Banco de Fontes - Sistema de Inclusão e Atualização de Dados (atualizações)
 Share
The version of the browser you are using is no longer supported. Please upgrade to a supported browser.Dismiss

 
View only
 
 
ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXYZ
1
Indicação de data e hora
Endereço de e-mailNomeCâmpusCursos (Colegiados)E-mail pessoalE-mail institucional
Telefone institucional (UFT)
Telefone residencialCelularOutro telefone
Link para o Currículo Lattes
Resumo do Currículo LattesÁreas de AtuaçãoProjetos de pesquisa em andamento
Projetos de extensão em andamento
Observações
2
05/11/2015 18:15:19
shirleind@mail.uft.edu.br
Shirlei Nabarrete Deziderio
Araguaína, Tocantinópolis
Física, Pedagogia, Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física
shirleind@gmail.comshirleind@uft.edu.br(63) 2112-2273(63) 8442-4619(63) 9934-9606(16) 98833-5184
lattes.cnpq.br/2030368198650670
Possui graduação em Bacharelado em Física pela Universidade de São Paulo (2000), graduação em Licenciatura em Matemática pelo Centro Universitário Moura Lacerda (2008), especialização em Educação à Distância, mestrado em Física Aplicada à Medicina e Biologia pela Universidade de São Paulo (2003) e doutorado em Ciências (Física Aplicada à Medicina e à Biologia) pela Universidade de São Paulo (2013). Atualmente é professor adjunto da Fundação Universidade Federal do Tocantins. Tem experiência na área de Física, Química e Matemática com ênfase em Física, Autoria, editoração e supervisão de materiais didáticos para o EM, atuando principalmente nos seguintes temas: ensino, educação à distância, melanina, filmes finos, síntese orgânica e polímeros semicondutores (Texto informado pelo autor)
Ensino de Física; Física Médica; Biosensores
3
05/11/2015 19:22:03
juferraro@mail.uft.edu.br
Juliana Ricarte FerraroPorto NacionalHistóriajuferraro@hotmail.comjuferraro@uft.edu.br63 9911185563 3363270763 9264819563 84896544
http://lattes.cnpq.br/5503371945137722
Possuo graduação (lienciatura e bacharelado) em História pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1998), mestrado em História pela Universidade Estadual de Campinas (2002), Especialização em Restauro e Conservação de Documentação Gráfica pela Faculdade Senai de São Paulo (2003) e Doutora em Educação pela Universidade de São Paulo/USP. Professora Adjunto I da UFT - Universidade Federal do Tocantins, no curso de História. Atuando principalmente nos seguintes temas: História Cultural, Leitura, Livro e Manuais Escolares, Educação e Ensino de História, Patrimônio Histórico, Conservação e Restauro.
História; Ensino; Arquivo; Patrimônio Cultural
Arquivo e Memória UFT (2013 a atual)
escrição: Este projeto visa o levantamento e a organização do arquivo acadêmico e institucional da UFT no Campus Porto Nacional. Tem como objetivo central a organização de tal arquivo para viabilizar a pesquisadores e futuros interessados na memória estudantil e institucional do Campus o acesso ao acervo e memória UFT. No ano que a UFT completa 10 anos de existência pouco temos de pesquisa realizada sobre ela, e fato que reflete um crescente desinteresse na área da Educação, mas também que reflete a atitude de nossas instituições de não incentivo à estes estudos e pesquisas, até mesmo por não considerarem o arquivo estudantil e acadêmico como fontes primordiais e primárias para a conservação e preservação de suas memórias. Os arquivos escolares em suas mais diversas e variadas funções , além de terem documentos capazes de provar direitos ou servirem de meio de provas da própria administração pública, como da sociedade civil, estes arquivos têm valor histórico e cultural, sendo fontes da históricas, manifestações e/ou representações da memórias e dos lugares de memória, ampliando-se nas memórias dos servidores como sujeitos desta história institucional. Deste modo, corroborando com a visão e missão da UFT de contribuir com seu fortalecimento no campo da pesquisa científica, da extensão, do ensino e da cultura, mas como fortalecimento da própria UFT como instituição pública e de qualidade de nosso país.
PRESERVAR, RESTAURAR E DISSEMINAR A INFORMAÇÃO: Coleção Carlos Araujo Moreira Neto (2015 - Atual)

Descrição: O Projeto visa a formação de equipe de estagiários, através de cursos de extensão, capacitá-los para a higienização e princípios de conservação do acervo, e desta forma, futuramente efetuar a catalogação e armazenamento adequado da coleção do Professor Carlos Araújo Moreira Neto. E assim, atingir um estado satisfatório de higienização e preservação do acervo Carlos Araújo Moreira Neto que possibilite o amplo acesso ao conteúdo informacional, por pesquisadores do Brasil e do exterior, mediante a realização de cursos de extensão de higienização, princípios de conservação e pequenos reparos para a comunidade acadêmica.
Coordenadora do Laboratório Interdisciplinar de Formação de Educadores - LIFE (CPN) - 2013 a atual

Descrição: Este projeto visa criar um Laboratório Interdisciplinar de Formação de Educadores (LIFE) para o Campus de Porto Nacional, como espaço comum das licenciaturas alocadas nesta IFE, (Biologia, Geografia, História e Letras) com o intuito de promover a interação entre os diferentes cursos de formação de professores, de modo a incentivar o desenvolvimento de metodologias voltadas para a inovação das práticas pedagógicas; a elaboração de materiais didáticos de caráter interdisciplinar; o uso de tecnologias da informação e comunicação ? TICs e a articulação entre os programas da CAPES relacionados à Educação Básica, e, assim, subsidiar o desenvolvimento e aperfeiçoamento dos educadores em formação e os que já atuam no campo da docência, buscando uma melhora da qualidade do ensino público.
4
06/11/2015 00:18:00
tiagobcs@mail.uft.edu.br
Tiago Barreto de Castro e Silva
PalmasEnfermagemtiagobcs@me.comtiagobcs@uft.edu.br(63)3232-8549(63) 3215-0829(63) 8132-6689(85) 3235-7331
http://lattes.cnpq.br/7691705678251758
Bacharel em Enfermagem pela Universidade Federal do Ceará (UFC), Especialista em Cuidado Pré-Natal pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), Mestre em Ciências pela Universidade de São Paulo (USP) e Doutor em Enfermagem pela UFC. Tem experiência profissional na área de Enfermagem em Saúde do Adulto e da Mulher e interesse no desenvolvimento de estudos científicos nessas áreas, como foco no cuidado à mulher com câncer de mama e colo do útero, sob o referencial teórico-metodológico da Prática Baseada em Evidências.
Enfermagem em Saúde da Mulher; Enfermagem em Oncologia; Enfermagem em Saúde Pública; Prática Baseada em Evidências
5
06/11/2015 16:12:05
rlorenzo@mail.uft.edu.br
Raydel Lorenzo Reinaldo
PalmasEngenharia Civilraydellr@gmail.comrlorenzo@uft.edu.br633232811932326381423627232
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4498145Z9
Possui graduação em Engenharia Civil pelo Instituto Superior Politecnico Jose Antonio Echeverria (2006) (Cuba) e mestrado em Mecânica de Solos e Engenharia Geotécnica pela Universidade Politécnica de Madri (2010) (Espanha) recebendo o prêmio CEDEX (Centro de Desarrollo e Experimentación do Ministério de Fomento de Espanha) à melhor dissertação apresentada. Doutorando em Geotecnia na Universidade de Brasília.Tem experiência na área Geotécnica com ênfase em Fundações, Estruturas de Contenção e na área de Diagnóstico e Avaliação de Estruturas, atuando como especialista de projetos em varias obras. Atualmente é professor da Universidade Federal do Tocantins e coordenador do grupo de pesquisa ModelE (Modelagem Física e Computacional em Engenharia Civil) inscrito no CNPq, é pesquisador na área de métodos numéricos com ênfase no Método do Ponto Material e a implementação de modelos constitutivos. Além disso tem as seguintes linhas de pesquisa:- Modelos de Instalação de estacas -Durabilidade e vida útil de estruturas de concreto armado submetidas ao ataque de cloretos utilizando modelos de difusão - Fundações para painéis fotovoltaicos - Desempenho térmico de edificações.
Métodos Numéricos; Fundações; Estruturas de Contenção; Modelos de Vida Útil de Estruturas de Concreto; Concreto reforzado com fibras
6
06/11/2015 23:30:43
grajales@mail.uft.edu.br
Lina Maria Grajales Agudelo
PalmasEngenharia de Alimentoslmgrajalesa@hotmail.comgrajales@uft.edu.br6332328581639233456863923345686392334568
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4207756P4
Engenheira Química com ênfase em Engenharia de Alimentos. Facilidade na aplicação dos conhecimentos adquiridos através das ciências físicas, químicas, matemáticas e de engenharia na análise, administração, supervisão e controle de processos nos quais se efetuam mudanças físicas, químicas e bioquímicas para transformar materiais em produtos elaborados ou semi-elaborados; e também, no projeto, construção e montagem de centrais e equipamentos para estes processos. Grande capacidade de trabalho em equipe para pesquisa e aprendizagem rápida. Tem experiência na área de Engenharia de Alimentos.
Engenharia de alimentos; engenharia química
Projeto: Desenvolvimento de um biorreator de bandejas para Fermentação em Estado Sólido.
Resumo: O objetivo principal deste trabalho será desenvolver e aplicar um fermentador de bandejas, visando à produção do fungo entomopatogênico Metarhizium anisopliae por tecnologia de FES, utilizando arroz como substrato. O desenvolvimento do projeto estará dividido em quatro etapas. A primeira consistirá em projetar e construir o equipamento, que deverá conter sistema de injeção de vapor, água e ar comprimido, sistema de aspersão de solução inoculante e sistema de coleta de dados de temperatura. A segunda etapa consistirá em analisar, em escala de frascos, a produção de Metarhizium anisopliae utilizando arroz tipo I e quirera como substratos. A terceira etapa consistirá em analisar termicamente o sistema em função da vazão e direção do ar e carga de material nas bandejas. Finalmente, a quarta etapa consistirá em avaliar o biorreator, realizando fermentações nas quais as melhores condições de operação obtidas nas etapas precedentes, sejam aplicadas. As fermentações deverão durar cerca de 10 dias, e resposta do sistema será dada em função da quantidade de conídios produzidos.
Projeto: Grupo de Apoio a Estrangeiros.
Resumo: Atualmente, o programa “Ciência sem fronteiras” e as políticas de internacionalização das universidades
têm aberto as portas para os acadêmicos estrangeiros realizarem seus estudos de graduação e
pós-graduação no Brasil. Sendo assim, a tendência a aumentar esse número de pessoas vindas do
exterior é a cada vez maior e, a Universidade Federal do Tocantins (UFT) deve estar apta a
recepciona-los. Tomar a decisão de sair de casa para estudar em outro país, implica algumas mudanças
na sua vida. Na maioria dos casos, o acadêmico estrangeiro viaja sozinho, enfrentando uma cultura, língua
e costumes diferentes; estes fatores fazem com que a finalidade de estudar passe primeiramente por um
processo de adaptação à nova vida, antes de começar o aprendizado. Como consequência desses
inconvenientes e necessidades, surge o Grupo de Apoio a Estrangeiros (GAE), tendo como objetivo geral
fornecer o apoio necessário para a acomodação dos acadêmicos estrangeiros que chegam à instituição
para se formar ou continuar a vida acadêmica na UFT. Especificamente pretende-se atuar oferecendo
acolhimento no aeroporto; orientação para regularização da documentação; aulas de português;
orientações prévias à viagem, contatos através de redes sociais e apoio psicológico. Cabe ressaltar que
este apoio oferecido por parte dos integrantes do GAE é totalmente voluntário, esperando como retribuição
que as boas ações sejam multiplicadas e os próximos estrangeiros sejam beneficiados pelas pessoas que
já foram auxiliadas.
Página: http://ww1.uft.edu.br/index.php/gae
7
06/11/2015 23:35:09
grajales@mail.uft.edu.br
Lina Maria Grajales Agudelo
PalmasEngenharia de Alimentoslmgrajalesa@hotmail.comgrajales@uft.edu.br(63)3232-8581(63)9233-4568(63)9233-4568(63)9233-4568
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4207756P4
Engenheira Química com ênfase em Engenharia de Alimentos. Facilidade na aplicação dos conhecimentos adquiridos através das ciências físicas, químicas, matemáticas e de engenharia na análise, administração, supervisão e controle de processos nos quais se efetuam mudanças físicas, químicas e bioquímicas para transformar materiais em produtos elaborados ou semi-elaborados; e também, no projeto, construção e montagem de centrais e equipamentos para estes processos. Grande capacidade de trabalho em equipe para pesquisa e aprendizagem rápida. Tem experiência na área de Engenharia de Alimentos.
Engenharia de alimentos; engenharia química
Projeto: Desenvolvimento de um biorreator de bandejas para Fermentação em Estado Sólido.
Resumo: O objetivo principal deste trabalho será desenvolver e aplicar um fermentador de bandejas, visando à produção do fungo entomopatogênico Metarhizium anisopliae por tecnologia de FES, utilizando arroz como substrato. O desenvolvimento do projeto estará dividido em quatro etapas. A primeira consistirá em projetar e construir o equipamento, que deverá conter sistema de injeção de vapor, água e ar comprimido, sistema de aspersão de solução inoculante e sistema de coleta de dados de temperatura. A segunda etapa consistirá em analisar, em escala de frascos, a produção de Metarhizium anisopliae utilizando arroz tipo I e quirera como substratos. A terceira etapa consistirá em analisar termicamente o sistema em função da vazão e direção do ar e carga de material nas bandejas. Finalmente, a quarta etapa consistirá em avaliar o biorreator, realizando fermentações nas quais as melhores condições de operação obtidas nas etapas precedentes, sejam aplicadas. As fermentações deverão durar cerca de 10 dias, e resposta do sistema será dada em função da quantidade de conídios produzidos.
Projeto: Grupo de Apoio a Estrangeiros.
Resumo: Atualmente, o programa “Ciência sem fronteiras” e as políticas de internacionalização das universidades
têm aberto as portas para os acadêmicos estrangeiros realizarem seus estudos de graduação e
pós-graduação no Brasil. Sendo assim, a tendência a aumentar esse número de pessoas vindas do
exterior é a cada vez maior e, a Universidade Federal do Tocantins (UFT) deve estar apta a
recepciona-los. Tomar a decisão de sair de casa para estudar em outro país, implica algumas mudanças
na sua vida. Na maioria dos casos, o acadêmico estrangeiro viaja sozinho, enfrentando uma cultura, língua
e costumes diferentes; estes fatores fazem com que a finalidade de estudar passe primeiramente por um
processo de adaptação à nova vida, antes de começar o aprendizado. Como consequência desses
inconvenientes e necessidades, surge o Grupo de Apoio a Estrangeiros (GAE), tendo como objetivo geral
fornecer o apoio necessário para a acomodação dos acadêmicos estrangeiros que chegam à instituição
para se formar ou continuar a vida acadêmica na UFT. Especificamente pretende-se atuar oferecendo
acolhimento no aeroporto; orientação para regularização da documentação; aulas de português;
orientações prévias à viagem, contatos através de redes sociais e apoio psicológico. Cabe ressaltar que
este apoio oferecido por parte dos integrantes do GAE é totalmente voluntário, esperando como retribuição
que as boas ações sejam multiplicadas e os próximos estrangeiros sejam beneficiados pelas pessoas que
já foram auxiliadas.
Página: http://ww1.uft.edu.br/index.php/gae
8
11/11/2015 15:02:54
brunairineu@mail.uft.edu.br
Bruna Andrade IrineuMiracema, PalmasServiço Socialbrunairineu@gmail.combrunairineu@uft.edu.br+556333668614(63)33227760(63)99884412+556333668614
http://lattes.cnpq.br/8676883646497204
Professora do Curso de Serviço Social da UFT e Coordenadora do Núcleo de Estudos, Pesquisas e Extensão em Sexualidade, Corporalidades e Direitos da UFT. Doutoranda em Serviço Social pela UFRJ. Mestre em Sociologia pela UFG. Especialista em Segurança Pública e Direitos Humanos pela UFMT. Bacharel em Serviço Social pela UFMT.
Gênero; Sexualidade; Direitos Humanos; Políticas públicas;
1) Participação e Controle social: mapeamento crítico preliminar de experiências de militância de lésbicas e bissexuais na América Latina
2) Políticas de enfrentamento ao sexismo e homofobia no ambiente prisional
1) Programa de Assessoria em Gênero e Diversidade
2) No avesso da noite tocantinense: a sociabilidade LGBT em espaços de consumo
3) Curso de Capacitação em Mídia, Gênero e Espaço de Poder
9
12/11/2015 11:21:16jpsvb@mail.uft.edu.br
João Paulo Simões Vilas Bôas
PalmasFilosofiajpsvboas@yahoo.com.brjpsvb@uft.edu.br(63) 3232-8221(63) 0000-0000(63) 8147-6789(63) 0000-0000
http://lattes.cnpq.br/8882556250527283
Professor do curso de Filosofia da Universidade Federal do Tocantins - UFT. Cursou bacharelado e licenciatura em Filosofia na Universidade Federal do Paraná - UFPR (foi bolsista do programa PET-Filosofia) e mestrado em Filosofia na Universidade Federal do Paraná - UFPR (foi bolsista da Fundação Araucária). No momento é estudante de doutorado do programa de pós-graduação em Filosofia da Unicamp (foi bolsista da FAPESP), desenvolvendo pesquisa na área de filosofia contemporânea.
História da Filosofia Contemporânea; Filosofia da Religião; Ética; Política; Friedrich Nietzsche; Fundamentalismo.
10
12/11/2015 17:54:44
ddnprata@mail.uft.edu.br
DAVID NADLER PRATAPalmas
Pós-Graduação em Modelagem Computacional de Sistemas (PPGMCS)
DDNPRATA@GMAIL.COMDDNPRATA@UFT.EDU.BR55633232-8306(63)3232-8306(63)8114-4040(63)3232-8306
http://lattes.cnpq.br/7533983313189933
O professor David Nadler Prata iniciou suas atividades profissionais de informática no exército em 1989, onde projetou e implantou um sistema de informações para o Serviço Nacional de Informações (SNI). Integrou a equipe de implantação do primeiro Centro de Processamentos de Dados do Estado do Tocantins. Desenvolveu o sistema de Patrimônio do Estado em Natural/Adabas, MVS-IBM, e, posteriormente, assumiu a responsabilidade dos sistemas Orçamentário, Financeiro e Contabilidade do Estado. Elaborou o PDI (Plano Diretor de Informática) do Estado para um período de oito anos. Realizou downsinzing dos sistemas financeiros do mainframe para HP-UX/Risc com o SERPRO de Brasília. Implantou o Infoseg no Tocantins com tecnologia do FBI americano. Paralelamente, coordenou o provedor comercial e acadêmico de Internet da Ulbra em Palmas, onde fez um curso de especialização Lato-Sensu para docentes. Fez vários cursos oficiais da Microsoft em Porto Alegre. Atuou como professor da Unitins (Universidade do Tocantins) no curso de Processamento de Dados. Coordenou e implantou provedores de serviços de Internet no Estado do Tocantins pela RNP (Rede Nacional de Pesquisa), conectando o primeiro servidor comercial do estado ao POP (Ponto de Presença), Unitins. Fez seu curso de mestrado em ciência da computação em Campina Grande-PB. Em 2000, foi aos EUA onde recebeu seu certificado CCNA da Cisco. Trabalhou como pesquisador do CNPq pelo Projeto FIACI (ProTeM-CC-CNPq) - UFPE/UFAL, em Maceió-AL. Publicou e apresentou trabalhos como primeiro autor sobre CSCL e avaliação da aprendizagem a distancia na Finlândia, Stanford, Kuala Lumpur, Paris, Londres, China, Brasília, Rio de Janeiro, São Luiz e São Paulo. Publicou uma coluna mensal no Jornal da FAL sobre Sistemas de Informação. Atuou como reviewer da IEEE para a revista Transactions on Education. Deu entrevista na TV Globo de Alagoas, Gazeta, sobre hackers e segurança no acesso a home banking. Lecionou disciplinas e coordenou os cursos de graduação em bacharelado de Sistemas de Informação, Pós-Graduação Lato-Sensu dos cursos de Redes de Computadores, Engenharia de Software, Banco de Dados e Gestão Estratégica de Sistemas de Informação, da Faculdade de Alagoas FAL, durante os anos de 2001 à 2006. Em Março de 2006, ingressou no curso de doutorado da UFCG, na cidade de Campina Grande. Realizou um estágio de duas semanas no NILC, Núcleo Interinstitucional de Lingüística Computacional da USP de São Carlos. Fez um doutorado sandwich de seis meses, na Carnegie Mellon Univesity, em Pittsburgh, Pensilvânia, EUA. Defendeu sua tese em 2008 e transferiu-se em 2009 para a UFT em Palmas-TO. Na UFT, responsável pela elaboração do projeto de Mestrado Profissional Interdisciplinar em Modelagem Computacional de Sistemas, autorizado pela capes em 03/04/2012, o qual está atualmente coordenando. Pesquisador do Programa de Pesquisa em Biodiversidade (PPBio) do Núcleo Tocantins. Coordenador de Projeto Universal do CNPq, Edital 2014. Bolsista Produtividade da UFT. Professor permanente do Programa de Pós-Graduação em Ensino em Ciência e Saúde.
informática na educação, mineração de dados, análise de ecossistemas
- SISTEMÁTICA BIOLÓGICA VIRTUAL
- DESENVOLVIMENTO DE UMA METODOLOGIA EVOLUTIVA PARA A IMPLANTAÇÃO E MANUTENÇÃO DO NGBIO TO
- Mineração de Dados
- Programa de Pesquisa em Biodiversidade - PPBio
- Análise de Diálogos em Aprendizagem Colaborativa
- Fórum Tocantinense de Tecnologia da Informação
11
12/11/2015 18:00:02
kelvinson@mail.uft.edu.br
KELVINSON FERNANDES VIANA
GurupiEngenharia de Bioprocessos e Biotecnologiakelvinsonviana@yahoo.com.brkelvinson@uft.edu.br(63) 3311 35353312 4199(63) 81000807(63) 8106 1726
http://lattes.cnpq.br/7936747848971080
Médico Veterinário graduado pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES). Mestrado em Biotecnologia pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), com ênfase em bioprocessos e tratamentos de doenças. Atualmente é Professor efetivo do curso de Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia da Universidade Federal do Tocantins (UFT) e doutorando em parasitologia pela Universidade Federal de Minas Gerais, com ênfase no desenvolvimento de novos candidatos vacinais contra leishmaniose visceral. Tem experiência em medicina veterinária preventiva, biomarcadores, infectologia, imunologia clínica, vacinologia, cultura celular e ensaios pré-clínicos e clínicos destinados ao teste de imunobiológicos contra bactérias e protozoários
Vacinas; diagnóstico; antígenos; infectologia
Desenvolvimento biotecnológico de um novo candidato vacinal de peptídeo sintético, em ensaio pré-clínico contra leishmaniose visceral.
Epidemiologia da Leishmaniose Visceral Canina em Gurupi-TO
12
12/11/2015 18:05:45
gilsonporto@mail.uft.edu.br
Francisco Gilson Rebouças Porto Junior
Palmas
Pedagogia, Pós-Graduação em Gestão de Políticas Públicas (Gespol), Esp. em Ensino de Comunicação/Jornalismo: temas contempoâneos
gilsonportouft@gmail.comgilsonporto@uft.edu.br(63) 32324080(63)32328040
2015 - Atual Revista Observatório Descrição: A Revista Observatório é uma publicação quadrimestral do Núcleo de Pesquisa e Extensão Observatório de Pesquisas Aplicadas ao Jornalismo e ao Ensino (OPAJE) da Universidade Federal do Tocantins (UFT) que tem como missão atuar na promoção da discussão acadêmica e de estudos interdisciplinares avançados no campo da Comunicação, do Jornalismo e da Educação. Possui editores na UFT, UNESP, Universidade do Minho (Portugal), Universidade Eduardo Mondlane (Moçambique) e Universidade do Cabo (Cabo Verde). O propósito da Revista Observatório é constituir-se como um periódico acadêmico a fim de apresentar, na forma de artigos científicos, resultados de pesquisas e estimular debates sobre questões teórico-metodológicas da pesquisa em Comunicação, Jornalismo e Educação, ao mesmo tempo em que se propõe a contribuir para a criação e fortalecimento de uma rede de pesquisadores na confluência dessas áreas em nível nacional e internacional, tendo por base os grupos e núcleos de pesquisa no Brasil e no Exterior. A revista se pauta no princípio da democratização do conhecimento científico incentivando o acesso público, imediato e livre a todo o seu conteúdo publicado.. Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. Integrantes: Francisco Gilson Rebouças Pôrto Júnior - Coordenador / Cynthia Mara Miranda - Integrante / Nelson Russo de Moraes - Integrante / João Nunes da Silva - Integrante. 2015 - Atual Incubadora de Projetos Pedagógicos e Inovação para Escolas de Ensino Fundamental e Médio Descrição: O Projeto ?Incubadora de Projetos Pedagógicos e Inovação para Escolas de Ensino Fundamental e Médio? tem como objetivo aproximar a comunidade acadêmica de cursos da UFT e pesquisadores do Núcleo de Pesquisa e Extensão Observatório de Pesquisas Aplicadas ao Jornalismo e ao Ensino (OPAJE-UFT) das escolas públicas e da comunidade tradicionais, com foco na transferência de expertise, visando a publicização e popularização do que é desenvolvido pela ciência. Além disso, o projeto visa proporcionar o empoderamento de professores e alunos para o acesso e a apropriação comunitária de tecnologias sociais e bens informacionais que os habilitem a desenvolver projetos pedagógicos e de inovação em suas comunidades. Por meio de suporte teórico-prático e acompanhamento, se pretende criar uma cultura da criação e inovação junto aos professores e alunos das escolas públicas. Com esse projeto pretende-se divulgar a formação na área de pesquisa e inovação ao mesmo tempo em que se aproximam docentes, discentes da UFT, estudantes das escolas públicas e membros das comunidades tradicionais.. Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. Integrantes: Francisco Gilson Rebouças Pôrto Júnior - Coordenador / Rodrigo Barbosa e Silva - Integrante / Daniela Barbosa de Oliveira - Integrante / João Nunes da Silva - Integrante / Erasmo Baltasar Valadão - Integrante. 2015 - Atual Repositório Digital da Rede Internacional de Pesquisadores sobre Bolonha (REBOL) Descrição: Desenvolvimento de repositório digital para a Rede Internacional de Pesquisadores sobre Bolonha (REBOL) visando a divulgação da produção científica sobre o Processo de Bolonha. O repositório é hospedado na Universidade Federal do Tocantins (UFT), junto a Biblioteca Central.. Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. Integrantes: Francisco Gilson Rebouças Pôrto Júnior - Coordenador / Rodrigo Barbosa e Silva - Integrante / Daniela Barbosa de Oliveira - Integrante / Nelson Russo de Moraes - Integrante / João Nunes da Silva - Integrante.
(63)84028033
http://lattes.cnpq.br/8025807807825011
Francisco Gilson Rebouças Pôrto Júnior é doutor em Comunicação e Cultura Contemporâneas pela Faculdade de Comunicação da Universidade Federal da Bahia (UFBA), mestre em Educação pela Faculdade de Educação (UnB) e graduado em Comunicação Social/Jornalismo (ULBRA) e Pedagogia (UnB). Atualmente é líder do Núcleo de Pesquisa e Extensão e Grupo Lattes Observatório de Pesquisas Aplicadas ao Jornalismo e ao Ensino (OPAJE-UFT). É professor na Fundação Universidade Federal do Tocantins (UFT). Coordena pesquisas em ensino de jornalismo digital e preservação da Memória. Pesquisa sobre formação, ensino e processos educativos no Brasil, na União Europeia, CPLP/PALOPS e BRICS.
Comunicação; jornalismo; educação; sistemas educativos
2014 - Atual
Implementação do quadro de qualificações europeu na formação e no ensino de Comunicação Social e Jornalismo: estudo das estratégias de aplicação em Portugal

