disc√≠pulo do maior estadista, amea√ßava os interesses globalistas:
http://bit.ly/idolatria-politica¬† ūüĎŅ
Os Controladores reagiram e retroagiram o Rio Grande do Sul à fronteira do atraso.
ūüĎļ
Para degradar nossa cultura, usaram o humor preconceituoso, não sadio, o qual vai colocando falsas crenças no inconsciente até subverter os valores!
ūüĎĻ
Promoveram sucessivas e intermin√°veis piadas sobre ga√ļchos para desencadear a rejei√ß√£o √† nossa cultura.
ūü§°
Entenda o poder de manipulação do humor preconceituoso aqui
http://bit.ly/humorismo 
ūüéľ
‚Ä™ At√© a magn√≠fica can√ß√£o Veterano sofreu censura por aludir √† Guerra dos Farrapos, ilustrando a persegui√ß√£o globalista promovida contra a cultura ga√ļcha e a economia do RS.
ūüéĮ Confira ¬†a melodia na correta apresenta√ß√£o de Leopoldo Rassier:¬†https://youtu.be/PVJW0OPLhxk¬†‚Ĩ

¬† O bairrismo anti Ga√ļcho √© um dissimulado¬†bullying¬†contra a Cultura Rio-Grandense?

  O empowerment melhora qualquer atividade.  Alma Alegre é um lembrete para vivermos com bom humor e livres de preconceitos http://www.padilla.adv.br/alegre/  Apelidamos de Alma Alegre o newsletter criado em meados dos anos 90 para lembrar de vivermos focados no bom humor. CONTUDO livres de preconceitos.

¬†O BAIRRISMO contra a CULTURA GA√öCHA ilustra bem a diferen√ßa entre o bom humor e o seu USO para o mal. Atrav√©s das piadas discriminat√≥rias, disfar√ßadamente fazem bullying, criam e aumentam os preconceitos. Seres do mal as disseminam para destruir culturas e, como a ga√ļcha, e atrav√©s de cren√ßas falsas e valores paradoxais, dominarem a sociedade. ¬†Covardes que s√£o http://bit.ly/desumanos¬†- os manipuladores espalham mentiras para desacreditar e disseminam a inf√Ęmia escondidos, em grupos ou conversas onde a v√≠tima n√£o tem acesso e n√£o poder√° se defender.

 Criam uma rede psicopateta, composta pelos idiotizados-idólatras, usando-a para espalhar e repetir as mentiras por variados ventríloquos http://bit.ly/perigosos  ao ponto de, mesmo pessoas com discernimento, podem ser induzidas a acreditar.

 Algumas pessoas decentes percebem a mentira e, sem se darem conta, ajudam a espalhar o mal. Ao permanecermos calados diante da mentira, evita-se sair da zona de conforto, contudo, valida-se a falsidade com o silêncio.

 Eu próprio já fiz isso sem me dar conta porque, diante de uma manifestação não verdadeira, reação alguma esbocei...

  Defender verdade coloca-nos em conflito com os mentirosos.

Contudo, se queremos a paz, precisamos defender a verdade sempre e intransigentemente.

¬†Em poucos meses, nos anos noventa, o grupo-news letter "Alma Alegre" ultrapassou um bilh√£o de leituras http://www.padilla.adv.br/alegre/gaucho/¬† a cr√≠tica ao dissimulado bullying contra a cultura ga√ļcha iniciado pela Rede Globo nos anos noventa. O que achas?

¬†Note a diferen√ßa da conduta da imprensa estrangeira comparada √† brasileira, a qual cria a alimenta o preconceito. Uma equipe de 8 pessoas da NBC (EUA) veio fazer a cobertura da Olimp‚Äč√≠‚Äčada‚Äč do Rio e viu (e filmou!) bastante do Brasil. Pois o que mais impressionou os gringos foi a cultura dos Ga√ļchos e do Pampa. Eles produziram uma s√©rie de document√°rio‚Äčs‚Äč a serem exibidos nos Estados Unidos. Deixaram pouco de lado praias, carnaval, fubangagem e futebol, para fazer um retrato de nossa Campanha e do Campeiro. Assista ao ‚ÄúGaucho way‚ÄĚ em https://vimeo.com/185063804/¬†

¬† Churrasco de bebados vira um inc√™ndio. Ai, para continuar o esculacho contra a cultura ga√ļcha colocam uma trilha sonora. Humor preconceituoso: https://vimeo.com/201533299¬†

  

Página em permanente construção*

Para realizar grandes sonhos¬†necessitamos ‚ēį‚ėÜ‚ēģGrandes sonhos!¬†[Hans Seyle]

Aperfei√ßoando-nos adultos √ćndigo e Cristal despertos constroem 1 MMM‚ēį‚ėÜ‚ēģum Mundo Muito Melhor‚ēį‚ėÜ‚ēģa Humanidade ingressando em uma era de Paz¬†http://bit.ly/adulto-indigo

 

Seria c√īmico, n√£o fosse tr√°gico, esse‚Ķ

Bairrismo anti-ga√ļcho

Essa ciumeira

escancarada¬†em ‚Äúpiadas‚ÄĚ pretendendo diminuir a ...

Import√Ęncia da cultura¬†‚Äúga√ļcha‚ÄĚ

e de nossa gente:

O Rio Grande do Sul fica no extremo sul do  entre o Uruguai e a Argentina. Na convenção geográfica mais usual,  o Sul fica em baixo. Assim, caçoam ser o fim do país:

       

Contudo, era exatamente o contr√°rio porque, at√© os anos oitenta, a cultura ga√ļcha promoveu o desenvolvimento n√£o apenas do Rio Grande do Sul como do Brasil sob a sua influ√™ncia.

A começar pela geografia:     A maior praia do mundo,   Cassino,   na cidade de Rio Grande, possui 220 Km de extensão, uma imensidão em linha reta praticamente ligando o Brasil ao Uruguai.   Paralelo ao litoral, encontramos a maior lagoa do mundo,  a Lagoa dos Patos, cobrindo uma área de 9.850 Km².

O esporte mais importante do país é o futebol. Apesar de RJ e SP disputam a mais tempo e com muito mais clubes,   o Rio Grande do         Sul possui a maior quantidade de títulos nacionais.  Conheça a verdadeira história do futebol clicando aqui

http://padilla-luiz.blogspot.com.br/2015/09/idolatria-no-futebol.html 

G R Ê M I O   Football  Portoalegrense

Sport  Club   I N T E R N A C I O N A L

Os melhores times do mundo?

 

     

Saudoso Fernando e jogadores do internacional erguem a taça de campeão do mundo

¬† ¬† ¬† ¬† Parab√©ns¬†√† todos¬†colorados¬†e gremistas¬†conversam igual sobre os dois¬†times campe√Ķes do mundo da Capital ga√ļcha! O inter venceu o Barcelona em uma de suas melhores fases. Houve forte marca√ß√£o do colorado. Ronaldinho Ga√ļcho foi anulado, um passe ali outro por l√°, e ficou sem mostrar todas qualidades em que ele mesmo j√° demonstrou em alguns gols contra o pr√≥prio Internacional, ¬†em¬† gre-nais¬†passados.

¬†¬†¬†¬†¬†¬†¬†¬†Ah, n√£o podemos esquecer de uma coisa... Ultimamente tem se ouvido falar no futebol em "jogador predestinado", sempre achei coisa de gente que gosta de inventar moda para o futebol, como "quarteto m√°gico" e tal, contudo, nesse jogo do mundial um jogador sempre vaiado por sua torcida, pressionado pelos comentaristas esportivos, criticado, aquele que ao pisar no gramado e a torcida vaiava, entrou no segundo tempo e marcou o gol consagrando o Sport Club Internacional! Predestinado ou n√£o, a torcida do Inter n√£o esque√ßa o nome¬†Adriano Gabiru. Assim, como todos gremistas n√£o esqueceram:¬†Renato Ga√ļcho o qual consagrou o mundial para o tricolor ga√ļcho em 1983

O t√©cnico¬†pentacampe√£o¬†do mundo¬†sele√ß√£o brasileira de 2002 foi o ga√ļcho¬†Felip√£o. ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬†¬†¬†¬†¬†¬†¬†¬†¬†.

O¬†melhor jogador de futebol do mundo¬†n√£o √© o ga√ļcha Ronaldinho. ¬† ¬†Despontou pelo Gr√™mio quando havia um outro Ronaldinho na Sele√ß√£o Brasileira, contudo, foi t√£o bom que o "outro" ¬†virou Ronaldo Naz√°rio. ¬† ¬† ¬†Em 1900 surgiu o Sport Club Rio Grande, o clube mais antigo do Brasil, ainda existente e disputando a primeira divis√£o do gauch√£o. ¬† ¬† Ali√°s, ¬† a cidade de Rio Grande det√©m uma rela√ß√£o de recordes como a primeira do pa√≠s. Saiba mais sobre a primazia da cidade Rio Grande clicando¬†aqui

Saiba mais sobre a import√Ęncia atual de Ronaldinho e a idolatria clicando¬†aqui¬†ou copie para o navegador http://padilla-luiz.blogspot.com.br/2015/09/idolatria-no-futebol.html¬† vers√£o atualizada e ampliada de http://www.padilla.adv.br/desportivo/idolatria

¬†-¬īT√°... Mas √© s√≥ isto: ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† futebol ? N√£o, porque...

