ORIENTAÇÕES PARA OS PRIMEIROS DIAS LETIVOS 2014

Ninguém ignora tudo. Ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa. Todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre. Paulo Freire

C

IÊNCIAS DA

N

ATUREZA

O início do ano letivo privilegia o momento de conhecer os alunos e integrá-los ao ambiente escolar, reiniciando um processo que visa o desenvolvimento de capacidades e habilidades necessárias à formação integral do indivíduo bem como a aprendizagem dos conceitos científicos. Com o objetivo de contribuir para a organização deste trabalho, as Equipes Curriculares da CGEB da área de Ciências da Natureza propõem algumas sugestões de sites e materiais didáticos que podem subsidiar as atividades das primeiras semanas de aula, levando em consideração o ensino das disciplinas de Ciências, de Biologia, de Física e de Química como área de conhecimento. A proposta deste documento é fornecer subsídios ao professor para planejar atividades que possibilitem identificar competências, habilidades e conhecimentos já formalizados, revisitando os avanços e dificuldades dos alunos com relação aos conteúdos e conceitos do ano anterior. Com isso, o professor pode realizar o diagnóstico de aprendizagem que deverá ser objeto de estudo durante o planejamento bimestral e anual.

Pretende-se que estas aulas promovam momentos de sensibilização e motivação para os aluno(a)s, a fim de que conheçam os objetivos das disciplinas e/ou da área de CN e que reconheçam que os conteúdos estão articulados a temas tecnológicos, sociais, ambientais, econômicos e principalmente científicos. Desta forma, ao selecionar e apresentar determinado tema, preferencialmente de forma coletiva com o aluno, o professor tem a oportunidade de ressaltar a influência do conhecimento científico existente e apresentar os conteúdos e conceitos previstos a serem desenvolvidos ao longo do ano letivo. É importante ressaltar que as aulas podem e devem ser espaços para debates, discussões e descobertas, para desenvolver a criatividade, avaliar propostas e para expressar a compreensão ou não de fatos e/ou mistérios do mundo natural, do construído e modificado pela humanidade. Para isso, destacamos a seguir, competências e habilidades comuns da área que ajudam a articular os conceitos a temas tecnológicos, científicos, sociais, ambientais e econômicos:

➢ as competências leitora e escritora, vistas como elemento facilitador para compreensão de conceitos relacionados aos fenômenos científicos, promotoras do desenvolvimento da capacidade de operar informações e transformá-las em conhecimento;

➢ a contextualização dos conteúdos, que leva para as aulas temas atuais importantes e interessantes aos

alunos e que visem prepará-los para o exercício da cidadania;

➢ a experimentação como um recurso didático/metodológico capaz de auxiliar e subsidiar a construção do

conhecimento científico, problematizando e sistematizando fenômenos e formalizando os conceitos, o que requer estudo e preparo por parte dos alunos e professores;

➢ a importância da pesquisa e das atividades extraclasse a fim de proporcionar maior compromisso com a leitura, interpretação e aprofundamento de conteúdos, contribuindo para a alfabetização científica;

➢ a utilização de situações-problema como meio de promover o raciocínio, a discussão, a hipótese e o

agrupamento dos recursos e habilidades para a tomada de decisões.

Assim, indicamos alguns acervos de materiais didáticos disponíveis nas unidades escolares e sites educacionais, tais como:

-- Os livros paradidáticos do acervo da Sala de Leitura, da Biblioteca da Escola, da Biblioteca do Professor, fornecidos pelo Programa de Apoio a Leitura da SEESP;



-- Acervo Didático gratuito do Centro de Referência em Educação Mário Covas, por meio do link http://www.crmariocovas.sp.gov.br/;

-- Utilização de reportagens sobre Ciência e Tecnologia de jornais locais e de revistas de divulgação científica para desenvolver a leitura e a compreensão de textos do gênero científico;

-- Acervo do Portal do Professor do MEC, disponível no link http://portaldoprofessor.mec.gov.br/index.html, no qual há uma interessante variedade de Situações de Aprendizagem da área de Ciências da Natureza;

-- Utilização do Banco Internacional de Objetos Educacionais disponível no link http://objetoseducacionais2.mec.gov.br/. Este site apresenta grande diversidade de objetos digitais de aprendizagem (simulações, animações vídeos, softwares educacionais, entre outros), todos acompanhados com propostas de desenvolvimento pedagógico para o professor;

-- Acesso a Escola Digital, pelo link http://escoladigital.org.br/. Trata-se de uma plataforma de busca nas quais há um acervo de objetos e recursos digitais destinados a apoiar o trabalho docente;

-- Acervo do portal Khan Academy, através do link http://pt.khanacademy.org/. Este site apresenta videoaulas de diversas disciplinas que podem auxiliar no planejamento das atividades.

Salientamos que nosso intuito é indicar fontes de pesquisa e rememorar alguns recursos disponíveis nas unidades escolares para preparação das atividades do início do ano letivo, a fim de auxiliar a elaboração de um plano de trabalho adequado às especificidades de cada turma e em consonância com o projeto pedagógico da escola.

O passo a passo de todas as atividades sugeridas para a área de Ciências da Natureza está disponível em:

http://www.educacao.sp.gov.br/docs/03_CGEB_OrientacoesInicioAnoLetivo2012_EnsFundAnosFinais_E nsMedio.pdf pp. 161 a 170.

Transcrição do item 2.4, página 72 do documento “ORIENTAÇÕES PARA OS PRIMEIROS DIAS LETIVOS 2014” – da CGEB (

COORDENADORIA DE GESTÃO DA EDUCAÇÃO BÁSICA

) - SEE (

Secretaria da Educação do Estado de São Paulo

).

Este material encontra-se disponível na íntegra na página da Intranet. Para acessá-lo clique no link a seguir http://www.intranet.educacao.sp.gov.br/portal/site/Intranet e utilize seu RG e senha do GDAE para fazer login na página da Intranet. Clique em Coordenadorias --> CGEB --> Biblioteca, e localize o link Orientações para os Primeiros Dias Letivos.