Descrição: O presente projeto de pesquisa, tendo como foco os processos de formação e o ensino em Comunicação Social e Jornalismo, tem como objetivos: Compreender a dinâmica de transformação ocasionada pelo Quadro de Qualificações Europeu na formação e no ensino em Comunicação Social e Jornalismo em universidades portuguesas; Comparar as estratégias de formação acadêmica em Portugal como caso ilustrativo do que vem ocorrendo na União Européia, no contexto do Processo de Bolonha desencadeado desde 1998; Estudar a dinâmica interna de universidades portuguesas na consolidação do Quadro de Qualificações Europeu; Realizar trabalho documental com a coleta de fontes primárias, que deverão subsidiar estudos e relatórios sobre a temática; e, Facilitar a geração de redes de pesquisadores com as universidades portuguesas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Francisco Gilson Rebouças Pôrto Júnior - Coordenador.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra.
2014 - Atual
Formação e ensino em Comunicação Social e Jornalismo na era dos blocos regionais (BRICS, CPLP/PALOPS, MERCOSUL e União Europeia).

Descrição: A noção de blocos regionais surge com intensidade nos anos 1990, forjada a partir dos ideais de polarização econômica, política e militar da então chamada Guerra Fria. Esses blocos regionais evoluíram ampliando seus escopos das áreas comercial e financeiro, para marcos mais regulatórios, políticos, de segurança e educacionais. Dessa forma, a constituição desses blocos regionais e as relações inter-regionais reforçam uma nova identidade mundial globalizada. A pesquisa de quatro anos intitulada ?Formação e ensino em Comunicação Social e Jornalismo na era dos blocos regionais (BRICS, CPLP/PALOPS, MERCOSUL e União Europeia)? tem como objetivo recolher, sistematizar e analisar as práticas de formação e ensino em Comunicação Social e Jornalismo nos blocos regionais, a saber: Brasil, Rússia, Índia, China e à África do Sul (BRICS), Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) /Países Africanos de Língua Portuguesa (PALOPS), União Europeia e Mercado Comum do Sul (MERCOSUL)..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Francisco Gilson Rebouças Pôrto Júnior - Coordenador / Daniela Barbosa de Oliveira - Integrante.


2014 - Atual
Ensino de Comunicação Social/Jornalismo na União Europeia: sistematização da produção bibliográfica sobre o Processo de Bolonha e a formação em jornalismo no período de 2006 a 2015.

Descrição: O projeto "Ensino de Comunicação Social/Jornalismo na União Europeia: sistematização da produção bibliográfica sobre o Processo de Bolonha e a formação em jornalismo no período de 2006 a 2015" é uma continuidade do projeto anterior "Ensino de Comunicação Social/Jornalismo na União Europeia: sistematização da produção bibliográfica sobre o Processo de Bolonha e a formação em jornalismo no período de 1998-2005". Parte-se do pressuposto que o Processo de Bolonha é considerado a maior mudança curricular em âmbito continental, alcançando 49 países-membros da União Europeia. A pesquisa tem como objetivo recolher, sistematizar e comentar a produção bibliográfica sobre o Processo de Bolonha, com foco na formação e na formação em Comunicação Social/Jornalismo. Para isso, utilizará como referencial metodológico o arcabouço teórico de Porto Jr. (2012), tendo como foco a organização das metas estruturantes do Processo com a Declaração de Sorbonne (1998), a organicidade dos princípios e objetivos em Bolonha (1999) e, posteriormente sua consolidação nos encontros de Londres (2007), Louvaine (2009) e Bucareste (2012). Para essa sistematização utilizar-se-á documentos produzidos pelo Bologna Follow-Up Group (BFUG), os relatórios e os textos de análise dos membros consultivos do Processo de Bolonha ? EI, ENQA, EQAR, EUA, EURASHE, bem como de outras entidades, tais como ESU e EC-EU, Coimbra Group Universitie, UNESCO-European Centre for Higher Education (UNESCO-CEPES) e de agências de garantia de qualidade, como a Association to Advance Collegiate Schools of Business (AACSB), Accreditation Board for Engineering and Technology (ABET), Academic Cooperation Association (ACA), Evaluation Council for Public Polytechnics (ADISPOR), Arab League Educational, Cultural and Scientific Organization (ALECSO), Agência Nacional de Avaliação da Qualidade e Acreditação (ANECA), Evaluation Council for Private Universities and Polytechnics (APESP), Accreditation of Prior Certificated Learning (APCL), Accreditation of Prior Experimental Learning (APEL), Accreditation of Prior Learning (APL) e da Agência Austríaca para a Garantia da Qualidade (AQA), dentre outras. Também serão consultadas as produções das universidades europeias com foco no Processo de Bolonha..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Francisco Gilson Rebouças Pôrto Júnior - Coordenador.


2014 - Atual
ANÁLISE DA COOPERAÇÃO ENTRE ORGANIZAÇÕES SOCIAIS ALEMÃS E BRASILEIRAS PARA A PROMOÇÃO DO ENSINO EM COMUNIDADES TRADICIONAIS AMAZÔNICAS

Descrição: As relações entre a Alemanha e o Brasil se constituíram a partir de 1960, mas foi a partir de 1980 que se exponenciou a formação de associações alemãs que passaram a investir no Brasil por meio de parcerias diretas com organizações sociais brasileiras. Diante deste contexto, problematiza-se "quais os reflexos do investimento de comunidades alemãs na promoção do ensino no Brasil?" e para se chegar à composição de tese que responda a problemática, estabelece-se como objetivo geral "analisar os reflexos dos investimentos voluntários de organizações sociais alemãs na promoção do ensino no Brasil". A pesquisa proposta é explicativa, ou seja vai determinar uma tese que sustentará resposta sobre a efetividade de tais investimentos, perpassando pelas necessárias fases exploratória (definição sustentada do fenômeno do investimento alemão em projetos educacionais de comunidades tradicionais amazônicas) e pela fase descritiva (abarcando os passos que levaram as organizações sociais brasileiras e alemãs a implementarem tal cooperação). A equipe de trabalho iniciará estudos bibliográficos (exploração bibliográfica) em livros, documentos e produções científicas que possam contribuir para o estabelecimento do estado da arte do tema pesquisado. Posteriormente, utilizando-se da técnica de estudo de caso investigará as relações internacionais de cooperação estabelecidas por uma organização social alemã em projetos educacionais de comunidades tradicionais amazônicas. Com a associação alemã ARABRAS (de assistência educacional) tomada como objeto de estudo de caso por meio da amostra não probabilistica intencional, a equipe irá mapear seus investimentos e levantar informações sobre a efetividade de seus resultados, para tanto serão analisados documentos (já foi autorizada análise de documentos e relatórios pela associação ARABRAS e seus parceiros no Brasil) e coletadas informações por meio de entrevistas com membros das comunidades beneficiadas, especialmente dentre egressos de projetos educacionais que receberam investimentos da Alemanha. As comunidades tradicionais (caracterizadas pelo Decreto 6040/2007) beneficiadas a serem visitadas e onde serão coletadas informações qualitativas são 1) Comunidade Tradicional de Remanescentes de Garimpo de Cristal de Pequizeiro (TO); 2) Comunidade Tradicional de Pescadores de Araguacema (TO); e 3) Comunidade Tradicional de Geraizeiros da região de Goianorte e Guaraí (TO). Com a análise dos resultados ter-se- ão subsídios para as respostas ao problema previamente estabelecido e para a consecução dos objetivos destacados..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Francisco Gilson Rebouças Pôrto Júnior - Integrante / Nelson Russo de Moraes - Coordenador.
2015 - Atual
Programa Escola Livre de Jornalismo - 2ª edição

Descrição: O 'Programa Escola Livre de Jornalismo' tem como objetivo aproximar a comunidade acadêmica de comunicação social/jornalismo das escolas públicas, com foco no ensino de jornalismo e na prática jornalística, visando a publicização e popularização do que é desenvolvido por essa área do saber. Por meio de atividades formativas, se pretende criar uma cultura jornalística junto aos alunos das escolas públicas. Com esse programa pretende-se fortalecer a divulgação científica e a formação na área de jornalismo ao mesmo tempo em que se aproximam docentes, discentes da UFT e estudantes das escolas públicas..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.

Integrantes: Francisco Gilson Rebouças Pôrto Júnior - Coordenador / Daniela Barbosa de Oliveira - Integrante / João Nunes da Silva - Integrante.

2015 - Atual
Revista Observatório

Descrição: A Revista Observatório é uma publicação quadrimestral do Núcleo de Pesquisa e Extensão Observatório de Pesquisas Aplicadas ao Jornalismo e ao Ensino (OPAJE) da Universidade Federal do Tocantins (UFT) que tem como missão atuar na promoção da discussão acadêmica e de estudos interdisciplinares avançados no campo da Comunicação, do Jornalismo e da Educação. Possui editores na UFT, UNESP, Universidade do Minho (Portugal), Universidade Eduardo Mondlane (Moçambique) e Universidade do Cabo (Cabo Verde). O propósito da Revista Observatório é constituir-se como um periódico acadêmico a fim de apresentar, na forma de artigos científicos, resultados de pesquisas e estimular debates sobre questões teórico-metodológicas da pesquisa em Comunicação, Jornalismo e Educação, ao mesmo tempo em que se propõe a contribuir para a criação e fortalecimento de uma rede de pesquisadores na confluência dessas áreas em nível nacional e internacional, tendo por base os grupos e núcleos de pesquisa no Brasil e no Exterior. A revista se pauta no princípio da democratização do conhecimento científico incentivando o acesso público, imediato e livre a todo o seu conteúdo publicado..
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.

Integrantes: Francisco Gilson Rebouças Pôrto Júnior - Coordenador / Cynthia Mara Miranda - Integrante / Nelson Russo de Moraes - Integrante / João Nunes da Silva - Integrante.


2015 - Atual
Incubadora de Projetos Pedagógicos e Inovação para Escolas de Ensino Fundamental e Médio

Descrição: O Projeto ?Incubadora de Projetos Pedagógicos e Inovação para Escolas de Ensino Fundamental e Médio? tem como objetivo aproximar a comunidade acadêmica de cursos da UFT e pesquisadores do Núcleo de Pesquisa e Extensão Observatório de Pesquisas Aplicadas ao Jornalismo e ao Ensino (OPAJE-UFT) das escolas públicas e da comunidade tradicionais, com foco na transferência de expertise, visando a publicização e popularização do que é desenvolvido pela ciência. Além disso, o projeto visa proporcionar o empoderamento de professores e alunos para o acesso e a apropriação comunitária de tecnologias sociais e bens informacionais que os habilitem a desenvolver projetos pedagógicos e de inovação em suas comunidades. Por meio de suporte teórico-prático e acompanhamento, se pretende criar uma cultura da criação e inovação junto aos professores e alunos das escolas públicas. Com esse projeto pretende-se divulgar a formação na área de pesquisa e inovação ao mesmo tempo em que se aproximam docentes, discentes da UFT, estudantes das escolas públicas e membros das comunidades tradicionais..
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.

Integrantes: Francisco Gilson Rebouças Pôrto Júnior - Coordenador / Rodrigo Barbosa e Silva - Integrante / Daniela Barbosa de Oliveira - Integrante / João Nunes da Silva - Integrante / Erasmo Baltasar Valadão - Integrante.


2015 - Atual
Repositório Digital da Rede Internacional de Pesquisadores sobre Bolonha (REBOL)

Descrição: Desenvolvimento de repositório digital para a Rede Internacional de Pesquisadores sobre Bolonha (REBOL) visando a divulgação da produção científica sobre o Processo de Bolonha. O repositório é hospedado na Universidade Federal do Tocantins (UFT), junto a Biblioteca Central..
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.

Integrantes: Francisco Gilson Rebouças Pôrto Júnior - Coordenador / Rodrigo Barbosa e Silva - Integrante / Daniela Barbosa de Oliveira - Integrante / Nelson Russo de Moraes - Integrante / João Nunes da Silva - Integrante.

13
12/11/2015 18:08:15
renatopin@mail.uft.edu.br
Renato Torres PinheiroPalmas
Engenharia Ambiental, Medicina, Pós-Graduação em Biodiversidade e Biotecnologia (Bionorte), Pós-Graduação em Ecologia de Ecótonos (PPGEE), Pós-Graduação em Modelagem Computacional de Sistemas (PPGMCS)
renaxas@hotmail.comrenatopin@uft.edu.br63 3232815863 3216281763 8124976863 00000000
http://lattes.cnpq.br/5050256632943011
Doutor em Ecologia pela Universidade de Alicante, Espanha
Pós-doutor em Ecologia e Biodiversidade pela Universidade de Valência, Espanha
Ecologia, Ornitologia, Conservação
Biodiversidade do Tocantins
Biodiversidade e Desenvolvimento Urbano
Aves ameaçadas do Tocantins
Plano de Arborização de Palmas-TO
14
12/11/2015 18:09:56
wagnersilva@mail.uft.edu.br
Wagner Rodrigues SilvaPalmas
Pedagogia, Pós-Graduação em Ensino de Língua e Literatura (PPGLetras), Pós-Graduação em Letras (ProfLetras)
wagnerodriguesilva@hotmail.comwagnersilva@uft.edu.br(63) 3232-8101(63) 3216-1894(63)8118-7176(63)818-7176
http://lattes.cnpq.br/6702374101936937
possui graduação em Letras Licenciatura Plena em Língua Portuguesa e Inglesa pela Universidade Federal de Pernambuco - UFPE (2001), mestrado (2003), doutorado (2006) em Linguística Aplicada pela Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP, e pós-doutorado em Linguística Aplicada pela The Hong Kong Polytechnic University - PolyU (2014). Durante o curso de graduação, foi bolsista de Iniciação Científica (CNPq/PIBIC) por três anos. Atualmente é professor Associado da Universidade Federal do Tocantins - UFT, docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Letras: Ensino de Língua e Literatura (Mestrado e Doutorado Acadêmico e Mestrado Profissional em Letras - ProfLetras). Na graduação,leciona disciplinas na área de linguagem na Licenciatura em Pedagogia, no Campus Universitário de Palmas. Coordenou o Centro Interdisciplinar de Memória dos Estágios Supervisionados das Licenciaturas - CIMES (2009.2 a 2013.1). Foi Bolsista de Produtividade 2F (CNPq) entre os anos 2009 e 2012. Tem experiência na área de Linguística Aplicada, atuando principalmente nos seguintes temas: ensino de gramática, gêneros textuais, letramento, alfabetização, material didático, práticas de escrita, práticas de leitura e estágio supervisionado nas licenciaturas. Coordenou o Programa de Pós-Graduação em Letras: Ensino de Língua e Literatura (Mestrado e Doutorado) durante quatro anos. Atualmente, é Diretor de Pesquisa da UFT/Propesq e Bolsista Produtividade em Pesquisa pelo programa institucional da referida universidade.
Linguística Aplicada; Alfabetização; Letramento; Ensino de Língua Materna; Material Didático; Letramento Digital; Ensino de Gramática
Estudo gramatical-discursivo da escrita reflexiva profissional produzida por professores em formação inicial (CNPq 446235/2014-8)
15
12/11/2015 18:24:37
orietasi@mail.uft.edu.br
Orieta Soto IzquierdoPalmasEngenharia Civilorietasi@gmail.comorietasi@uft.edu.cu--(63)991919851634157160
http://lattes.cnpq.br/1424437852084514
Possui graduação em Engenharia Civil pelo Instituto Superior Politécnico José Antonio Echeverria (2008) (Cuba). Obteve o título de mestre em 2011 e o título de doutor em 2015, ambos na área de Estruturas pela Escola de Engenharia de São Carlos-USP. Atualmente é professora de Engenharia Civil da Universidade Federal de Tocantins. Tem experiência na área de Engenharia Civil, com ênfase em Estruturas de Concreto e Alvenaria, atuando principalmente nos seguintes temas: resíduos para uso em concretos, tecnologia do concreto, alvenaria estrutural e modelagem numérica
Estruturas de concreto e alvenaria estrutural
16
12/11/2015 18:26:29
cleivanereis@mail.uft.edu.br
Cleivane Peres dos Reis
Palmas
Pedagogia, Esp. Coordenação Pedagógica, Esp. Educação do Campo
cleivanereis@hotmail.comcleivanereis@uft.edu.br63 3232-809663 3224-567763 8400-567763 9111-0265
: http://lattes.cnpq.br/6630075417074064
Doutora em Educação pela UFSCAR (2015). Mestre em Educação pela Universidade Federal de Juiz de Fora (2002). Graduada em Pedagoga pela Universidade Federal de Viçosa (1999). Atualmente é Professora efetiva do Curso de Pedagogia da Universidade Federal do Tocantins e Analista Ministerial Especializada em Educação do Ministério Público do Estado do Tocantins. Ministra disciplinas da área educacional em cursos de graduação e pós-graduação. Exerceu função de diretora, vice-diretora de pós-graduação, pesquisa e extensão, coordenadora pedagógica e professora pesquisadora em instituições de Ensino Superior. Tem trabalhos acerca dos seguintes temas: políticas públicas educacionais, legislação, financiamento da educação, gestão democrática, educação do campo, formação de lideranças para desenvolvimento rural sustentável, pesquisa e educação popular, educação de jovens e adultos, metodologia de pesquisa científica, educação não escolar; crianças e adolescentes em situação de risco
educação - política educacional - legislação
17
12/11/2015 18:30:01
marcos.oliveira@mail.uft.edu.br
MARCOS ANDRÉ DE OLIVEIRA
PalmasEngenharia Civilmarcosandreoliver@hotmail.commarcos.oliveira@uft.edu.br(63)32323219(63)81128682(63)81128682(63)81128682
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4774142P1
Possui graduação em "Engenharia Hídrica" (2004) e mestrado em "Engenharia de Energia" (2012), ambos pela Universidade Federal de Itajubá. Atualmente é docente do curso de Engenharia Civil da Universidade Federal do Tocantins - UFT. Tem experiência nas áreas de Energia, Hidráulica, Recursos Hídricos e Exploração de Recursos Naturais.
Exploração do Uso Racional de Recursos Naturais e Energia; Eficientização Hidroenergética e Repotenciação de Centrais Hidrelétricas;Recursos Hídricos e Meio Ambiente;Estruturas Hidráulicas e Segurança de Barragens.
2007 - VENCEDOR do 6º Prêmio ALCOA DE INOVAÇÃO EM ALUMÍNIO, na categoria Planejamento de Gestão, na modalidade Profissional.
18
12/11/2015 18:31:45
guilherme.nobre@mail.uft.edu.br
Guilherme nobre lima do nascimento
Palmas
Nutrição, Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia de Alimentos (PPGCTA), Pós-Graduação em Ciências da Saúde (PPGCS)
guilherme.nobre@uft.edu.brguilherme.nobre@uft.edu.br(63) 3232-8354(63) 3322-6076(63) 9255-3395(63) 84421233
lattes.cnpq.br/5600328550159092
Possui graduação em Farmácia pelo Centro Universitário de Patos de Minas (agregada a Universidade do Estado de Minas Gerais), Especialista em Genética, Bioquímica e Ciências Farmacêuticas pelo IACT, mestrado em Ciências Farmacêuticas pela UFG e Doutor em Química pela UFU. Atualmente é professor Adjunto do curso de Nutrição da Universidade Federal do Tocantins. Participa dos programas de mestrado acadêmico em Ciência e Tecnologia de Alimentos e do mestrado profissional em Ciências da Saúde. Tem experiência nas áreas de Toxicologia, Etnofarmacologia e Dinâmica Molecular.
Toxicologia; Farmacologia; Plantas Medicinais; Química Teórica
19
12/11/2015 18:46:07
engmarx@mail.uft.edu.br
Felipe de Azevedo Marques
PalmasEngenharia Civilmarxfel@gmail.comengmarx@uft.edu.br(63) 3232-8219(63) 8466-0905(63) 8466-0905(63) 8466-0905
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4742877J9
ossui graduação em Engenharia Agrícola e Ambiental pela Universidade Federal de Viçosa (2004) e mestrado e doutorado em Engenharia Agrícola pela Universidade Federal de Viçosa (2006, 2010) na área de Recursos Hídricos e Ambientais. Especialista em Recursos Hídricos e Ambientais, com ênfase no Planejamento e Gestão Integrada dos Recursos Hídricos e Gerenciamento de Resíduos Sólidos, atuando principalmente nas seguintes áreas: Hidrologia, Hidráulica, Drenagem e Saneamento, Gestão de Recursos Hídricos, Sistemas de informação, GIS, SSD e Engenharia de Água e Solo. Tem experiência avançada na integração de informações hidrológicas às soluções de SIG (ArcGIS, ERDAS) e SGBDR (SQL Server, Oracle, ArcGIS Server). Atualmente é Professor Adjunto do curso de engenharia civil da Universidade Federal do Tocantins UFT, ministrando as disciplinas de Hidráulica Aplicada, Hidrologia Aplicada, Geoprocessamento e Projeto de Sistemas de Abastecimento de Água.
Recursos Hídricos; Sistemas de Informação Geográfica; Drenagem Urbana; Meio Ambiente
Sistema de Informação Geográfica para Apoio à Gestão de Recursos Hídricos no Tocantins, 2014-2016 (financiado pela FAPT).

Plano Diretor de Recursos Hídricos da Bacia Hidrográfica do Entorno do Lago da UHE Luis Eduardo Magalhães, 2015 - 2016 (contrato FAPTO - Semarh-TO).
Consulta Pública para Desenvolvimento do Plano da Bacia Hidrográfica do Entorno do Lago, 2015-2016 (contrato FAPTO - Semarh-TO).
20
12/11/2015 18:53:57beto@mail.uft.edu.brAlberto Pereira LopesAraguaínaGeografiabetochief@gmail.combeto63-2112-222063-3412-163463-9254-765663-9945-8988Alberto Pereira Lopes
Possui graduação em Licenciatura Em Geografia pela Universidade Federal da Paraíba(1991), mestrado em Geografia pela Universidade Federal de Uberlândia(2001) e doutorado em Geografia (Geografia Humana) pela Universidade de São Paulo(2009). Atualmente é PROFESSOR da UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS e Revisor de periódico da Revista de Geografia Agrária - Campo e território. Tem experiência na área de Geografia, com ênfase em Geografia Humana. Atuando principalmente nos seguintes temas:Reforma agrária, Espaço geográfico.
Campo; território; movimenstos sociais; reforma agrária, ensino de geografia
Projetos de pesquisa protocolado na PROPESQ:
1)TRABALHO ESCRAVO NO TOCANTINS: A DIFÍCIL MISSÃO DE ERRADICAR; 2013-2016;
As comunidades tradicionais as margens do rio Tocantins, o caso das colônias de pescadores na cidade de Babaçulândia-TO: (des)territorialização ou novas territorialização 2014-2015;
CLARA NUNES: A IMPORTÂNCIA DE SUA OBRA NA FORMAÇÃO CULTURAL AFRO BRASILEIRA 2010-2011.