Os ga√ļchas¬†destacam-se com campe√Ķes mundiais¬†nos mais variados esportes, ¬†da¬†vela¬†√†¬†gin√°stica ol√≠mpica¬†(Daiane), ¬†passando pelo supino (Adrian David Ocampo¬†de Gravata√≠¬†levanta 200kg) ¬† Saiba mais sobre esportes ol√≠mpicos¬†clicando aqui¬†

Em 1963 realizamos a Universíade, o maior evento desportivo do mundo ao sul do equador no século XX.   Para saber mais a respeito clique aqui http://padilla-luiz.blogspot.com.br/2013/11/universiade-63-maior-evento-esportivo.html

No Jud√ī¬†que conjuga esporte e Arte Marcial¬†saiba + sobre artes marciais clicando aqui dia 10 de setembro de 2005 Jo√£o Derly¬†atleta da¬†SoGiPA¬†(Sociedade Gin√°stica de Porto Alegre, ¬†aqui do lado de nosso escrit√≥rio, veja no mapa clicando aqui)¬†conquistou a medalha de ouro¬†no Campeonato Mundial vencendo 307 atletas no Cairo, Egito. ¬† No dia seguinte, j√ļri dos jornalistas e membros da FIJ Federa√ß√£o Internacional de Jud√ī¬† elegeram-no o¬†Melhor Atleta do Mundo. ¬†O favoritismo confirmou-se em 2006.

N√£o s√£o feitos isolados e citar todos exemplos demandaria muito espa√ßo. Em setembro de 1996 o ga√ļcha¬†Handel Dias¬†ent√£o estudante hoje mestrando pela UFRGS e professor de direito no IPA, Instituto PortoAlegre, ¬†foi o primeiro ocidental no mundo, ¬†¬†e o √ļnico at√© hoje¬†em mais de trinta edi√ß√Ķes da competi√ß√£o, ¬†a vencer o Karate Annual Tournement no Jap√£o. ¬† Veja detalhes do feito clicando aqui

- Sim... Mas é só isto ?    Esportes e lutas ? Não...

O melhor padr√£o/qualidade de vida do Brasil est√° no Sul, e passou a ser exportado. ¬† ¬† O Centro-Oeste virou pot√™ncia agr√≠cola gra√ßas aos ga√ļchos¬†que emigraram.

Nas avalia√ß√Ķes do MEC e Minist√©rio da Sa√ļde, h√° anos, o melhor¬†de todos 234¬†Hospitais Escola do pa√≠s √© o S√£o Lucas/Puc. ¬† ¬† Em v√°rias especialidades a¬†mais avan√ßada medicina da Am√©rica Latina ser√° encontrada na¬†Santa Casa de Miseric√≥rdia de Porto Alegre capitaneada pelo Prof. Jos√© Sperb Sanseverino, professor aposentado e ex-diretor da Faculdade de Direito da UFRGS cuja import√Ęncia podes conhecer clicando aqui UFRGS

Em v√°rias (ou todas?) √°reas os¬†ga√ļchos¬†s√£o destaque. ¬† Olhe na comunica√ß√£o¬†a quantidade de¬†ga√ļchos¬†espalhados pela imprensa nacional e internacional, nas grandes redes. ¬† Na Globo, Alexandre Garcia de Cachoeira do Sul; Carlos Dornelles, Tatiana Nascimento, Giacomo Mancini, Jonas Campos, Sandra Annemberg, Geraldo Hasse, Jos√© Cruz e Souza, Marcos Losekan, Caco Barcelos, Falc√£o, Renato Marsiglia, ¬†Regis Roesing, ¬†e outros cujos nomes me fogem. Nas outras¬†redes tamb√©m, aquele rep√≥rter esportivo da Record (como √© mesmo o nome? Estou ficando velho...?¬†clique aqui)¬†foi da Globo...¬†Olhe nos principais Tribunais¬†(STF, STJ, TST...) quantos s√£o os ga√ļchos...

O povo ga√ļcho¬†√© mundialmente famoso¬†por sua beleza: ¬† ¬†Dia 8 de abril de 2006, no Rio de Janeiro, como no ano passado, e v√°rios anteriores, ¬† foi eleita Miss Brasil a¬†ga√ļcha¬†Rafaela Zanella. ¬† ¬† ¬† ¬†A mais destacada Top Model¬†do mundo¬†√© a ga√ļcha Gisele... ¬† ¬†Nossa beleza √© fruto da peculiar miscigena√ß√£o, clima e h√°bitos culturais e alimentares. ¬† ¬† ¬† Ali√°s... ¬†Qual o prato mais apreciado e popular do pa√≠s e disseminado por todo¬†mundo¬†? Quando o Presidente da Rep√ļblica recebe convidados na Granja do Torto o que ele oferece?... ¬†Um churrasco √†¬†do Espanhol churrascar,¬†varia√ß√£o de socarrar, chamuscar, queimar. Carne bovina ou de outro animal assada, com sal grosso, na grelha ou espeto, em reuni√£o festiva celebrando a amizade, arraigado h√°bito das gentes ga√ļchas, disseminado no Brasil e em outros pa√≠ses. No card√°pio, al√©m da variedade de carnes e acompanhamentos. Em franc√™s, a palavra vem de barbe et queue, do bigode ao rabo, porque assavam animais inteiros.¬† Gibran Khalil Gibran, ¬†quando comp√īs a ode √† beleza, difundido pelo ‚ÄúO Profeta‚ÄĚ, ¬†inspirou-se nesse tipo de miscigena√ß√£o...¬†Confira ouvindo √† excelente tradu√ß√£o de Mansour Chalitta na magn√≠fica interpreta√ß√£o de T√īnio Luna, fa√ßa download do arquivo zipado,¬†clicando aqui¬†‚Äď‚Äď

- ¬īT√°... Maravilhoso, tanta beleza... ¬†Mas, e o resto ?

Os Ga√ļchos¬† corrijam-me se estiver errado ¬†s√£o os √ļnicos brasileiros por op√ß√£o. ¬† ¬† Na Guerra dos Farrapos, ¬† faltavam recursos financeiros para manter a "peleia" contra as tropas imperiais. Os castellanos ofereceram alian√ßa. ¬† ¬†Os ‚ÄúFarrapos‚ÄĚ recusaram porque queriam continuar sendo brasileiros. ¬† ¬† ¬†¬† Se os antepassados soubessem a carga excessiva de impostos¬†que pagamos hoje por sermos brasileiros talvez tivessem feito outra op√ß√£o. ¬† Sobre a EXTORSIVA carga de impostos clique aqui¬†http://padilla-luiz.blogspot.com.br/2015/10/elevam-impostos-e-educacao-piora.html¬†http://padilla-luiz.blogspot.com.br/2015/01/impostos-escravidao-fingindo-liberdade.html¬†http://padilla-luiz.blogspot.com.br/2012/10/impostos-escravidao-moderna-da.html¬†http://padilla-luiz.blogspot.com.br/2015/09/futebol-para-aumentar-impostos.html¬†

O in√≠cio da influ√™ncia ga√ļcha¬†em 1930 coincidiu com a primeira copa do Mundo (a direita, cartaz do 1¬ļ Campeonato Mundial) e, a partir daquele ano, ¬†Get√ļlio, Jo√£o Goulart, M√©dici, e Geisel governaram o Brasil durante 29 anos √† mais de um ter√ßo √≥ 38% do tempo - e metade do tempo restante ga√ļchas ocuparam¬†postos destacados no poder. Mesmo considerando todos 105 anos de Rep√ļblica Brasileira, ga√ļchas governaram diretamente o pa√≠s durante 28% do tempo.

