A acultura da superficialidade e do medo ambienta a idiotização e a escravização humanas!

  Saiba o que não querem que descubras:  a acultura da superficialidade globalista é a raiz de todos os problemas da sociedade: desde a violência causada pela impunidade até o desmanche da educação, dos serviços de saúde e tudo mais  http://bit.ly/aculturadasuperficialidade

Pesquisa, compilação e edição: Professor PADilla, UFRGS

https://docs.google.com/document/d/10wOijRgHtJEPfE2-iwscbfoScRkkrj8xIAsShNf3snc/pub 

 A Acultura da Superficialidade representada por Magliani em óleo sobre cartão https://docs.google.com/document/d/17YAx_lci0NfzoNul0xqrwzknLLq7jKqeqKOwEHFbopU/pub 

https://www.scribd.com/document/356092156/Acultura-Da-Idiotizacao-e-Medo-Para-Escravizacao-Humana 

 "Quem não pune o mal o está incentivando!" 

Leonardo Da Vinci

https://docs.google.com/document/d/1hrYl7B9mZjEHsPSPOQopLcQkgoIFYdp6C1QUt0PDHqQ/pub

 Como a acultura da superficialidade afeta a sociedade interferindo nos 3 eixos de atuação:

 Superficialidade exacerbada causa o desinteresse pelo próprio bem estar... As pessoas alimentam-se mal porque não se interessam em pesquisar (e pensar!) na sua própria saúde…

 O que sobra para os problemas dos outros? Praticamente ninguém quer "perder tempo" e nem saber das mazelas alheias...
Nesse ambiente, os psicoPaTas aproximam-se e ouvem atentamente coletando informações para manipular aquela pessoa e os demais sobre quem ela falar...
A superficialidade é induzida pelos controladores globalistas para fomentar o egocentrismo, o qual é uma das bases do apartheid - somado ao estado de torpor pré-pânico e o cipoal de distrações e paradoxos com os quais os 2% mutantes nos dividem e dominam.


  Entenda o papel da violência na manutenção da crise:

 A inteligência é a habilidade humana para enfrentar e resolver os problemas. Um humano desprovido de inteligência é indefeso sendo facilmente vencido, anulado ou manipulado.

 O medo é “a pequena morte” porque, quando o medo nos domina, a nossa capacidade cognitiva despenca!

 Popularmente chamado de cérebro, na verdade, há três conjuntos de processadores.  

 A parte mais primitiva é chamada de “cérebro réptil” por existir desde os dinossauros. É responsável pelo processamento do chamado instinto de autopreservação: lutar ou fugir.

  O “cérebro mamífero”, chamado assim por ter surgido nos animais da nossa classe, é responsável pelas emoções. Nos primatas e cetáceos desenvolve-se o neocórtex, responsável pela raciocínio.

 Quando sentimos medo, automaticamente é canalizada a energia para a parte mais primitiva e, obviamente, falta energia no neocórtex, reduzindo a capacidade de raciocinar drasticamente.

  Essa incapacidade de pensar é agravada, na maioria da população que desfruta de saúde precária devido  política terrorista de saúde colocando veneno na água http://bit.ly/veneno-fluor e sonegando informações sobre a alimentação funcional enquanto oculta a toxicidade de muitos produtos consumidos largamente como o soja http://bit.ly/saude-cuidados - a ignorância alimentar implantada com a acultura da superficialidade de do medo  do globalismo.

  Para colocar a população em um estado de torpor pré-pânico, os controladores  globalistas promovem a acultura do medo http://bit.ly/aculturadasuperficialidade 

 O filme Piper demonstra o quanto a vida melhora quando dominamos o medo. Assista-o aqui: https://vimeo.com/215828022  A linda película dura apenas 5 minutos, contudo, precisou de 3 anos para picturizar os 300 segundos. Conquistou Oscar de melhor filme de animação.

  Como se combate o estado de torpor pré-pânico? De um lado, armando a população (obviamente acompanhado do aprendizado do uso seguro). Se a população tiver condições de se defender, sentir-se-á segura. Já foi decidido, em plebiscito, a revogação do estatuto do desarmamento. Você percebeu que isso faz uma década e ainda não colocaram em prática? Já se perguntou por que?