DIAGNÓSTICO DO TRABALHO ESCRAVO CONTEMPORÂNEO NO BRASIL: com destaque o Estado do Tocantins de 2008-2016 - sigproj. fluxo contínuo.
21
12/11/2015 18:56:24
janaina.araujo@mail.uft.edu.br
Janaina Lima de AraujoPalmasEngenharia Civillima.jana@gmail.comjanaina.araujo@uft.edu.br(63) 3232-8219(63) 8114-3460(63) 8114-3460(63) 8114-3460
http://lattes.cnpq.br/4543543493850335
Graduada em Engenharia Civil pela Universidade Federal de Campina Grande - Paraíba, e Mestre em Geotecnia pela Faculdade de Engenharia Civil e Ambiental da Universidade de Brasília. Tem experiência na área de Engenharia Civil, com ênfase em Geotecnia, atuando principalmente nos seguintes temas: Pavimentação, misturas asfálticas, mecânica dos solos.
Engenharia Civil; Geotecnia; Pavimentação
22
12/11/2015 19:01:20
carmem.rolim@mail.uft.edu.br
Carmem Lucia Artioli Rolim
Palmas
Pedagogia, Pós-Graduação em Educação (PPGE)
carmem.rolim@uft.edu.brcarmem.rolim@uft.edu.br(63)3232-8092(63)9961-3939(63) 9961-3939(63)9961-3939
http://lattes.cnpq.br/1827912250538157
Licenciada em Ciências e Matemática (1995), Especialista em Informática e Sistemas de Informação pela Universidade de Sorocaba (1998), Mestre em Educação pela Uniso (2003) e Doutora em Educação pela Unimep (2008). Trabalhou como Professora efetiva no ensino fundamental pelo Estado de São Paulo (1991 - 1999), efetiva na área de matemática PEB II - ensino médio (2000 - 2003), docente da Universidade de Sorocaba (2002 - 2009), aprovada como Supervisora de Ensino do Estado de São Paulo (2008). Atualmente é professora adjunta IV na Universidade Federal do Tocantins, leciona e orienta no mestrado em educação e no curso de pedagogia. Coordena o grupo de pesquisa Formação de professores: fundamentos e metodologias de ensino, investigando o processo de ensino e aprendizagem da matemática que envolve especificidades metodológicas para o desenvolvimento educacional, é membro da rede Educación y ciencia: Red Iberoamericana de Docentes de IBERTIC - OEI. Pesquisa principalmente os seguintes temas: educação hospitalar, educação matemática crítica, metodologias do ensino no contexto da deficiência visual e formação de professores.
Educação matemática; formação de professores; educação hospitalar
Sensos e sentidos: contribuições para o ensino de matemática no contexto da deficiência visual em Palmas - TO (2013-201¨6)

Descrição: O foco deste estudo está na contribuição para com a educação integral das pessoas com deficiência visual, delimitado ao ensino da matemática, porém não restrito aos números, considera o contexto de seu desenvolvimento, sendo a escola o espaço privilegiado. Assim trazemos o senso matemático desenvolvido como abordagem crítica da realidade, que ganha forma, quando o homem usa os sentidos para reconhecimento de um contexto, e na relação com o meio social transforma sua experiência através do outro. Um contexto de contradições que diz do sujeito ideal e do estigmatizado, onde a escola produz um tipo idealizado de sujeito e segrega os que exigem outros caminhos para aprendizagem. Uma busca às metodologias utilizadas para o ensino de matemática de sujeitos com deficiências visuais, como possibilidades voltadas à realização dos potenciais humanos e, ao mesmo tempo, revela contradições impostas pelas restrições sociais a esses sujeitos.
Cadastro Propesq UFT - nº PA10#/001/2013.
Laboratório de Educação em Ciências e Matemática.
É um espaço elaborado para proporcionar o aprendizado teórico-prático para formação docente, principalmente do conteúdo de matemática para diferentes necessidades dos educandos. Foi aprovado no colegiado do curso de Pedagogia - Câmpus de Palmas da UFT e trabalha de integradamente o processo de ensino-pesquisa e extensão, com os seguintes objetivos: Ensino: apoiar as disciplinas de Fundamentos e metodologias do Ensino de Matemática, do curso de Pedagogia, bem como as orientações em educação Matemática, do Programa de Pós-Graduação em Educação, possibilitando que estes estudantes explorem metodologias e diversos recursos didáticos, como possibilidade para a plena formação docente. Pesquisa: estimular o estudo da situação matemática no contexto brasileiro, investigando os desafios que se apresentam na formação inicial e continuada do professor. Analisar diferentes materiais, para que seja possível: produzir, criar e recriar associando aos objetivos e teorias que pautam os materiais. Extensão: promover através do espaço físico e virtual ambiente de interação da sociedade, possibilitar a troca de conhecimentos, criar cursos, oficinas e campanhas evidenciando as diversas possibilidades metodológicas criadas pelos diferentes recursos didáticos Matemática e a teoria que embala o processo docente. Ao integrar o processo de ensino, pesquisa e extensão, o laboratório amplia a potencialidade de criar materiais alternativos visando o ensino da matemática para pessoas que apresentam diferentes especificidades para aprendizagem, contribuindo também, para que os recursos educacionais inovadores sejam analisados e disponibilizados facilitando o acesso para a comunidade escolar.
23
12/11/2015 19:04:06
rumeninng@mail.uft.edu.br
Rumeninng Abrantes dos Santos
Araguaína
Tecnologia em Gestão de Cooperativas, MBA em Gestão de Pessoas e Coaching, MBA em Gestão Empresarial
rumeninng@uft.edu.brrumeninng@uft.edu.br63-2112-225063-9999-650063-9269-730163-8409-6762
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4244919J6
Possui graduação em Administração de Empresas com Hab. Cooperativismo pela Universidade Federal de Viçosa e mestrado em Administração. Atualmente é professor assistente da Fundação Universidade Federal do Tocantins, Professor e Pesquisador em gestão de cooperativas, gestão social, Marketing Aplicado a Cooperaitvas. Tem experiência na área de Administração, com ênfase em MARKETING, atuando principalmente nos seguintes temas: Marketing, Marketing Social, Marketing em Cooperativas, Princípios Cooperativistas, Preocupação com a Comunidade, Estudos de Casos, Diagnostico Organizacional, Políticas Publicas, desenvolvimento sócio-economico e Bem estar Social.
Cooperativa; Marketing; Cooperativismo;
24
12/11/2015 19:19:59
zukowski@mail.uft.edu.br
Joel Carlos Zukowski Jr.Palmas
Engenharia Ambiental, Pós-Graduação em Agroenergia (PPGA), Pós-Graduação em Engenharia Ambiental (PPGEA)
zukajr@gmail.comzukowski@uft.edu.br6332328021(00) 000-0000(63)8402-58816384025881
http://lattes.cnpq.br/0062084279231594
Graduado em Engenharia Mecânica pela Universidade Estadual de Campinas (1992), mestrado em Engenharia Agrícola pela Universidade Estadual de Campinas (1995) e doutorado em Planejamento de Sistemas Energéticos pela Universidade Estadual de Campinas (1999). Foi professor das Faculdades Hoyler (1995-1999), atuando, principalmente em logistica. Foi professor Doutor no Centro Universitário Luterano de Palmas mantido pela Universidade Luterana do Brasil de julho de 1999 a agosto de 2010. De maio de 2008 a junho de 2009 foi professor da Universidade Federal do Tocantins (UFT), campus de Porto Nacional, no curso de biologia. A partir de julho de 2009 passou a atuar como professor adjunto do curso de engenharia ambiental da UFT, campus de Palmas-TO. É professor efetivo dos programas de mestrado em agroenergia e programa de mestrado profissional em Engenharia Ambiental. Foi professor do ITPAC Porto Nacional. É porfessor titular e diretor do Centro superior Politécnico da FACTO. Suas principais áreas de pesquisa são: 1-Aproveitamento da Energia térmica e/ou elétrica, 2- exergia, 3-cogeração, 4-refrigeração comercial, residencial e industrial com as tecnologias por compressão (inclusive inverter) e absorção, fontes renováveis de energia (eólica, solar, biomassa), 5-logística da produção de energia. Atua, também, no mercado nas áreas de refrigeração industrial e comercial, principalmente em projeto, instalação e manutenção de ar condicionado. Tem desenvolvido projetos mecânicos em geral. Tem feito consultorias em engenharia de produção e atuado como perito judicial em várias áreas da engenharia mecânica.
Energia; Eficiência energética; Eficiência exergética; logística, fontes renováveis de energia
25
12/11/2015 19:39:15
karinayamamoto@mail.uft.edu.br
Karina Ribeiro Yamamoto
PalmasTeatro, Pedagogia PARFOR Palmaskkyamamoto@gmail.comkarinayamamoto@uft.edu.br(63) 3232-8255(63)0000-0000(63) 8121-2501(11) 98389-2169
lattes.cnpq.br/9072728015685288
Possui graduação em Artes Cênicas pela Universidade de São Paulo (2003) e mestrado em Artes Cenicas pela Universidade de São Paulo (2009). Atualmente é professora de magistério superior da Universidade Federal do Tocantins. Tem experiência na área de Artes, com ênfase em Teatro, atuando principalmente nos seguintes temas: teatro, pedagogia do teatro, teatro educação, performance e dança.
Teatro; Dança; Educação; Pedagogia; Pedagogia do Teatro; Performance

2014 - Atual
Trajetos e trajetórias no Tocantins: a cena teatral em diálogo com a cultura e a geografia tocantinense

Descrição: Este projeto tem como um objetivo mais amplo a investigação de diálogos gerados e compartilhados com o teatro, especificamente entre os elementos de uma construção teatral e as possibilidades cênicas encontradas nas diversas facetas da cultura e da geografia tocantinense. Para a primeira etapa do trabalho pretende-se uma pesquisa sobre os aspectos culturais, físicos, demográficos e/ou políticos de regiões do estado, ainda a serem determinadas. A intenção da pesquisa está em transformar os aspectos regionais coletados em cena teatral, sendo esta a segunda parte da pesquisa: transformação do conhecimento da geografia/cultura tocantinense em teatro. A terceira parte e que permeia tanto a primeira quanto a segunda etapa, consiste no registro/documentação das etapas anteriores, bem como a avaliação do processo, no sentido de compreensão e se possível, metodologização do processo vivido..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

2015 - Atual
VII MOSCA - Mostra Semestral do Curso de Artes

Descrição: Mostra semestral do Curso de Teatro Licenciatura. Apresentações artísticas desenvolvidas pelos alunos e comunidade..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.


2015 - Atual
Núcleo Entrama em ação, terceiro ano

Descrição: O Programa se soma a ideia de um projeto anteriormente aprovado em colegiado no mês de março de 2013 de ?Teatro na Comunidade?, no entanto, amplia a abrangência do projeto anterior a partir de processos cênicos mais específicos. Buscando estabelecer estas ações coordenadas de extensão, já existe, desde março, um projeto em andamento que se vincula a este programa: ?Clareira de Longe e Daqui: do convívio criativo a Teatralidade?, que vem sendo executado em parceria com o ponto de cultura do Instituto Ideia (603 Sul), com o qual se firmou um convênio técnico. Também já foram estabelecidos contatos com o espaço SESC MESA BRASIL (103 Norte) e mais um centro comunitário na região dos Aureny`s, de modo que o Programa encontra aderência na comunidade em diferentes regiões da capital. Próximas Etapas: 1) Cadastro e atualização dos protocolos do projeto ?Clareiras de Longe e Daqui: do convívio criativo a teatralidade?; 2) Cadastro e realização de projeto de Extensão para exibição de espetáculos teatrais filmados em praças públicas da cidade de Palmas e UFT (início em agosto); 3) Cadastro e realizados de três projetos de extensão articulados entre si para realização de montagem cênica, a saber: núcleo de encenação, núcleo de treinamento do ator, e núcleo de dramaturgia. Há outros projetos de outros professores do Curso em pré-elaboração, a serem somados a este programa. A inserção de discentes acontecerá nas diversas etapas desse programa, sendo ele colaborador, oficineiro, supervisor e assistente de produção, de forma a ter a possibilidade de compreender o funcionamento do Programa, estes detalhes serão melhor detalhados adiante. Os discentes que constam como colaboradores na Proposta podem vir a ser os bolsistas..


2014 - Atual
Xanarai - Trieiros

Descrição: Projeto de Extensão vinculado ao Projeto de Pesquisa da Proponente. Trata-se de criação e mantenimento de Grupo de Teatro voltado a pesquisa cênica com integrantes da comunidade interna e externa à UFT. O Projeto conta com processo de pesquisa, criação, montagem e apresentação de espetáculo cênico..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
26
12/11/2015 19:49:42
leonorapacheco@mail.uft.edu.br
LEONORA REZENDE PACHECO
PalmasEnfermagemlerezende@hotmail.comleonorapacheco@uft.edu.br63 3232833463 9993136363 8400946662 84176452
http://lattes.cnpq.br/0944928226120836
Graduada em Enfermagem - 2008 pela Universidade Federal de Goiás (UFG). Especialista em Saúde da Família- 2010 pela Faculdade de Enfermagem - UFG. Mestre em Enfermagem - 2012 pela Faculdade de Enfermagem - UFG. Doutora em Enfermagem- 2015 pelo Programa de Pós- Graduação em Enfermagem da Faculdade de Enfermagem - UFG. Professora Adjunta na Universidade Federal do Tocantins - UFT, Departamento de Enfermagem. Membro do Núcleo de Estudos e Pesquisas Qualitativas em Saúde e Enfermagem (NEQUASE), da FEN/UFG e NEST (Nucleo de Estudos em Saúde do Tocatins). Atuante em pesquisas qualitativas sobre violencia contra a mulher e vulnerabilidades em saúde.
Enfermagem; Saúde Pública; Vulnerabilidade e saúde; violência contra a mulher
1- FORMAÇÃO DOS ENFERMEIROS QUANTO A VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER NAS INSTITUIÇÕES DE ENSINO SUPERIOR

Descrição: Esta pesquisa destina-se a analisar o ensino de Enfermagem aos discentes quanto a assistência as mulheres em situaçao de violência doméstica.
Em andamento

2- Perfil da violência contra a mulher em Palmas - TO

Descrição: Pesquisa descritiva d cunho quantitativo que busca traçar o perfil dos casos de violencia contra a mulher registrados pelos profissionais de saúde que constam no SINAN, e os boletins de ocorrência das Delegacias Especializadas no Atendimento as mulheres.
Situação: em andamento.

3- VIOLÊNCIA DOMÉSTICA CONTRA A MULHER NA PERSPECTIVA DE AGENTES COMUNITÁRIOS DE SAÚDE

Descrição: Pesquisa qualitativa Social para compreensao de como os agentes comunitários de saúde percebem e atuam diante da violencia domestica contra a mulher.
Situaçao: em andamento.
27
12/11/2015 20:36:25
sarizacaetano@mail.uft.edu.br
Sariza Oliveira Caetano Venâncio
AraguaínaHistóriasarizacaetano@gmail.comsarizacaetano@uft.edu.br21122221341234478121164392493929
http://lattes.cnpq.br/0694162308436554
Professora da Universidade Federal do Tocantins. Doutoranda em Antropologia Social (UNICAMP, início em 2014). Atua principalmente nos seguintes temas: História, Ciências Sociais e Antropologia: Cultura Popular, Povos Tradicionais e Religião afro-brasileira (Umbanda). Mestre em Ciências Sociais(UFMA, 2013). Especialista em História Cultural: Imaginário, Poder e Identidade ( UFG, 2010). Licenciada e Bacharel em História (UFG, 2007).
História; Antropologia; Umbanda
Os encantados na Umbanda no norte do Tocantins
Início Previsto: 01/2016
Término Previsto: 01/2018

O presente projeto pretende compreender o processo de hibridização de entidades denominadas como “encantadas” na Umbanda. O recorte espacial da pesquisa é Araguaína, norte do estado do Tocantins. Lançaremos mão da metodologia etnográfica para a realização da pesquisa. Dois terreiros foram escolhidos, Tenda Espírita Umbandista Santa Joana D’Arc e Centro Espírita Santa Bárbara, que tem Valdeci Pereira Reis e José Nazareno Oliveira de Aguiar como seus respectivos dirigentes. Estas casas foram selecionadas, dentre outros motivos, pelo fato de que nelas é possível perceber com maior clareza a diferenciação entre aquelas entidades encantadas e as demais. A presença de entidades consideradas encantadas nestes terreiros de Umbanda em Araguaína parece estar ligada a história da região e da Umbanda na cidade que foram constituídas por diversos fluxos migratórios de grupos advindos de diversos estados, em especial Maranhão e Pará. Nestas localidades se desenvolveram religiões como o Terecô, o Tambor de Mina e a Pajelança, dentro das quais a presença dos encantados é marcante. Apesar de não haver nenhuma destas religiões na cidade, a Umbanda parece ter se apropriado dentre outros elementos de parte do panteão daquelas religiões, como é o caso dos encantados.
GEHCULT - Grupo de Estudos História e Cultura
Início Previsto: 03/10/2015
Término Previsto: 07/10/2017

O Programa de extensão Grupo de Estudos História e Cultura (GEHCULT) busca oferecer cursos de extensão sobre as relações entre História e estudos culturais. O Programa será dividido em quatro cursos de extensão oferecidos à comunidade acadêmica das Ciências Humanas da Universidade e de outras instituições da região. Também poderão se inscrever membros da comunidade em geral.
Objetiva-se instrumentalizar os participantes nos debates em torno dos Estudos culturais a partir de uma perspectiva interdisciplinar. Do mesmo modo, pretende-se criar grupo de discussão e fomentar pesquisas acadêmicas e intervenções didático-pedagógicas que tenham como eixo as proposições teóricas históricas e culturais.
28
12/11/2015 21:38:27
brunocarrilho@mail.uft.edu.br
BRUNO CARRILHO DE CASTRO
PalmasEngenharia Civilbrunocarrilho@uft.edu.brbrunocarrilho@uft.edu.br63 8507000263 8507000263 8507000263 85070002
http://lattes.cnpq.br/1046301113472050
Mestre em Geotecnia pela Universidade de Brasília e graduado em Engenharia Civil pela Universidade Estadual de Goiás. Atualmente é Professor Assistente na Universidade Federal do Tocantins. Sua dissertação de mestrado é na área de cartografia e geoprocessamento. Tem experiência em Engenharia Civil nas áreas de obras de terra, laboratório, controle tecnológico, estruturas de fundações, drenagem e contenções. Atua no dimensionamento, detalhamento e consultoria em obras geotécnicas.
Engenharia civil, geotecnia estruturas
29
12/11/2015 22:06:58
waldir.pereira@mail.uft.edu.br
WALDIR PEREIRA DA SILVA
ArraiasEducação do Campowal_per_sil@yahoo.com.brwaldir.pereira@uft.edu.br63365315306336531563389883636396385007927
http://lattes.cnpq.br/5387432992251961
Possui graduação em Educação Artística com Licenciatura Plena em Música pela Universidade Estadual de Montes Claros (1990), especializações em Educação Artística (1992) pela Faculdade Marcelo Tupinambá e Mídias na Educação (2009) pela Unimontes, mestrado em Ciência da Educação pelo Instituto Superior Pedagógico Enrique José Varona (2000), Reconhecido pela Universidade de Brasília. Doutorando em Ciência a Religião pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Atuou como professor de educação básica no Conservatório Estadual de Música Lorenzo Fernández e de educação superior no Curso de Licenciatura em Artes Habilitação em Música da Universidade Estadual de Montes Claros. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Educação Musical, atuando principalmente nas seguintes áreas: Canto, Canto Coral, Regência, Educação Vocal e Dicção, Oficina Básica de Música e Educação Musical. Atualmente é professor do magistério superior na Universidade Federal do Tocantins.
MÚsica, Canto, Canto Coral
30
12/11/2015 22:45:23
magdacosta@mail.uft.edu.br
Magda Suely Pereira Costa
ArraiasPedagogiamagdasuelycosta@hotmail.commagdacosta@uft.edu.br63-3653153163-3653131062-9667420662-96674206
http://lattes.cnpq.br/4939153181903378
Doutora em Sociologia pelo Departamento de Sociologia da Universidade de Brasilia (UnB-2008), Pós Doutora pela Universidade Federal Sergipe/Universidade de Paris 8 (2014), Mestre em Educação pela Faculdade de Educação da Universidade de Brasilia (UnB-2000) Graduada em Pedagogia pela Faculdade de Educação da Universidade Federal de Goiás(1980) Especialista no Método Montessori pelo Instituto Pedagógico Maria Montessori(SP-1981). Atualmente é professor Adjunto da Universidade Federal do Tocantins Tem experiência na área de Educação, atuando nas seguintes áreas: Relação professor-aluno, Montessori, Didática, Planejamento Educacional, Avaliação do Processo Ensino aprendizagem, Infância Cultura e Sociedade, Cultura, Poder e Cidadania.
Didática, Infância Cultura e Sociedade, Cultura, Poder e Cidadania
Poder Local: História e Vida das Mulheres

Descrição: O presente projeto trata de dar continuidade à pesquisa realizada entre 2004 e 2008 com apoio pelo CNPq, sob o titulo Poder local em Tocantins: domínio e legitimidade em Arraias. Estudo que analisou a cultura política e religiosa da cidade bicentenária chamada Arraias, localizada no estado do Tocantins.Nela o poder local esteve por quase dois séculos sustentado por diferentes ordens de domínio. Uma delas de grande relevância é a ordem patriarcal assentada nas linhagens tradicionais que sustentaram relações que transcendiam os vínculos marido, mulher e filhos. Outros membros ficavam submetidos à autoridade indiscutível que emanava da temida e venerada figura do patriarca, o qual possuía o direito de controlar a vida e as propriedades de sua mulher e filhos, parentes e a toda extensão da família. A pesquisa teve sua principal fundamentação teórica apoiada em categorias de Max Weber no tocante as formas de domínio, que, associadas aos conceitos específicos do coronelismo de Victor Nunes. Leal e, Maria Isaura de Queiroz ressaltam dinâmicas da política brasileira e o caráter dominante do patriarcalismo que sustentou e ainda sustenta a família brasileira. .
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
UFT:Acessibilidade e Conhecimento

Descrição: O projeto de Extensão tem por objetivo organizar o Centro de Documentação de Arraias onde se encontra o Memorial da Unitins e Documentação da UFT..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.

Integrantes: Magda Suely Pereira Costa - Coordenador / Sanderson Costa - Integrante / Viviane Pereira da Silva - Integrante / Angélica Souza Barbosa - Integrante / Marilene Queiroz - Integrante.
31
13/11/2015 00:05:41
ericksantos@mail.uft.edu.br
ERICK DA SILVA SANTOS
AraguaínaTecnologia em Gestão de Turismoerick.viagens@yahoo.com.brericksantos@uft.edu.br(63)2112-22720(63)8404-1191(63)9264-7775
http://lattes.cnpq.br/7855037350931891
Professor na Universidade Federal do Tocantins tem mestrado em Meio Ambiente e Turismo (UNA), com especialização em Ecoturismo (UFLA). Bacharel em Turismo (CEULP/ULBRA). Profissional com oito anos de experiência em trabalhos de gestão pública e que envolvam projetos de meio ambiente, turismo, desenvolvimento sustentável, comunidade local, ecoturismo, bem como docência acadêmica e ensino profissionalizante. Atua no terceiro setor e realizou vários trabalhos de consultoria com instituições tanto brasileiras (Prefeituras e Governo do TO) quanto internacionais como a Agência Internacional de Cooperação do Japão (JICA). Participou em programas de trainee, atuou como planejador, diretor, técnico em órgãos públicos e foi gerente do Parque Estadual do Jalapão, bem como consultor de projetos de Turismo de Base Comunitária do Ministério do Turismo. Participou de intercâmbios e treinamentos na área de meio ambiente e sustentabilidade nos EUA (2008) e Japão (2012). Pela Universidade das Nações Unidas, realizou dois grandes importantes cursos: United Nations System and Global Challenges, e Global Change and Sustainability. Recentemente realizou trabalho de consultoria na construção da metodologia e elaboração do Plano Plurianual (PPA) do município de Araguaína - TO. Desenvolveu também consultoria em gestão de negócios, ecoturismo, turismo de base comunitária, sinalização turística, capacidade de carga, pesquisa, estatística e meio ambiente. Atualmente é professor na Universidade Federal do Tocantins no curso de turismo, com disciplinas de políticas públicas, planejamento do turismo, gestão ambiental e ecoturismo. Inglês fluente, espanhol e francês básicos.
Desenvolvimento Sustentável; Mudanças Climáticas; Turismo e Planejamento; Ecoturismo.
32
13/11/2015 00:18:11
barbara.tavaresreis@mail.uft.edu.br
Barbara Tavares dos Santos
PalmasTeatrobarbara.tavaresreis@gmail.combarbara.tavaresreis@uft.edu.br(63) 32328255(63) 32248225(63)99312809(61) 21947634
http://lattes.cnpq.br/7961447295287081
Graduada em Artes Cênicas pela Universidade de Brasília UnB, licenciada em Artes Cênicas pelo (Proform) da Universidade Católica de Brasília e mestre em Artes Cênicas pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro UNIRIO. Atualmente é professora auxiliar do curso de licenciatura em Teatro da Universidade Federal do Tocantins UFT e está na coordenação do Programa Institucional de Iniciação a Docência PIBID. Atuou como professora do curso de Licenciatura em Teatro da Faculdade de Artes Dulcina de Moraes em Brasília, e como professora de Artes Cênicas do Ensino Básico da Secretaria de Estado de Educação do Distrito Federal. Foi Coordenadora Artística de 05 Edições do Festival de Teatro na Escola, projeto voltado para professores-encenadores e estudantes da rede de Ensino Básico das escolas públicas do (DF). Integra o Núcleo Entrama - Núcleo de Encenação, Treinamento e Drama - um Programa de Extensão da UFT de caráter permanente que busca diálogos artísticos e pedagógicos entre a universidade e a comunidade. Desenvolve projetos na área de Artes Cênicas, com ênfase nos seguimentos de ensino de teatro, direção-encenação e relações entre teatro,cinema e televisão.
Ensino de teatro; Direção;Encenação;Teatralidades
2015 - Atual
Duas Professoras, uma atriz, uma encenadora e um solo.

