Published using Google Docs
02. Case_Membran-i e Mercedez-Benz
Updated automatically every 5 minutes

Mercedes-Benz Brasil | Case Study


Membran-i e Mercedes-Benz transformam programa de aceleração em

case de sucesso


Startup de tecnologia foi uma das 4 escolhidas entre 225 concorrentes para participar

do 5º Ciclo de Aceleração de Startup do programa da Liga AutoTech


São Paulo, maio de 2021 - A Membran-i, startup de tecnologia em e-procurement que simplifica os processos de Supply Chain, foi uma das quatro companhias selecionadas para participar do 5º Ciclo de Aceleração de Startup do programa Liga AutoTech, promovido pela Liga Ventures em parceria com a Mercedes-Benz e a NGK, que foi realizado entre os dias 9 de novembro de 2020 e 26 de março de 2021.

Descontando o recesso de final de ano, no total foram dezesseis semanas de aceleração, com encontros totalmente remotos por conta do período da pandemia. Ao final do processo, a Membran-i e a Mercedes Benz decidiram estender o projeto de parceria estabelecido para implementar adequações necessárias ao business automotivo, que permitam ampliar o escopo de atuação da plataforma, incluindo categorias relacionadas a itens produtivos.

“Todos nós tivemos dias de grande aprendizado, que permitiu evoluir nosso negócio a um novo patamar. O fato de ser aprovado pela Liga Ventures em um processo tão concorrido como esse, já tem um impacto bem significativo. Entretanto, o maior deles é ter a Mercedes-Benz como aceleradora e early-adopter no setor automotivo”, comenta Florent Desidério, CEO da Membran-i.

Acelerando

A Liga AutoTech é um programa da Liga Ventures, aceleradora brasileira totalmente dedicada a conectar startups e grandes empresas. O objetivo da Liga é conectar empresas referências no mercado, como a Mercedes-Benz e a NGK, com startups de tecnologia, para que possam explorar novas oportunidades de negócios.

"A experiência de trabalho conjunto entre uma grande corporação e uma startup é um grande aprendizado de desprendimento para ambos os lados. É preciso constantemente buscar soluções de adequação e, assim, proporcionar o espaço para a geração de ganhos potenciais. É questionar tudo e todos constantemente. Sem essa postura de "sair da zona de segurança", não é possível criar resultados diferentes", explica Silvia Simon, Gerente Sênior de Compras da Mercedes-Benz e madrinha de aceleração da Membran-i.

O programa é dividido em duas frentes: negócios e mercados (focada na realização de negócios com as empresas parceiras) e aceleração (focada no desenvolvimento da startup). Foram 4 meses de processo seletivo entre inscrição, info session, avaliação e entrevistas e pitch day.

"Cada ciclo que passamos temos novos obstáculos e novos aprendizados. O importante em cada ciclo é ter o ingrediente principal que é identificar a relação ganha – ganha entre as partes, achar o equilíbrio dessas motivações e estar decidido a fazer acontecer", comenta Cristiane Ávila Bulchi, gerente de Governança e Planejamento de Projetos de TI na Mercedes-Benz.

Para o 5º Ciclo de Aceleração de Startup, foram selecionadas quatro empresas entre 225 inscritas, ficando duas com a Mecerdes-Benz e duas com a NGK. Uma delas foi a Membran-i, que acelerou junto à área de Compras da Mercedes-Benz um piloto para agilizar e trazer resultados financeiros em cotações e emissões de pedidos de itens produtivos (ligados à produção) e indiretos.

Os times de Compras da Mercedes-Benz, auxiliaram a startup no entendimento do setor automotivo e no desenvolvimento da plataforma MAI para atender suas principais necessidades: automatizar os processos de compras, agilizar as negociações comerciais, expandir a rede de fornecedores e garantir o SLA de compras. Isso resultou em ganhos financeiros e de tempo consideráveis.

“Ficamos muito contentes em sermos uma das quatro finalistas para participar do programa. Trabalhamos muito para desenvolver uma plataforma multissetorial que consolida e estrutura as negociações do cliente em um único lugar. O estágio de evolução da solução, associado às necessidades do time de Compras da Mercedes-Benz em automatizar e trazer agilidade aos processos da área, foram decisivos na escolha pela nossa empresa”, comemora Desidério.

Uma rede de mentores da Liga Ventures auxiliaram na aceleração da startup. A partir das necessidades da Mercedes-Benz a plataforma foi aperfeiçoada para atender as demandas da companhia. Ao final dos quatro meses de duração do programa, foi apresentada a possibilidade de assinar um contrato como prestador de serviços da Mercedes-Benz.


Todos os direitos reservados

©2021 Membran-i