  Por outro lado, podemos praticar atividades potencializadoras da capacidade de lidarmos com o medo e o vencer.

 As Artes Marciais, assim compreendidas também as práticas de tiro, de arco e flecha, e a meditação, etc., são as melhores opções para aprendermos a lidar com o medo e o vencer.

  As artes marciais desenvolvem personalidade ativa e perceptiva, focada na evolução, cuidados com a própria saúde e imunização ao estado de torpor pré-pânico da acultura do medo e da superficialidade http://bit.ly/aculturadasuperficialidade através da qual os 2% mutantes http://bit.ly/desumanos promovem a escravidão dissimulada em impostos extorsivos, consumismo desenfreado, desinformação, falsas crenças e inversão de valores: http://bit.ly/escravizacao

 Para quem, como nós, desde os anos 80, trabalhamos o desenvolvimento das regras para dinamizar - com beleza plástica e emoção - como um dos mais justos e equilibrados esportes e, disparado, o mais seguro de luta, é o sinal para prosseguirmos formando bons instrutores. Chegou a hora de libertar a humanidade do holograma idiotizante! http://bit.ly/karate-olimpico 

  Como e os globalistas esconderam o caráter pedagógico das Artes Marciais promovendo a sua infâmia e tentando, de todas as formas, reduzir a prática? Saiba aqui http://bit.ly/sindiplam 

 Veja também aqui: http://bit.ly/superficialidade 

  Os 3 pilares da sociedade:

   Entenda como fomos envolvidos nesse holograma através da acultura da superficialidade e do medo e de técnicas de propaganda desenvolvidas a partir de estudos de Freud http://bit.ly/espiral-silencio para promoverem a idiotização e facilitar a escravização humana!

  A egocentrização promovida pela acultura da superficialidade está na raiz de todos os problemas da sociedade, desde a violência até o desmanche da educação e dos serviços de saúde:  http://bit.ly/aculturadasuperficialidade

  Como nos filmes Matrix, trilogia com Keanu Reaves, humanos vivem em uma escravização dissimulada, sem correntes visíveis http://bit.ly/escravizacao 

   Descubra como escaparemos dessa  http://bit.ly/1mundomelhor  vencendo a 5GW http://bit.ly/5-guerra 

  A sociedade contemporânea depende do equilíbrio na interseção de três Sistemas os quais sustentam a paz social, sem a qual, há retrocesso.

 Da paz social depende não só o progresso como a sustentabilidade. Sem paz, a produção cai, tornando-se suficiente para a manutenção. Contudo

   Saiba o vem sendo escondido de nós.

 Compreenda a estrutura do holograma da acultura da superficialidade e do medo, criada para escravizar a humanidade, assistindo estes vídeos: https://vimeo.com/album/3144893/

  Quais são os 3 pilares dos quais depende a manutenção da sociedade?

  1. O sistema de direito, o qual foi tornado ineficaz por falsas crenças e alteração de valores http://bit.ly/mazelas

 Compreenda melhor o Sistema Jurídico na perspectiva antropológico e humanista transdisciplinar da TgpT aqui: http://bit.ly/tgp-t       https://t.co/3cxdCLbFR7 

  2. O sistema desportivo. Entenda o papel e a importância do esporte e do direito na sociedade aqui: http://bit.ly/4plano 

  3. O sistema de crenças e valores. As crenças falsas são disseminadas mediante HEM, a hipnose em massa, subvertendo os valores. Saiba mais aqui http://bit.ly/hipnose-massa https://t.co/1cg9ZLeFbT 

 Como os controladores globalistas promovem a Acultura da superficialidade?   Descubra a partir dos vídeos em https://vimeo.com/album/3144893 

   A acultura da superficialidade causou a ineficácia jurisdicional e o paradoxo impressionante:  milhares de profissionais do direito escrevem mal embora a ferramenta desse ramo da ciência seja, justamente, a linguagem!