Descrição: Como pensar o professor/a encenador/a e o professor/a - ator/atriz numa pesquisa baseada em artes? O que é conhecer se não projetar novos sentidos? As intempestivas provocações de Gilles Deleuze e sua proposta cartográfica provocam o esboço de tais pensamentos em torno da linguagem teatral. Aqui o desejo pela retomada da criação como força propulsora da educação é articulado numa pesquisa baseada em artes, na qual professoras se encontram para pensar a educação e a licenciatura do ponto de vista da cena, da direção e do treinamento do ator/atriz, ativando neste encontro o corpo, a memória e a metalinguagem no percurso cênico. Pretendemos examinar o que uma concepção de prática enraizada nas artes, que fomenta a criação de um solo, pode contribuir para a discussão das interfaces entre o professor/a encenador/a e o/a professor/a ato/atriz, seja como método de pesquisa que se pretende texto-escrito, seja como texto-corpo. Nossa aproximação à investigação baseada nas artes" se deriva da ideia de que produzir conhecimento em pedagogia do teatro não passa somente pela palavra, mas por outros modos de aproximar-se daquilo que não pode ser nomeado - um tipo de investigação de orientação qualitativa que utiliza procedimentos artísticos para dar conta de práticas e interpretações na pesquisa em artes.
33
13/11/2015 01:31:07
jc.oliveira@mail.uft.edu.br
José Carlos de Oliveira Junior
PalmasEngenharia Civilconcrets@gmail.comjc.oliveira@uft.edu.br+556181959572+556399371585+556399371585+556181959572
http://lattes.cnpq.br/4325470867592545
Possuo bacharelado em Matemática (2010) pela Universidade Federal do Espírito Santo, mestrado em Matemática (2012) pela Universidade Federal do Espírito Santo e doutorado em Matemática pela Universidade de Brasília. Atualmente, sou professor efetivo da Universidade Federal do Tocantins, câmpus Palmas. Minha área de pesquisa é voltada para Equações elípticas não lineares, com potenciais que mudam de sinal.
Equações de Schödinger não linear; Teorema de Linking, Teoria Espectral, Equações Quasilineares.
34
13/11/2015 09:21:06
pimentars@mail.uft.edu.br
Raphael Sanzio Pimenta
Palmas
Medicina, Pós-Graduação em Biodiversidade e Biotecnologia (Bionorte), Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia de Alimentos (PPGCTA)
biorapha@yahoo.com.brpimentars@uft.edu.br63 3232-800763 0000-000063 8445-503600 0000-0000
http://lattes.cnpq.br/6513910004717747
Possui graduação em Ciências Biológicas pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (1998), Mestrado e Doutorado em Ciências Biológicas (Microbiologia) pela Universidade Federal de Minas Gerais. Pós Doutorado em fitopatologia pelo United States Department of Agriculture (USDA). Atualmente é professor Associado da Fundação Universidade Federal do Tocantins. Tem experiência na área de Microbiologia, com ênfase em Ecologia Microbiana, atuando principalmente sobre biodiversidade, bioprospecção e controle biológico
Microbiologia; controle biológico; biotecnologia
2014 - Atual -MycoAntar: taxonomia, diversidade e caracterização de fungos da Antártica e sua utilização como fonte metabólitos bioativos

2013 - Atual PROSPECÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE BIOATIVOS UTEIS A SAÚDE HUMANA A PATIR DA BIODIVERSIDADE DA AMAZÔNIA LEGAL

Exposição fotográfica sobre pesquisas na Antártica, inicio em Junho de 2015 em Palmas.
A exposição já foi exibida na Universidade Católica do Tocantins e por ser itinerante deverá ser exposta em todos os Campi da UFT, assim como em escolas e locais públicos no estado.
35
13/11/2015 09:44:27araida@mail.uft.edu.brARAIDA DIAS PEREIRAPalmasNutriçãonutriaraida@gmail.comaraida@uft.edu.br3232 8200Não se aplica61926878026192687802
http://lattes.cnpq.br/1234791227102807
Possui Graduação em Nutrição pela Universidade Federal de Goiás (1996), Mestrado em Ciência e Tecnologia de Alimentos pela Universidade Federal de Viçosa (2000), especialização em Nutrição Clínica e Terapêutica Nutricional pela Faculdade de Ciências e da Saúde de União da Vitória (2005), especialização Gestão em Saúde pelo Instituto de Administração Hospitalar e Ciência da Saúde / Fundação Universidade do Tocantins (2005), Título de Especialista em Nutrição Parenteral e Enteral pela SBNPE (2006). É membro da Sociedade Brasileira de Nutrição Parenteral e Enteral. Atualmente, é Professora Assistente da Universidade Federal do Tocantins, vinculada ao curso de Nutrição, responsável também, por disciplinas dos cursos de Enfermagem e Medicina. Atua nas áreas das Doenças Crônicas Não Transmissíveis e Nutrição Clínica, com ênfase em Terapia Nutricional Oral, Enteral e Parenteral
Nutrição Clínica e Epigenética
A ASSOCIAÇÃO DO HÁBITO ALIMENTAR E METILAÇÃO DOS GENES RASSF1A E HIC1EM INDIVIDUOS COM CÂNCER COLORRETAL
Não se aplica
Estou afastada para doutorado
36
13/11/2015 10:13:31rosaria@mail.uft.edu.br
Rosaria Helena Ruiz Nakashima
AraguaínaHistóriarosaria@uft.edu.brrosaria@uft.edu.br6321122221633412369663813103356381310335
http://lattes.cnpq.br/1260810466635374
Pedagoga. Mestre em Educação pela Unicamp sobre Educação, Tecnologia e Lousa Digital. Doutora na área de Didática, Teorias de Ensino e Práticas Escolares, pela Faculdade de Educação da USP. Professora Adjunta do Curso de Licenciatura de História da Universidade Federal do Tocantins (UFT). Docente do Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Estudos de Cultura e Território (UFT). Integrante do Grupo Alpha FE/USP. Desenvolveu ações pedagógicas no Centro Virtual de Formação do Programa AlfaSol, com formação de gestores, professores e alunos da Educação Básica articulada com a Educação Profissional. Atuou como Coordenadora Adjunta no Programa Um Computador por Aluno (ProUCA) - Tocantins (2013-2014).
Formação de professores; Didática; Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação
TECNOLOGIAS DIGITAIS DE INFORMAÇÃO E DE COMUNICAÇÃO: DESAFIOS E POSSIBILIDADES EDUCACIONAIS

Um dos desafios para a integração das tecnologias digitais de informação e de comunicação (TDIC) na educação se refere ao desenvolvimento de pesquisas que consigam identificar elementos essenciais para uma abordagem didática, em que todas as potencialidades contidas nas tecnologias sejam colocadas a serviço da educação e da formação contemporânea. Pesquisas nacionais e internacionais têm atestado a rápida e contínua inovação no domínio da tecnologia, informação e construção de conhecimentos, redimensionando significados e novos modos de aprender e de ensinar na incorporação de diferentes TDIC que apoiam o ensino e a aprendizagem. O projeto tem como objetivo investigar os desafios e as possibilidades de integração das TDIC na educação, dentre eles, as mudanças na prática docente; a construção dialética dos conhecimentos pedagógicos, de conteúdos específicos e tecnológicos; as inovações educativas curriculares e a sala de aula no século XXI. O estudo pretende contribuir com formação inicial e permanente de professor para o uso pedagógico das TDIC em contextos educacionais.
Escola e Universidade: um diálogo possível?
A formação continuada do professor tem sido um dos pilares para o desenvolvimento de uma educação de qualidade, associada aos direitos humanos, construção de saberes, superação das desigualdades sociais e ideais de solidariedade humana. Esta ação de extensão nasceu a partir de demandas apresentadas pelo Colégio Adolfo Bezerra de Menezes (Araguaína-TO), com o objetivo de fortalecer o diálogo entre escola e Universidade Federal do Tocantins. Rodas de conversa e oficinas pedagógicas foram realizadas, provocando reflexões sobre o processo de ensino, a partir de metodologias que favorecessem a problematização dos conteúdos da área de Ciências Humanas, a fim de criar novas situações de aprendizagem pelos estudantes. Os principais objetivos desta ação de extensão são fortalecer o diálogo entre escola e universidade, bem como promover ações de formação continuada de professores.
37
13/11/2015 10:17:10
fabiopessoa@mail.uft.edu.br
FÁBIO PESSOA VIEIRATocantinópolisPedagogiapeoplevieira@yahoo.com.brfabiopessoa@uft.edu.br63 3471605363 3471353163 8111360963 84400525
http://lattes.cnpq.br/8433209181393882
Possui graduação em Geografia pela Universidade Federal da Bahia (2008) e mestrado em Educação pela Universidade Federal da Bahia (2013). Atualmente é Professor Assistente da Universidade Federal do Tocantins/Campus de Tocantinópolis. Líder do Grupo de Pesquisa GEAS - Grupo de Estudo sobre Educação Ambiental e Sustentabilidade.Tem experiência na área de Geografia, com ênfase em Metodologia do ensino de Geografia e Educação Ambiental.
EDUCAÇÃO AMBIENTAL; METODOLOGIA DO ENSINO; GEOGRAFIA
1- POR UM ENVOLVIMENTO NA EDUCAÇÃO AMBIENTAL: A CONCEPÇÃO DE SUSTENTABILIDADE EM UMA COMUNIDADE ORIGINÁRIA: A presente pesquisa investiga a concepção de sustentabilidade, em uma comunidade originária, com a inspiração do método fenomenológico que permite ser honesto com o cotidiano e com o fenômeno a ser investigado buscando compreender a existência destes, aqui mais especificamente o de sustentabilidade, construídos no cotidiano e que permitem construir uma educação ambiental, para além do espaço escolar, a partir das experiências de vida e do envolvimento com o lugar. (início em 2015, em andamento)
2- UMA ABORDAGEM FENOMENOLÓGICA NA EDUCAÇÃO AMBIENTAL: PERCEPÇÕES SOBRE SUSTENTABILIDADE: Este projeto busca construir uma abordagem fenomenológica na educação ambiental,com a perspectiva de compreender as concepções de sustentabilidade, constituídas em um lugar específico, é uma perspectiva de envolver-se epistemologicamente com outra possibilidade de construção das relações ambientais, tendo como caminho compreender as percepções, e a relação do homem com o meio ambiente tendo como ponto deflagrador para tal o envolvimento com o lugar. Esse ?envolvimento? é construído como uma perspectiva crítica à sociedade moderna e cientificista e à sua concepção de desenvolvimento que implica na degradação do meio ambiente. Assim, pensar sobre outro envolvimento na educação ambiental é compreender que existe uma diversidade de sustentabilidades construídas como produto das experiências humanas a partir da relação de intimidade e de envolvimento com que determinadas comunidades possuem com o lugar e com o meio ambiente. (início em 2015, em andamento)
38
13/11/2015 10:18:00rosaria@mail.uft.edu.br
Rosaria Helena Ruiz Nakashima
Araguaína
História, Pós-Graduação Interdisciplinar em Estudos de Cultura e Território
rosaria@uft.edu.brrosaria@uft.edu.br6321122221633412369663813103356381310335
http://lattes.cnpq.br/1260810466635374
Pedagoga. Mestre em Educação pela Unicamp sobre Educação, Tecnologia e Lousa Digital. Doutora na área de Didática, Teorias de Ensino e Práticas Escolares, pela Faculdade de Educação da USP. Professora Adjunta do Curso de Licenciatura de História da Universidade Federal do Tocantins (UFT). Docente do Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Estudos de Cultura e Território (UFT). Integrante do Grupo Alpha FE/USP. Desenvolveu ações pedagógicas no Centro Virtual de Formação do Programa AlfaSol, com formação de gestores, professores e alunos da Educação Básica articulada com a Educação Profissional. Atuou como Coordenadora Adjunta no Programa Um Computador por Aluno (ProUCA) - Tocantins (2013-2014).
Formação de professores; Didática; Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação
TECNOLOGIAS DIGITAIS DE INFORMAÇÃO E DE COMUNICAÇÃO: DESAFIOS E POSSIBILIDADES EDUCACIONAIS

Um dos desafios para a integração das tecnologias digitais de informação e de comunicação (TDIC) na educação se refere ao desenvolvimento de pesquisas que consigam identificar elementos essenciais para uma abordagem didática, em que todas as potencialidades contidas nas tecnologias sejam colocadas a serviço da educação e da formação contemporânea. Pesquisas nacionais e internacionais têm atestado a rápida e contínua inovação no domínio da tecnologia, informação e construção de conhecimentos, redimensionando significados e novos modos de aprender e de ensinar na incorporação de diferentes TDIC que apoiam o ensino e a aprendizagem. O projeto tem como objetivo investigar os desafios e as possibilidades de integração das TDIC na educação, dentre eles, as mudanças na prática docente; a construção dialética dos conhecimentos pedagógicos, de conteúdos específicos e tecnológicos; as inovações educativas curriculares e a sala de aula no século XXI. O estudo pretende contribuir com formação inicial e permanente de professor para o uso pedagógico das TDIC em contextos educacionais.
Escola e Universidade: um diálogo possível?
A formação continuada do professor tem sido um dos pilares para o desenvolvimento de uma educação de qualidade, associada aos direitos humanos, construção de saberes, superação das desigualdades sociais e ideais de solidariedade humana. Esta ação de extensão nasceu a partir de demandas apresentadas pelo Colégio Adolfo Bezerra de Menezes (Araguaína-TO), com o objetivo de fortalecer o diálogo entre escola e Universidade Federal do Tocantins. Rodas de conversa e oficinas pedagógicas foram realizadas, provocando reflexões sobre o processo de ensino, a partir de metodologias que favorecessem a problematização dos conteúdos da área de Ciências Humanas, a fim de criar novas situações de aprendizagem pelos estudantes. Os principais objetivos desta ação de extensão são fortalecer o diálogo entre escola e universidade, bem como promover ações de formação continuada de professores.
39
13/11/2015 10:39:02
andersonbb@mail.uft.edu.br
Anderson Barbosa Baptista
PalmasMedicina, Pós Gestão em Saúde UABbiomeddu@yahoo.com.brandersonbb@uft.edu.br(63)32328158(63)32252650(63)81440440(63)84982219
http://lattes.cnpq.br/7189879716354104
Possui Mestrado em Microbiologia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho- UNESP (2005). Atualmente é professor na área de Anatomia e Fisiologia e pesquisador da Universidade Federal do Tocantins, no curso de Medicina, na área de Microbiologia. Foi professor da UFPA, campus de Altamira nas Faculdades de Biologia, Engenharia agronômica e Engenharia Florestal e nos Programas PRONERA e PARFOR. Foi professor da Faculdade Tecsoma de Paracatu - MG nos cursos de Enfermagem, Fisioterapia e Ciências Biológicas e Coordenador do Curso de Biomedicina; Faculdade Finom nos cursos de Engenharia Ambiental e Agronomia nos quais atuou nas áreas de Microbiologia, Bioquímica e Genética . Tem experiência nas áreas de Microbiologia Médica e infecções hospitalares, parasitologia, uroanálise, bioquímica, anatomia e Fisiologia. Atua com pesquisa nas áreas de Microbiologia Médica, Parasitologia Médica, Saúde Pública e Bioquímica. Foi Presidente do Comitê de Controle de Infecções Hospitalares da UTI do Hospital Universitário da UNIUBE-MG.Foi membro do Comitê de óbito Materno, fetal e infantil da Secretaria de Saúde de Paracatu-MG. Foi docente do ensino médio e fundamental , nas disciplinas de biologia e espanhol. No ensino técnico trabalhou com a enfermagem e análises clínicas
Anatomia; Microbiologia geral e clínica.
1. Análise microbiológica de superfícies e utensílios de restaurantes de Palmas-TO. Programa Jovens Talentos para a Ciência -Capes. Período de março 2015 a abril de 2016.
2. Análise epidemiológica de cepas bacterianas envolvidas em infecção hospitalar e rastreamento de clones do Hospital Geral de Palmas-TO. Período julho de 2014 a julho de 2017.
40
13/11/2015 10:45:05
geoarag@mail.uft.edu.br
Luciano da Silva Guedes
AraguaínaGeografialsguedes@yahoo.com.brlucianoguedes@uft.edu.br(63) 2112-2220(63) 3415-2912(63) 9251-6862(63) 8117-7074
http://lattes.cnpq.br/9148805784940137
Possui Graduação em Geografia (Bacharelado) pela Universidade Federal da Paraíba (1999), mestrado em Geodinâmica pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (2002) e doutorado em Geografia pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU). É Professor do Curso de Geografia da Universidade Federal do Tocantins, campus de Araguaína. Tem experiência na área de Geociências, com ênfase em Geografia Física, atuando principalmente nos seguintes temas: Cartografia Digital, Sensoriamento Remoto, Estudo Socioambiental e Ensino de Geografia. É professor dos cursos de especialização em Desenvolvimento Regional e Urbano e Segurança Pública: Teoria e Prática do Gerenciamento de Polícia Comunitária
Cartografia Digital; Sensoriamento Remoto; Estudo Socioambiental; Ensino de Geografia
Cidades Sustentáveis: Tocantins em Foco. Período de realização: 2015 e 2016; O Programa visa capacitar em desenvolvimento urbano gestores, conselhos e agentes sociais. As áreas abordadas pela capacitação serão o acesso a terra urbanizada e a habitação
41
13/11/2015 10:46:24
amandaleite@mail.uft.edu.br
AMANDA MAURICIO PEREIRA LEITE
PalmasPedagogiaamandampleite@hotmail.comamandaleite@uft.edu.br32328096814737968147379681473797
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4248125Y4
ou pedagoga formada pela Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT). Doutoranda e Mestre em Educação pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de Santa Catarina - Linha da Pesquisa: Educação e Comunicação (UFSC/PPGE/ECO). Fotógrafa com formação pelo Departamento Artístico Cultural (UFSC/DAC). Professora Assistente do Curso de Pedagogia da Universidade Federal do Tocantins (UFT). Coordenadora substituta do Curso de Pedagogia (UFT- Câmpus de Palmas). Vice-coordenadora do Grupo de Pesquisa Transver - Estudos de fronteira entre: Educação, Comunicação e Artes. Minhas pesquisas atuais situam-se no campo dos Estudos Culturais e desejam pensar a Educação a partir de perspectivas pós-estruturalistas. Interesso-me por narrativas com imagens - criações que mesclem realidade, ficção, Educação e desassosseguem o olhar nos espaços de ensino. Busco dispositivos pedagógicos que estimulem a pensar a produção de visualidades no tempo presente, as práticas estéticas e artísticas na formação de professores/as e estudantes. Assim, desloco-me das Pedagogias Culturais a uma Pedagogia da imagem.Também me interesso pelos estudos de Gênero.Tenho publicado e orientado pesquisas sobre: corpo; identidades de gênero e sexuais em articulação com a área da Educação.
DIDÁTICA DA EDUCAÇÃO; MÍDIAS E TECNOLOGIA; FOTOGRAFIA E EDUCAÇÃO; CORPO, GÊNERO E SEXUALIDADE;
2015 - Atual
E-DUCAÇÃO DO OLHAR: FOTOGRAFIA E EXPERIÊNCIA ESTÉTICA

Descrição: Este projeto é um desdobramento de meus estudos de doutorado realizado no Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) bem como de leituras, atividades e pesquisas realizadas junto ao grupo de pesquisa TRANSVER: Estudos de Fronteira entre Educação, Comunicação e Arte, da Universidade Federal do Tocantins. A aposta educativa é que professores e acadêmicos conheçam mais os estudos sobre a produção de visualidades com ênfase na fotografia e a partir de experimentos imagéticos, possam ampliar a questão da estética ao intercalar conceitos, teóricos, fotografias e fotógrafos. Desejo problematizar também a intersecção (e os conflitos) entre o campo das Artes (Fotografia) e da Educação e de potencializar a reflexão sobre ambas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) .

Integrantes: Amanda Mauricio Pereira Leite - Coordenador / Silva. Renata Ferreira - Integrante / Eduardo José Cezari - Integrante / Renata Patrícia da Silva - Integrante.

2014 - 2014
Projeto de Extensao Entrelugares: conexão São Paulo/SP

Descrição: Considerando que as turmas de Didática (curso de Pedagogia) e de Metodologia e Prática do Ensino Teatro II (Curso de Artes/Teatro) farão a primeira Viagem de Estudo/Visita Técnica para a cidade de São Paulo, nosso desejo neste projeto é proporcionar aprendizagens singulares e coletivas além de possibilitar a interação dos/as acadêmicos/as com instrumentos pedagógicos diversos num intercâmbio de informações e conhecimentos além de criar espaços para reflexões interdisciplinares tomando como dispositivos disparadores para estas reflexões o acesso a museus, centros culturais, bibliotecas públicas, teatros e oficinas para observar diversos campos conhecimentos que poderão compor estratégias de atuação do/a pedagogo/a e do arte-educador/a nas grandes áreas da Educação e do Teatro. Palavras-Chave: Visita Técnica, museus interativos, teatros, São Paulo, arte-educação.
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (44) .

Integrantes: Amanda Mauricio Pereira Leite - Coordenador / Silva. Renata Ferreira - Integrante / Dilsilene Maria Ayres de Santana - Integrante / Renata Patrícia da Silva - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1
2014 - Atual
Paisagem urbana - redescobrindo lugares

Descrição: O projeto consiste em um trabalho interdisciplinar entre as disciplinas de Geografia, Didática e Seminário de Pesquisa II. Nesta oportunidade, os/as estudantes do curso de Pedagogia do campus de Palmas/TO, estarão se deslocando em grupo por diferentes espaços da cidade, afim de (re)descobrir a paisagem urbana, aspectos sociais, culturais e geográficos das cidades visitadas. Cada aula-passeio e/ou visita técnica terá como desafio trabalhar questões atinentes à pesquisa e a formação de professores/as tendo como mote de trabalho a cidade urbanizada, sua paisagem, seu cotidiano e suas interfaces com os espaços educacionais..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (48) .

Integrantes: Amanda Mauricio Pereira Leite - Coordenador / Eduardo Joséi Cezari - Integrante.
2013 - Atual
Projeto de Extensao- Blogs do curso de Pedagogia

Descrição: O presente projeto visa instrumentalizar estudantes/bolsistas a alimentar diferentes plataformas midiáticas, especialmente o uso de blogs do curso de Pedagogia da Universidade Federal do Tocantins (UFT)..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) .

Integrantes: Amanda Mauricio Pereira Leite - Coordenador.