Get√ļlio Vargas o ga√ļcho que mudou o Brasil, ¬†chegou ao poder numa revolu√ß√£o, manteve-se atrav√©s de um golpe, abriu m√£o do poder quando perdeu apoio popular e retornou o poder nos ‚Äúbra√ßos do povo‚ÄĚ, governando durante duas d√©cadas do s√©c.XX. ¬† ¬†Esse conjunto de circunst√Ęncias o torna um √≠cone da hist√≥ria contempor√Ęnea mundial como uma das mais importantes, possivelmente a mais destacada personalidade da hist√≥ria brasileira. ¬† ¬† Foi o Presidente mais importante da Hist√≥ria do Brasil, embora a Rede de TV carioca tente creditar a JK muitos dos feitos de Get√ļlio, ¬† para preparar a candidatura √† Presid√™ncia da Rep√ļblica de outro Mineiro, o filho de Tancredo. ¬†Veja detalhes sobre a import√Ęncia de Get√ļlio clicando aqui ou copie para seu navegador http://padilla-luiz.blogspot.com.br/2004/09/getulio-vargas.html¬†atualiza√ß√£o de¬†www.padilla.adv.br/prof/getulio.htm¬† ¬† ¬†Entenda essa manipula√ß√£o da Rede de TV para preparar a candidatura √† Presid√™ncia da Rep√ļblica clicando aqui ¬† ¬† http://padilla-luiz.blogspot.com.br/2006/05/idolatria-midia-manipula-cria-falsos.html¬†atualiza√ß√£o de http://www.padilla.adv.br/etica/idolatria

A influ√™ncia de Get√ļlio Vargas e de outros rio-grandenses¬†que governaram o Brasil e a r√°pida ascend√™ncia de Leonel Brizola ao retornar do ex√≠lio tornando-se o principal candidato nas primeiras elei√ß√Ķes presidenciais diretas¬†que se avizinhava, ¬† foi o estopim da inveja expressa no bairrismo anti-ga√ļcho¬†deflagrado em 1988.

Leonel Brizola¬†venceria as 1¬™s elei√ß√Ķes diretas para Presidente da Rep√ļblica, ¬†consolidando a hegemonia¬†ga√ļcha iniciada com Get√ļlio Vargas. ¬† ¬† ¬†N√£o estamos falando de ilus√£o, mas da previs√£o do poderoso SNI, Servi√ßo Nacional de Informa√ß√Ķes, que monitorava todos movimentos dos l√≠deres pol√≠ticos, mesmo no ex√≠lio, durante a ‚Äúditadura‚ÄĚ, e na ‚Äúabertura pol√≠tica‚ÄĚ. Os militares queriam saber, de antem√£o, a quem entregaria o poder, para evitar surpresas. Ali√°s, durante todo tempo de funcionamento do SNI, o ¬†‚Äúcaudilho‚ÄĚ ga√ļcho¬†foi objeto da principal monitora√ß√£o pelos aspones:¬†Ningu√©m foi t√£o monitorado como Brizola, porque era o principal expoente e previam que, ao retornar do ex√≠lio, conquistaria a Presid√™ncia da Rep√ļblica.

A ascens√£o natural foi impedida pela manipula√ß√£o subliminar da opini√£o p√ļblica¬†pela mesma Rede de TV. ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† Saiba mais¬†clicando aqui

 

 

 

Os ga√ļchos s√£o os √ļnicos brasileiros a possuir identidade cultural.

Cultura √© muito mais do que¬†um regionalismo: ¬† Possui um conjunto de caracter√≠sticas que a torna especial¬†e √ļnica, despertando paix√£o e inveja... ¬†Conhe√ßa a linguagem Ga√ļcha e algumas comunidades regionalistas no Orkut e noutros grupos clicando¬†aqui

Por n√£o constitu√≠rem culturas, os¬†regionalismos¬†n√£o resistem √† ‚Äúglobaliza√ß√£o‚ÄĚ e desaparecem. Apenas as baianas sobreviveram porque integradas no carnaval ‚Äď festa incorporada pela m√≠dia da mesma Rede de TV que empresta sobrevidaaos malandro carioca, manhoso mineiro e trabalhador paulista. ¬†Nenhum deles √© express√£o de uma cultura, ¬† s√£o meros tipos regionalistas, sobrevivendo gra√ßas √† deliberada preserva√ß√£o pela m√≠dia. Divirta-se com as caricaturas dos¬†tipos brasileiros desaparecidos:

Os tipos brasileiros s√£o objeto de goza√ß√Ķes da turma do Casseta e Planeta desde a d√©cada de setenta, como podemos ver, abaixo, nas imagens das p√°ginas, j√° amareladas, do ‚ÄúPlaneta Di√°rio‚ÄĚ.

O que seria uma brincadeira, h√° algumas d√©cadas, ¬†se transformou numa pervers√£o quando a ‚Äúturma‚ÄĚ dos marketeiros, ¬†percebendo que goza√ß√Ķes assim os auxiliavam a ‚Äúuniformizar‚ÄĚ o pa√≠s, impondo comportamentos (consumistas) com a padroniza√ß√£o de h√°bitos, ¬† contratou os humoristas. O final da est√≥ria todos sabem. Com o tempo, os tipos brasileiros foram desaparecendo, poucos restando.

A baiana foi preservada pela sua associação ao carnaval.

O ga√ļcho remanesceu devido √† sua forte tradi√ß√£o, fomentada pelos CTGs. Mas isto n√£o interessa aos ‚Äúpadr√Ķes‚ÄĚ de consumo, e os ga√ļchos vem sendo alvo de ferrenha goza√ß√£o pela turma do Casseta e Planeta . ¬†(transcrevemos as figuras daqui)

A¬†diferen√ßa entre regionalismos¬†e identidade cultural¬†percebe-se nos exemplos asi√°ticos: a¬†China possui 300 idiomas e, ¬† com dialetos, ¬†soma mil maneiras de falar, contudo, h√° uma cultura chinesa¬†e um idioma oficial, o MANDarim¬†- verbete criado pelos portugueses ao perceber tratar-se da l√≠ngua dos que mandavam... ¬† ¬† ¬†Na √ćndia, a diversidade √© mais impressionante: ¬† S√£o 1300 idiomas e, com dialetos, alcan√ßam 4000 linguagens. ¬†Contudo, ainda assim h√° identidade cultural com peculiaridades regionais... Saiba mais sobre o povo chin√™s e a import√Ęncia da sua cultura clicando aqui¬†

Por conta dessa riqueza cultural do povo ga√ļcho, ¬† h√° milhares de CTGs, Centros de Tradi√ß√£o Ga√ļcha, ¬†espalhados por todos locais do Mundo:¬† ¬† Da Ar√°bia ao Jap√£o, ¬† do Alasca √† Nova Zel√Ęndia...

O Festival Tradicionalista Ga√ļcho¬†ENARTE √© o terceiro maior evento do mundo, e o maior do Brasil, conhe√ßa-o¬†clicando aqui

 

- Satisfeito ?

     - Não    !    ?  ?

             - Queres mais ?

Meu av√ī, ¬†¬† se fosse vivo, ¬†¬† ¬†diria:

‚Äú- A ¬†¬†inveja ¬†√©¬†uma m√©...‚ÄĚ

 

Est√° bem, ent√£o vai:

¬† ¬† ¬† ¬† Tu ¬īt√° sentado, ¬† ¬† ¬† √ī ¬†bagual ¬†? ¬† ¬†

                        Senta  porque  esta   é forte:

Saiba que, ¬† em pleno s√©culo XIX ¬†√† n√£o h√° erro: ¬†√© s√©culo dezenove mesmo (!) ¬† ¬†um ¬†ga√ļcho ¬†inventou o¬†r√°dio e a Tv¬†e concebeu a transmiss√£o por fibras √≥ticas¬†entre outras, ¬†de¬†muitas das inova√ß√Ķes tecnol√≥gicas que te cercam. ¬† ¬† ¬† ¬† Cheeeeeega, ¬† √īinxerid√ļuuuuu ¬†? ¬† Tecnologia n√£o √© coisa do passado: ¬†Porto Alegre √© pioneira no Brasil em rede wireless (sem fio) para acesso √† Internet, de qualquer lugar da cidade, entrando na Internet da pra√ßa, da cal√ßada, de casa, do bar da esquina, ou das praias do Gas√īmetro ao Guaruj√°, bastando ligar seu micro ou notebook com antena oculta ou aberta, ou celular. O sistema j√° funciona no Parque Moinhos de Vento e 350 pontos unir√£o todos bairros at√© o final do ano. N√£o h√° nada igual no Brasil.

Te liga: ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬† ¬†O povo ga√ļcho move o ¬†

Conhe√ßa o ga√ļcho que inventou o¬†r√°dio e a Tv e concebeu a transmiss√£o por fibras √≥ticas¬†entre outras, ¬†de muitas das inova√ß√Ķes tecnol√≥gicas clicando aqui¬†ou copie para seu navegador http://www.padilla.adv.br/prof/radio.htm

 

Ent√£o, ¬† ¬† ¬† ohhhh ¬† ¬† viiiiiiivente, ¬† ¬† ¬†larga desse bairrismo: ¬† ¬† Te embrenha... ¬†¬† ¬† Vem que o povo √© maravilhoso e hospitaleiro, ¬† ¬† ou tu ¬īt√°¬† com medo de te apaixonar, ¬† ¬†√ī bagual¬†?¬† ¬† ¬†Comece conhecendo o ambiente onde toda essa cultura evoluiu, atrav√©s do divertido panorama da obra hist√≥rica de √Črico Ver√≠ssimo¬†clicando¬†aqui

Acentua o revanchismo anti-ga√ļcho¬†o Hino Riograndense cuja principal estrofe diz, ¬† "modestamente":¬† ¬† ¬† ¬†"Sirvam nossas fa√ßanhas de modelo a toda Terra!"¬† ¬†

Hino Rio-Grandense Rio Grande      

Bras√£o do Rio Grande do Sul.