 Confira a respeito da linguagem como ferramenta do direito: http://www.padilla.adv.br/processo/comunicacao/ e http://www.padilla.adv.br/teses/normas/linguagem/ 

  Entenda a acultura da superficialidade a partir das mazelas forenses:  Quem está obcecado pela celeridade evita, por qualquer meio, o exame do caso concreto porque trabalhoso e demorado: no tempo necessário para examinar um caso a fim de decidir o mérito, é possível prolatar uma centena de decisões formais editando modelos de indeferimento ou extinção sem, na verdade, ter examinado caso algum.  

  Saiba mais aqui: http://bit.ly/mazelas

  Lendo, ativamos em torno de 21 áreas entre músculos e cérebro. O número cai três vezes, para em torno de 8 áreas ativas, quando ouvimos alguém falando.

 A acultura da superficialidade globalista combate o hábito da leitura para tornar o primeiro indivíduo menos ativo intelectualmente (confira pesquisas de Anete Guimarães )

 

  Observe a imagem: Cachorro, gato ou coelho?

  Use zoom e aproxime apreciando a beleza só perceptível quando resistimos à tendência de superficialidade 👆🏻
Os mutantes aproveitam os filtros do inconsciente humano e a forma como afetam a percepção superficial para semear falsas crenças.  

 Confira mais imagens e vídeos ilustrando o quanto as distorções da percepção são usadas para nos enganar em http://padilla-luiz.blogspot.com.br/2015/09/idolatria-no-futebol.html?m=1 

educa  idiotizacao estatal.jpg

  Os ParTidos políticos tornam-se mega organizações criminosas sob a fachada de democracia ao serem dominados pelos psicoPaTas.
 
Os psicopatas são mutantes, 2% da população, especialistas dissimular sua diferença e jogar as pessoas decentes umas contra as outras, corromper e controlar todos demais de forma a se manter no poder roubando cada vez mais: http://bit.ly/desumanos 

  Em 12 anos no Brasil, uma facção criminosa disfarçada de ParTido político desviou e roubou mais de 3 trilhões de dólares (US$ 3.000.000.000.000!), mega fortuna suficiente para comprar um país, o que dirá um Tribunal!

 Durante todo o tempo colonial, Portugal conseguiu levar 800 mil quilos de ouro do Brasil. Pelo valor do ouro hoje, US$ 40 dólares/grama, foram US$ 32 bilhões de dólares os quais, pela cotação atual, R$ 112 bilhões de Reais. O déficit formal do governo petista passou dos R$ 172 Bilhões. Sem contar os desmanches das estatais, os desvios, a roubalheira e a corrupção em geral.

  Só na contabilidade formal, o PT de Lula e Dilma arrasaram o BRASIL, em 13 anos, muito mais do que os portugueses durante 3 séculos. Não obstante haverem desmanchado as instituições enquanto roubavam trilhões, continuam se autointitulando de bons! Os mutantes mentem jamais admitindo as maldades que fazem!


   Como lidar com isso?
Nós, humanos, seres espirituais passando por uma experiência corpórea na Terra, enfrentamos a provação de entender e nos proteger dos seres do mal, os 2% da população de mutantes, desumanos e sem conexão espiritual. Embora usem um corpo similar ao nosso, não possuem as 3 características humanas. Esses mutantes são, simplesmente, animais frios, calculistas, desumanos, sem emoções
(embora finjam senti-las para nos manipular). Os mamíferos, como cães e gatos, estão mais próximos da experiência emocional humana do que um psicopata.
Os mutantes são especialistas em mentir e fingir. Eles se passam por bons enquanto acusam os realmente bons de serem maus.

  Os mutantes ambientam uma hipocrisia falso-humanista dividindo a população em grupos para facilitar o controle e jogar uns contra os outros. As pessoas decentes são acusadas do que os mutantes fazem criando uma cortina de fumaça e dúvida na qual os psicopatas se escondem sempre negando as maldades que fazem e jogando a culpa em quem os combate.