42
13/11/2015 10:59:12
wagnermariano@mail.uft.edu.br
WAGNER DOS SANTOS MARIANO
AraguaínaBiologiawagnermariano14@hotmail.com.brwagnermariano@uft.edu.br (63) 2112-2282(63)9265-8446(63)9265-8446(63)9265-8446
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4753802Y5
Graduado em Biologia Licenciatura e Bacharelado pela Universidade Católica Dom Bosco (2000) e Mestre em Ciências Fisiológicas pela Universidade Federal de São Carlos (2006). Atualmente é professor universitário da Universidade Federal do Tocantins (UFT) atuando nos cursos de Ciências Naturais (Biologia, Química e Física). Suas principais produções intelectuais são: Organizador do livro O HUMANO NA CONTEMPORÂNEIDADE; APRENDENDO GENÉTICA HUMANA COM RELATO DE CASOS & TÓPICOS ESPECIAIS EM SAÚDE E PRODUÇÃO ANIMAL. Em 2010 lançou o seu primeiro livro autoral - ENSAIOS DE UM DRAMATURGO para os amantes das artes cênicas. Organizador em 2012 do livro: Reflexões e Diálogos sobre Educação, Sociedade e Ambiente. Em 2015, organizou o livro: AQUICULTURA NO BRASIL - Novas perspectivas. Autor e co-autor em dezenas de artigos em periódicos.
Ictiologia; Ensino de Ciências e Biologia; Conservação e Biodiversidade
43
13/11/2015 10:59:50
locatelli@mail.uft.edu.br
Cleomar LocatelliTocantinópolisPedagogiacleo_locatelli@hotmail.comlocatelli@uft.edu.br63 3471605763 34713734639995902863 99959028
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4779636P0
Possui graduação em Pedagogia pela Universidade Federal do Pará (1996), mestrado em Educação pela Universidade Federal do Piauí (2003) e doutorado em Políticas Públicas pela Universidade Federal do Maranhão (2009). Atualmente é professor da Fundação Universidade Federal do Tocantins. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Políticas de Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: educação, gestão, políticas públicas, planejamento educacinal e avaliação institucional. (Texto informado pelo autor)
Educação; políticas publicas; Planejamento educacional
- O ATENDIMENTO DA EDUCAÇÃO ESPECIAL NA ESCOLA ALDENORA ALVES CORREIA DE 2008 A 2014;
Período de realização (março de 2015 a março de 2016)
- A VISÃO DOS PAIS SOBRE A ESCOLA DE TEMPO INTEGRAL NA ESCOLA ALDENORA ALVES CORREIA;
Período de realização (março de 2015 a março de 2016)
- A AVALIAÇÃO DOS PROFESSORES SOBRE A PARTE DIVERSIFICADA DO CURRICULO NA ESCOLA ESTAUDAL DE TEMPO INTEGRAL ALDENORA ALVAS CORREIA.
Período de realização (março de 2015 a março de 2016)
Coordenador Local do PIBID/Pedagogia com orienteção de 15 bolsistas e dois supervisores.
44
13/11/2015 11:23:35
renataferreira@mail.uft.edu.br
Renata Ferreira da Silva
PalmasTeatroferreirare@uft.edu.brrenataferreira@uft.edu.br(63) 32328221(63)81473737(63)81473797(63)81473796
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4486957D1
Professora do Curso de Teatro da Universidade Federal de Tocantins - UFT. Atriz - educadora graduada em Educação Artística com Licenciatura em Artes Cênicas pela Universidade do Estado de Santa Catarina. Doutoranda e Mestre em Educação pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de Santa Catarina (PPGE /UFSC) focalizando estudos de fronteira entre Pedagogia do teatro e Filosofia da Diferença Linha de pesquisa: Educação e Comunicação (ECO/UFSC). Participa do grupo de pesquisa Calibã - dedicado a filosofia de Spinoza e GEPEC - dedicado aos estudos de fronteira entre artes , educação e comunicação. Tem artigos e capítulos publicados bem como orientado trabalhos sobre questões referentes à Pesquisa baseada em Artes. As pesquisas atuais voltam-se para os estudos da aula como acontecimento e do teatro físico aliadas a formação de professores..
teatro; educação, corpo, filosofia
Duas Professoras, uma atriz, uma encenadora e um solo.
Desde 01/2014
RESUMO
Como pensar o professor/a – encenador/a e o professor/a - ator/atriz numa pesquisa baseada em artes? O que é conhecer se não projetar novos sentidos? As “intempestivas” provocações de Gilles Deleuze e sua proposta cartográfica provocam o esboço de tais pensamentos em torno da linguagem teatral. Aqui o desejo pela retomada da criação como força propulsora da educação é articulado numa pesquisa baseada em artes, na qual professoras se encontram para pensar a educação e a licenciatura do ponto de vista da cena, da direção e do treinamento do ator/atriz, ativando neste encontro o corpo, a memória e a metalinguagem no percurso cênico.

Pretendemos examinar o que uma concepção de prática enraizada nas artes, que fomenta a criação de um solo, pode contribuir para a discussão das interfaces entre o professor/a – encenador/a e o/a professor/a ato/atriz, seja como método de pesquisa que se pretende texto-escrito, seja como texto-corpo.

Nossa aproximação à “investigação baseada nas artes" se deriva da ideia de que produzir conhecimento em pedagogia do teatro não passa somente pela palavra, mas por outros modos de aproximar-se daquilo que não pode ser nomeado - um tipo de investigação de orientação qualitativa que utiliza procedimentos artísticos para dar conta de práticas e interpretações na pesquisa em artes.

1- Cartão Postal : Ensaios de experiências sobre o Ensino de Teatro
Semestral - em andamento para sua III edição
É um seminário
Interdisciplinar entre as disciplinas do Estágio Curricular III e
Metodologia do ensino de Teatro II.
Neste espaço, nossos estudantes comunicam suas produções
textuais produzidas ao longo do semestre e entrelaçam discussões
sobre estratégias de ensino e prática de estágio em forma de
ensaios e comunicações científicas.
Durante o Evento são realizadas, palestras, mesas- redondas,
Grupos temáticos de discussões, oficina temática bem como
apresentações artísticas oriundas da disciplina de Direção Teatral.
Além dos estudantes envolvidos diretamente nas referidas
disciplinas, os demais estudantes do curso participam como
ouvintes do evento, nos grupos de discussão além dos estudantes
de Pedagogia que prestigiam o Evento firmando uma parceria
intercurso.
Professores e gestores das escolas parceiras nos estágios são
também convidados, realizando um fórum de discussão em formato
de mesa-redonda.


2- Ecobrinquedoteca

Eventual - em andamento

3- Núcleo de contadores de História do Tocantins - Em Processo de submissão
45
13/11/2015 11:49:28
facrezende@mail.uft.edu.br
FABIANE APARECIDA CANAAN REZENDE
PalmasNutriçãofacrezende@gmail.comfacrezende@uft.edu.br(63) 3232-8200Não há(63) 8104-6663Não há
http://lattes.cnpq.br/8917482210608448
Possui graduação em Nutrição pela Universidade Federal de Viçosa (2004) e mestrado em Ciência da Nutrição pela Universidade Federal de Viçosa (2004-2006). Atualmente é doutoranda em Ciência da Nutrição pela UFV e Professora Adjunta do Curso de Nutrição da Universidade Federal do Tocantins. Atua na linha de pesquisa Saúde e Nutrição de Grupos Populacionais, com ênfase em Métodos de Avaliação do Estado Nutricional e Saúde e Nutrição do Adulto e do Idoso, atuando principalmente nos seguintes temas: antropometria, composição corporal, capacidade funcional e fatores de risco cardiovascular em adultos e idosos.
Nutrição do Adulto e do Idoso; Antropometria; Composição Corporal; Fatores de Risco Cardiovascular
46
13/11/2015 11:52:04doug@mail.uft.edu.br
Douglas Henrique Pereira
Gurupi
Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia, Química Ambiental
douglasquimica@yahoo.com.brdoug@uft.edu.br(63)33113587(35)35585833(63)81498886(35)35585833
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4204307Y5
Possui graduação em Química Licenciatura pela Universidade Federal de Lavras (2008), mestrado pela Universidade De São Paulo (2010), doutorado pela Universidade Estadual de Campinas e atualmente é professor da Universidade Federal do Tocantins.Tem experiência na área de Química, Físico-Química com ênfase em Química Teórica (Mecânica Quântica).
Química Teórica, Mecânica Quântica
Desenvolvimento de Métodos Quânticos e Aplicações em sistemas Inorgânicos e Orgânicos para Estudos de Propriedades Eletrônicas e Estruturais
47
13/11/2015 11:52:11
rafaellaoliveira@mail.uft.edu.br
Rafaela Oliveira Ferreira
GurupiQuímica Ambientalrafaella.oliveira@hotmail.comrafaellaoliveira@uft.edu.br00(63)99797180(21)972818363
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4235514D4
Graduada em Bacharelado em Química pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (2009), possui Mestrado e Doutorado em Química, área de concentração em Química Orgânica, pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (2011) e pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (2015), respectivamente. Atualmente é Professora do Magistério Superior no curso de Química Ambiental da Universidade Federal do Tocantins. Atua na área de pesquisa de química de produtos naturais, com interesse nos seguintes temas: fitoquímica, substâncias bioativas, cromatografia, espectroscopia e antioxidantes.
Química Orgânica; Química de Produtos Naturais
ESTUDO QUÍMICO E AVALIAÇÃO DA CAPACIDADE ANTIOXIDANTE DE Pouteria ramiflora (SAPOTACEAE)
Resumo: A aplicação de ingredientes naturais em alimentos, fármacos e cosméticos tem se tornado uma tendência mundial e despertado o interesse da comunidade científica e de indústrias quanto à investigação fitoquímica e farmacológica de extratos vegetais. O consumo regular de frutas e de seus fitoconstituintes tem sido relacionado à menor incidência de patologias desencadeadas pelo estresse oxidativo como câncer, diabetes, enfermidades cardiovasculares, bem como processos inflamatórios. A crescente preocupação com o uso de antioxidantes sintéticos em alimentos sugere a necessidade de estudos visando obter novos antioxidantes de origem natural. O gênero Pouteria Aublet é um grupo pantropical pertencente à família Sapotaceae. Muitas de suas espécies produzem madeira de qualidade, frutos comestíveis e são empregadas na medicina popular no tratamento de febres, inflamações, úlceras, dentre outras aplicações. Poucas referências sobre informações farmacológicas e químicas do gênero Pouteria são encontradas, apesar do seu valor nutricional e econômico. Portanto, este trabalho tem como objetivo avaliar a composição química e a capacidade antioxidante da frutífera Pouteria ramiflora, ampliando assim as informações disponíveis sobre a composição bioativa desta espécie, na expectativa de que estes resultados propiciem avanços no conhecimento químico e farmacológico, contribuam para a preservação da flora nativa e agreguem valor a estas frutíferas.
48
13/11/2015 12:30:22gerson@mail.uft.edu.br
GERSON FAUSTO DA SILVA
Araguaína
Pós-Graduação em Ciência Animal Tropical (PPGCat), Zootecnia, Medicina Veterinária, Esp. em Produção de Ruminantes
gerson@uft.edu.brgerson@uft.edu.br6321122128632112212863925315556392531555
http://lattes.cnpq.br/7772417832937302
Possui graduação em Zootecnia pela Universidade Federal de Viçosa (1986), mestrado em Zootecnia pela Universidade Federal de Viçosa (1992) e doutorado em Zootecnia pela Universidade Federal de Viçosa (2004). Atualmente é professor Associado II da Fundação Universidade Federal do Tocantins. Tem experiência na área de Zootecnia, com ênfase em Nutrição e alimentação de não ruminantes, Suinocultura e Bem-estar animal.
Nutrição de Não Ruminantes, Produção de Suínos e Bem-estar animal
1- Alternativas de sustentabilidade da produção orgânica de grãos e aves do tipo caipira e aproveitamento de coprodutos na agricultura familiar (2012 a atual): projeto de apoio a divulgação da produção orgânica junto a agricultores familiares no município de Araguaína com três áreas de atuação, sustentabilidade do uso do solo, produção de grãos orgânicos e produção de frangos alimentados com grãos orgânicos, além da divulgação com palestras junto a comunidade.
2- Avaliação da glicerina bruta: digestibilidade, desempenho, rendimento de carcaça e parâmetros fisiológicos de frangos de corte (2013 a atual): Verificar a metabolizabilidade, o desempenho produtivo e econômico de frangos de corte em duas fases de produção, submetidos a níveis de inclusão de glicerina bruta na ração de frangos de corte.
3- Suplementação de fitase na produção de frango de corte (2013 a atual): A fitase é uma enzima que reduz a variabilidade em termos de valor nutritivo entre os alimentos, melhorando a precisão das formulações de rações para animais. Tendo a capacidade de aumentar a liberação de fósforo e outros eletrólitos pela hidrólise do fitato, aumentando em geral a utilização de energia e por fim dos aminoácidos disponíveis.
Do campus para o campo - Tecnologias para produção animal: Avaliação de índices zootécnicos de produção, no sistema intensivo de criação de suínos ao ar livre, na região norte do estado do Tocantins (2010 a atual): fazer um comparativo, dos índices zootécnicos de produção, entre os sistemas intensivo de produção de suínos confinados e ao ar livre nas fases de maternidade e creche na região norte do Estado do tocantins.
49
13/11/2015 12:31:01
luizneto@mail.uft.edu.br
Luiz Sinésio Silva NetoPalmasMedicinanetomaturidade@gmail.comluizneto@uft.edu.br63- 3232-825363- 3232-825363 8430-718263- 3232-8254
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4594347U9
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4594347U9
Envelhecimento Humano
Universidade da MaturidadeUniversidade da Maturidade
50
13/11/2015 14:45:29
andrexfelipe@mail.uft.edu.br
André Felipe da SilvaGurupiEngenharia de Bioprocessos e Biotecnologiaandrexfelipe@uft.edu.brandrexfelipe@uft.edu.br(63) 3311-3560(63) 3311-3560(63) 9913-7702(63) 8133-7702
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4383933T4
Cursou Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia pela Universidade Federal do Tocantins (UFT), mestrando em Biotecnologia na Universidade Federal do Tocantins. Atualmente é Professor Auxiliar A do curso de Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia na Universidade Federal do Tocantins (UFT). Atua principalmente nos seguintes linhas de pesquisas: biotecnologia agroindustrial e agroalimentar.
Biotecnologia; bioquímica; microbiologia
Mestrando em Biotecnologia
51
13/11/2015 14:49:49
asieben@mail.uft.edu.br
Airton SiebenAraguaína
Geografia, Pós-Gradução em Mestrado Interdisciplinar em Cultura e Território (PPGCulT)
airsie@bol.com.brasieben@uft.edu.br2112 2266xxxxxxxxx9223 2184xxxxxxxxx
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4770495D6
Professor da Universidade Federal do Tocantins (UFT), desde o ano de 2004. Professor do Programa de Pós-graduação Mestrado Interdisciplinar em Estudos de Cultura e Território (PPGCulT). Doutor em Geografia, pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU, 2012). Especialista e mestre em Geomática, pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM - 2003 e 2004, respectivamente). Graduado em Geografia (Licenciatura Plena e Bacharelado, 2000 e 2004, respectivamente), pela UFSM. Tem experiência na área de Geografia com ênfase em Território, População e Cartografia.
Geografia
52
13/11/2015 14:59:04
carinechamon@mail.uft.edu.br
Carine Cavalcante Chamon
Porto NacionalCiências Biológicaschamon.carine@gmail.comcarinechamon@mail.uft.edu.br(63) 3363-0544(63) 3363-5090(63) 9218-8434(61) 8118-9487
https://wwws.cnpq.br/cvlattesweb/PKG_MENU.menu?f_cod=17A2FFDB2AD929C0704C35A55B593BCD#
Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (2004), mestrado em Ciências Biológicas (Zoologia) pela Universidade de São Paulo (2007) e doutorado em Ciências Biológicas (Zoologia) pela Universidade de São Paulo (2012). Atualmente é professora adjunta I da Fundação Universidade Federal do Tocantins e pesquisadora colaboradora da Universidade Federal do Pará. Tem experiência na área de Zoologia, com ênfase em Taxonomia dos Grupos Recentes, atuando principalmente em Sistemática de peixes Neotropicais.
Zoologia; Ictiologia; Taxonomia; Sistemática
53
13/11/2015 14:59:15
seibertcs@mail.uft.edu.br
Carla Simone SeibertPorto Nacional
Ciências Biológicas, Pós-Graduação em Ciências do Ambiente (Ciamb)
carlaseibert@yahoo.comseibertcs@uft.edu.br63 3363 053463 3363 597063 8424 533263 3363 0503
http://lattes.cnpq.br/6679543572745031
Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade do Tocantins (1997), mestrado e doutorado em Ciências (Fisiologia Geral) pela Universidade de São Paulo - USP (1998 / 2005) e pós-doutorado no Laboratório de Biofísica e Bioquímica do Instituto Butantan - SP (2005 / 2007). É professora da Universidade Federal do Tocantins (UFT) desde 2008, atuando nas modalidades de Licenciatura e Bacharelado do Curso de Ciências Biológicas no Campus de Porto Nacional, onde trabalha com alunos nas duas áreas de formação. Ministra disciplinas para as turmas de Licenciatura em Biologia do Plano Nacional de Formação de Professores de Educação Básica (PARFOR) e coordena a área da Biologia no PIBID. É professora no programa de Pós-Graduação em Ciências do Ambiente - UFT Palmas, onde realiza trabalhos com Saúde da População. Tem experiência na área de Fisiopatologia do Envenenamento, Fisiologia e Hematologia Comparada.
animais peçonhentos, anemias hereditárias; hematologia comparada
Fortalecimento dos programas de Pôs-graduação, na Amazônia e na Extra-Amazônia, com ênfase em envenenamentos ofídicos: uma estratégia de formação de pessoal e interdisciplinaridade

A saúde das pessoas com doença falciforme no estado do Tocantins
54
13/11/2015 15:09:47
maramusic.uft@mail.uft.edu.br
MARA PEREIRA DA SILVA
ArraiasEducação do Campopereiracantora1@hotmail.commaramusic.uft@uft.edu.br63) 3653-1531 (63)84225262(91)991950662(91)981045883
http://lattes.cnpq.br/1451689057646187
Mestra em música pela Universidade de Brasilia (UNB), possui Graduação em Licenciatura Plena em Música pela Universidade do Estado do Pará (2009).Especialista em Metodologia no Ensino das Artes pela Faculdade Internacional de Curitiba(FACINTER). Especialista em Educação Musical pela Universidade Cândido Mendes(UCAMPROMINAS), Especialista em Educação do Campo, Agroecologia e questões didáticas pelo Instituto Federal do Pará (IFPA). Atualmente é professora de música na Universidade Federal do Tocantins (UFT), lotada na Faculdade de Educação do Campo, lecionando no Curso de Licenciatura em Educação do Campo com habilitação em Artes Visuais e Música, nos seguintes campos de conhecimento: Fundamentos e Metodologias da Educação musical; Didática de Instrumentos Harmônicos e Grupos e Conjuntos Musicais. Atuou no ensino fundamental e na educação infantil ministrando Artes - Música. Trabalhou em projetos sociais lecionando musicalização, canto popular e iniciação ao teclado. Atuou como professora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará Campus Marabá Rural. Tem experiência na área de Artes com ênfase em Arte Educação aplicada ao campo. No IFPA atuou no ensino, pesquisa, extensão e administração. Atuou na Licenciatura em Educação do Campo - PARFOR , ministrando as Disciplinas Arte Educação Aplicada ao Campo I e II e na Especialização Saberes da Terra. Ministrou a Disciplina Artes e Cultura no Curso Técnico em Agroecologia para os povos indígenas do sudeste paraense e Artes - Música no Curso Técnico em Agropecuária Integrado ao ensino médio. Coordenou os Cursos do Programa Mulheres Mil e gerenciou o Núcleo de Arte - Educação do Campus Rural de Marabá.
Música; Artes;Educação Musical; Educação Musical Escolar Indígena; Autobiografia; Educação do Campo; Educação Escolar Indígena
Tem experiência em Educação Escolar Indígena através do contato com os povos indigenas que frequentam o Curso Técnico em Agroecologia para os Povos Indígenas do Sudeste Paraense, No mestrado desenvolveu a pesquisa "A música como experiência intercultural na vida de jovens indígenas do IFPA/CRMB: um estudo a partir de entrevistas narrativas. Participou na construção do Projeto de implantação do Núcleo de Arte-Educação do Instituto Federal do Pará - Campus Rural Marabá. Participou da reformulação da Ementa do Curso Técnico em Agroecologia dos Povos Indígenas do Sudeste Paraense.
55
13/11/2015 15:42:00
leila.gurgel@mail.uft.edu.br
Leila Rute Oliveira Gurgel do Amaral
Palmas
Medicina, Pós-Graduação em Ciências da Saúde (PPGCS)
leilapsiuft@gmail.comleila.gurgel@uft.edu.br(63) 32328158(63) 81041413(63) 81041413(63) 84481211
CV: http://lattes.cnpq.br/2561076493084919
Leila Rute Oliveira Gurgel do Amaral, psicóloga, formada pela Universidade Estadual de Londrina (1995), Mestre em Psicologia pela Universidade Estadual Paulista- UNESP (2003), Doutora em Ciências pela Universidade de São Paulo- USP (2008), Pós-doutora em Psicologia da Educação pela Universidade Estadual Paulista- UNESP (2014). Atualmente é professora adjunta da Universidade Federal do Tocantins - Colegiado de Medicina e do Mestrado Profissional em Ciências da Saúde-UFT. Atua como pesquisadora dos seguintes grupos de pesquisa certificados pelo CNPQ: Desenvolvimento Humano em Situações de Risco Social e Pessoal(UFRGS); Violência e Relações de Gênero(UNESP);Promoção e Educação em Saúde(UFT). Coordena o grupo de pesquisa Qualidade de vida e Saúde (UFT). Dedica-se ao estudo das seguintes temáticas: saúde mental, desenvolvimento Humano, resiliência e educação em saúde. Faz parte do grupo de pesquisadores do REDRES Observatório Internacional Rede Resiliência/CNPQ, atuando na linha de pesquisa Resiliência e Cuidado.
Psicologia
1- Sintomas depressivos, ansiosos e qualidade de vida em estudantes de medicina da Universidade Federal do Tocantins

2- Trajetória de vida e resiliência de mulheres soropositivas:enfrentamento e convívio com a infecção

3-A humanização sob a ótica dos profissionais que atuam na estratégia de saúde da família no município de Palmas-TO

4-Saúde, qualidade de vida e o processo de resiliência em mulheres mastectomizadas acompanhadas pela liga feminina de combate ao câncer de mama de Gurupi-TO

5- Transtornos alimentares em adolescentes de escolas públicas do município de Palmas-TO

6- Organizações do Terceiro Setor de Apoio à Mulher no Município de Palmas (TO): Uma Análise das Ações e Articulações

7- Transtornos alimentares em adolescentes de escolas públicas e privadas do município de Imperatriz-MA
1- Educação e saúde: brinquedoteca como espaço de ressignificação

2- Conhecimento de usuários do SUS sobre o câncer de colo de útero e receptividade à vacina contra o HPV disponível nas unidades de saúde do município de Palmas –TO