Escute o hino rio-grandense clicando aqui

HINO RIOGRANDENSE              http://www.padilla.adv.br/alegre/gaucho/hino.mp3 

Como a aurora, precursora

do farol da divindade,

foi o Vinte de Setembro

o precursor da liberdade.

Mostremos valor, const√Ęncia,

nesta ímpia e injusta guerra,

sirvam nossas façanhas

de modelo a toda a terra.

Entre nós revive Atenas

Para assombro dos tiranos;

Sejamos gregos na glória,

e na virtude, romanos.

Mostremos valor, const√Ęncia,

nesta ímpia e injusta guerra,

sirvam nossas façanhas

de modelo a toda a terra.

Mas não basta p’ra ser livre

ser forte, aguerrido e bravo;

povo que n√£o tem virtude,

acaba por ser escravo.

Mostremos valor, const√Ęncia,

nesta ímpia e injusta guerra,

sirvam nossas façanhas

de modelo a toda a terra.

Letra de Francisco Pinto da Fontoura

M√ļsica de Joaquim Jos√© de Mendanha

Revis√£o de Ant√īnio Tavares C√īrte Real

A bandeira

Os Ga√ļchos¬† ¬† por ¬† ¬†Arnaldo Jabor

Todo mundo sabe que os sujeitos mais comuns nas piadas contadas por todo o Brasil ou s√£o portugueses ou s√£o ga√ļchos. ¬† ¬† ¬†Mas poucos sabem o porqu√™! As origens est√£o na nossa hist√≥ria e na psicologia humana. ¬† ¬† ¬† Vamos come√ßar pelos portugueses!

Eles são estereotipados como completos idiotas. Os portugueses colonizaram o Brasil por mais de 300 anos.      Eles chegaram no Brasil,levaram todas as nossas riquezas, ignoraram os nossos interesses, e, ainda por cima comiam as nossas índias nativas e as negras trazidas para cá.

Que imagem nós poderíamos criar deles?       O que poderíamos falar deles hoje em dia?

Será que poderíamos dizer:

“ - Oh! Eles descobriram o Brasil. Eles são nossos heróis! “

Claro, que n√£o! ¬† Depois de tudo que eles fizeram, s√≥ podem ser ¬†her√≥is' nas nossas piadas. ¬†Nos resta cham√°-los de tontos e est√ļpidos. ¬† ¬† ¬† ¬†Mas de idiotas eles n√£o tem nada.

Por um grande per√≠odo da hist√≥ria, o imp√©rio Portugu√™s foi t√£o forte quanto fora o Imp√©rio Romano e o quanto √© atualmente o Imp√©rio Americano..... ¬†E os ga√ļchos...?

Assim como os portugueses, os ga√ļchos¬†colonizaram o Brasil. ¬† ¬† O povo ga√ļcho¬†tem tradi√ß√£o e hist√≥ria. ¬† ¬† ¬† ¬†Os ga√ļchos s√£o guerreiros, formaram a sua pr√≥pria ¬†Rep√ļblica! Encabe√ßaram uma revolu√ß√£o que acabou com a Republica Velha do caf√© com leite e introduziu o Estado Novo. ¬†A maior parte dos presidentes e ditadores brasileiros foram ga√ļchos. ¬† ¬† ¬† ¬†O povo ga√ļcho¬†√© o mais politizado e o seu Estado o de melhor qualidade de vida, al√©m do atual melhor jogador do mundo ser Ga√ļcho.

Em todos estados brasileiros existem ga√ļchos bem sucedidos.

Al√©m de colonizar e desenvolver todos os estados por onde passam, os ga√ļchos tra√ßam as mulheres que ali habitam. ¬† ¬† ¬†Os ga√ļchos p√Ķem chifre nos "machos" locais e deixam as suas mulheres apaixonadas. ¬† ¬† ¬†As cariocas, catarinenses, paranaenses, paulistas, mineiras, cearenses...adoram um ga√ļcho, e, o que resta para eles (os cariocas, catarinenses, ¬†paranaenses, paulistas e mineiros...) ?

Al√©m de manter lustrado o par de chifres, resta a eles inventarem piadas de ga√ļcho, onde ¬†os ga√ļchos s√£o estereotipados como veados, ¬†para seu deleite e prazer. ¬† ¬† ¬†Portanto ga√ļchada, tenham um pouco de piedade, esta √© a √ļnica alegria dos n√£o ga√ļchos.

Enquanto eles se divertem em alguma roda inventando e contando piadas de ga√ļcho, as suas m√£es, irm√£s ou namoradas se divertem com um ga√ļcho.

Ga√ļchos¬†de todo o Brasil, conven√ßam-se de uma coisa, eles n√£o sabem como fazer uma mulher feliz, mas tem bastante criatividade para fazer piada.

Divirtam-se ent√£o com as piadas e satisfa√ßam as mulheres dos n√£o ga√ļchos¬†invejosos.

O Rio Grande do Sul n√£o √© um estado, √© um pa√≠s! Ser ga√ļcho, n√£o √© uma quest√£o de geografia, √© um estado de esp√≠rito.....quase uma religi√£o!

De verdade Tchê!!!!                               Arnaldo Jabor

Hist√≥rica Faculdade de Direito¬†da UFRGS¬†e a import√Ęncia¬† ¬†ga√ļcha ¬†clique aqui

Como e porque ser professor ? clique aqui

Juristas ga√ļchos¬†completos: ¬†Exemplos¬†de¬†Athos¬†clique aqui¬†e ¬†Cl√≥vis¬†clique aqui

A import√Ęncia ga√ļcha na hist√≥ria do IBDP Instituto Brasileiro de Direito Processual clique aqui

Centenas de Teses¬†Jur√≠dicas ga√ļchas novidades toda semana¬†clique aqui

Cultura Ga√ļcha amea√ßada pela acultura da superficialidade

tradicao-Farroupilha_x_acultura-da-superficialidade_Jornal ZonaNorte.jpg

Percebendo a necessidade de estudar ci√™ncias humanas¬†para desenvolver o enfoque transdisciplinar da TGP tendo como plataforma o processo de pensamento e de comunica√ß√£o, em 2007 o professor PADilla ¬†inscreveu-se no Vestibular da UFRGS para o disputado ingresso no Curso de Psicologia o qual n√£o admite ingresso de diplomados. Na prova de Reda√ß√£o, o tema foi ‚Äúum personagem da literatura que represente a brasilianidade‚ÄĚ. ¬† ¬† Aproveitando as festividades da semana Farroupilha, decidiu divulg√°-lo autorizando sua publica√ß√£o.

O √ļltimo brasileiro.

LUiZ R. N. PADilla

Professor da Faculdade de Direito da UFRGS

Quem somos n√≥s? A brasilidade entregou-se √† padroniza√ß√£o?¬†Saturados de informa√ß√Ķes amb√≠guas, n√£o raro contradit√≥rias, cujo objetivo √© minar a resist√™ncia, um a um os tipos brasileiros s√£o engolidos. A gan√Ęncia de riqueza e poder usa todos os recursos: Idolatria, fic√ß√£o com realidade, mensagens subliminares, repeti√ß√£o, refor√ßo paralelo, etc. S√≥ um tipo resistiu, e, n√£o podendo venc√™-lo, a m√≠dia passou a desdenh√°-lo.

Reparou como h√° piadas sobre ga√ļchos?¬†H√° alguns anos, preocupados com a dissemina√ß√£o dos Cambar√°s, adapt√°veis, corajosos, e, especialmente, aut√™nticos, que come√ßaram a tomar conta do pa√≠s, v√°rios grupos de interesses iniciaram uma cruzada contra esses b√°rbaros que, em pleno S√©c.XXI, bebem chimarr√£o ao inv√©s de produtos industrializados; vestem bombachas no lugar de grifes, mant√©m um linguajar pr√≥prio, disseminando o consumo de carne assada, o prato mais simples de preparar, prejudicando as vendas.

Um certo Capit√£o Rodrigo, de √Črico Ver√≠ssimo (O tempo e o vento), representa a diversidade cultural e gen√©tica. A simplicidade ecol√≥gica cativa, conquista e, como a relva que sobrevive aos mais rigorosos invernos, o ga√ļcho permanece. Tamb√©m pudera: Foi forjado pelo Minuano e, como esse vento constante, tornou-se implac√°vel!

Que Deus, na sua infinita bondade, tenha piedade de nossos detratores. Afinal, seus sonhos foram invadidos por heróicos cavaleiros. Em seus piores pesadelos, vêem-se cercados de gaudérios e tornam-se um deles.