 Os mutantes usam um conjunto de técnicas de manipulação dissimulada e subliminar.
Portanto, é fundamental saber que eles existem e ter noções gerais de como eles fazem. Isso permite perceber e identificar as falsidades e se proteger dos engodos e armadilhas sutis. Sobretudo, é necessário defender a verdade acima de tudo!
As ferramentas para você aprender e as armas para enfrentar a bandidagem falso-humanista está nessas compilações:
http://bit.ly/desumanos

http://bit.ly/perigosos

http://bit.ly/1mundomelhor


Por outro lado, a bandidagem só consegue proliferar em um ambiente de pseudo educação idiotizante. Por isso, promovem a
acultura do medo e da superficialidade mediante a exacerbação da sexualidade e espalhando muita desinformação e distração. Tudo para impedir as pessoas de pensar com clareza.  

idiotizacao Marcelo Caetano.jpg

  A acultura da superficialidade é uma consistentes explicação, talvez a única a fazer sentido, para o paradoxo de uma quantidade impressionante de novos profissionais do direito escreverem tão mal.

 A linguagem é o instrumento de trabalho jurídico como se frisa a lustros, desde o início dos anos noventa quando criou-se a atualização através do Ipsis Litteris publicado mensalmente na OAB-RS, de 1990 a 1992.

 A acultura do medo programada e as mazelas da acultura da superficialidade está por trás, por exemplo, do fato de colarem grau em Direito, anualmente, dezenas de milhares  de bacharéis sem um mínimo domínio da principal ferramenta da ciência: http://www.padilla.adv.br/teses/normas/linguagem/ 

  A acultura da superficialidade também explica as mazelas forenses. Quem está obcecado pela celeridade evita, por qualquer meio, o exame do caso concreto porque trabalhoso e demorado: no tempo necessário para examinar um caso a fim de decidir o mérito, é possível prolatar uma centena de decisões formais editando modelos de indeferimento ou extinção sem, na verdade, ter examinado caso algum. http://bit.ly/mazelas 

 Por isso, a maioria dos processos de reparação de danos é arquivado ou indeferido por qualquer pretexto. Nas raras procedências, os valores são pífios e incapazes de reparar. Conforme expressão criada por nós anos noventa, acontece uma encenação jurisdicional. As falsas crenças semeadas por todos os meios impregnaram o inconsciente dos operadores jurisdicionais resultando em uma inversão dos valores. Hoje, no meio forense, a paz social é desconsiderada e não há preocupação em solucionar correta e justamente cada demanda. A maioria dos operadores quer apenas produzir estatísticas e acha “normal” julgar sem examinar e muito menos sem ter qualquer compromisso com a reparação dos danos http://www.padilla.adv.br/processo/morosidade/ 

 A injustiça das decisões judiciais incentiva os maus comportamentos e se torna lucrativo agir ilicitamente. O direito do consumidor só existe na teoria. Na prática, as grandes empresas aumentam seus lucros lesando os consumidores. Por exemplo, desde 2015, as operadoras de celular passaram a inserir cobranças indevidas em quase todas as contas da maioria dos usuários e venderam centenas de vezes mais serviços do que podem prestar com qualidade mínima. Os lobistas regiamente pagos tratam de conseguir o arquivamento das ações eventualmente ajuizadas pelos que ainda teimam em buscar Justiça. No direito civil, os causadores de danos não os reparam. Como consequência, aumentam os litígios e cresce a insatisfação. Cada vez, fica mais abalada a paz social, ampliando a quantidade de injustiça e demandas. O aumento da quantidade de processos serve de pretexto para ampliar a injustiça e realimentar todo o processo, criando um círculo vicioso:

  Há muitos processos porque eles não produzem justiça e a impunidade incentiva os maus comportamentos.  .:. Os atos ilícitos ampliam os litígios e a quantidade de processos...