3- Mulheres enfrentando a AIDS
Agencia de Fomento: Fundação de Amparo a Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão – FAPEMA
56
13/11/2015 15:55:49
borgesnetto@mail.uft.edu.br
Mario Borges NettoTocantinópolisPedagogiamariobnetto@yahoo.com.brborgesnetto@uft.edu.br(63) 3471-6051(63) 3471-6001(63) 8153-4164(63) 3471-6019
http://lattes.cnpq.br/7631482288936524
Graduado em Pedagogia pela Universidade Federal de Uberlândia (2010). Mestre em Educação pelo Programa de Pós Graduação em Educação da Universidade Federal de Uberlândia (2013). Professor da Universidade Federal do Tocantins/Campus Tocantinópolis, lotado no Curso de Pedagogia.
Educação; História da Educação; Marxismo
"Manifesto dos Educadores, mais uma vez convocados: a participação de Florestan Fernandes na luta em defesa da escola pública (estatal) brasileira (1959-1966)"
Esta pesquisa vincula-se ao grupo de estudos e pesquisas "História da Educação e Marxismo". A proposta problematiza as concepções de educação e de escola expressas no Manifesto dos educadores de 1959 e nos escritos educacionais de Florestan Fernandes, em vista de evidenciar os possíveis pontos de confluência e de divergência entre elas.
"Educação em Debate"
O referido projeto tem por objetivo debater temas relacionados à educação em seus diferentes aspectos. Trata-se de um projeto contínuo, cuja temática é alterada semestralmente.
57
13/11/2015 16:19:41
monicars@mail.uft.edu.br
MONICA APARECIDA DA ROCHA SILVA
Palmas
Ciências Econômicas, Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional (PPGDR), Pós-Graduação em Gestão de Políticas Públicas (Gespol)
MONICARS@UFT.EDU.BRMONICARS@UFT.EDU.BR63-3232822463-3214680363-99716166XXXXXXX
http://lattes.cnpq.br/6401487987780885
Doutora em Ciências Sociais pela UnB (2007). Realizou estágio doutoral na Universidad Nacional Autonóma do México - UNAM (2006). Possui Mestrado em Integração da América Latina pela USP (1999) e Graduação em Ciências Sociais pela UFG (1996). Atualmente, é professora e pesquisadora da Universidade Federal do Tocantins (UFT), lotada no Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional e no curso de graduação em Ciências Econômicas. Anteriormente, ocupou o cargo de coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional da UFT (2013-2015). Implantou e coordenou o DINTER em Sociologia (UNITINS-UnB), na Universidade Estadual do Tocantins (2008-2010). Pesquisa na área de Políticas Públicas, com ênfase em Avaliação de Políticas e Programas Governamentais. Tem interesse, também, nos seguintes temas: Educação, Relações Intergovernamentais e Federalismo brasileiro; Políticas de Educação Superior e Desenvolvimento. Líder do grupo de pesquisa do CNPq Políticas Públicas e Desenvolvimento. Coordenadora do Grupo de Trabalho (GT) Estado e Políticas de Educação Superior no FoMERCO.
Políticas Públicas; Desenvolvimento Regional; Políticas de Educação Superior na América Latina
Poder político e Desenvolvimento: uma análise de políticas públicas em estados do norte do Brasil
O debate sobre desenvolvimento voltou a ganhar notoriedade tanto no campo político quanto no acadêmico, igualmente, as políticas públicas. Uma vez que, o estudo do processo de desenvolvimento de um país deve levar em consideração a análise de suas políticas públicas, formas de governança e a qualidade de suas instituições. Nesse sentido, entende-se que a maneira como o poder político se organiza e se legitima afeta o processo de construção e implementação das políticas públicas. Entretanto, o desenvolvimento de uma região passa por estratégias de ação e decisão construídas não somente pelos governos, mas, sobretudo, pelo protagonismo de atores locais. Nessa perspectiva, o projeto tem como objetivo analisar políticas públicas voltadas para o desenvolvimento regional, buscando contemplar a interação entre atores estatais e não estatais nesse processo. Os diagnósticos produzidos fornecerão subsídios e fundamentos para elaboração, implementação ou redimensionamento de ações e decisões direcionadas às questões e situações que devam fortalecer e potencializar as políticas públicas e, consequentemente, os processos de desenvolvimento.
2013-2016
Incubadora de Políticas Públicas da Amazônia (IPPA)/Núcleo estado do Tocantins
A pesquisa alavancará a implantação da Incubadora de Políticas Públicas - IPPA, nos nove estados da Amazônia Legal brasileira. A IPPA deverá ser um mecanismo institucional que subsidiará a formulação de políticas públicas de combate ao desmatamento e promoção da conservação e do uso sustentável do bioma amazônico. A relevância da proposta está em sistematizar informações que estão dispersas em diversas fontes secundárias conjugando-as com informações a serem geradas em processamento situacional de pesquisa junto aos atores sociais das meso-regiões mais ameaçadas pelo desmatamento em cada estado da Amazônia brasileira, através de metodologias que facilitem a integração e geração de ações comuns entre a universidade e as organizações sociais, econômicas e políticas das mesorregiões-alvo da pesquisa. O foco do projeto está, portanto, na construção democrática, igualitária e colaborativa entre professores, alunos e gestores das universidades amazônicas, de um lado, e as lideranças que tem papéis relevantes na política, nas empresas e nas organizações da sociedade civil, de outro, para que, de forma conjunta e cooperativa, possam contribuir para a mudança de paradigma de pesquisas acadêmicas que revelam os problemas sociais e ambientais da região, mas não contribuem de forma permanente, sistemática, regular e orgânica para a minimização/solução dos mesmos. A operacionalização dos resultados da pesquisa se fará através da implantação e fortalecimento das ações da Incubadora de Políticas Públicas em cada meso-região a ser estudada, que se espera possa a vir se constituir num ambiente e mecanismo institucional favoráveis à concepção, elaboração, acompanhamento e avaliação de projetos coletivos de produção sustentável e conservação dos recursos naturais da Amazônia brasileira.
58
13/11/2015 16:56:26
moraispb@mail.uft.edu.br
Paula Benevides de Morais
Palmas
Engenharia Ambiental, Pós-Graduação em Biodiversidade e Biotecnologia (Bionorte), Pós-Graduação em Ecologia de Ecótonos (PPGEE)
moraispb@yahoo.commoraispb@uft.edu.br6332328007Não quero informarNão quero informarNão quero informar
CV: http://lattes.cnpq.br/8545749738251622
Paula possui graduação em Ciencias Biológicas pela Universidade Federal de Minas Gerais, tendo cursado bacharelado com ênfase em Microbiologia (1987) com o tema Variação sazonal de leveduras e parâmetros limnológicos na Lagoa Santa, região Carstica de Minas Gerias, sob a orientação conjunta da Dra. Maria Aparecida Resende e Dr. Francisco Antonio Barbosa. Cursou mestrado e doutorado em Ciências (Microbiologia) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1991) sob orientação do Dr. Allen Hagler, tendo defendido dissertação de Mestrado sobre Leveduras associadas a Drosphila em florestas tropicais do Rio de Janeiro, e Tese de Doutoramento sobre Comunidades de Leveduras e Drosophila em Florestas Tropicais Úmidas do Rio de Janeiro e Pará. Trabalhou como bolsista Recém-doutora do CNPq em Fermentação de cachaça de Minas Gerais, no Laboratório de Fermentações do Depto de Microbiologia da UFMG. Migrou para o Tocantins em 1997, e hoje é professora adjunto da Universidade Federal do Tocantins, no curso de graduação em Engenharia Ambiental e Programa de Mestado em Ecologia de Ecótonos e Doutorado em Biodiversidade e Biotecnologia/Bionorte. Atua em pesquisas sobre Biodiversidade de comunidades fúngicas, Processos microbianos de decomposição de detritos em riachos, com ênfase em biocritérios de integridade ambiental para proposição de corpos d´água de referência.
Microbiologia ambiental; ecologia microbiana
Informações existentes no CV Lattes
Informações existentes no CV Lattes
59
13/11/2015 17:08:53
jbsantus@mail.uft.edu.br
Joedson Brito dos Santos
TocantinópolisPedagogiajbsantus.ufpb@gmail.comjbsantus@uft.edu.br(63) 3471-6051(63) 3471-4166(63) 8106-4178(63) 8106-4178
http://lattes.cnpq.br/8524800817745634
Possui graduação em Pedagogia pela Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), Especialização em Psicopedagogia Institucional, Clínica e Hospitalar pela Faculdade Católica de Ciências Econômica da Bahia (FACCEBA) e Mestrado em Educação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atualmente é professor da Universidade Federal do Tocantins e faz o doutoramento em Educação pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB). É coordenar o Grupo de Estudos e Pesquisas em Política e Prática Educativa ? GEPPPE, membro da Comissão Própria de Avaliação CPA da UFT como representante docente da CPA do Campus de Tocantinópolis e membro do GT de Pesquisa desse Campus. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Políticas Públicas de Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: Financiamento e Avaliação da Educação Básica e Políticas de Educação Infantil.
Educação; Políticas Educacionais; Financiamento e Avaliação da Educação Básica; Política da Educação Infantil
Política de Avaliação em Larga Escala na Região do Bico do Papagaio: um estudo sobre o uso dos resultados da Prova Brasil em dois municípios considerados caso de sucesso;
Financiamento da Educação Infantil em Tocantinópolis/TO: uma investigação sobre o atendimento à Educação Infantil após criação do Fundeb.
60
13/11/2015 17:18:32
marciodemelo@mail.uft.edu.br
Márcio Araújo de MeloAraguaína
Letras, Pós-Graduação em Ensino de Língua e Literatura (PPGLetras), Pós-Graduação em Letras (ProfLetras)
marciodemelo33@gmail.commarciodemelo@uft.edu.br63 2112225563 9207989263 8131194100 00000000
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4702662A8

Graduado em Letras - Habilitação Português pela Universidade Federal de Goiás (1993), Mestre em Letras e Linguística pela Universidade Federal de Goiás (1997) e Doutor em Estudos Literários pela Universidade Federal de Minas Gerais (2006). Segundo Líder do Grupo de Estudos e Pesquisas em Leitura, Escrita e Literatura: história, políticas e ensino (GEPLEL). Coordenador do PPGL Programa de pós-graduação em Ensino de Língua e Literatura, da Universidade Federal do Tocantins. Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Literatura Brasileira, atuando principalmente nos seguintes temas: escolarização da literatura, Guimarães Rosa e literatura comparada. (Texto informado pelo autor)
Letras, Literatura e Ensino

HISTÓRIA DA LEITURA NO BRASIL: constituição do campo e formação de leitores
Descrição: Projeto Integrado que propõe conhecer as alterações transcorridas nos vinte anos de produção sobre leitura no Brasil (1990-2010) com objetivo de compreender como essa produção colabora para o entendimento da formação de leitores através do conhecimento dos campos de saber utilizados nessas pesquisas. Questiona a pertinência da constituição de campos de pesquisa distintos história da leitura e história da alfabetização e sua intersecção, respectivamente, na história da educação e na história das disciplinas escolares. É uma pesquisa bibliométrica sobre as publicações que trazem em seu título o tema da leitura, divulgadas em forma de livros disponíveis nas bibliotecas das universidades brasileiras; em anais de congressos nacionais e internacionais de educação e de história qualificados, nos quais participam pesquisadores brasileiros; em periódicos nacionais existentes no sistema Scielo. Os dados serão catalogados em forma de tabelas e gráficos e, a partir da verificação sobre a fundamentação teórico-metodológica utilizada nas pesquisas, será feita a interpretação das categorias de análise propostas, o que possibilita a compreensão da constituição de campos de saber e da história da formação de leitores no Brasil. Um balanço dessa produção pode contribuir para o entendimento da situação nacional de frustradas tentativas de inserção de leitores no mundo letrado, como apresentam incansavelmente as pesquisas já desenvolvidas no campo da História da Educação..
61
13/11/2015 17:31:34
bibiana@mail.uft.edu.br
Bibiana Zanella RibeiroPalmasEngenharia Civilbibizr@gmail.combibiana@mail.uft.edu.br(00) 0000-0000(00) 0000-0000(63) 8110-1453(00) 0000-0000
http://lattes.cnpq.br/1506489201352167
Mestranda no Programa de pós-graduação em Ciências do Ambiente - CIAMB na Universidade Federal do Tocantins - UFT, possui pós-graduação em Engenharia de Produção pela Universidade Luterana do Brasil - ULBRA (2014) e Graduação em Engenharia Civil pela Universidade Federal do Rio Grande (2010). Atualmente é professora efetiva na Universidade Federal do Tocantins - UFT, no curso de engenharia Civil e no Centro Universitário Luterano de Palmas - CEULP/ULBRA, nos cursos de Engenharia Civil e Arquitetura e Urbanismo. Tem experiência e interesse nas áreas de tecnologia das construções e sistemas de gestão da qualidade (PBQP-H e ISO) em empresas construtoras, além de atuação em gerenciamento de obras e desenvolvimento de projetos particulares (projetos e execução) em processos convencionais e em Stell Frame, drywall e telhas shingle.
Resíduos; materiais de construção;
Grupo Escoteiro Tocantins - 2015/2018 - em andamento.
62
13/11/2015 17:49:33
marcussouza@mail.uft.edu.br
Marcus Vinicius Ribeiro e Souza
PalmasEngenharia Civilmarcussouza@uft.edu.brmarcussouza@uft.edu.br(63) 3232-8145(63) 8114-3465(63) 8114-3465(63) 8114-3465
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4234786Y6
Possui graduação em Engenharia Civil pela Universidade Católica do Salvador (2006), mestrado em Geotecnia pela Universidade de Brasília (2009) e doutorado em Geotecnia pela Universidade de Brasília (2015). Tem experiência na área de Engenharia Civil, com ênfase em Geotecnia, atuando principalmente nos seguintes temas: Pavimentação, mecânica dos solos e uso de materiais alternativos em geotecnia.
Engenharia Civil; Geotecnia; Pavimentação; Materiais alternativos
63
13/11/2015 22:52:24
alicefamaral@mail.uft.edu.br
Alice Fátima AmaralArraiasTurismo Patrimonial e Socioambientalalice.f.amaral@bol.com.bralicefamaral@uft.edu.br(63) 3653-1531(63) 3653-2068(63) 8448-1756(63) 8458-7875
http://lattes.cnpq.br/2992153615005024
Possui graduação em Ciências Biológicas Licenciatura pelo Centro Universitário de Patos de Minas (1995), Especiaização em Biologia Geral do Programa de Capacitação e Especialização de Docentes para o Ensino Superior-VII PROCEDES (1997), graduação em Ciências Biológicas Bacharelado pela Universidade Federal de Uberlândia (1999) e mestrado em Ecologia e Conservação de Recursos Naturais pela Universidade Federal de Uberlândia (2002). Atualmente é professor assistente I da Fundação Universidade Federal do Tocantins. Tem experiência na área de Ecologia, com ênfase em Ecologia Vegetal. Áreas de atuação: Ecologia Vegetal, Educação Ambiental, Ensino de Ciências.
Ecologia; Fitossociologia; Meio Ambiente.
64
14/11/2015 13:16:35
nataniel@mail.uft.edu.br
Nataniel da Vera-Cruz Gonçalves Araújo
TocantinópolisPedagogianeto88a@bol.com.brnataniel@uft.edu.br63 3471600063 3471 600163 9967545863 8123 8734
ttp://lattes.cnpq.br/5444905278550774
Possui Mestrado em Educação pela Universidade Federal do Maranhão - UFMA (2008). Tem Especialização em Administração e Supervisão Escolar. É graduado em Pedagogia pela Universidade do Tocantins - UNITINS (2000). É professor Assistente II da Universidade Federal do Tocantins - UFT (desde 2008 até os dias atuais) no Campus de Tocantinópolis. Atou na Coordenação do Curso de Pedagogia desde de abril/2009 até abril/2013. Atuou também como Coordenador do Curso de Pedagogia do PARFOR desde a sua implantação em 2010 até 2014/1.Foi membro do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão - CONSEPE e membro da Câmara de Pós-Graduação da UFT por 4 anos. Já trabalhou por 10 anos na SEDUC - TO como professor e coordenador em todas as fases da Educação Básica. Tem experiência em Educação Superior, já tendo trabalhado com a UNITINS, e atualmente como efetivo da UFT. Tem experiência na docência superior com ênfase nas áreas de Formação de Professores(as), Políticas Educacionais, Sociologia, Educação e Tecnologia, Educação Especial e Seminários de Pesquisa. Trabalhou por vários anos com Língua Inglesa. Está em estudos de doutorado na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), com estágio na Universidade de Lisboa (Portugal)
Educação superior, educação especial
Expansão da educação superior no Tocantins
65
14/11/2015 16:23:37
robertosantos@mail.uft.edu.br
ROBERTO DE SOUZA SANTOS
Porto NacionalGeografiarobertosantos@uft.edu.brrobertosantos@uft.edu.br63-33630504638119727863811972786381197278
ttes.cnpq.br/2759802894099749
Possui graduação e m Geografia pela Universidade Federal de Mato Grosso – Campus de Rondonópolis (1993), mestrado em Planejamento Urbano pela Universidade de Brasília (1999) e doutorado em Geografia Pelo Instituto de Biociências, UNESP, Rio Claro, SP (2006). Concluiu o curso de doutorado em 16 de maio de 2006. É Pós-doutor pela Instituto de Estudos Socioambientais – IESA – Programa de Pós-graduação do curso de Geografia da Universidade Federal de Goiás – Goiânia (2013). É integrante do Núcleo de Estudos Urbanos e Agrários – NURBA da UFT. Atua como docente no Programa de Pós- Graduação em Geografia da UFT na linha de pesquisa: “Estudos Geoterritoriais”. Possui experiência na área de Geografia, com ênfase em Geografia Regional, atuando principalmente nos seguintes temas: produção do espaço geográfico, educação e espaço geográfico, meio ambiente, sociedade-natureza, urbanização; correntes do pensamento geográfico. É professor Adjunto IV, professor do Mestrado em Geografia e no curso de graduação em Geografia da UFT – Campus Porto Nacional – TO.
geografia regional, analise regional, geografia urbana, planejamento regional.
ESTRUTURA DO EMPREGO E DESEMPREGO NO TOCANTINS: DEBATES E PERSPECTIVAS
O papel da mulher nas políticas publica: O caso de Porto Nacional ­ TO

DINÂMICA DO CRESCIMENTO URBANO EM PORTO NACIONAL: A COSTRUÇAO DA VILA OPERÁRIA
LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA

CIDADES, FRONTEIRAS E POPULAÇÃO TRADICIONAL: A CONSTRUÇÃO DA ABORDAGEM
GEOGRÁFICA DOS TERRITÓRIOS TOCANTINENSE E GOIANO


66
14/11/2015 22:46:26eloise@mail.uft.edu.brELOISE SCHOTTPalmasNutriçãoelonutri@yahoo.com.breloise@uft.edu.br(63) 3232-8200(63) 3215-1988(63) 8120-3408(63) 8120-3408
http://lattes.cnpq.br/6771700731084418
Possui graduação em NUTRIÇÃO pelo Instituto Superior e Centro Educacional Luterano Bom Jesus (2008) e Mestrado em Saúde e Meio Ambiente pela Universidade da Região de Joinville (2012). É Professora Assistente da Universidade Federal do Tocantins. Tem experiência na área de Nutrição, com ênfase em Segurança Alimentar e Nutricional. Integra o Grupo de Pesquisa em Nutrição, Alimentação e Saúde Coletiva - GPNASC e o Grupo de Promoção e Educação em Saúde.
segurança alimentar e nutricional; nutrição em saúde pública
Projeto de Fortalecimento do Sistema de Segurança Alimentar e Nutricional nos estados do Pará, Amapá e Tocantins.

Projeto de Fortalecimento do Sistema de Segurança Alimentar e Nutricional nos estados do Pará, Amapá e Tocantins.
67
15/11/2015 23:26:23maylla@mail.uft.edu.br
Maylla Luanna Barbosa Martins
PalmasNutriçãomaylla@uft.edu.brmaylla@uft.edu.br(63) 3232-8200(63) 3232-8200(63) 8101-2270(63) 8101-2270
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4237282A8
Nutricionista graduada pela Universidade Federal do Maranhão. Especialista em Terapia Nutricional Enteral e Parenteral. Especialista em Nutrição Clínica e Funcional. Mestrado em Saúde Coletiva pela Universidade Federal do Maranhão. Professora do Curso de Nutrição da Universidade Federal do Tocantins. É integrante dos grupos de pesquisa GPNASC - Grupo de Pesquisa em Nutrição, Alimentação e Saúde Coletiva - e do grupo Promoção e Educação em Saúde.
Saúde coletiva, saúde e nutrição de grupos populacionais
68
16/11/2015 11:59:03
zoreide@mail.uft.edu.br
MARIA ZOREIDE BRITTO MAIA
Porto Nacional
Ciências Biológicas, Pós-Graduação em Ciências da Saúde (PPGCS)
zoreide@uft.edu.brzoreide@uft.edu.br633363053233632741922804886333630532
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4707232A7
Professora Adjunta do curso de Ciências Biológicas (Campus de Porto Nacional) e do Mestrado Profissional em Ciências da Saúde (Campus de Palmas) na Universidade Federal do Tocantins (UFT). Formação acadêmica realizada na Universidade Católica de Goiás (Graduação em Psicologia), Universidade Federal de Goiás (especialização Educação), Universidade Federal do Rio de Janeiro (especialização Docência do Ensino Superior), Universidade Federal de Goiás (mestrado e doutorado em Educação). Atua no Ensino Superior desde 1985, passando pela Faculdade de Filosofia do Norte Goiano, Faculdade de Filosofia de Porto Nacional, Faculdade Objetivo e Universidade do Tocantins (Unitins), com experiência na área de Psicologia e Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: Psicologia, Saúde Pública, Educação Superior, Patrimônio Cultural e Ambiental.
Psicologia, Saúde Pública, Educação Superior, Patrimônio Cultural e Ambiental.
1. AQUISIÇÃO DE HABILIDADES EM SIMULADOR DE VIDEOLAPAROSCOPIAPOR RESIDENTES EM CIRURGIA GERAL
2. ESTRESSORES PARA OS PACIENTES DAS UNIDADES DE TERAPIA INTENSIVA DO HOSPITAL REGIONAL PÚBLICO DE GURUPI – TO
3.A ROMARIA DO “SENHOR DO BONFIM”: política e religião na devoção ao santo no Estado do Tocantins
4. A CONTRIBUIÇÃO DO PROGRAMA DE AQUISIÇÃO DE ALIMENTOS NO CENTRO EDUCACIONAL BRIGADA CHE GUEVARA, EM TOCANTINS
69
16/11/2015 12:37:21
saulolima@mail.uft.edu.br
Saulo de Oliveira LimaGurupi
Agronomia, Pós-Graduação em Produção Vegetal (PPGPV)
saulo_65@yahoo.com.brsaulolima@uft.edu.br(63) 3311-3561(63) 3351-1328(63) 8426-91380
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4798152Y7
Possui graduação em Agronomia pela Universidade Federal de Goiás (1991), mestrado em Agronomia pela Universidade Federal de Goiás (1997) e doutorado em Agronomia pela Universidade Federal de Goiás (2003). Atualmente é professor Associado II da Fundação Universidade Federal do Tocantins. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Manejo e Conservação do Solo e Gênese e Morfologia do Solo, atuando principalmente nos seguintes temas: manejo de solos, avaliação de solos em áreas degradadas, formação e recuperação/reforma de pastagens.
Manejo de Solos; Ciência do Solo;
70
16/11/2015 17:05:35
analuciap@mail.uft.edu.br
Ana Lúcia PereiraPalmasDireitoanaluciap@uft.edu.branaluciap@uft.edu.br(63) 3232 8024(63) 3223-0917(63) 9967-3637(16) 9 8186-1656
http://lattes.cnpq.br/9661303717733130
Doutora em Sociologia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - Faculdade de Ciências e Letras Campus de Araraquara. Professora Adjunta Nível II na Universidade Federal do Tocantins (UFT). Mestre em História pela UNESP Campus de Assis. Especialista na área de violência doméstica contra crianças e adolescentes na USP. Bacharel e Licenciada em Ciências Sociais pela UNESP, Campus de Marília. Membro do Grupo de pesquisa do CNPQ: "Grupo de trabalho do NUPE-FCL-ARARAQUARA-CLADIN-LEAD". É coordenadora do Curso de Direito da Universidade Federal do Tocantins. Leciona, no curso, as disciplinas de Sociologia Geral e Metodologia Científica e coordena o Programa de Pesquisa e Extensão Ordem Jurídica, Igualdade Étnico-Racial e Educação. Dedica-se aos estudos da população negra com ênfase aos temas ligados às políticas de promoção da igualdade racial, políticas de segurança alimentar e nutricional, cultura e direitos humanos. Ativista junto aos Agentes de Pastoral Negros do Brasil. (Texto informado pelo autor)
Sociologia;História;Educação
Segurança Alimentar e Nutricional das Comunidades Quilombolas

Objetivo: Conhecer os indicadores de segurança alimentar e nutricional das comunidades quilombolas do Estado do Tocantins com vistas a propor políticas públicas..
Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Antropologia das Populações Afro-Brasileiras.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana integradas com assistência social, prestadas em residências coletivas e particulares.
Palavras-chave: Estado do Tocantins; Segurança alimentar e nutricional; Direito Humano a Alimentação Adequada.
Negritude e educação.