H√° CTGs Centros de Tradi√ß√£o Ga√ļcha¬†em todos cantos do planeta. N√£o duvide: Em breve povoaremos o espa√ßo. Mas bah, tch√™!?¬†Quer detalhes? ¬†htpp://www.padilla.adv.br/alegre/gaucho

Ser ga√ļcho √© ecol√≥gico e arrebatador. Olhamos os l√≠rios do campo. Escutamos a m√ļsica, mesmo ao longe. Sobrevivemos ao incidente em Antares.

√Črico, com sua obra inigual√°vel, contribuiu de maneira invulgar para identificar as caracter√≠sticas do √ļltimo e verdadeiro brasileiro.

Parabéns ao amigo, historiador Peninha Bueno, e à Polar pela divertida animação https://www.instagram.com/p/BLOycEdAf7i/ 

Professor UFRGS desde 1992 onde é membro do NIETE, criou a disciplina de Direito Desportivo em vanguarda mundial desenvolvendo a abordagem transdisciplinar e a TgpT com milhares de textos e teses inovadoras.

T√©cnico em Eletr√īnica (E. T. Parob√©), Bacharel em Direito e Especialista em Processo (UFRGS), Master NLP (Dolphin Tech), Mestre (USAL, Salamanca), Doutor Honoris Causa e 12¬ļ AMORC, √© √Ārbitro, Auditor Procurador de Justi√ßa Desportiva. Fundou e dirigiu Rotary Clube, associa√ß√Ķes desportivas e o primeiro sindicato de Artes Marciais e Lutas do Brasil.

A vida dedicada à pesquisa e ao ensino focados no desenvolvimento da sociedade conjugados ao engajado desprendimento em causas humanitárias suscitou votos de Louvor, de Invulgar Proficiência e Notório Saber, e títulos de Embaixador da Paz e de Comendador (Conselho Estadual de Honrarias e Mérito do Estado de São Paulo registro no Livro 56.1.2 fl. 0002 em 8/9/2014).

http://bit.ly/Prof_PADilla

Para o Processo de Pensamento, base da comunicação, clique aqui

  Para o Processo de Comunicação, o instrumento do direito, clique aqui.

  Para a manipulação coletiva do Processo de Pensamento, clique aqui

  Para conhecer as fases do processo jurisdicional no Brasil, e porque há morosidade judicial e corrupção política, clique aqui

  Sobre a acultura da superficialidade e a encenação jurisdicional decorrentes da manipulação,clique aqui

  O Plano do Direito e a manipulação de preconceitos, clique aqui

 

LEI N¬ļ 13.277, DE 29 DE ABRIL DE 2016.

 

Institui o dia 7 de abril como o Dia Nacional de Combate ao Bullying e à Violência na Escola.

A PRESIDENTA DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

Art. 1o¬† √Č institu√≠do o Dia Nacional de Combate ao Bullying¬†e √† Viol√™ncia na Escola, a ser celebrado, anualmente, no dia 7 de abril.

Art. 2¬ļ ¬†Esta Lei entra em vigor na data de sua publica√ß√£o.

Bras√≠lia, 29 de abril de 2016; 195o¬†da Independ√™ncia e 128o¬†da Rep√ļblica.

DILMA ROUSSEFF

Aloizio Mercadante

Publicado no DOU de 2.5.2016

¬† ¬†S√≥ um estado aparelhado pelo crime organizado criaria uma lei¬†elegendo um dia para combater o bullying e a viol√™ncia nas escolas ensejando a propaganda subliminar e criando uma falsa cren√ßa de, nos demais 364 dias do ano, ser ‚Äúnormal‚ÄĚ ocorrer bullying e viol√™ncia nas escolas, n√£o √© mesmo?

Beleza mata? https://www.facebook.com/humornofacevip/videos/1077509328973308/ 

O perigo do falso humanismo!

Pesquisa, compilação e edição: Professor PADilla, desde 1992, docente na UFRGS onde é Especialista em Processo e criou o Direito Desportivo nos anos noventa http://bit.ly/Ufrgs; Master NLP e Mestre por Salamanca, é Doutor Honoris Causa e Embaixador da Paz.

Vamos despertar do engodo dos preconceitos e demais mentiras do falso humanismo?

Da ideologia de g√™nero ao feminismo, passando pelo machismo e das mentiras sobre aquecimento, fl√ļor, gordura fazer mal √† sa√ļde, etc‚Ķ

As emo√ß√Ķes descontroladas e a sexualidade exacerbada tem tr√™s objetivos:

1. Desmanchar a família;

2. Dividir-nos e nos jogando uns contra os outros;

3. Disfarçar a DEPOPULAÇÃO e a vítima de tudo.:.

Quem realmente está ameaçado é o homem.

Não acredite: TESTE, confira os dados e saiba mais aqui: http://bit.ly/feminaze

Conheça nossas páginas especiais e os variados enfoques da Sabedoria:

Sabedoria aplicada √† elabora√ß√£o das decis√Ķes judiciais¬†clique aqui

Sabedoria no Princípio Universal da Evolução clique  aqui

Sabedoria na¬†√Čtica¬†√†¬†clique aqui

Sabedoria na fusão do espiritual + material clique aqui

Sabedoria em sermos Mestres e Discípulos uns dos outros clique aqui

Sabedoria no reencontro do Místicismo e Ciência clique aqui

Sabedoria no Shibumi  o caminho da perfeição na simplicidade clique aqui

Sabedoria de¬†Conf√ļcio¬†¬†clique aqui

Sabedoria na evolução cultural clique aqui

Sabedoria no uso da Linguagem instrumento jurídico clique aqui

Sabedoria no Princípio da Dualidade - opostos complementares clique aqui

Idolatria no desporto e história do Futebol  clique aqui

Novo ramo o Direito Desportivo clique aqui

Liga√ß√Ķes entre m√≠stico¬†e desportivo¬†clique aqui

Filosofia e prática das Artes Marciais clique aqui

Meditar e perguntar clique aqui ó  Aprenda mais e melhor  clique aqui

Viver mais e melhor¬†com sa√ļde e bom humor¬†clique aqui

Lutando pela dignidade na Advocacia P√ļblica¬†clique aqui

 

 

Desenvolvimento Místico clique aqui  Apometria clique aqui

Grupo Espiritualista Casa de João Pedro  clique aqui

Aperfei√ßoando para construir *1¬†Mundo Melhor¬†o portal-site HTMP, Blog, etc., est√£o em¬†permanente constru√ß√£o no dom√≠nio pr√≥prio desde¬†14¬†de dezembro de 2003 quando¬†as p√°ginas criadas pelo prof. Padilla somavam 136.706.382 visitas. No primeiro semestre de 2005, os Grupos Tem√°ticos criados por ele ultrapassaram 50 BILH√ĶES de visitas! Conhe√ßa-os clicando aqui

Contato e apresentação do Professor Padilla clique aqui  

TgpT Teoria Geral do Processo Transdisciplinar:

O processo é um conjunto contextualizado, no qual há uma estrutura (how to) e uma finalidade (goal), que são os elementos essenciais para sua compreensão.

Processos podem ser simples ou complexos.

Os processos simples s√£o lineares e seq√ľenciais.¬†Um componente pode ser a conclus√£o de outro, e o conjunto √© relativamente f√°cil de entender.

Os processos complexos apresentam uma rede de intera√ß√Ķes. Cada componente pode ser a causa ou o efeito de outro. As rela√ß√Ķes podem ser multif√°rias ou espaciais; ecol√≥gico-sist√™micas e multidimensionais.

Todo processo é imbricado: Pode se constituir no início, no fim, ou em parte de outro processo.

O Direito é um dos planos de atuação humana. Funciona por meio de regras, formuladas através da linguagem. Como a língua é uma ferramenta do processo de comunicação, começamos a perceber que o Direito é uma ramo do conhecimento interdependente!

Do processo de comunicação:

O processo de comunicação é complexo. A estrutura aparente, e externa, é totalmente relacionada e dependente dos processos internos:

De Educa√ß√£o x Lucro? Cren√ßas aliciadas pelas Corpora√ß√Ķes

 

Por sua vez, o processo de comunicação depende do Processo de Pensamento, o qual constitui o sistema operacional sobre o qual se processa a comunicação, clique aqui.

 

Dos quatro planos de atuação humana:

A vida em sociedade depende da paz social, a qual se ampara sobre tr√™s pilares. Cada um deles corresponde a um dos quatro planos de atua√ß√£o que, com o plano dos fatos, comp√Ķe o universo humano: Nascemos no plano dos fatos e constru√≠mos outros tr√™s: O plano dos valores, o plano do direito e o plano do esporte(jogos). Este √ļltimo √© o principal mecanismo da descarga tensional (Freud, ‚ÄúO mal-estar na Civiliza√ß√£o‚ÄĚ; Jung, ‚ÄúObras completas‚ÄĚ). A vida ‚Äúcivilizada‚ÄĚ subtrai, do cotidiano, a competitividade permanente, inerente √† vida, sendo esta uma competi√ß√£o que perdura h√° 4 bilh√Ķes de anos. ¬† ¬†Para o conceito de desporto, procure¬†aqui.