 Os consumidores não dispõe de efetividade no acesso à Justiça: http://www.canaleletronico.net/index.php?option=com_content&view=article&id=503:os-consumido e http://www.consumidorrs.com.br/rs2/inicial.php?imgm=c&case=2&idnot=17770 

  Por isso, nem chamou tanta atenção o fato de, em 2003, o Código do Consumidor ser revogado com relação aos espetáculos desportivos profissionais: http://www.padilla.adv.br/desportivo/torcedor.pdf 

  Com o novo CPC 2015 outorgando maior liberdade de forma ao juízes o que, na prática, dá total poder aos assessores e estagiários para ignorarem a lei, a tendência é agravar-se o problema: http://padilla-luiz.blogspot.com.br/2016/06/novo-cpc-mais-um-engodo-duplo-do-foro.html 

  Há décadas, a espiral do silêncio abafa o alerta para o perigo desse mal todo, cuidadosamente planejado e preparado. Contudo, os Controladores globalistas promovem o descrédito de quem aborda os problemas em busca de soluções efetivas mediante assédio moral, bullying e assassinato de reputação.

TeoriaDependencia1.jpg

  Saiba mais em http://bit.ly/mazelas 

 Entenda o que aconteceu no Brasil para evitar um futuro ainda pior! http://padilla-luiz.blogspot.com.br/2016/05/origem-de-todo-mal.html 

   "A maior descoberta da humanidade é a de que podemos mudar a vida alterando a maneira de pensar."

    O desprestígio ao esforço/estudo dos especialistas é condicionado pela acultura da superficialidade globalista, a qual é a raiz de todos os problemas da sociedade atual. Desde a violência causada pela impunidade, até o desmanche da educação e dos serviços de saúde:  http://zh.clicrbs.com.br/rs/noticias/noticia/2017/04/a-morte-do-especialista-9768310.html 

O governo do povo (do PT), ao invés de ter criado cursos superiores a torto e a direito (ganhando eleitores, fazendo tretas com as bolsa$$$ etc), deveria ter incrementado a qualidade e a ampliação do ensino básico.
    Assim, teríamos alunos de qualidade chegando aos cursos superiores e, depois, profissionais de qualidade egressando deles. Isso melhoraria o pais.
    Com alunos providos de muitas deficiências entrando nos cursos superiores, houve, é claro, as demagógicas oportunidades de formação superior a todos. Entretanto, o que resulta efetivamente são profissionais péssimos e cidadãos deploráveis.
    Mais ainda e muito pior: toneladas de desempregados, pois a economia começa mais embaixo.
   Para encher de professores todos esses cursos nas IFES, qual a capacidade deles? Tudo faz parte dos planos dos controladores globalistas aplicados através do Foro de São Paulo.

Por que o Brasil foi escolhido para iniciar a escravização dissimulada?

Os globalistas decidiram tornar o Brasil o laboratório de implantação da HEM, a hipnose em massa, devido às características destacadas pelos serviços de inteligência russos reveladas nos arquivos StB ("Segurança Estatal"), o serviço de inteligência da antiga Tchecoslováquia, expostos na pesquisa do paranaense Mauro Kraenski e do tcheco Vladimír Petrilák, os quais montaram um site para divulgar as informações: http://stbnobrasil.com/pt/  publicando o livro 1964 - O elo perdido (Vide Editorial, 2017):

 Os brasileiros "são pessoas preguiçosas e bem levianas"

 Os arquivos tchecoslovacos se prestam também à crítica de costumes. Desde a chegada ao Brasil, em 1952, os agentes registraram suas impressões em relatórios que seriam repassados aos colegas que os substituiriam no futuro. Atuar no Brasil não era exatamente uma prioridade, mas era considerado muito mais seguro do que atuar nos Estados Unidos ou no Reino Unido. Em meio a reclamações sobre o calor que fazia no Rio de Janeiro e a falta d'água por uma semana no apartamento de Copacabana onde o primeiro chefe da rezidentura (base do serviço de inteligência) tchecoslovaca no Brasil se instalou, encontram-se análises sociológicas. "Todo o povo é educado em um espírito de desprezo para com o trabalho, o que pode se observar, por exemplo, quando as faxineiras se recusam a limpar janelas e assoalhos, o que obriga a contratação de mais faxineiras especialmente para isso", registra o agente Jirí Kadlec, de codinome Honza.