Objetivo: Identificar o impacto do racismo, preconceito e discriminação racial na educação brasileira..
Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia.
Setores de atividade: Educação.
Palavras-chave: Ação Afirmativa; Educação; Ensino Superior.
71
16/11/2015 17:47:09
rizzardo@mail.uft.edu.br
Rômulo Augusto Guedes Rizzardo
AraguaínaZootecniarizzardo.zoot@gmail.comrizzardo@uft.edu.br(63)21122125(63) 92635085(63) 92635085(63)81394608
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4773312E3
Possui graduação em Zootecnia pela Universidade Federal de Santa Maria (2005), mestrado em Zootecnia pela Universidade Federal do Ceará (2007), doutorado em Zootecnia pela Universidade Federal do Ceará (2012) e Pós doutorado em nutrição animal pela Universidade Federal do Ceará (2012). Atualmente é Prof. Adjunto II da Universidade Federal do Tocantins. Tem experiência na área de Zootecnia, com ênfase na produção de Animais domésticos, abelhas e polinização de culturas agrícolas.
Abelhas; Polinização de culturas agrícolas; Animais silvestres; Entomologia zootécnica.
INFLUÊNCIA DO CLIMA TROPICAL ÚMIDO NO DESENVOLVIMENTO E PRODUÇÃO DE COLÔNIAS DE ABELHA MELÍFERA (Apis mellifera), ALOJADAS EM COLMEIAS TIPO LANGSTROTH, EM ARAGUAÍNA, TOCANTINS.
72
17/11/2015 11:02:19italo@mail.uft.edu.brItalo Beltrao SpositoPorto NacionalRelações Internacionaisitalosposito@yahoo.com.britalo@uft.edu.br6333630541633214171063812289791123649296
http://lattes.cnpq.br/8383445849160533
Bacharel em Relações Internacionais pela Universidade Estadual Paulista “Julio de Mesquita Filho” (UNESP), Campus de Franca. Especialista em Integração Latino-Americana pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). Mestre em Relações Internacionais pelo Instituto de Relações Internacionais (IRI) da Universidade de São Paulo (USP). IRI-USP. Doutorando em Relações Internacionais no Instituto de Relações Internacionais (IRI) da Universidade de São Paulo (USP). IRI-USP. Professor Assistente na Universidade Federal do Tocantins, Campus de Porto Nacional (Regime de Dedicação Exclusiva).
Política Internacional; Cultura e Relações Internacionais.
73
17/11/2015 23:37:15keile@mail.uft.edu.br
KEILE APARECIDA BERALDO
Gurupi, PalmasAgronomia, Esp. Economia Solidáriakeile@uft.edu.brkeile@uft.edu.br(63)33113536(63)32258095(63)92262201(63)85134652
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4734826Z7
Possui graduação em Economia pela Fundação Educacional Araçatuba (1997) e mestrado em Ciências do Ambiente pela Fundação Universidade Federal do Tocantins (2007). Atualmente é professora assistente da Fundação Universidade Federal do Tocantins Campus de Gurupi nos Cursos de Agronomia e Engenharia Florestal. e Doutoranda em Desenvolvimento Rural pela UFRGS. Tem experiência na área de Economia e Administração Rural, com ênfase em Economia rural, atuando principalmente nos seguintes temas: reservatório, supressão vegetal, custos, solidariedade, integração e participação, industrialização, desenvolvimento econômico, Desenvolvimento Rural e Territorial, produção, conhecimento e formação cultural e valoração
Economia;desenvolvimento rural; Desenvolvimento territorial.
Núcleo de Estudos em Agroecologia e Fortalecimento da Agricultura Familiar na Universidade Federal do Tocantins Campus UFT de Palmas – TO.
Implementação de Núcleos de Extensão em Desenvolvimento Territorial nos Territórios do Sul, de Sudeste do Tocantins e Nordeste de Tocantins.
Implementação de Núcleos de Extensão em Desenvolvimento Territorial nos Territórios do Sul, de Sudeste do Tocantins e Nordeste de Tocantins.
Núcleo de Estudos em Agroecologia e Fortalecimento da Agricultura Familiar na Universidade Federal do Tocantins Campus UFT de Palmas – TO.
74
18/11/2015 02:34:01
anaclaudiagarcia@mail.uft.edu.br
Ana Cláudia Garcia Rosa
PalmasMedicinaanaclaudiagarcia@hotmail.com anaclaudiagarcia@uft.edu.br(63)32328158(63)32162089(63)99818122 (63)32121514
http://lattes.cnpq.br/0697136117601820
Possui graduação em Odontologia pela FORP- USP (2000), especialização em Periodontia pela FORP-USP (2003), especialização e mestrado em Patologia Bucal pela Faculdade de Odontologia São Leopoldo Mandic (2008), doutorado em Ciências Odontológicas pela Faculdade de Odontologia São Leopoldo Mandic (2015). Atua como professora assistente no curso de graduação em Medicina da Universidade Federal do Tocantins e no curso de graduação em Odontologia do Centro Universitário Luterano de Palmas- ULBRA. Tem experiência em Patologia Oral e docência de nível superior.
neoplasias de glândulas salivares
Neoplasias de Glândulas Salivares O trabalho do grupo vem contribuindo sobre maneira para o conhecimento das neoplasias de glândula salivar no que se refere aos dados epidemiológicos bem como a sua morfologia favorecendo de maneira efetiva o aprimoramento do diagnóstico de tais neoplasias. Estudo "in vitro" tem proporcionado um melhor entendimento do processo de diferenciação do tecido glandular, bem como, da interação dos diversos fatores que influencia neste processo. Atualmente, o grupo vem realizando estudos em patologia molecular contribuindo para o conhecimento de genes supressores bem como de oncogenes na tumorigênese da glândula salivar. Na atualidade foi criado um modelo "in vitro" mimetizando uma situação "in situ" do carcinoma ex-adenoma pleomórfico que tem permitido estudar as interações entre a célula benigna e a maligna constituintes deste modelo.
75
18/11/2015 10:12:45
celiaalbiero@mail.uft.edu.br
Célia Maria Grandini Albiero
MiracemaServiço Socialceliaalbiero@hotmail.comceliaalbiero@uft.edu.br(63) 33668638-(63) 99948755(63) 81163639
http://lattes.cnpq.br/0843845640786689
Possui graduação em Serviço Social - Instituição Toledo de Ensino (1985), mestrado em Serviço Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2000) e doutorado em Serviço Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2006). Atualmente é Professora Adjunta IV (desde 2008) e Diretora do Campus Universitário de Miracema (Gestão 2009-2013) da Universidade Federal do Tocantins. Desenvolve pesquisas na Área de Serviço Social em Formação Profissional e Assistência Social. Coordenou trabalho de extensão em Assistência Social, mais especificamente com Idosos. Foi representante docente da Associação Brasileira de Ensino e Pesquisa em Serviço Social da Região Sul II (1995-2008). Tem experiência na área de Serviço Social, com ênfase em Criança, Adolescente, Idoso e Família , bem como na Docência em Formação profissional, mais especificamente em Estágio, Supervisão e Avaliação Qualitativa. Desenvolve atividades de assessoria nas áreas social e educação. Coordena o Grupo de Pesquisa sobre Serviço Social, Formação e Exercício Profissional - GPESSFEP (desde 2008). Coordena o Grupo de Estudo em Formação e Exercício Profissional em Serviço Social - GEFESS (desde 2012).
Serviço Social; Formação Profissional; Exercício Profissional; Estágio e Supervisão.
“ A realidade das famílias em situação de vulnerabilidade social da região central – TO”
"GEFESS- Grupo de Pesquisa em formação e exercício profissional em Serviço Social"
- Orientações de Pesquisas de Trabalho de Conclusão de Curso nas áreas de Assistência Social - Idoso e Formação e Exercício Profissional em Serviço Social.
- Supervisão Acadêmica aos campos de Estágio de Miracema e região; Palmas nas áreas de Assistência Social, Saúde e Educação.
76
18/11/2015 17:13:11
urano1980@mail.uft.edu.br
João Francisco Pereira Cabral
PalmasFilosofiaurano1980@hotmail.comurano1980@uft.edu.br6384352520633225868363843525206384352520
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4139070T0
Possui graduação em Filosofia pela Universidade Federal de Uberlândia (2007). Mestrado em História da Filosofia pela Universidade Estadual de Campinas (2012). Atualmente cursa o Doutorado em História da Filosofia na Unicamp e é Professor Assistente da Universidade Federal de Tocantins. Tem experiência na área de Filosofia, com ênfase em História da Filosofia Antiga, Teatro e Literatura do Mundo Antigo, Estética, Filosofia do Direito, Filosofia da Ciência atuando principalmente nos seguintes temas: Platão, Platonismo, Ontologia, Filosofia Antiga, Hermenêutica, Linguagem e Metodologia. Membro associado da Sociedade Brasileira de Platonistas - SBP.
Platão, Platonismo, Ontologia, Filosofia Antiga, Hermenêutica, Linguagem e Metodologia
A linguagem de Platão e a linguagem para Platão. 2015 a 2018.
GEP - Grupo de Estudos sobre Platão.
77
18/11/2015 17:16:14
pedreira@mail.uft.edu.br
Paulo Geovanny Pedreira
AraguaínaMedicinapedreira.to@gmail.compedreira@uft.edu.br633232815863315748263844509496332162320
http://lattes.cnpq.br/7455494161841797
Possui graduação em Medicina pela Universidade Federal do Pará (1996), residência médica em Clínica Médica (1998) e Reumatologia (2000) pela Secretaria de Saúde do
Distrito Federal. Concluiu mestrado em Reumatologia pela Universidade Federal de São Paulo em 2009. Foi coordenador do Curso de Medicina do Campus de Palmas - TO da
Universidade Federal do Tocantins de maio de 2012 a setembro de 2013, desde esta data até o presente momento atua como coordenador pro tempore responsável pela
implantação do Curso de Medicina do Campus de Araguaína da Universidade Federal do Tocantins. Exerceu função de médico reumatologista concursado no Hospital
Regional de Taguatinga-DF de 2001 a 2007 e no Hospital de Base do Distrito Federal de 2009 a 2011. Atualmente é médico contratado pela Secretaria de Saúde do Estado
do Tocantins e atua como reumatologista no Hospital Infantil de Palmas-TO desde 2011, e é supervisor da residência médica de Reumatologia da Universidade Federal do
Tocantins no Hospital Geral Público de Palmas-TO.
reumatologia; educação médica
78
22/11/2015 18:08:32
jsoaresdaschagas@mail.uft.edu.br
José Soares das Chagas
Palmas
Filosofia, Esp. Ética e ensino de filosofia na educação básica
jsoares007@hotmail.comjsoaresdaschagas@uft.edu.br(63) 3232-8221(63) 8105-1611(63) 8105-1611(63) 8147-2878
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4485492D4
Atualmente, é professor da Universidade Federal do Tocantins (UFT), onde leciona História da Filosofia Medieval, Filosofia da Educação e Filosofia e Direito; também lecionou Antropologia Filosófica. É membro da comissão criadora do projeto do primeiro curso de pós-graduação lato sensu do curso de filosofia desta mesma universidade (Ética e ensino de Filosofia). É mestre em Filosofia pelo Curso de mestrado acadêmico em filosofia (Cmaf) da Universidade Estadual do Ceará-UECE. É bacharel em Filosofia pela Universidade Estadual Vale do Acaraú-UVA e possui licenciatura plena em Filosofia, adquirida por meio do Programa de Formação Pedagógica do CEUCLAR; também é bacharel em Teologia pela Faculdade Católica de Fortaleza-FCF. Tem experiência na área de Filosofia, com ênfase em Ética e Filosofia social e Política, atuando principalmente nos seguintes temas: História da Filosofia Antiga, História da Filosofia Medieval, História da Filosofia Moderna, Metafísica, Ética e Filosofia Política; e na área de Teologia com ênfase em Sagradas Escrituras. Já atuou no ensino fundamental e médio, lecionando Filosofia, Sociologia, Teologia e Religião.
Filosofia; Filosofia Medieval; Filosofia da Educação; Filosofia do Direito

Grupo de pesquisa Calibã

Descrição: Calibã é uma iniciativa de pesquisadores ligados à UFT para a promoção de pesquisas coletivas a partir da filosofia de Spinoza no Estado do Tocantins. Além da filosofia, estas pesquisas envolvem outras áreas de conhecimento em que os conceitos de Spinoza encontrem ressonâncias. A intenção do grupo é cultivar a sua integração com outros polos de pesquisa sobre Spinoza no Brasil e no exterior. No Estado de Tocantins, particularmente na cidade de Palmas, o grupo promove cursos de extensão para divulgação dos seus resultados. Para isso, busca aproximar-se de instituições culturais da cidade..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (1) .
79
24/11/2015 22:48:39
pauloaugustomendes@mail.uft.edu.br
Paulo Augusto MendesAraguaína
Tecnologia em Gestão de Cooperativas, Tecnologia em Gestão de Turismo, Tecnologia em Logística
paulo.culturasempre@gmail.compauloaugustomendes@uft.edu.br6392339826639233982663993540066392339826
http://lattes.cnpq.br/5489464998261788
Pós-Graduação Strictu Sensu - Mestrado em Comunicação área de concentração em Mídia e Cultura, pela Universidade de Marília UNIMAR, concluído em 28/06/2012. Pós-Graduação Lato-Sensu em Administração. Especialização - MBA em GESTÃO EMPRESARIAL, Carga Horária 420 (quatrocentos e vinte) horas, pela Fundação Eurípides Soares da Rocha, concluído em 25/09/2004. Bacharel em Administração de Empresas com Habilitação em Administração Geral de Empresas, pela Fundação Eurípides Soares da Rocha, Marília (SP), concluído em 17/01/2003.
Administração; Gestão de Cooperativas; Logística; Turismo
80
03/12/2015 14:04:27
fernandofcamargo@mail.uft.edu.br
Fernando Furquim de Camargo
Porto NacionalRelações Internacionaisfernandofcamargo@gmail.comfernandofcamargo@uft.edu.br(63) 3353-0538(63) 9917-0866(11) 97146-0866(11) 3232-8001
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4779710H8
Professor de Relações Internacionais na Universidade Federal do Tocantins. Graduado (2000) e Mestre em História pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2002). Doutorando em História Econômica pela Universidade de São Paulo (2012). Pesquisador-associado do Laboratório de Economia Política e História Econômica da Universidade de São Paulo (LEPHE-USP), pesquisador do Núcleo de Estudos de História: Trabalho, Ideologia e Poder da PUC-SP (NUHTIPO), História e Economia Mundial Contemporâneas (USP) e GMarx (USP). Interesses de pesquisa em História Econômica, História Contemporânea, Relações Internacionais Contemporâneas, História do Pensamento Econômico e Economia Política.
História Moderna e Contemporânea; História da Espanha; Economia Política; História do Pensamento Econômico; Economia Política; Relações Internacionais Bilaterais e Multilaterais
81
10/12/2015 00:51:22jbazolli@mail.uft.edu.brJOAO BAZOLLIPalmas
Direito, Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional (PPGDR)
jbazolli@gmail.comjbazolli@uft.edu.br32328024323280248503195732328024
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4777243A6
Professor da Universidade Federal do Tocantins (UFT) no curso de Direito e colaborador no Programa de Mestrado em Desenvolvimento Regional (PPGDR). Área de atuação: Direito Urbanístico e Ordenamento do território, com enfoque no espaço urbano. Coordenador do grupo de Pesquisa/Cnpq: Cidade e Meio Ambiente, com as linhas de atuação em Regulação no espaço urbano. Eixos de investigação: Poder local e Democracia participativa; Desenvolvimento Urbano e Leis Municipais; Desenvolvimento Político e Social; Reforma Urbana; Instrumentos Legais para Regularização Fundiária Urbana. Exerce atividades como Coordenador do (GT-Cidade) no Instituto de Pesquisa, Diretos e Movimentos Sociais (IPDMS); Membro do Núcleo de Estudos Urbanos e das Cidades - Neucidades/UFT; Membro da equipe de coordenação do Projeto Nós Propomos - IGOT/Universidade de Lisboa - Portugal (http://nospropomos.wix.com/nospropomos#!equipa-de-coordenao/cd5g).
Direito Urbanístico
As ocupações irregulares nas dimensões: do ordenamento do território; de políticas públicas participativas e na jurídica.
Terrenos e Habitação em uma Amostra Global de Cidades
Cidades Sustentáveis: Tocantins em Foco - Proext 2015
Nós Propomos
Palmas Participa
82
14/04/2016 15:53:02
rosemeire_santos@mail.uft.edu.br
Rosemeire SantosMiracemaServiço Socialrosemeiresantossp@gmail.comrosemeire_santos@uft.edu.br(63) 33668639(63)33220045(11)970453858(12)36724659
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4270729D8
Doutora em Serviço Social pelo Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - PUC-SP (2016), Mestre também pelo Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - PUC-SP (2010) e graduada em Serviço Social pela Universidade de Taubaté (2005), Professora de nível superior da Fundação Universidade Federal do Tocantins - UFT (2015). Tem experiência na área de Serviço Social, com ênfase em Serviço Social, atuando principalmente nos seguintes temas: serviço social, assistência social, família, prática profissional e sistema único de assistência social (suas).
Família, Proteção Social, Serviço Social, Assistência Social
CAPES/COFECUB 753/12 - Projeto de Cooperação Internacional com a Profa. Aldaíza Sposati e o Prof. Serge Paugam que com base na experiência de pesquisas de São Paulo e Paris.
"Proteção Social como Proteção Integral: A atuação da rede municipal de Miracema do Tocantins contra violações de direitos à criança e ao adolescente"
83
30/07/2016 19:42:58
jbsantus@mail.uft.edu.br
Joedson Brito dos Santos
TocantinópolisPedagogiajbsantus.ufpb@gmail.comjbsantus@uft.edu.br(63) 3741-6051(63) 3741-4166(63) 98106-4178(63) 98106-4118
http://lattes.cnpq.br/8524800817745634
Possui graduação em Pedagogia pela Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), Especialização em Psicopedagogia Institucional, Clínica e Hospitalar pela Faculdade Católica de Ciências Econômica da Bahia (FACCEBA), Mestrado em Educação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) com ênfase em Política e Gestão da Educação e doutorado em Educação pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB) com área de concentração em Políticas Educacionais. Atualmente é professor da Universidade Federal de Tocantins (UFT), Vice-Diretor do Campus de Tocantinópolis e coordenar o Grupo de Estudos e Pesquisas em Política e Prática Educativa (GEPPPE). Preside da Comissão Setorial de Avaliação (CSA) do Campus da Tocantinópolis, membro da Comissão Própria de Avaliação (CPA/UFT). Membro da Comissão de Monitoramento do Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) e membro da Comissão do Plano de Desenvolvimento do Campus(PDC). Membro da Comissão de Avaliação da Pós Graduação Educação Pobreza e Desigualdade Social na UFT da iniciativa EPDS/MEC Campus de Miracema, do GT de Pós-Graduação e da Comissão da Seleção Pública do Campus de Tocantinópolis. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Políticas Públicas de Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: Políticas de Educação Infantil, (Financiamento, Valorização e Fortalecimento da Educação Infantil), Financiamento e Avaliação da Educação Básica. Em 2015 publicou o Livro ?O Fundeb e a Educação Infantil?.
Políticas Educacionais, Financiamento da Educação; Avaliação Educacional; Financiamento da Educação Infantil

GESTÃO ESCOLAR E O TRABALHO DOCENTE NA EDUCAÇÃO INFANTIL NO SUL DA BAHIA: DESAFIOS E PERSPECTIVAS, O objetivo desta pesquisa é analisar as mudanças ocorridas na gestão escolar e no trabalho dos docentes da educação infantil das redes públicas municipais do sul da Bahia, com o contexto de reformas educacionais implementadas a partir dos anos de 1990. Projeto interinstitucional UESC/UFT/UFES/UFCG.


EDUCAÇÃO, POBREZA E DESIGUALDADE SOCIAL NO ESTADO DO TOCANTINS: ESTUDO DAS CONFIGURAÇÕES ESCOLARES DE POPULAÇÕES EM SITUAÇÃO DE POBREZA E EXTREMA POBREZA: presente pesquisa tem como objeto de estudo a relação Educação, Pobreza e Desigualdade Social, a partir de uma perspectiva sócio-histórica. O foco central que se propõe é o de apreender essa relação nas políticas educacionais e nas práticas pedagógicas desenvolvidas no sistema público de ensino do Estado do Tocantins. O projeto tem como objetivo é Investigar como as políticas educacionais e as práticas pedagógicas desenvolvidas nas escolas públicas no estado do Tocantins pensam e tratam os alunos em situação de pobreza e extrema pobreza, considerando as crianças beneficiadas pelo Programa Bolsa Família (PBF).


Política de Avaliação em Larga Escala na Região do Bico do Papagaio: um estudo sobre o uso dos resultados da Prova Brasil em dois municípios considerados caso de sucesso.: Investiga como são usados os resultados da Prova Brasil por gestores municipais, por equipe gestora de unidades escolares e por professores na melhoria da qualidade da educação em município da Região do Bico do Papagaio, que tiveram resultados acima da média na Prova Brasil (2009, 2011 e 2013).


Financiamento da Educação Infantil em Tocantinópolis/TO: uma investigação sobre o atendimento à Educação Infantil após criação do Fundeb.

Descrição: A pesquisa analisa a processo de atendimento às crianças de zero a cinco anos de idade no municipal de Tocantinópolis/TO, depois que a Educação Infantil foi incluída no Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação ? Fundeb. A pesquisa se insere no conjunto de um estudo, mais amplo, que objetiva verificar como os municípios do Bico do Papagaio têm se organizado para adequar o atendimento a educação infantil após implementação do Fundeb. A pesquisa utilizará como procedimentos de investigação o levantamento e análise de dados em documentos técnicos e oficiais, tais como: Plano Municipal de Educação (PME); Relatórios Municipais disponibilizados nos sites oficiais e seus respectivos bancos de dados: INEP, MEC, IBGE, e do FNDE..
84
31/07/2016 21:14:02
dirceumarchini@mail.uft.edu.br
Dirceu Marchini NetoPorto NacionalRelações Internacionaisdr.dirceumarchini@gmail.comdirceumarchini@uft.edu.br(63) 3363-0508Não tenho(63) 99939-2669(62) 99921-2669
http://lattes.cnpq.br/4359829919318775
Professor efetivo do Curso de Relações Internacionais da Universidade Federal do Tocantins (UFT). Doutor em História pela Universidade de Brasília (UNB). Mestre em História pela Universidade do Porto (Portugal). Licenciado em História pela Universidade Federal de Goiás (UFG). Bacharel em Direito pela Universidade Paulista (UNIP) e Especialista em Direito das Relações Sociais pela Universidade de Rio Verde. Principais linhas de pesquisa: Direito Internacional, Direitos Humanos, Teoria do Estado, Instituições Internacionais Não Estatais e História e Cultura Ibero-Americana.
Relações Internacionais; Direito; História
85
02/08/2016 11:42:11
cleiton.milagres@mail.uft.edu.br
Cleiton Silva Ferreira Milagrs
AraguaínaTecnologia em Gestão de Cooperativascleiton.milagres@hotmail.comcleiton.milagres@uft.edu.br(63) 2112-2271(63) 8103-7905(63) 8103-7905(63) 8103-7905
http://lattes.cnpq.br/5595459844030311
Doutorando em Desenvolvimento Regional pela Universidade Federal do Tocantins(UFT). Mestre em Extensão Rural e Bacharel em Gestão de Cooperativas, ambos pela Universidade Federal de Viçosa (UFV). Atualmente é professor Assistente II (UFT) no curso de Tecnologia em Gestão de Cooperativas, campus Araguaína. Coordena o Grupo de Pesquisa e Extensão: "Cooperativismo, Extensão Rural e Processos Participativos" (UFT) e participa dos Grupos: Gestão e desenvolvimento de cooperativas e associações e ASSENTAMENTOS - Grupo de Pesquisa sobre Movimentos Sociais no Campo, Reforma Agrária e Associativismo. Membro do Comitê Organizador Internacional do SIBEP - Seminário Internacional Brasil, Espanha e Portugal. Desenvolve trabalhos nos seguintes temas: Metodologias Participativas, Cartografia Social, Extensão Rural e Processos Sociais.
Ciências Sociais Aplicadas; Administração; Ciências Agrárias; Extensão Rural;
1. Gestão Social no Tocantins: o Controle Social do Desenvolvimento Regional nos Territórios Jalapão e Médio Araguaia

2.Transferência de tecnologia para inserção de pescado produzido pela agricultura familiar na alimentação escolar

1. Capacitação e Assessoria a organização social e produtiva de agricultores familiares na produção de pescado para a alimentação escolar no Território da Pesca de Araguaína/TO

2.Assessoria a Organização Social de Agricultores Familiares na produção de pescado em Xambioá/TO

3.Organização do Quadro Social na COOPERATINS: a gestão social cooperativa com os atingidos pela UHE Estreito

4.Imagens do campo: exposição fotográfica da pluriatividade rural no Território Rural do Médio Araguaia

5.Teatro Solidário: o uso dos jogos cooperativos na formação artística

6.Ruah Acústico: Entre claves e compassos a expressão de uma universidade renovada!