Apesar de distintos, há áreas de interseção entre os planos, facilitando a passagem desapercebida, de um para outro plano. Dessa peculiaridade, aproveitam-se os manipuladores para aliciar crenças. Individual e  coletivamente, pois a maioria das pessoas simplesmente ainda não percebeu as intensas mudanças que acontecem a sua volta. Muitos, ainda não perceberam em qual das ondas de desenvolvimento tecnológico em que nos encontramos.

Como crenças e valores podem ser manipulados?

Pelo Processo de Pensamento, clique aqui

Dos mecanismos do Processo de Comunicação, clique aqui.

Da manipulação coletiva do Processo de Pensamento, clique aqui

Da acultura da superficialidade e a encenação jurisdicional, clique aqui

No plano jurídico, o processo tem dois objetivos:

O objetivo imediato consiste em solucionar a pretensão. A sentença é um silogismo decorrente do pedido. A fundamentação aplica o direito aos fatos considerados provados observando o devido processo legal.

O objetivo mediato é a paz social, propiciada pela credibilidade do aparato jurisdicional, contrapartida do monopólio estatal da jurisdição. Daí a necessidade de fundamentar logicamente convincente, sem omitir os fatos ou fundamentos (art. 93-IX C.F.). A paz social é abalada a cada injustiça porque a impunidade dos maus, gera a audácia deles. A ousadia, estimulada pela ineficácia do direito, que incentiva os comportamentos ilícitos, e desequilibra a sociedade.

At√© o Sec. XIX, o processo jur√≠dico era informado pela moral vigente, a qual exigia uma postura √©tica, n√£o tolerando o inadimplemento das obriga√ß√Ķes. As discuss√Ķes eram praticamente limitadas √†s efetivas diverg√™ncias de interpreta√ß√£o do direito. Ou√ßa a li√ß√£o de Eduardo Couture, um dos maiores processualistas: www.padilla.adv.br/processo/Couture.mp3

Em meados do Sec. XX, quando o consumidor prejudicado reclamava, enfrentava uma discuss√£o judicial longa, com condena√ß√Ķes p√≠fias, ou de valor √≠nfimo. Em 1990 foi editada uma nova legisla√ß√£o, o CDC C√≥digo do Consumidor, para revolucionar as rela√ß√Ķes de consumo, estimulando o aperfei√ßoamento dos bens e servi√ßos, e a livre concorr√™ncia.

Contudo, no final do Sec. XX, o poder econ√īmico dominara a sociedade, manipulava a informa√ß√£o, criava e modificava as cren√ßas e, conseq√ľentemente, o pensamento da popula√ß√£o, inclusive dos magistrados: Caravantes registrou n√£o haver ju√≠zes infal√≠veis porque o Estado "hablia de elegirlos entre los hombres‚Ä̬†(Jos√© de Vicente Y Caravantes "Tratado Historico, Cr√≠tico Filos√≥fico de los Procedimentos Judiciales en Materia Civil, segun lanueva lei de enjudiciamento". Madrid, 1856 tomo IV, p. 83 n. 1.495)

O poder econ√īmico constr√≥i idolatrias em torno das pessoas que se prestam aos seus objetivos e destroem ou impedem o crescimento de lideran√ßas. Conhe√ßa melhor owww.padilla.adv.br/processo/pensamento

O objetivo de lucro distorceu e manipulou as cren√ßas e esvaziou os efeitos do C√≥digo do Consumidor. Quando um prejudicado reclama, enfrenta resist√™ncia judicial. Atualmente, a maioria dos pedidos termina em improced√™ncia, por qualquer pretexto. Quando h√° indeniza√ß√£o, o valor √© √≠nfimo, e n√£o repara o dano. As viola√ß√Ķes aos direitos individuais s√£o escondidas pela encena√ß√£o jurisdicional¬†em meio a uma grande quantidade de processos cujas decis√Ķes s√£o meramente formais, e n√£o houve exame dos fatos e dos fundamentos. Isso √© fruto da falsa cren√ßa¬†de que, ao negar o direito do consumidor, ou arbitrando indeniza√ß√Ķes e honor√°rios p√≠fios, estariam desestimulando o ajuizamento de novas a√ß√Ķes, e com isto reduzindo o excessivo volume de processos. Falso: Por mais que insistam em negar o direito aos consumidores, ou fixar valores p√≠fios, as pessoas com fome e sede de justi√ßa ajuizar√£o a√ß√Ķes.

Contudo, a realidade √© exatamente ao contr√°rio: A grande quantidade de processos decorre do est√≠mulo ao descumprimento da lei, e ao desrespeito aos direitos do consumidor e do cidad√£o. E nada melhor para estimular a obedi√™ncia √° Lei do que impor indeniza√ß√Ķes consider√°veis. Nos EUA, h√° respeito aos direitos e cumprimento das obriga√ß√Ķes porque os infratores sofrem as conseq√ľ√™ncias de seus atos. Assim, ludibriados pela cren√ßa de que ir√£o reduzir a quantidade de a√ß√Ķes negando o direito, tornam lucrativo o desrespeito √† lei, estimulam a desobedi√™ncia civil, a qual aumenta a quantidade de injusti√ßa e de a√ß√Ķes, comprometendo a paz social.

Esse desrespeito aos direitos individuais √© agravado pela sublima√ß√£o dos direitos coletivos. Lembram o caso do FGTS? A Caixa Econ√īmica Federal deveria devolver bilh√Ķes aos depositantes dos quais cortara a maior parte da corre√ß√£o monet√°ria. A varia√ß√£o cambial foi, durante d√©cadas, o mais p√ļblico e not√≥rio dos fatos. At√© as crian√ßas sabiam que, se n√£o comprassem seu pirulito hoje, amanh√£ o dinheiro n√£o seria suficiente. O governo, para n√£o pagar essa conta, negou a exist√™ncia da infla√ß√£o. Ali√°s, o Poder Judici√°rio est√° sobrecarregado de a√ß√Ķes porque o Governo n√£o cumpre suas obriga√ß√Ķes, os empres√°rios n√£o pagam o que devem, e os fornecedores de bens e servi√ßos ludibriam o consumidor.

Recente o exemplo das empresas de telefonia, detentora de enorme poder econ√īmico. Praticou atos ilegais, prejudicou milh√Ķes de consumidores e acionistas, e consegue se safar com decis√Ķes criticadas como aberroga√ß√£o, um novo instituto, misto de aberra√ß√£o e revoga√ß√£o. E de quem √© a responsabilidade de mudar isto? Parece que a resposta est√° com os Ju√≠zes: Se o Judici√°rio impuser o cumprimento das obriga√ß√Ķes, resgatar-se-√° a √©tica e a paz social. Hoje, os poderosos, os pol√≠ticos e as grandes empresas desrespeitam as leis porque lucram com a viola√ß√£o do direito!

H√° uma crise, devido √†s modifica√ß√Ķes da sociedade.

A responsabilidade de resolvê-la é, frise-se, dos Juízes. Porque exercem o poder de julgar. Poder-dever de julgar!

Teoria Geral dos Processos c√≠veis, trabalhistas, penas, eleitorais, administrativos, legislativos, disciplinares desportivos prop√Ķe um novo paradigma para a compreens√£o das dificuldades contempor√Ęneas e para a superar pela simples aplica√ß√£o dos princ√≠pios que informam o sistema jur√≠dico.

A n√£o-efici√™ncia do processo, atual, decorre √ļnica e exclusivamente da falta de compromisso com a paz social.

O Juiz, de fato, tem muitos processos e n√£o os examina efetivamente. Ele orienta a sua assessoria a preparar minutas de julgamentos que ele, o magistrado, termina n√£o examinando. Orgulha-se em anunciar uma estat√≠stica estrondosa: ‚Äújulguei centenas de processos‚ÄĚ.¬†Quem julgou? Imposs√≠vel que tenha examinado todos os casos. Ent√£o, foram assessores e estagi√°rios que minutaram aquelas decis√Ķes. A vida dos jurisdicionado √© decidida com base na opini√£o nem sempre fidedigna ‚Äď por v√°rios fatores: Da falta de compromisso ‚Äď ‚Äúacho que √© isto, o juiz n√£o vai ler, estamos sobrecarregados...‚ÄĚ - ¬†e at√© pela influ√™ncia de lobistas que fomentam falsas cren√ßas.

O pronunciamento de centenas de decis√Ķes formatadas nessa pressa, produzindo crescente onda de injusti√ßa, pode eternizar o problema. O Judici√°rio perde credibilidade, e estimula o abuso. Quem quer tirar proveito, sabe que √© lucrativo violar a Lei.

Os poderosos desrespeitam a lei impunemente, e ficam cada vez mais fortes...