Segundo o primeiro agente da StB no Brasil, "homens e mulheres têm unhas tratadas, todos querem a qualquer preço causar a impressão de que não precisam trabalhar fisicamente". Em outro trecho, ele relata violência e assassinatos, um deles cometido a 20 passos da embaixada tchecoslovaca: "Em plena luz do dia, um homem cortou a garganta da esposa porque a mesma não queria partir com ele para outra região do país em busca de uma vida melhor". Em outro relatório, registra-se que "os brasileiros reconhecem como cozinha típica somente a cozinha baiana" e que ela "pode levar à enfermidade". A cervejas são boas, independente das marcas, mas os cigarros são ruins.

 O trecho mais impiedoso sobre os brasileiros reproduzido pelos pesquisadores no livro 1964 - O elo perdido coube ao agente Václav Bubenícek (codinome Bakalár): "Um brasileiro, ao contactar com um estrangeiro, possui uma tendência em fazer uma grande quantidade de promessas, já supondo que não cumprirá nenhuma delas". Referindo-se à classe média urbana, ele diz que "são pessoas preguiçosas e bem levianas, com as quais não se pode contar". "Os brasileiros de classe média frequentemente surpreendem um europeu com uma longa lista de faculdades e cursos que terminaram; mas, na verdade, o conhecimento adquirido por eles é muito superficial, o que significa que no Brasil, por regra, encontramos pessoas ignorantes, que, mesmo com numerosos títulos científicos, não chegam aos pés da nossa gente com formação primária", finaliza. https://brasil.elpais.com/brasil/2018/06/04/politica/1528124118_758636.html 


Como os desumanos dominaram até agora?

A luta humana contra a desinformação psicopata:

Descubras o que não querem que saibas  http://bit.ly/6ondas

 Qual é a origem de todo o mal? ->   Toda a sociedade é controlada pelo sistema jurídico através das leis e de sua aplicação. Por esse motivo, as carreiras jurídicas e políticas são supervalorizadas na grade de contraprestação para se sentirem satisfeitas permitindo a continuidade do holograma psicopata.

   A tecnologia atual permite disponibilizar uma vida confortável e segura para toda a população. Então, por que isso não acontece?   Já pensou em quanto esforço coordenado é necessário para impedir o progresso e o conforto alcançar a todos?  Quem são os controladores criando e mantendo a confusão e o atraso? Descubra aqui http://bit.ly/1mundomelhor

 Pratique artes marciais ou atividades que ajudem a vencer o medo:

 O medo é chamado de “a pequena morte” porque, quando somos dominados pelo medo, nossa capacidade cognitiva caiu. Nosso cérebro, na verdade, possui vários processadores e, quando sentimos medo, a energia é canalizada pela o cérebro mais primitivo, chamado de cérebro réptil, e - por falta de energia no cérebro moderno, chamado de neocórtex, a nossa capacidade cognitiva se reduz.

 Ora, considerando ser,  a inteligência, a ferramenta da raça humana para lidar e resolver os problemas, obviamente que, quando falta energia no neocórtex, o ser humano fica bastante indefeso. Facilmente é anulado, vencido ou manipulado. Por isso é que os controladores  globalistas promovem a acultura do medo - http://bit.ly/aculturadasuperficialidade -  porque ela induz a população viver em um estado de torpor pré-pânico!

   Como se resolve isso?

  Praticando atividades as quais desenvolvem a capacidade de lidarmos e vencer o medo. Artes Marciais, assim compreendidas também as práticas de tiro, arco e flecha, etc., são as melhores opções para aprendermos a lidar com o medo e o vencer.