7.Educar para Cooperar
Livro Publicado:
MILAGRES, C. S. F.; SOUSA, D. N. (Org.) . Cooperativismo, Extensão Rural e Processos Participativos. 1. ed. Palmas: EdUFT, 2016. v. 1. 246p .
86
12/11/2016 19:26:42walace@mail.uft.edu.brWalace RodriguesAraguaína
Letras, Pós-Graduação em Ensino de Língua e Literatura (PPGLetras), Pós-Graduação em Demandas Populares e Dinâmicas Regionais
walacewalace@hotmail.comwalace@uft.edubr(63) 21122242(63)34214378(63)992746222(63)992746222
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4219192J3
É Artista Plástico, Poeta, Arte-Educador e Professor da Fundação Universidade Federal do Tocantins (campus de Araguaína), atuando no curso de Letras. É coordenador do curso de Licenciatura em Pedagogia/PARFOR e coordenador da Licenciatura em Letras, campus de Araguaína. Possui Graduação (Licenciatura Plena) em Educação Artística pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (1999), Especialização Lato Sensu em Educação Infantil pelo Centro Universitário Barão de Mauá (2012), Mestrado em Estudos Latino-Americanos e Ameríndios pela Universiteit Leiden (Holanda - 2009 - Mphil / MA Research in Latin American and Amerindian Studies - Revalidado pela UFRJ como Mestrado em Letras Vernáculas, com apostila número 66306/2012), Mestrado em História da Arte Moderna e Contemporânea pela Universiteit Leiden (Holanda - 2007 - M.A. in Art History: Modern and Contemporary Arts - Revalidado pela UFRJ como Mestrado em Artes Visuais, com apostila número 64831/2011) e Doutorado em Humanidades pela Universiteit Leiden (Holanda - 2015 - Revalidado pela UFMG como Doutorado em Belas Artes, com número de registro de diploma 9054, no livro RD.2016/1). Tem experiência nas áreas de Artes Visuais, Educação Artística e Antropologia da Arte, com ênfase nos seguintes temas: arte atual, artes indígenas, performance, poesia, arte-educação, pós-colonialismo nas artes visuais e análise de representações dadas por museus. Professor da Especialização em Arte-Educação, da Pós-Graduação em Demandas Populares e Dinâmicas Regionais e da Pós-Graduação em Ensino de Língua e Literatura (PPGL), todas da UFT, campus de Araguaína. E-mails: UFT: walace@uft.edu.br ; Leiden Universiteit: w.rodrigues.2@umail.leidenuniv.nl
Arte-Educação; Literatura; Educação
Colagem artística para uso na educação escolar: possíveis práticas de ensino.
Cinema universitário: criando documentos da vida universitária
87
25/11/2016 17:43:27
professorapaula@mail.uft.edu.br
Paula Marcela Ferreira França
TocantinópolisCiências Sociaispaulamarcela_cs@yahoo.com.brprofessorapaula@uft.edu.br6334716047639815444506398138755162984634091
http://lattes.cnpq.br/6904572467288295
É professora da Universidade Federal do Tocantins e doutoranda em sociologia (Universidade Federal de Goiás -UFG). Possui graduação em Ciências Sociais e mestrado em Sociologia, também pela UFG. Faz parte do grupo de pesquisa Violência e Civilização da Universidade Federal de Goiás e do NECRIVI (Núcleo de Estudos em Criminalidade e Violência), da mesma universidade, como pesquisadora. É líder do Grupo de Pesquisa em Violência, Conflitos e Criminalidade (CONCRIVI) do Campus de Tocantinópolis da UFT.
Sociologia; Sociologia da Violência; Sociologia da Moral; Sociologia do Conflito.
Assunto de polícia: a avaliação moral do desaparecimento de pessoas
88
17/01/2017 12:15:46
guilherme.nobre@mail.uft.edu.br
Guilherme Nobre L. do Nascimento
Palmas
Nutrição, Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia de Alimentos (PPGCTA), Pós-Graduação em Ciências da Saúde (PPGCS)
guilherme.nobre@uft.edu.brguilherme.nobre@uft.edu.br063-3232-8354063-3232-8200063-9255-3395063-84421233
http://lattes.cnpq.br/5600328550159092
Possui graduação em Farmácia pelo Centro Universitário de Patos de Minas (agregada a Universidade do Estado de Minas Gerais), Especialista em Genética, Bioquímica e Ciências Farmacêuticas pelo IACT, mestrado em Ciências Farmacêuticas pela UFG e Doutor em Química pela UFU. Atualmente é professor Adjunto do curso de Nutrição da Universidade Federal do Tocantins. Participa dos programas de mestrado acadêmico em Ciência e Tecnologia de Alimentos e do mestrado profissional em Ciências da Saúde. Tem experiência nas áreas de Toxicologia, Etnofarmacologia e Dinâmica Molecular.
Toxicologia; Farmacologia; Plantas Medicinais; Etnofarmacologia; Dinâmica Molecular
LEVANTAMENTO ETNOBOTÂNICO E ETNOFARMACOLÓGICO DE PLANTAS MEDICINAIS UTILIZADAS PELA POPULAÇÃO DO TOCANTINS, BRASIL.

AVALIAÇÃO DO CONHECIMENTO E CONSUMO DE SUPLEMENTOS ALIMENTARES.

Liga Acadêmica de Plantas Medicinais e Fitoterapia
89
17/01/2017 12:22:54
guilherme.nobre@mail.uft.edu.br
Guilherme Nobre L. do Nascimento
Palmas
Enfermagem, Nutrição, Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia de Alimentos (PPGCTA), Pós-Graduação em Ciências da Saúde (PPGCS)
guilherme.nobre@uft.edu.brguilherme.nobre@uft.edu.br063-3232-8354063-3232-8200063-9255-3395063-9255-3395
http://lattes.cnpq.br/5600328550159092
Possui graduação em Farmácia pelo Centro Universitário de Patos de Minas (agregada a Universidade do Estado de Minas Gerais), Especialista em Genética, Bioquímica e Ciências Farmacêuticas pelo IACT, mestrado em Ciências Farmacêuticas pela UFG e Doutor em Química pela UFU. Atualmente é professor Adjunto do curso de Nutrição da Universidade Federal do Tocantins. Participa dos programas de mestrado acadêmico em Ciência e Tecnologia de Alimentos e do mestrado profissional em Ciências da Saúde. Tem experiência nas áreas de Toxicologia, Etnofarmacologia e Dinâmica Molecular.
Toxicologia; Farmacologia; Dinâmica Molecular; Plantas Medicinais
LEVANTAMENTO ETNOBOTÂNICO E ETNOFARMACOLÓGICO DE PLANTAS MEDICINAIS UTILIZADAS PELA POPULAÇÃO DO TOCANTINS, BRASIL.

AVALIAÇÃO DO CONHECIMENTO E CONSUMO DE SUPLEMENTOS ALIMENTARES.
Liga Acadêmica de Plantas Medicinais e Fitoterapia
90
17/03/2017 15:47:12lbsgeo@mail.uft.edu.brLucas Barbosa e SouzaPorto NacionalGeografialbsgeo@gmail.comlbsgeo@uft.edu.br(63)3363-9452(63)3363-4932(63)98495-0797(63)3363-9404
http://lattes.cnpq.br/8310303536103062
Bacharel (1999) e licenciado (2000) em Geografia pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), mestre (2003) e doutor (2006) em Geografia (Análise da Informação Espacial) pela Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" (UNESP), Campus de Rio Claro. Professor Associado da Universidade Federal do Tocantins (UFT) desde 2004, onde atua junto ao Curso de Geografia (Campus de Porto Nacional) e aos Programas de Pós-Graduação em Geografia (Campus de Porto Nacional) e em Ciências do Ambiente (Campus de Palmas). Desenvolve pesquisas nas áreas de climatologia geográfica, percepção ambiental e planejamento urbano
Climatologia Geográfica; Percepção Ambiental; Planejamento Urbano
91
17/03/2017 16:02:38
alexcangussu@mail.uft.edu.br
ALEX SANDER RODRIGUES CANGUSSU
Gurupi
Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia, Pós-Graduação em Biotecnologia (PPGB)
alexcangussu26@gmail.comalexcangussu@uft.edu.br(63) 3311 - 3535(63) 3312 4476(63) 9 9218-2765(63) 9 9284-3146
http://lattes.cnpq.br/5020204291901063
Doutor em Biotecnologia pela Universidade Federal do Amazonas - UFAM - Rede de Biodiversidade e Biotecnologia da Amazônia Legal. Mestre em Microbiologia Agrícola pela Universidade Federal de Viçosa - UFV. Especialização em Gerenciamento de Projetos pela Fundação Getúlio Vargas - MBA FGV. Formado em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual de Montes Claros - Unimontes. Possui experiência de sete (7) anos na coordenação e supervisão de projetos de P&D para obtenção de registros de novos produtos como profissional da indústria produtora de vacinas veterinária (Vallée S/A). Tem experiência no desenvolvimento tecnológico e na transferência de tecnologia relacionadas a vacinas veterinárias, produção industrial de antígenos; controle de produtos e processos, Engenharia Bioquímica e Microbiologia Industrial. Atualmente é Professor Adjunto I da Universidade Federal do Tocantins - UFT no curso de Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia e no programa de Pós-Graduação - Mestrado em Biotecnologia. Desenvolve pesquisas relacionadas ao controle de enfermidades da Clostridioses e Anaplasmose Bovina. Nos últimos anos tem realizado parcerias com o Instituto Leônidas e Maria Deane - Fiocruz/Amazônia os primeiros trabalhos resultaram na obtenção de uma vacina recombinante para imunização de bovinos contra Anaplasma marginale. Este trabalho foi depositado no INPI sobre número BR 10 2015 030712 8.
Vacinas veterinárias; Anaplasmose; Clostridioses; produção de Biomoléculas, Engenharia bioquímica; Processos Fermentativos
Produção de vacinas recombinantes para o controle de Brucelose, Clostridioses e Anaplasmose dos bovinos avaliados em modelos murinos.

A pesquisa e o desenvolvimento de vacinas formuladas com proteína recombinante obtida da fermentação de microrganismos geneticamente modificado reduz o custo de produção e fornece uma padronização da produção. Este projeto pretende desenvolver plataforma tecnologica capaz de gerar produção de proteínas recombinante como potencial aplicação no controle de enfermidades de ruminantes e pequenos ruminante. A plataforma tecnológica visa à produção de proteína recombinante que possibilitará estudos de expressão e a formulação vacinal possibilitando avaliar respostas imunológicas de diferentes enfermidades em modelos murinos. Projeto Inicial: Análise da imunogenicidade em camundongos Swiss de peptídeos sintéticos selecionados de regiões potenciais da alfa toxina de Clostridium novyi tipo B em camundongos Swiss.
92
17/03/2017 16:05:43luiz@mail.uft.edu.br
Luiz Otávio Rodrigues Silva
PalmasArquitetura e Urbanismoluiz@uft.edu.brluiz@uft.edu.br63032328529(63)99286767663 98120603963 92867676
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4762295E7
É graduado em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal do Pará (1997), Mestre em Arquitetura e Urbanismo pela universidade de Brasília (2003). Foi professor da Universidade do Tocantins (2000/2003) do curso de Arquitetura e Urbanismo. foi Coordenador do curso(2001/2003). Ministrou disciplinas na área de História da Arquitetura e Técnicas Retrospectivas. Atualmente é professor Assistente em regime de dedicação exclusiva do curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal do Tocantins e na qual foi Coordenador na reestruturação do Curso de Arquitetura para a transferência no âmbito da criação da Universidade Federal em Palmas. Atua como professor das disciplinas de Teoria e História da Arquitetura, Técnicas Retrospectivas (Patrimônio Histórico) e Projeto.
Arquitetura e Planejamento Urbano
93
17/03/2017 16:06:14juancs@mail.uft.edu.br
Juan Carlos Valdés Serra
PalmasEngenharia Ambientaljuancs@uft.edu.brjuancs@uft.edu.br6332328291nao63981112649nao
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4763469A9
Possui Graduação em Engenharia Mecânica pela "Universidad de Oriente. Santiago de Cuba-CUBA" (1992), Mestrado em Engenharia Mecânica pela Universidade Estadual de Campinas-SP, Brasil (UNICAMP) (1998) e Doutorado em Engenharia Mecânica pela Universidade Estadual de Campinas-SP, Brasil (UNICAMP) (2002). Atualmente é Professor Doutor Associado II da Fundação Universidade Federal do Tocantins (UFT) Brasil. Tem experiência na área de Engenharia Mecânica, com ênfase em Materiais e Processos de Fabricação, atuando principalmente nos seguintes temas: Obtenção de Materiais Compósitos e Desenvolvimento Sustentável.
Obtenção de Materiais Compósitos e Desenvolvimento Sustentável.
Assessoria técnica dos resíduos sólidos provenientes de projetos da Associação Indígena Akwe - Tocantínia-TO
94
17/03/2017 16:13:10dimas@mail.uft.edu.brDIMAS JOSÉ BATISTAAraguaínaHistóriadimasjd@yahoo.com.brdimas@uft.edu.br(63) 3416-5623(63) 3414-5085(63) 98100-0201(63) 98134-8677
http://lattes.cnpq.br/8452656967396288
possui graduação em História pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1995), mestrado em História pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1998) e Doutorado em História Social pela USP, na área de concentração História Social (2006). Atualmente é professor adjunto nível III da Universidade Federal de Tocantins. Tem experiência na área de História, com ênfase em História do Brasil Império, atuando principalmente nos seguintes campos de pesquisa: brasil-império, história do brasil republica, história e direito, história regional do brasil, historia da marginalização, exclusão e cidadania, bem como no campo da história social da saúde e bibliografia da escravidão.
HISTÓRIA; DIREITO; EDUCAÇÃO
2015 - Atual
HISTÓRIA E CULTURA: A IMPRENSA BRASILEIRA NO NORTE E NORDESTE DO BRASIL DURANTE O SÉCULO XIX

Descrição: PROBLEMATIZA AS INTRINCADAS RELAÇÕES ENTRE O CAMPO DE CONHECIMENTO DA HISTÓRIA E DA IMPRENSA NOS OITOCENTOS. DISCUTE AS POSSIBILIDADES TEÓRICAS, METODOLÓGICAS E AS IMPLICAÇÕES PRÁTICAS DA IMPRENSA, ESPECIFICAMENTE, A MATERIALIDADE E A HISTORICIDADE DA FONTE JORNALÍSTICA NO/DO SÉCULO XIX ENTENDENDO-A COMO ESPAÇO ABERTO DE UM INTENSO DEBATE POLÍTICO SOBRE A CONSTITUIÇÃO E CONSOLIDAÇÃO DO ESTADO NACIONAL BRASILEIRO, OU SEJA, DEBATE AS POTENCIALIDADES E VIRTUALIDADES DO PERIODISMO PARA A ANÁLISE E INTERPRETAÇÃO DA CULTURA NO BRASIL OITOCENTISTA. INVESTIGA AS POSSIBILIDADES DE TRANSFORMAÇÃO E MUDANÇA SOCIAL CONSTRUÍDAS PELOS HOMENS DE LETRAS ATRAVÉS DA IMPRENSA NO PAÍS, PARTICULARMENTE, NA REGIÃO NORTE E NORDESTE DO BRASIL. BUSCA DECODIFICAR E DESCONSTRUIR O DISCURSO DOS PORTA-VOZES DA ELITE POLÍTICA IMPERIAL DA REGIÃO NORTE E NORDESTE DO BRASIL, RECORRENDO À IMPRENSA QUE CIRCULAVA NAQUELA ÉPOCA..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Dimas José Batista - Coordenador.
2015 - Atual
CENTRO REGIONAL DE REFERÊNCIA NORTE - CRR-Norte/UFT

Descrição: Órgão institucional que realiza capacitação de agentes públicos e privados, governamentais e não governamentais das áreas de educação, assistência social, saúde e do poder judiciário, conselheiros tutelares, lideres comunitários dentre outros para trabalhar com a prevenção, acompanhamento e tratamento do uso, abuso e dependência de álcool e outras drogas no Brasil, particularmente na região norte do país..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.

Integrantes: Dimas José Batista - Coordenador.
Financiador(es): Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas - Cooperação.
95
17/03/2017 16:15:14
astephani@mail.uft.edu.br
Adriana Demite Stephani
ArraiasPedagogiaastephani@uft.edu.brastephani@uft.edu.br63 3653 1531633653213362 99668216762996663957
http://lattes.cnpq.br/0135333961864912
Possui Licenciatura em Letras e Pedagogia. Especialista em Língua Portuguesa: Métodos e Técnicas de Produção de Textos. Mestrado e Doutorado em Literatura pela Universidade de Brasília (UNB). Atualmente é docente (Adjunto II) do Curso de Pedagogia da Universidade Federal do Tocantins, em Arraias. Tem experiência na área de Letras e Pedagogia com ênfase em Ensino de Língua e Literatura e outras Artes, atuando principalmente nos seguintes temas: Formação de professores, Letramentos, Arte e ensino, Arte Literária, Literatura e ensino, Literatura e recepção, Literatura e outras Artes, Leitura e formação, Leitura e Escrita Acadêmica e Literatura infanto-juvenil.
Formação de professores; Letramentos; Arte e ensino; Literatura e recepção; Leitura e Escrita Acadêmica; Literatura infanto-juvenil.
2016 - Atual - Gêneros textuais acadêmicos: um estudo sobre o uso dessas modalidades discursivas pelos professores do Curso de Pedagogia da UFT de Arraias.
2016 - Atual - A Leitura e a escrita na universidade: o real e o ideal

2016 - Atual
Jogos, brincadeiras e cantigas tradicionais em espaços escolares e não-escolares

2016 - Atual
Gêneros textuais na Educação Básica e no ensino superior

2015 - Atual
Rodas de leitura: um caminho para formar leitores

2012 - Atual
Contar histórias: um trabalho de sala de aula
96
17/03/2017 16:20:29
ederahmad@mail.uft.edu.br
Eder Ahmad Charaf Eddine
Porto NacionalHistóriaederahmad@uft.edu.brederahmad@uft.edu.br(63) 3363-9408(63)3224-3589(63)98133-5673(63)981335673
http://lattes.cnpq.br/8713421966157493
Cursa o doutorado em Educação, linha de pesquisa Psicologia e Educação, pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade de São Paulo - USP. Possui mestrado em Educação, linha de pesquisa Educação, Psicologia e Prática Docente pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - UFMS e graduação em Psicologia - Formação de Psicólogo pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - UFMS. É Professor do Magistério Superior da Fundação Universidade Federal do Tocantins - UFT. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Psicologia e Educação.
Psicologia; educação; formação de professores; sexualidade humana
97
17/03/2017 16:27:20
adrianocastorino@mail.uft.edu.br
Adriano CastorinoPalmas
Administração, Proex - Educação Indígena e Quilombola
adrianocastorino@uft.edu.bradrianocastorino@uft.edu.br63323280366332328036639999440276332328036
http://lattes.cnpq.br/0574458524737559
Possui graduação em Letras pela Universidade Federal de Goiás (2004), mestrado em Ciências do Ambiente pela Universidade Federal do Tocantins (2011) e doutorado em Ciências Sociais pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Atua nos seguintes temas: Educação Indígena e Quilombola; Estudos Feministas; Antropologia, Ciência Política, Sociologia. Cinema e Fotografia.
Antropologia; Educação; Artes.
Saúde Indígena e Quilombola;
Memória e meio ambiente.
Comunicação e expressão para estudantes indígenas e quilombolas.
98
17/03/2017 16:28:15
veronica@mail.uft.edu.br
Verônica Dantas Meneses
Palmas
Jornalismo, Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Sociedade - PPGCom
veodantas@gmail.comveronica@uft.edu.br63 3232802563 3322122263 9213571063 32328116
http://lattes.cnpq.br/0657339473991822
Graduada em graduação em Comunicação Social/Jornalismo (1999) e Mestre em Sociologia (2003) pela Universidade Federal de Sergipe; é doutora em Comunicação (2010) pela Universidade de Brasília, na linha Imagem e Som do Programa de Pós-Graduação em Comunicação. É professora do curso de Jornalismo e do Mestrado Acadêmico em Comunicação e Sociedade da Universidade Federal do Tocantins e ainda coordenadora do Núcleo de pesquisa e extensão Comunicação, Imagem e Diversidade Cultural (CID) e do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Sociedade da UFT. Tem se dedicado à pesquisa na área de Comunicação, com ênfase em comunicação no Terceiro Setor, Folkcomunicação e comunicação e meio ambiente, e a trabalhos de extensão universitária.
Comunicação comunitária; comunicação no Terceiro Setor; Folkcomunicação; comunicação e território; mídia e identidades.

Projeto Perfil e diversidade cultural na programação infantil da TV paga.
Período de realização: 07/2016 - atual.
Resumo: O Projeto visa analisar e problematizar a produção e distribuição de conteúdos voltados ao público infantil a partir da análise da programação de canais pagos de televisão. Pretende traçar o panorama da programação de canais voltados exclusivamente ao público infantil bem como as faixas dedicadas às crianças em outros canais de variedades a partir de três linhas de análise: a) a análise da dinâmica dos gêneros e formatos televisivos e audiovisuais nos programas, entendendo as características e as tendências produtivas para esta categoria televisiva, entre elas a interface cada vez mais imbricada entre games, programas de televisão e internet; b) a diversidade de temas e tipos de personagens, enfatizando a diversidade sociocultural presentes nas tramas, e no que tange ainda a pluralidade da produção, o que inclui equipes produtoras e local de origem dos produtos; e c) a inserção de personagens no universo do consumo de bens simbólicos.

Projeto: Cultura popular, comunicação e identidades no Tocantins.
Período de realizaçao: 07/2014 - atual
Resumo: O Projeto visa ampliar o conhecimento sobre os processos de comunicação articulados à memória e às identidades culturais regionais, presentes no folclore e outras manifestações da cultura popular. Não se trata de somente descrever estas manifestações, mas abordar estes fatos sob o aspecto da comunicação. Assim, buscaremos entender as estratégias utilizadas para transmitir informações, as trocas culturais efetivadas dentro do grupo e do grupo para a sociedade em geral, ou seja, os processos de sociabilização produzidos nestas manifestações, as referências identitárias e territoriais e com isso as relações de pertencimento dos membros com suas comunidades sustentadas pelas manifestações culturais tradicionais, a posição de novos agentes de opinião ou líderes folkcomunicacionais e as formas de ativismos geradas dentro destes grupo.

Projeto: Cultura por múltiplos olhares
Período de realização: 2015 - atual
Resumo: Trata-se da produção de uma série de documentários audiovisuais com a chancela do Núcleo de Pesquisa e da UFT, visando registrar em imagem e som manifestações folclóricas e/ou culturais do Estado e outras histórias que revelem a diversidade cultural da região. Será uma experiência inédita não somente no Estado, pois a "produção em mutirão" é um processo ainda em discussão e desenvolvimento. O projeto de extensão apresentado busca revelar um pouco da diversidade cultural brasileira, a partir de olhares amadores dos alunos do curso de Jornalismo e das próprias comunidades e representantes das histórias registradas. Contar essas histórias torna-se essencial para que as comunidades possam se reconhecer e perpetuar suas heranças, princípio básico para a construção da cidadania. Por outro lado, o contato com as comunidades possibilitará aos alunos integrantes da pesquisa a ampliação de seus repertórios e a valorização das particularidades de cada grupo, povo ou região, princípios para a formação de um profissional criativo e comprometido com o desenvolvimento social.

Projeto:Comunicação e Comunidade
Período de realização: desde 2011 - atual
Resumo: Projeto de extensão e ensino, ligada a disciplinas do curso de Jornalismo da Universidade Federal do Tocantins como Comunicação Comunitária, Jornalismo Regional, Jornalismo e Cidadania, Folkcomunicação e Oficina de Jornalismo Comunitário, que pretende cumprir um dos pilares da universidade, pois alia o ensino à extensão e ainda estimula o desenvolvimento do espírito crítico, o olhar comprometido do estudante universitário, necessários para a pesquisa acadêmica e para sua formação profissional. A partir das discussões sobre o conteúdo e objetivos das disciplinas, os estudantes matriculados, sob a orientação do professor, deverão organizar intervenções em que conste atividades como minicursos, oficinas, palestras e mesas redondas ou ainda apresentações culturais, exposições, esquetes e exibições audiovisuais, com temas que versem sobre a potencialidade de mobilização e expressão das identidades proporcionada pela comunicação dentro das organizações da sociedade civil.
99
17/03/2017 16:30:04
guivilelatoledo@mail.uft.edu.br
Guiomar Virgínia Vilela Assunção de Toledo Batello
PalmasEnfermagemguivilelatoledo@hotmail.comguivilelatoledo@uft.edu.br(63)3232-8318(63)3225-0731(63) 984628795(63) 984628795
https://wwws.cnpq.br/cvlattesweb/PKG_MENU.menu?f_cod=121E33655B0FD860FA556A87EFD36890
Graduada em Enfermagem pela Fundação Educacional de Fernandópolis -SP (2004), Especialista em Saúde da Família pela UFMTM E UNIUBE Uberaba/MG (2006), Especialista em Enfermagem em Emergência pela FAMERP de São José do Rio Preto (2008) e Mestra em Saúde Coletiva pela ULBRA/Canoas (2013). Atualmente docente do curso de enfermagem no CEULP/ULBRA e na Universidade Federal do Tocantins.Membro do Grupo de Estudos e Pesquisa em Educação para Promoção da Saúde - GEPEPS desde 07/2014.
Saúde no ciclo vital
100
17/03/2017 16:41:39wilde@mail.uft.edu.brWilde Gomes AraujoPalmasCiências Contábeiswilde@mail.uft.edu.brwilde@mail.uft.edu.br633232809763000000006399224969663999435030
https://wwws.cnpq.br/cvlattesweb/PKG_MENU.menu?f_cod=441F826CCAE52991BB6BFE97581DCD70
Possui graduação em Ciências Contábeis pela Faculdade Integradas Tiradentes (1991). Especializaçao em Auditoria Contábil e Fiscal (UNIT), Contabilidade e Controladoria(UFU), Contabilidade e Auditoria(UFP), Politica e Administração Tributária(UFU) e mestrado em Ciencias Empresariais-Contabilidade pela Universidade Fernando Pessoa (2003). Doutoranda em Contabilidade pela Universidade do Minho e Aveiro. Atualmente é professora Assistente da Universidade Federal do Tocantins. Foi Coordenadora do Curso de Ciências Contábeis da Universidade Federal do Tocantins e da Faculdade Católica do Tocantins. Foi também Coordenadora do MBA em Planejamento Tributário da Fundação Universa. Professora cursos de Especializazão lato-sensu. Foi avaliadora de Curso no Conselho Estadual de Educação do Tocantins. É Parecerista do Guia do Estudante. Graduanda em Direito na Faculdade Catolica do Tocantins. Tem experiência na area contábil, atuando principalmente nos seguintes areas: Educação, Análise econômica e financeira nas empresas, Perícia, Auditoria e Consultoria.
Contabilidade; Educação contabilidade; Analise econômica e financeira
Revisão e atualização de conteúdos para o exame de Suficiência do CFC, O projeto está sendo desenvolvido.

Loading...
 
 
 
Respostas ao formulário 1