A falha da tutela jurisdicional, coloca em risco a sociedade. O Direito é um dos pilares que sustentam a paz social e a sua falha pode levar à ruptura do sistema. Cabe a nós, professores, auxiliar a futura geração na missão de restabelecer o império da justiça, para salvaguardar a paz social!

Para o Processo de Pensamento, base da comunicação, clique aqui

Para o Processo de Comunicação, o instrumento do direito, clique aqui.

Para entender a manipulação coletiva do Processo de Pensamento, clique aqui

Para conhecer as fases do processo jurisdicional no Brasil, e porque há morosidade judicial e corrupção política, clique aqui

Sobre a acultura da superficialidade e a encenação jurisdicional decorrentes da manipulação, clique aqui

Como funciona o Plano do Direito, e a manipulação de preconceitos, clique aqui

Fada com bola de cristal.jpg

  Preconceitos são estratégias psicoPaTas para jogar-nos uns contra os outros:

https://docs.google.com/document/d/1caXe50FJ9lH9wcLpm04rjIB9P2IQtUOuTUi50MYP-Qo/pub

https://www.facebook.com/epakabaa/videos/1080376555348352/

  Para entender a HEM, hipnose em massa, examine este artigo: https://docs.google.com/document/d/13RnOYN1QAy2W2StSZHtL6LwBEWx7iKBLYHPr2LOzlws/edit?usp=sharing      

¬† ¬† ¬†Para saber mais sobre a 5GW, Guerra de ¬†5¬ļ Gera√ß√£o, clique aqui:¬†https://t.co/NydYnzAQd7¬†

Acesso os Livros para Conscientização: tudo o que não querem nos permitir descobrir:  https://t.co/fzd06Djd9B 

energias.jpg

Saiba mais acessando à Rede de Conscientização: http://bit.ly/conscientizar

Como construir 1 MMM, um Mundo Muito Melhor, apesar de haver tanto mal?

¬†Precisamos sa√ļde f√≠sica e mental para plena capacidade de entender como funciona a escravid√£o dissimulada na sociedade falso-humanista.

¬†A acultura da superficialidade egoc√™ntrica¬†impede percebermos que todos os problemas da sociedade HUMANA contempor√Ęnea e os sofrimentos decorrem ¬†de estarmos sendo administrada pela minoria (2%) DESUMANA, os mutantes.

 Saiba o que não querem que descubras!

 Seres humanos debilitados física, mental e emocionalmente são facilmente manipulados, inclusive de forma coletiva.

  A maior parte da verdade é escondida do povo pela espiral do silêncio, nessa imbecilização promovida pelos controladores globalistas ao nível de HEM, uma hipnose em massa, permitindo esconder a escravização dissimulada. Somos aprisionados através de falsas crenças, inversão de valores, medo e paradoxos entorpecentes, assassinato da reputação de potenciais lideranças e idolatria de falso-humanistas.

  A desinformação e superficialidade  misturam parte dos fatos com fantasias alimentando o holograma-matrix aprisionante. Acreditamos em mentiras, ignorando a maior parte da realidade. envolvidos no consumismo, isolamo-nos no egocentrismo desprezando o realmente importante.

  O assassinato de reputação e bullying nos faz desconfiar dos humanos decentes e, manipulados pela rede de desinformantes, terminamos aceitando que a administração da sociedade fique nas mãos dos hipócritas desonestos!

¬†Esses comportamentos perpetuam ¬†a escraviza√ß√£o dissimulada sem correntes e nem grilh√Ķes...

¬†As¬†estrat√©gias idiotizadoras da 5GW, a Guerra de ¬†5¬ļ Gera√ß√£o, s√£o operacionalizadas atrav√©s da rede de desinforma√ß√£o constitu√≠da pela m√≠dia e falsos-l√≠deres de dois tipos - conhe√ßa-os aqui:¬†http://bit.ly/Infiltrad

¬† S√≥ nesta d√©cada, a guerra dissimulada¬†causou centenas de milh√Ķes de perdas humanas, embora a tecnologia permita assegurar vida confort√°vel e segura a todos!

¬† Grande parte da matan√ßa √© no Brasil onde, al√©m dos cem mil assassinatos por ano, acontecem milh√Ķes de √≥bitos por doen√ßas evit√°veis pois o processo de idiotiza√ß√£o baseia-se na sa√ļde prec√°ria impedindo o funcionamento normal do c√©rebro.

  A população ignora a sabedoria alimentar e viver de forma não saudável. Acreditando serem alimentos, consome produtos tóxicos! E ainda paga caro para comer e beber devido aos elevados impostos. http://redebrasildeativismo.com.br/2017/01/16/controladores-globalistas-promovem-a-degradacao-da-saude-fisica-e-psiquica-para-facilitar-a-hem-idiotizante/ 

¬† A ignor√Ęncia alimentar √© a causa de mais de 99% das doen√ßas. Envolvido na armadilha da ind√ļstria da morte,¬†nos anos finais de exist√™ncia, a pessoa sobrevive mediante tratamentos caros de doen√ßas as quais n√£o teria se tivesse informa√ß√Ķes: http://padilla-luiz.blogspot.com.br/2016/03/alimentacao-longevidade-cerebro.html¬†¬†

 O quadro dantesco completa-se com os acidentes cuja maioria decorre da leniência conjugada à imobilidade urbana planejada para induzir a aquisição de carro e consumir recursos, desperdiçar tempo, irritar e entorpecer, criando o caótico ambiente de isolamento e de idiotização, a base do holograma psicopata http://bit.ly/imobilidade 

  Para entender a HEM, hipnose em massa, examine este artigo: http://bit.ly/hipnose-massa 

¬† ¬† ¬†Para saber mais sobre a 5GW, Guerra de ¬†5¬ļ Gera√ß√£o, clique aqui:¬†http://bit.ly/5guerra¬†¬†

¬†O vision√°rio Get√ļlio Vargas √© considerado, pelo historiador Peninha Bueno, a maior personalidade pol√≠tica da hist√≥ria conhecida: saiba mais aqui http://padilla-luiz.blogspot.com.br/2015/08/sistema-desportivo-o-criador.html¬†¬†A influ√™ncia de Vargas e de outros rio-grandenses, governando o Brasil na maior parte do S√©c.XX, pode ser mensurada pelo bairrismo anti-ga√ļcho¬†especialmente de parte de cariocas e paulistas enciumados. Entenda esse bairrismo ¬†

 Qual é a nossa maior arma contra os mutantes e a sua entourage psicopateta?

¬†Para derrot√°-los usa-se a ¬†‚ÄúA verdade antes da paz ¬†e aplicada conforme o maior ensinamento: ‚ÄúAmai o pr√≥ximo¬†(humano) como a si mesmo.‚ÄĚ ¬†

  Verdade nas vida e obra de Miguel de Unamuno, o maior filósofo do existencialismo Cristão:  http://padilla-luiz.blogspot.com.br/2016/09/miguel-de-unamuno-paladino-da-verdade.html 

Como nos libertarmos disso?

A nossa percepção do mundo é muito diferente da realidade.

Somos manipulados através de paradoxos e falsas crenças.

A boa notícia: podemos despertar das falsas crenças,

romper o holograma,      libertarmo-nos construindo

1MMM,     um Mundo Muito Melhor!

Para começar a acordar e a vencer, assista ao filme

Quem Somos Nós?

Um dos trechos mais importantes é este: https://youtu.be/lafj4SqVrqM?t=8m32s 

Assista ao filme completo aqui: https://youtu.be/lafj4SqVrqM

http://www.padilla.adv.br/evoluir/quemsomosnos/

¬† Para entender onde estamos, em meio a uma dissimulada 5GW, Guerra de ¬†5¬ļ Gera√ß√£o, descubra neste resumo:¬†http://bit.ly/5guerra¬†

Descubra o que não querem que saibas: na Rede de Conscientização: 

http://bit.ly/conscientizar

https://drive.google.com/folderview?id=0B2CNDxRTI8HAcVl3cFc0M09hZ3M&usp=sharing

Como a HEM, a hipnose em massa: http://bit.ly/hipnose-massa 

Estamos na 5GW, a Guerra de 5ª Geração: https://padilla-luiz.blogspot.com/2018/09/5gw-guerra-dissimulada.html

5GW, a Guerra de 5¬™ Gera√ß√£o! Proteja a sua sa√ļde e dos entes queridos da desinforma√ß√£o. Entenda de uma vez por todas: o que est√° acontecendo no Brasil e no Mundo? Como voc√™ vai ajudar a vencermos essa guerra contra o mal! Vamos, juntos, construir 1MMM, um Mundo Muito Melhor https://padilla-luiz.blogspot.com.br/2017/09/5gw-guerra-dissimulada.html¬†

As coisas seguem complicadas, contudo, pelo menos temos uma ideia do que está acontecendo... A Guerra de 5ª Geração, a 5GW, acontece no plano das crenças (falsas) e valores (subvertidos).