  O belo filme Piper, com apenas 5 minutos (os quais demandaram 3 anos para picturizar), merecido Oscar de melhor filme de animação, demonstra o quanto a vida pode ser melhorada quando dominamos o medo.  Assista-o aqui: https://vimeo.com/215828022

   As artes marciais desenvolvem personalidade ativa e perceptiva, focada na evolução, cuidados com a própria saúde e imunização ao estado de torpor pré-pânico da acultura do medo e da superficialidade http://bit.ly/aculturadasuperficialidade através da qual os 2% mutantes http://bit.ly/desumanos promovem a escravidão dissimulada em impostos extorsivos, consumismo desenfreado, desinformação, falsas crenças e inversão de valores: http://bit.ly/escravizacao

 Para quem, como nós, desde os anos 80, trabalhamos o desenvolvimento das regras para dinamizar - com beleza plástica e emoção - como um dos mais justos e equilibrados esportes e, disparado, o mais seguro de luta, é o sinal para prosseguirmos formando bons instrutores. Chegou a hora de libertar a humanidade do holograma idiotizante! http://bit.ly/karate-olimpico 

  Como e os globalistas esconderam o caráter pedagógico das Artes Marciais promovendo sua infâmia e tentando, de todas as formas, reduzir a prática: http://bit.ly/sindiplam

  Vídeo demonstra uma tecnologia capaz de acabar com a bandidagem portando armamento militar, como acontece todo o dia, no Rio de Janeiro, em 2018. O que falta? Ainda não há a vontade política de acabar com o mal! Confira aqui https://www.linkedin.com/feed/update/urn:li:activity:6388789539300737024

  Para entender a HEM, hipnose em massa, e o efeito da 5GW, Guerra de  5º Geração, no ensino:  https://docs.google.com/document/d/1dZNBlmljcOTvgaQyzH8iBBzsOq4zQAeMQhD4TDHAtLM/pub 

   Del bien de después están llenos los sepulcros! Http://bit.ly/qsnos 

Como nos libertarmos disso?

A nossa percepção do mundo é muito diferente da realidade.

Somos manipulados através de uma teia de paradoxos e um cipoal de 🙃 desinformação.

A boa notícia: podemos despertar das falsas crenças,

romper o holograma,      libertarmo-nos construindo

1MMM,     um Mundo Muito Melhor!

Para começar a acordar e a vencer, assista ao filme

Quem Somos Nós?

Um dos trechos mais importantes é este: https://youtu.be/lafj4SqVrqM?t=8m32s 

Precisamos acelerar a conscientização, ampliando a quantidade de pessoas despertas, para criar o campo mórfico:

  Apometria é o nome da técnica de trabalhar a espiritualidade potencializando a canalização da energia através da vontade e emoção através de comandos verbais desencadeando um empilhamento de energia conectando os campos e nos conectando até mesmo às demais dimensões:   http://bit.ly/pad-apometria

  A HEM, hipnose em massa, e a espiral do silêncio, serão rompidas, libertando o planeta e a humanidade do domínio do mal quando atingirmos a massa crítica conforme a teoria dos campos mórficos ou da ressonância mórfica. É a teoria do centésimo macaco, de Rupert Sheldrake revolucionando o ramo da biologia e transbordando para demais áreas como a física e a psicologia.

 A Teoria dos Campos Mórficos ou da ressonância mórfica, a teoria do centésimo macaco, de Rupert Sheldrake: https://youtu.be/020k1OqO2_M 

   Acesse a TGT a partir de http://bit.ly/PADilla ou http://bit.ly/pad-apometria

Assista ao filme completo aqui: https://youtu.be/lafj4SqVrqM

http://www.padilla.adv.br/evoluir/quemsomosnos/

   Para entender onde estamos - em meio a uma dissimulada 5GW, Guerra de  5º Geração oriente-se por esse resumo: http://bit.ly/5guerra 

Descubra tudo o que os controladores não querem que tu saibas na

Rede de Conscientização: 

http://bit.ly/conscientizar

https://drive.google.com/folderview?id=0B2CNDxRTI8HAcVl3cFc0M09hZ3M&usp=sharing

Como eles fazem a hipnose em massa, a HEM? http://bit.ly/hipnose-massa  

  Livros para a Conscientização http://bit.ly/livros-pad

https://drive.google.com/drive/folders/0B6QVNULEDAG8OXZnci1UaG9TLWc?usp=sharing 

Estamos todos entrelaçados!  Abraços

Professor   http://bit.ly/PADilla UFRGS

http://bit.ly/pad-face = https://www.facebook.com/ProfessorPadilla/videos/2038395976428299/

http://bit.ly/lattes-pad