A luta √© desigual porque o inimigo domina os meios de comunica√ß√£o em massa, aparelhou as institui√ß√Ķes civis com sua entourage id√≥latra e "psicopateta", isolou e tenta sucatar as institui√ß√Ķes militares promovendo o sistem√°tico e desumano bullying e assassinato de reputa√ß√£o de todos setores e ativistas que n√£o domina.

https://padilla-luiz.blogspot.com.br/2017/09/5gw-guerra-dissimulada.html 

O inimigo são os 2% mutantes, cujo DNA tem diferença em relação a genética humana.

Desde pequeno, o Mutante sabe ser diferente e aprende a esconder isso, fingindo ser como nós, para facilitar a

Manipulação.

Consideram-nos seres inferiores justamente pela facilidade com a qual nos enganam. Eles passam a vida toda fazendo isso. S√£o especialistas em nos iludir!

 Esses 2% da população são:

a). Amorais (incapazes de juízo de valor!), nem passa pela cabeça deles importar-se com as consequências do que fazem.

b). N√£o experimentam emo√ß√£o, sendo viciados nas sensa√ß√Ķes de poder, de domina√ß√£o, de lux√ļria, etc. Fingem ter emo√ß√Ķes para nos enganar. Coragem √© uma emo√ß√£o e eles n√£o a tem: s√£o covardes e desumanos, embora preguem um falsa-humanismo para nos enganar e confundir.

c). S√£o incapazes de conex√£o pela pineal, n√£o recebem intui√ß√£o nem mediunidade - refor√ßando a sensa√ß√£o de superioridade deles em rela√ß√£o a n√≥s achando-nos primitivos porque sentimos amor ‚̧ԳŹ e compaix√£o e vivenciamos a espiritualidade, √† qual eles n√£o t√™m acesso e acham que alucinamos!

Para saber tudo o que precisa sobre esses seres do mal em forma humana e NUNCA MAIS ser ludibriado, conheça a "Trilogia do Despertar":

http://bit.ly/desumanos  +

http://bit.ly/perigosos  +

http://bit.ly/1mundomelhor 

   O humor preconceituoso é uma das ferramentas da HEM, a hipnose em massa através da qual temos sido mantidos em uma escravidão dissimulada, sabia? http://bit.ly/humorismo

Como nos libertarmos disso?

A nossa percepção do mundo é muito diferente da realidade.

Somos manipulados atrav√©s de uma teia de paradoxos¬†e um cipoal de ūüôÉ desinforma√ß√£o.

A boa notícia: podemos despertar das falsas crenças,

romper o holograma,      libertarmo-nos construindo

1MMM,     um Mundo Muito Melhor!

Para começar a acordar e a vencer, assista ao filme

Quem Somos Nós?

Um dos trechos mais importantes é este: https://youtu.be/lafj4SqVrqM?t=8m32s 

Assista ao filme completo aqui: https://youtu.be/lafj4SqVrqM

http://www.padilla.adv.br/evoluir/quemsomosnos/

¬† ¬†Para entender onde estamos - em meio a uma dissimulada 5GW, Guerra de ¬†5¬ļ Gera√ß√£o¬†oriente-se por esse resumo:¬†http://bit.ly/5guerra¬†

Descubra tudo o que os controladores não querem que tu saibas na

Rede de Conscientização: 

http://bit.ly/conscientizar

https://drive.google.com/folderview?id=0B2CNDxRTI8HAcVl3cFc0M09hZ3M&usp=sharing

Como eles fazem a hipnose em massa, a HEM? http://bit.ly/hipnose-massa  

Estamos entrelaçados!  Abraços

Professor  http://bit.ly/PADilla UFRGS

http://bit.ly/lattes-pad 

ūü§Ď

 A dominação mutante instalou-se através da mentira.

¬†Da√≠ a import√Ęncia de Jo√£o 8:32¬†sobre conhecer a Verdade para se libertar!

ūüėą

 Os mutantes comportam-se com educação. Fingem ser bons, o que não são: são os seres mais perversos com carinha de anjo.

ūüíį

 Conquistam a simpatia e contam mentiras  delicada e dissimuladamente para alcançar o poder, no qual são viciados.

  Conheça tudo sobre essas armadilhas em forma humana aqui: http://bit.ly/desumanos 

ūüôÄ

¬† Para manipula√ß√£o coletiva, controlam a grande m√≠dia, os desinformantes pagos e os patetas √ļteis. S√£o muito http://bit.ly/perigosos

ūü§°

¬†O fake news esconde a viol√™ncia programada, matando mais de cem mil ūüáßūüá∑ por ano.

ūüĎģ‚Äć‚ôÄÔłŹ

  Até a Data-Limite-Bolsonaro-Trump http://bit.ly/bolsonaro-trump a mídia escondia e disfarçava a sua falta de caráter.

ūüáßūüá∑

 Contudo, a onda de conscientização levou-os ao desespero (presos os ex presidentes de Honduras, do Equador, Peru, Argentina e Brasil e milhares de outros criminosos do Foro de São Paulo). Caíram as máscaras da extrema-imprensa, sem pudor.

 Quando um fato vai de encontro às narrativas fake news da "causa" globalista, escondem e mentem.

 Quando só isso não funciona, acusam quem defende a verdade...

 A estratégia é confundir.
ūüí™

 Conscientize-se e vamos vencer a guerra das narrativas a http://bit.ly/5guerra

ūüéĖ

 Liberte-se da desinformação globalista 

ūüíĮ ūüíČ

  Saiba tudo sobre assassinatos de reputação e fake news na trilogia dos e-books:

¬† ūüďöūüÜď http://bit.ly/celsodaniel

+

¬† ūüďöūüÜď http://bit.ly/espiral-silencio¬†

+

¬† ūüďöūüÜď http://bit.ly/monsanto-assassina¬† ¬†

ūü•á

 Complete com a Trilogia da Verdade:

¬† ¬†ūüďöūüÜď http://bit.ly/qsnos¬†

+

¬† ¬†ūüďöūüÜď http://bit.ly/pbolsonaro

+

¬† ¬†ūüďöūüÜď http://bit.ly/d-limite¬†

Conhe√ßa e ūüôŹ compartilhe!

  Todos merecem saber

¬† ¬† Verdade¬†e ūüáßūüá∑ acima de tudo!

¬† ¬† ¬† Deus¬†acima de todos! ūüėÉūüėāūü§£

Esse ‚ėĚÔłŹ √© mais um Cap√≠tulo da‚Ķ

¬†‚õ© TEORIA TRANSDISCIPLINAR ūüÜė

 O despertar para tudo o que escondem da humanidade:

‚ēį‚ėÜ‚ēģ

A TT ⛩ Teoria Transdisciplinar revela o Plano das Crenças e Valores.

 A interdisciplinar TGPs, Teoria Geral dos Processos, sobre o Plano do Direito passou a ser desenvolvida em 1988, tendo a sua primeira versão, impressa, em 2002...

  Conjuga-se à TGDD, Teoria Geral do Direito Desportivo, sobre o Plano dos Jogos-Esporte.

  Proporciona a percepção da realidade despertando para a causa de todo o mal estar na desinformação, sobretudo sobre:

- Sa√ļde-alimenta√ß√£o¬†e os seus efeitos criando dificuldade de pensarmos e a incapacidade de lidarmos com a dissimulada manipula√ß√£o emocional, tornando-nos ref√©ns dos engodos do globalismo.

- Tudo o que os ser humano faz ou vivencia est√° contido em 4 planos de atua√ß√£o¬†e nas suas interse√ß√Ķes. Essa perspectiva √© um passo em dire√ß√£o ao despertar da consci√™ncia, porque a confus√£o entre os fatos e as cren√ßas √© a principal ferramenta do mecanismo de manipula√ß√£o psicopata.

- Armadilhas em forma humana, os 2% mutantes:  fingindo serem perfeitos ou, pelo menos, melhores do que nós, os psicopatas são desprovidos das 3 características essenciais humanas. Manipulam os indecentes-corruptos-insensíveis e os usuários de drogas como paracetamol, maconha, etc.

  Criam uma entourage psicopateta, um tipo de esquizofrenia induzida caracterizada pela imunidade cognitiva e idolatria visceral.     Esses  mutantes:

Imp√Ķe um padr√£o de vida paradoxal, anti-ecol√≥gico¬†e hip√≥crita.

 São capazes de tudo e mais um pouco: assassinam socialmente, destruindo a reputação, e fisicamente, matando quem ameaça os seus interesses..

 Juntos, os idolatrados e os idólatras,

comp√Ķe o que, em tempos de emoji, chamamos de ūüĎļūüĎŅūüĎĻūüĎĹūüí§ūü§™ūüĆź.

ūüĎļūüĎŅūüĎĻūüĎĹ = mutante desumano psicopata

ūüí§ūü§™ = portador de uma esp√©cie de esquizofrenia induzida, apelidado psicoPaTeta

Humor usado para criar preconceitos e o exemplo do bairrismo anti ga√ļcho: p.¬†¬†- http://bit.ly/humorismo